Lista de criptomoedas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Capitalização de mercado das principais criptomoedas em 27 de janeiro de 2018.

Esta é uma lista de criptomoedas. O número de criptomoedas disponíveis na internet, de acordo com dados de 19 de agosto de 2018, é superior a 1600 e em constante crescimento.[1] Novas criptomoedas podem ser criadas a qualquer momento.[2]

O bitcoin é atualmente é a maior rede blockchain por capitalização de mercado, seguido pelo Ripple, Ethereum e Tether.[3]

Lista[editar | editar código-fonte]

Legenda:

  • PDT = Prova de Trabalho (Proof of Work, PoW)
  • PDP = Prova de Participação (Proof of Stake, PoS)

Ativas[editar | editar código-fonte]

Lançamento Nome Símbolo Fundador Algoritmo Hash Linguagem de implementação Temporização Notas
2009 Bitcoin BTC,[4][5] XBT, ₿ Satoshi Nakamoto (pseudônimo) SHA-256d[6][7] PDT[7][8] Primeira criptomoeda descentralizada da história.
2011[7] Litecoin LTC, Ł Charles Lee[9] Scrypt[7] PDT Primeira moeda de scrypt a ser bem sucedida.
2011 Namecoin NMC Vincent Durham[10][11] SHA-256d PDT Também atua como uma alternativa descentralizada de DNS.
2012[7] Peercoin PPC Sunny King
(pseudônimo)[12]
SHA-256d[13] PDT & PDP Primeira a usar PDT e PDP de maneira híbrida.
2013 Dogecoin DOGE, XDG, Ð Jackson Palmer
& Billy Markus[14]
Scrypt[15] PDT Mascote baseado num meme de internet.
2013 Gridcoin GRC Rob Hälford[16] Scrypt C++[17] PDP Ligada à ciência cidadã pela BOINC.[18][19]
2013 Primecoin XPM Sunny King
(pseudônimo)[12]
1CC/2CC/TWN[20] TypeScript, C++[21] PDT[20]
2013 Ripple[22][23][24] XRP[24] Chris Larsen &
Jed McCaleb[25]
ECDSA[26] C++[27] "Consenso" Feita para tranferências de débito P2P. Sem base no bitcoin.
2013[28] Nxt NXT BCNext
(pseudônimo)
SHA-256d[29] PDP Projetada como uma plataforma flexível para a construção de aplicações e serviços financeiros em torno do seu protocolo.
2013 Emercoin EMC EvgenijM86 SHA-256 PDT & PDP Armazenamento confiável para qualquer informação de pequeno porte: funciona como alternativa para DNS descentralizado, armazenamento de ICP, infraestrutura de SSL e outros.
2013 Mastercoin MSC J. R. Willett[30] SHA-256d[31] Protocolo de moeda digital e comunicação construído em cima da blockchain utilizado pelo bitcoin.
2014 Auroracoin AUR Baldur Odinsson
(pseudônimo)[32]
Scrypt PDT Criada na Islândia como alternativa às moedas fiduciárias.
2014 Dash DASH Evan Duffield &
Kyle Hagan[33]
X11 PDT & PDP Adiciona privacidade às transações através de uma mistura de moedas descentralizadas chamada Darksend.
2014 NEO NEO Da Hongfei & Erik Zhang SHA-256 & RIPEMD160 C#[34] dBFT Criada na China. Anteriormente ANT Shares e ANT Coins; nome mudado em 2017 para NEO e GAs.
2014 MazaCoin MZC BTC Oyate Initiative SHA-256d PDT Software derivado de outra criptomoeda, a ZetaCoin.
2014 Monero XMR Monero Core Team CryptoNight[35] PDT Moeda irrastreável focada em privacidade. Baseada no protocolo CryptoNote.
2014 NEM XEM UtopianFuture (pseudônimo) SHA3-512 Java[36] "Prova de Importância" A primeira solução de blockchain híbrida pública/privada feita do zero e a primeira a usar o algoritmo de "Prova de Importância" e o sistema de reputação EigenTrust++
2014 PotCoin POT Scrypt PDT Desenvolvida para servir à indústria legal de cannabis.
2014 Nano[37] NANO Colin LeMahieu Blake2b PDP Nano (anteriormente Raiblocks) é uma criptomoeda com transações instantâneas, sem taxas e baixo consumo de energia, voltada à praticidade e uso cotidiano.
2014 CloakCoin CLOAK[38] CloakCoin Team X13 PDP Transações privadas que usam o protocolo ENIGMA. Serviço de mistura de moedas usando outras carteiras da rede como mixers.[39]
2014 Aeon AEON Aeon Core Team CryptoNight[35] PDT Primeira moeda não rastreável orientada a baixa fidelidade.
2014 BlackCoin BC, BLK Rat4 (pseudônimo) Scrypt PDP BlackCoin assegura sua rede através de um processo chamado minting.
2014 DigitalNote XDN XDN-dev team, dNote CryptoNight[35] PDT Mensagens instantâneas não rastreáveis. Usa o protocolo CryptoNote.
2014 Titcoin TIT Edward Mansfield & Richard Allen[40] SHA-256d TypeScript, C++[41] PDT A primeira criptomoeda nomeada para um prêmio industrial de relevância.[42]
2014 Verge XVG Sunerok Scrypt, x17, groestl, blake2s, and lyra2rev2 C, C++[43] PDT Transações anônimas por Tor e I2P.
2014 Stellar XLM Jed McCaleb Stellar Consensus Protocol (SCP) [44] C, C++[45] Stellar Consensus Protocol (SCP) [44] Rede financeira global, descentralizada e de código aberto.
2014 Vertcoin VTC Bushido Lyra2RE[46] C++[47] PDT Criada para ser resistente a ASICs.
2015 Ethereum[48] ETH Vitalik Buterin[49] Dagger Hashimoto[50] PDT Baseada em "contratos inteligentes".
2015 Ethereum Classic ETC Ethash[51] PDT Uma versão alternativa do Ethereum[52] com uma blockchain que não inclui o fork DAO Hard.[53][54] Processa contratos inteligentes Turing-completos.
2015 E-Coins ECS QuiproQuo Scrypt Primeira criptomoeda suíça.
2015 Tether USDT Jan Ludovicus van der Velde[55] Omnicore[56] PDT [57]
2016 Zcash ZEC Zooko Wilcox-O'Hearn Equihash[58] PDT Foca em privacidade.
2017 Bitcoin Cash BCH[59] SHA-256d PDT Hard fork do bitcoin, com tamanho do bloco aumentado de 1 MB para 8 MB.
2017 EOS.IO EOS Dan Larimer WebAssembly, Rust, C, C++[60] PDP Plataforma de contratos inteligentes sem taxas para aplicativos descentralizados e organizações autônomas descentralizadas com um tempo de bloco de 500 ms.[60]
2017 Niobio Cash[61] NBR[62] Marconi Soldate CryptoNight[35] PDT Tem como objetivo ser uma forma de pagamento rápida, segura e eficiente. Além disso, incentiva pesquisas sobre as riquezas minerais brasileiras.
2017 Niobium Coin[63] NBC
2018 Lunes LUNES Lucas Magno Blake2b256 & Keccak256 Scala PDP Code fork da criptomoeda Waves focada em serviços e produtos que vão desde processos de pagamento e tokenização até registros de autenticidade.
Lançamento Nome Símbolo Fundador Algoritmo Hash Linguagem de implementação Temporização Notas

Inativas[editar | editar código-fonte]

Lançamento Nome Símbolo Fundador Papers Algoritmo Hash Temporização Notas
Relançada como Moneta Zerocoin Matthew Green, Ian Miers & Christina Garman Extensão do Bitcoin proposta para adicionar anonimato criptográfico.
2014 Coinye KOI, COYE Scrypt PDT Usou o artista americano Kanye West como seu mascote. Foi abandonada após processo por uso indevido de marca registrada.
2017 BitConnect BCC Descrita como uma plataforma de criptomoeda multiuso e de código aberto, porém mais tarde descrita como um esquema Ponzi.
2018 KodakCoin Kodak e WENN Digital Ethash[64] Criptomoeda voltada a fotógrafos. Utilizada para pagar licenças fotográficas.
2018 Petro Governo da Venezuela onixCoin[65] C++[66] De acordo com Nicolás Maduro, esta criptomoeda, desenvolvida pelo governo venezuelano, é sustentada pelas reservas de petróleo do país. No entanto, a moeda não é vendida online e nenhuma loja conhecida a aceita como forma de pagamento.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «All Cryptocurrencies | Coinlore». coinlore.com (em inglês). Consultado em 19 de agosto de 2018 
  2. Cryptocurrencies: A Brief Thematic Review. Economics of Networks Journal. Social Science Research Network (SSRN). Date accessed August 28, 2017.
  3. «All Currencies | CryptoCurrency Market Capitalizations». Coinmarketcap.com. Consultado em 31 de dezembro de 2017 
  4. Dixon, Lance (24 de dezembro de 2013). «Building Bitcoin use in South Florida and beyond». Miami Herald. Consultado em 24 de janeiro de 2014 
  5. Spaven, Emily (3 de dezembro de 2013). «Bitcoin price could reach $98,500, say Wall Street analysts». CoinDesk. Consultado em 24 de janeiro de 2014 
  6. Taylor, Michael Bedford (2013). «Bitcoin and the age of bespoke silicon» (PDF). Piscataway, NJ: IEEE Press. Proceedings of the 2013 International Conference on Compilers, Architectures and Synthesis for Embedded Systems. ISBN 978-1-4799-1400-5. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  7. a b c d e Steadman, Ian (7 de maio de 2013). «Wary of Bitcoin? A guide to some other crypto currencies». Wired UK. Condé Nast UK 
  8. Hobson, Dominic (2013). «What is Bitcoin?». XRDS: Crossroads, The ACM Magazine for Students. 20 (1). Association for Computing Machinery. pp. 40–44. ISSN 1528-4972. doi:10.1145/2510124 
  9. McMillan, Robert (30 de agosto de 2013). «Ex-Googler gives the world a better Bitcoin». Wired. Condé Nast. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  10. «vinced/namecoin». GitHub 
  11. Keller, Levin (19 de março de 2011). «Namecoin - a distributed name system based on Bitcoin». Prezi 
  12. a b Boase, Richard (20 de novembro de 2013). «Litecoin spikes to $200m market capitalization in five hours». CoinDesk. Consultado em 14 de janeiro de 2014  Erro de citação: Código <ref> inválido; o nome "boase2013" é definido mais de uma vez com conteúdos diferentes
  13. Bradbury, Danny (7 de novembro de 2013). «Third largest crypto currency peercoin moves into spotlight with Vault of Satoshi deal». CoinDesk. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  14. Chang, Jon M (27 de dezembro de 2013). «alternative 'Dogecoin' hacked, 21 million coins stolen». ABC News (website). ABC News Internet Ventures, Yahoo! – ABC News Network. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  15. «Intro - Dogecoin # Technical specifications». Consultado em 14 de dezembro de 2013 
  16. «New Coin Launch Announcement - GRC - GridCoin - GRIDCOIN GRC - Cryptocurrencytalk.com». Cryptocointalk.com. Consultado em 24 de julho de 2017 
  17. «GridCoin on GitHub» 
  18. Halford, Rob. «Gridcoin: Crypto-Currency using Berkeley Open Infrastructure Network Computing Grid as a Proof Of Work» (PDF). Consultado em 11 de abril de 2016. Arquivado do original (PDF) em 5 de março de 2016 
  19. «GridCoin: Using the Blockchain for Good». CoinTelegraph. Consultado em 9 de abril de 2016 
  20. a b «FAQ · primecoin/primecoin Wiki · GitHub». Consultado em 20 de janeiro de 2014 
  21. «Primecoin on GitHub» 
  22. Chayka, Kyle (2 de julho de 2013). «What Comes After Bitcoin?». Pacific Standard. Consultado em 18 de janeiro de 2014 
  23. Vega, Danny (4 de dezembro de 2013). «Ripple's Big Move: Mining Crypto currency with a Purpose». Seattlepi.com. Hearst Seattle Media, LLC, a division of The Hearst Corporation 
  24. a b Brown, Ariella (17 de maio de 2013). «10 things you need to know about Ripple». CoinDesk. Consultado em 15 de janeiro de 2014 
  25. Simonite, Tom (11 de abril de 2013). «Big-name investors back effort to build a better Bitcoin». MIT Technology Review. Consultado em 14 de janeiro de 2014 
  26. «How it works – Ripple Wiki». Consultado em 20 de janeiro de 2014 
  27. «Rippled on GitHub» 
  28. «Genesis-Account». mynxt.info Blockexplorer. Consultado em 21 de dezembro de 2014 
  29. «NXT Whitepaper». NxtWiki - Whitepaper. Consultado em 21 de dezembro de 2014. Arquivado do original em 3 de fevereiro de 2015 
  30. Buterin, Vitalik (4 de novembro de 2013). «Mastercoin: A Second-Generation Protocol on the Bitcoin Blockchain». Bitcoin Magazine. Consultado em 9 de janeiro de 2014 
  31. «Mastercoin Spec». Consultado em 2 de abril de 2014 
  32. Casey, Michael J. (5 de março de 2014). «Auroracoin already third-biggest cryptocoin–and it's not even out yet». The Wall Street Journal 
  33. Scharr, Jill (28 de maio de 2014). «What is Dash? An FAQ». Tom's Guide 
  34. «NEO on GitHub» 
  35. a b c d «CryptoNight» 
  36. «NEM on GitHub» 
  37. «Whitepaper (PT-BR)». nano.org 
  38. «CloakCoin». coinmarketcap.com 
  39. «Malta Emerges as World's Cryptocurrency Hub Despite EU's TAX3 Investigation: Expert Take». cointelegraph 
  40. Mercier Voyer, Stephanie. "Titcoin Is a Brand New Cryptocurrency for Porn Purchases". Vice Magazine. Retrieved June 18, 2014.
  41. «Titcoin on GitHub» 
  42. "Titcoin Receives Two Web & Tech XBIZ Nominations". Payout Magazine. Retrieved November 18, 2014.
  43. «Verge on GitHub» 
  44. a b «Stellar.org White Papers» (PDF). Stellar.org 
  45. «Stellar on GitHub» 
  46. «Lyra2RE – A new PoW algorithm for an ASIC-free future» (PDF). 29 de novembro de 2014 
  47. «Vertcoin on GitHub» 
  48. «The Ethereum Wiki. Contribute to ethereum/wiki development by creating an account on GitHub». 31 de janeiro de 2019 – via GitHub 
  49. «Out in the Open: Teenage Hacker Transforms Web Into One Giant Bitcoin Network» 
  50. «ethereum/wiki». GitHub 
  51. Erro de citação: Código <ref> inválido; não foi fornecido texto para as refs de nome dagger
  52. «README/README.md at master». Github.com. Consultado em 24 de julho de 2017 
  53. Adinolfi, Joseph. «Exclusive: Grayscale launches digital-currency fund backed by Silver Lake's co-founder Hutchins». MarketWatch (em inglês). Consultado em 27 de abril de 2017 
  54. Wirdum, Aaron van. «Rejecting Today's Hard Fork, the Ethereum Classic Project Continues on the Original Chain: Here's Why». Bitcoin Magazine. Consultado em 27 de abril de 2017 
  55. «Mystery Shrouds Tether». Bloomberg. Consultado em 27 de dezembro de 2017 
  56. «"Tether White Paper"» (PDF). Tether. Consultado em 27 de dezembro de 2017 
  57. Leising, Matthew (20 de junho de 2018). «Tether Hired Former FBI Director's Law Firm to Vet Finances». Bloomberg. Consultado em 25 de junho de 2018 
  58. «How the Equihash Algorithm Could Democratize Zcash Mining». 16 de fevereiro de 2016 
  59. «Bitcoin Cash Markets and Dillema». CryptoCoinCharts. Consultado em 14 de setembro de 2017 
  60. a b «Documentation: EOS.IO Documents». 10 de fevereiro de 2018 – via GitHub 
  61. «Niobio Cash». Niobio Cash 
  62. «pt – Nióbio Cash». niobiocash.org (em inglês). Consultado em 24 de junho de 2018 
  63. «Niobium». Niobiumcoin.io 
  64. Ray, Tiernan (9 de janeiro de 2018). «Kodak CEO: Blockchain Significant, Though Not a Doubling in Stock Price». Barrons. Consultado em 11 de janeiro de 2018 
  65. «Onix's white paper» (PDF). www.onixcoin.com. 13 de janeiro de 2018. Consultado em 13 de janeiro de 2018. Arquivado do original (PDF) em 14 de janeiro de 2018 
  66. «OnixCoin on GitHub»