Magda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Magda
  Município do Brasil  
Entardecer na entrada do município
Entardecer na entrada do município
Símbolos
Bandeira de Magda
Bandeira
Brasão de armas de Magda
Brasão de armas
Hino
Gentílico magdense
Localização
Localização de Magda em São Paulo
Localização de Magda em São Paulo
Mapa de Magda
Coordenadas 20° 38' 38" S 50° 13' 33" O
País Brasil
Unidade federativa São Paulo
Municípios limítrofes Floreal, Gastão Vidigal, General Salgado, Nova Castilho, São João de Iracema, Valentim Gentil, Votuporanga e Meridiano
Distância até a capital 544[1] km
História
Fundação 3 de outubro de 1953 (66 anos)
Administração
Prefeito(a) Viviane Aparecida (PV, 2017 – 2020)
Características geográficas
Área total [2] 311,7 km²
População total (IBGE/2014[3]) 3 230 hab.
 • Posição SP: 569º
Densidade 10,4 hab./km²
Clima Tropical
Altitude 526 m
Fuso horário Hora de Brasília (UTC−3)
Indicadores
IDH (PNUD/2010[4]) 0,753 alto
 • Posição SP: 207º
PIB (IBGE/2009[5]) R$ 38 062 mil
PIB per capita (IBGE/2009[5]) R$ 12 045,03

Magda é um município brasileiro do interior do estado de São Paulo. Localiza-se a uma latitude 20º38'38" sul e a uma longitude 50º13'34" oeste, estando a uma altitude de 526 metros. O município possui uma população de 15.780 habitantes, de acordo com estimativas de 2014, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os desbravadores das terras que formariam o município de Magda foram Miguel Caselli e Francisco Pereira, que deram início à plantação de suas lavouras nas proximidades do rio São José dos Dourados, por volta de 1925. Após a chegada de outros agricultores, o povoado foi definitivamente instalado, em 5 de março de 1929, com a doação de terras para a constituição de um patrimônio feita pelo coronel João Braga. Em 30 de novembro de 1944 tornou- se distrito do município de Nhandeara, com território desmembrado do município de General Salgado e do próprio município de Nhandeara. O desenvolvimento considerável da lavoura permitiu sua elevação a município em 30 de dezembro de 1953.[3] Possui uma área de 311,7 km².

Geografia[editar | editar código-fonte]

Demografia[editar | editar código-fonte]

Dados do Censo - 2010[2]

População Total: 3.167

  • Urbana: 2.655
  • Rural: 545
    • Homens: 1.651[6]
    • Mulheres: 1.549

Densidade demográfica (hab./km²): 10,27

Dados do Censo - 2000

Mortalidade infantil até 1 ano (por mil): 10,70

Expectativa de vida (anos): 74,25

Taxa de fecundidade (filhos por mulher): 1,96

Taxa de Alfabetização: 84,58%

Índice de Desenvolvimento Humano (IDH-M): 0,784

  • IDH-M Renda: 0,704
  • IDH-M Longevidade: 0,821
  • IDH-M Educação: 0,826

(Fonte: IPEADATA)

Rodovias[editar | editar código-fonte]

Comunicações[editar | editar código-fonte]

A cidade foi atendida pela Companhia de Telecomunicações do Estado de São Paulo (COTESP) até 1975, quando passou a ser atendida pela Telecomunicações de São Paulo (TELESP)[7], que construiu em 1977 a central telefônica utilizada até os dias atuais. Em 1998 esta empresa foi privatizada e vendida para a Telefônica, sendo que em 2012 a empresa adotou a marca Vivo para suas operações de telefonia fixa[8][9][10].

Administração[editar | editar código-fonte]

Filhos ilustres[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Distância entre São Paulo e Magda». Distância Cidades. Consultado em 5 de março de 2015 
  2. a b «Censo Populacional 2010 - IBGE» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 29 de agosto de 2011 
  3. a b «Estimativa populacional 2014 IBGE». Estimativa populacional 2014. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2014. Consultado em 29 de agosto de 2014 
  4. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil» (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 3 de agosto de 2013 
  5. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2005-2009» (PDF). Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 8 jan. 2012. Arquivado do original (PDF) em 3 de março de 2016 
  6. «SIDRA IBGE - Tabela 608 - População residente, por situação do domicílio e sexo». IBGE. Consultado em 30 de agosto de 2011 
  7. «Área de atuação da Telesp em São Paulo». Página Oficial da Telesp (arquivada) 
  8. «Telesp vai servir mais 86 cidades do estado». Acervo Folha de São Paulo 
  9. «Nossa História». Telefônica / VIVO 
  10. GASPARIN, Gabriela (12 de abril de 2012). «Telefônica conclui troca da marca por Vivo». G1 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]