Mark 45

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde maio de 2013). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Searchtool.svg
Esta página foi marcada para revisão, devido a incoerências e/ou dados de confiabilidade duvidosa. Se tem algum conhecimento sobre o tema, por favor, verifique e melhore a coerência e o rigor deste artigo.
Wiki letter w.svg
Por favor, melhore este artigo, expandindo-o. Mais informações podem ser encontradas no artigo «Mark 45 torpedo» na Wikipédia em inglês e também na página de discussão. (setembro de 2017)
Mark 45
Mark 45 Nuclear Torpedo.jpg
Um Mark 45 em exposição em Aiea, Havaí, Estados Unidos
Tipo Torpedo
Local de origem  Estados Unidos
História operacional
Em serviço 1958-1976[1]
Utilizadores  Marinha dos Estados Unidos
Histórico de produção
Criador Laboratórios de pesquisas aplicadas, Universidade de Washington[1]
Westinghouse Electric Corporation[1]
Período de
produção
1959
Quantidade
produzida
600
Variantes
  • Mark 45 Mod 1[1]
  • Mark 45 Mod 2
Especificações
Peso 1 100 kg (2 430 lb)
Comprimento 5,8 m (5 800 mm)
Diâmetro 0,48 m (480 mm)
Ogiva Ogiva nuclear W34
Poder explosivo 11 Quilotons
Motor Motor elétrico[1]
Alcance
Operacional
km (4,97 mi) - 13 km (8,08 mi)
Sistema de
orientação
Giroscópio e cabo
Plataforma de
lançamento
Submarinos[1]

Mark 45 foi um torpedo nuclear dos Estados Unidos, utilizado pela marinha dos E.U.A durante a Guerra Fria, utilizava a ogiva W34 em seu interior, rendia 11 quilotons. Tinha como objetivo destruir alvos submarinos, ele tinha um alcance de 5-8 quilômetros. Ele tinha 48 centímetros de diâmetro, 5,76 metros de comprimento e pesava 1.100 quilos e estava programado para se mover em linha reta contra os alvos. Começaram a serem produzidos de 1958 e foram aposentados em 1976 quando foi substituído pelo Mark 48 que tinha um design mais avançado, utilizada ogivas convencionais e tinha melhor direção (a direção em linha reta do Mark 45 era muito primitiva).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  • Kurak, Steve (1966). «The U. S. Navy's Torpedo Inventory». United States Naval Institute Proceedings 
  • Polmar, Norman (1978). «The Ships and Aircraft of the U.S. Fleet: Torpedoes». United States Naval Institute Proceedings 
Ícone de esboço Este artigo sobre bombas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.