Michel Chasles

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Michel Chasles
Nascimento 15 de novembro de 1793
Epernon
Morte 18 de dezembro de 1880 (87 anos)
Paris
Nacionalidade França Francês
Alma mater École Polytechnique
Orientador(es) Siméon Denis Poisson[1]
Orientado(s) Gaston Darboux, Hubert Anson Newton
Campo(s) Matemática
Tese 1814

Michel Chasles (Epernon, 15 de novembro de 1793Paris, 18 de dezembro de 1880) foi um matemático francês.

Educado em Paris, abandonou o comércio para dedicar-se à matemática. Em 1829, perante a Academia de Bruxelas, expôs sua descoberta de princípios gerais de geometria: dualidade e homografia. Ampliando-os, escreveu em 1837 sua Apreciação histórica sobre a origem e o desenvolvimento dos métodos em geometria.

Foi professor de mecânica e geodésia de Escola Politécnica de Paris (1841) e mais tarde de geometria superior na Sorbonne. É considerado um dos maiores geômetras de todos os tempos, com fundamentais contribuições à ciência.

Chasles e Jakob Steiner elaboraram independentemente a moderna geometria projetiva. Chasles usou seu 'método de características' e seu 'princípio de correspondência' para resolver inúmeros problemas e as soluções foram publicadas em Comptes Rendus. O problema da atração de um elipsóide num ponto externo foi por ele resolvido em 1846.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
Charles Darwin
Medalha Copley
1865
Sucedido por
Julius Plücker


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.