Carl Ludwig

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Carl Ludwig
Nascimento 29 de dezembro de 1816
Witzenhausen
Morte 23 de abril de 1895 (78 anos)
Leipzig
Nacionalidade alemão
Cidadania Alemanha
Cônjuge Christiane Ludwig
Filho(s) Anna Dove
Irmão(s) Heinrich Ludwig
Alma mater
Ocupação médico, fisiólogo, professor(a) universitário(a), anatomista
Prêmios Medalha Baly (1877), Medalha Copley (1884)
Empregador Universidade de Leipzig, Universidade de Zurique, Universidade de Marburgo, Universidade de Viena
Campo(s) fisiologia

Carl Friedrich Wilhelm Ludwig (Witzenhausen, 29 de dezembro de 1816Leipzig, 23 de abril de 1895) foi um fisiologista alemão.

Vida[editar | editar código-fonte]

Estudou em Erlangen e em Marburg, onde lecionou anatomia e fisiologia até 1849. Depois, lecionou em Zurique, até 1855, morou em Viena e em 1865 foi para Leipzig, onde fundou o Instituto de Fisiologia.

Ludwig inventou muitos aparelhos que o auxiliaram em pesquisas de fisiologia, entre os quais uma adaptação do quimógrafo de Thomas Young, que permitiu registrar os gráficos de pressão arterial e dos movimentos respiratórios. Inventou também uma bomba de sangue que permitiu pesquisas sobre os gases dissolvidos no sangue e na linfa. Esse mesmo invento ajudou estudos sobre trocas gasosas em músculos vivos e sobre a função das substâncias oxidantes no sangue.

Em 1844 concluiu um estudo sobre a formação da urina e da linfa. Em 1866 descobriu o nervo depressor do coração e, logo a seguir, o nervo acelerador. A partir disso estudou a ação de várias drogas sobre o coração. Enquanto estudava a pressão dos vasos capilares, localizou o centro vasomotor da medula.

Ludwig também estudou a coagulação sanguínea e foi o primeiro a demonstrar que as glândulas do sistema digestivo são controladas pelo sistema nervoso.

Obras[editar | editar código-fonte]

  • Beiträge zur Lehre vom Mechanismus der Harnsecretion. Marburg 1843.
  • Beiträge zur Kenntnis des Einflusses der Respirationsbewegungen auf den Blutlauf im Aortensysteme. In: Arch. Anat. Physiol. 13, 1847: S. 242–302; übersetzt von J. Schaefer et al.: Contributions to the knowledge of the influence of the respiratory movements on the circulation in the aortic system. In: Progr. Biophysics & Molecular Biology (PBMB). review 2014.
  • Lehrbuch der Physiologie des Menschen. 2 Bände. 1. Auflage. Verlag C. F. Winter, Heidelberg 1852–1856.
  • Lehrbuch der Physiologie des Menschen. 2 Bände. 2. Auflage. Verlag C. F. Winter, Heidelberg 1858–1861.
    • Erster Band: Physiologie der Atome, der Aggregatzustände, der Nerven und Muskeln. C. F. Wintersche Verlagshandlung, 2. Auflage, Heidelberg 1858, 612 Seiten, ISBN 978-1-332-47981-8 (Reprint).
    • Zweiter Band: Aufbau und Verfall der Säfte und Gewebe. Thierische Wärme. C. F. Wintersche Verlagshandlung, 2. Auflage, Heidelberg 1861, 780 Seiten, ISBN 978-0-282-31423-1 (Reprint).
  • Arbeiten aus der physiologischen Anstalt zu Leipzig. Zehnter Jahrgang 1875. Mitgetheilt durch C. Ludwig. Verlag: S. Hirzel, Leipzig 1876. Die Zeitschrift enthält bedeutende Untersuchungen von Ludwig und seinen Schülern.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Precedido por
William Thomson
Medalha Copley
1884
Sucedido por
Friedrich August Kekulé von Stradonitz


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) cientista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Carl Ludwig