Over the Garden Wall (minissérie)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Over the Garden Wall
Para Lá do Jardim (PT)
O Segredo Além do Jardim (BR)
Cartaz promocional da minissérie
Informação geral
Formato série de desenho animado
Género Minissérie
Aventura
Comédia dramática
Dark fantasy
Musical
Duração 11 minutos
Criador(es) Patrick McHale
País de origem  Estados Unidos
Idioma original inglês
Produção
Diretor(es) Animação:
Robert Alvarez
Larry Leichliter
Eddy Houchins
Ken Bruce
Arte:
Nick Cross
Diretor(es) de criação Nate Cash
Bert Youn
Produtor(es) Pernelle Hayes
Produtor(es) executivo(s) Patrick McHale
Distribuição Cartoon Network
Vozes de Elijah Wood
Collin Dean
Melanie Lynskey
Christopher Lloyd
Jack Jones
Samuel Ramey
Música The Blasting Company
Empresa(s) produtora(s) Cartoon Network Studios
Exibição
Emissora original Cartoon Network
Formato de exibição 1080i (HDTV)
Formato de áudio Estéreo
Transmissão original 3 de novembro de 20147 de novembro de 2014
Temporadas 1
Episódios 10 (lista de episódios)

Over the Garden Wall (prt: Para Lá do Jardim;[1] bra; O Segredo Além do Jardim[2]) é uma série de desenho animado estadunidense em minissérie criada por Patrick McHale e produzida e distribuída pela Cartoon Network. A série conta o caminho de dois irmãos que viajam através de uma estranha floresta para encontrar o caminho de volta para casa. A série veio a partir do curta-metragem de animação, Tome of the Unknown de McHale, que contava com os mesmos personagens, produzida no Cartoon Network Studios.

O programa foi a primeira minissérie do canal, que iniciou a sua produção em março de 2014. McHale tinha imaginado a série em 2004, e mostraram ao canal em 2006. Depois de trabalhar nas séries As Trapalhadas de Flapjack e Hora de Aventura, o canal teve interesse, e McHale lançou um episódio piloto. O piloto se tornou o catalisador para Over the Garden Wall. A série apresenta Elijah Wood e Collin Dean como os protagonistas Wirt e Greg, e Melanie Lynskey como a pássara azul Beatrice.

Over the Garden Wall estreou nos Estados Unidos em 3 de novembro de 2014 e terminou em 7 de novembro do mesmo ano no Cartoon Network, em Portugal a série estreou dia 23 de março de 2015, e terminou em 27 de março de 2015 no Cartoon Network.[1] No Brasil, a série estreou dia 6 de julho de 2015 e terminou em 17 de julho de 2015 no Cartoon Network.[3] Nos EUA a série era classificada como TV-PG devido ao seu tema obscuro.

Enredo e Personagens[editar | editar código-fonte]

A série foca nos irmãos, Wirt e Greg (dublados por Elijah Wood e Collin Dean respectivamente), que se veem no Desconhecido, uma estranha floresta.[4][5] Para encontrar o caminho de casa, eles viajam por toda a floresta e pelas cidades que passam, com a ajuda do sábio velho Woodsman (Lenhador[4] ou O Senhor da Mata[5]) (dublado por Christopher Lloyd), e Beatrice (dublada por Melanie Lynskey), a pássara azul que os acompanha para desfazer a maldição que afetou toda a sua família.

Wirt, o mais velho, sempre brigando com o irmão, sem muita iniciativa, mas objetivos. Wirt gosta de tocar clarinete, poesias e arquitetura, mas guardando como segredo por medo de ser o ridículo. Por outro lado, Greg, o mais novo, é espontâneo, sempre brincando e um sem noção adorável. Greg no caminho carrega consigo um sapo (dublado por Jack Jones), cujo nome não está definido e que apenas se comunicou ao cantar. Beatrice, uma pássara aparentemente ignorante mas bondosa. A pássara azul costuma depreciar Wirt e sempre parecendo séria, mesmo quando irônica. Senhor da Mata, um homem com medo de perder o que já perdeu. Que processa de óleo escuro das árvores do lugar, diariamente alimentando seu lampião. O Monstro (ou Fera, ou Beast[5]) (dublado por Samuel Ramey), é uma misteriosa criatura que não se sabe exatamente a aparência, segundo o Senhor da Mata, ele leva das almas perdidas.

Ao final. A resolução é feita, onde se soube que o Monstro/a Fera é na verdade uma antiga criatura que leva de almas perdidas até desistirem e de alguma forma se transformarem em "Árvores de Edelwood". Nos dois episódios finais, é revelado que Wirt e Greg são na verdade dois meninos da era contemporânea. A aparência estranha de Wirt e Greg decorre do fato de que foi na noite do Dia das bruxas em que foram transportados para O Desconhecido. Wirt, tenta levar de volta uma fita escrita com poesia embaraçosa que ele fez para uma garota que gosta, que tinha seguido para uma reunião de colegas e amigos no cemitério, onde é atrapalhado por um agente policial, onde Greg pula sobre os muros do jardim do cemitério. Depois que desembarcaram nos trilhos de trem, Greg quase é atravessado por um trem. Wirt o empurrou e foram a uma colina em um lago na tentativa de salvá-lo, mas ficaram inconscientes.

No final do último episódio, Wirt e Greg acordam em um hospital, com Greg recapitulando os acontecimentos do que ocorreu. A série termina com uma montagem lenta de Wirt e Greg afetando os habitantes do Desconhecido.

Produção[editar | editar código-fonte]

A produção de Over the Garden Wall começou em março de 2014. Sendo a primeira minissérie do canal, com dez episódios, e uma temporada. Foi criada por Patrick McHale, que se graduou no Instituto de Artes da Califórnia, a série foi baseada no curta-metragem Tome of the Unknown, que ele escreveu e dirigiu para o Cartoon Network Studios.[6]

O programa foi idealizado pela primeira vez em 2004, com um enredo baseado em uma aventura mais assustadora. Antes de trabalhar como artista de storyboard na série As Trapalhadas de Flapjack, Patrick McHale apresentou a série Over the Garden Wall em 2006.[7][8] Ele a viu como "um possível especial do Dia das bruxas", mas tinha dificuldade para adaptar a premissa com um arco de história maior.[7] Depois de Flapjack, McHale trabalhou em Hora de Aventura, onde atuou como diretor de criação e posteriormente como escritor.[9] O canal mais tarde lhe tinha perguntado se tinha interesse em desenvolver um piloto, que o levou a regressar à sua obra, lançando-a no canal. Eles finalmente se estabeleceram sobre o formato da minissérie, e McHale disse: "Foi algo que senti, uma maior qualidade do que o que poderíamos fazer com uma série regular".[10]

A animação da minissérie foi baseada em uma variedade de coisas, incluindo o jogo de tabuleiro dos anos 1890 dos Irmãos McLoughlin; Game of Frog Pond,[11] As ilustrações de Gustave Doré para Dom Quixote de Miguel de Cervantes,[12] nas velhas ilustrações para a história de Hans Christian Andersen; "The Tinderbox",[13] a ilustração do Gato de Cheshire de John Tenniel em Alice no País das Maravilhas.[14] McHale fez referência à cromolitografia, cartões postais vintage do Halloween, slides de lanterna mágica e fotografias da folhagem da Nova Inglaterra para criar o "estilo" do show.[15]

Episódios[editar | editar código-fonte]

Temporada Episódios Exibição original Exibição em Portugal Exibição no Brasil
Estreia de temporada Final de temporada Estreia de temporada Final de temporada Estreia de temporada Final de temporada
Piloto 1 24 de outubro de 2013 TBA 13 de outubro de 2017
Série 10 3 de novembro de 2014 7 de novembro de 2014 23 de março de 2015 27 de março de 2015 6 de julho de 2015 17 de julho de 2015

Piloto (2013)[editar | editar código-fonte]

# Título Guião gráfico e direção por Data de lançamento
Piloto "O Tomo do Desconhecido: Melodia da Colheita (BR)"
"Tome of the Unknown: Harvest Melody"
Patrick McHaleEstados Unidos 24 de outubro de 2013 (Festivais de cinema)
Estados Unidos 18 de maio de 2015 (online)
Brasil 13 de outubro de 2017
Participações especiais: Natasha Leggero como Beatrice,[16][17] C.W. Stoneking como John Crops e Warren Burton como o Narrador 


Minissérie (2014)[editar | editar código-fonte]

No. Título Roteiro e storyboards por História por Exibição original Audiência
(em milhões)
1 "O Moinho Velho (PT)
O Velho Moinho de Grãos (BR)"
"The Old Grist Mill"
Steve Wolfhard
Natasha Allegri
Zac Gorman
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 3 de novembro de 2014
Portugal 23 de março de 2015
Brasil 6 de julho de 2015
1.19[18]
Dois garotos estão perdidos em uma floresta. Enquanto eles tentam encontrar sua casa, um homem velho lhes oferece abrigo. 
2 "Momentos Difíceis no Baile dos Lunáticos (PT)
Problemas no Festival da Colheita (BR)"
"Hard Times at the Huskin' Bee"
Bert Youn
Aaron Renier
Patrick McHale
Amalia Levari
Tom Herpich,
Patrick McHale
Estados Unidos 3 de novembro de 2014
Portugal 23 de março de 2015
Brasil 7 de julho de 2015
1.19[18]
Wirt e Greg estão perdidos na floresta até que conhecem uma passarinha fêmea azul chamada Beatriz. Logo depois, eles acham uma cidadezinha habitada por abóboras. 
3 "Diversão na Escola (PT)
Folias na Escola (BR)"
"Schooltown Follies"
Jim Campbell
Laura Park
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 4 de novembro de 2014
Portugal 24 de março de 2015
Brasil 8 de julho de 2015
1.24[19]
Wirt, Greg e Beatriz encontram uma escolinha bem estranha. 
4 "Canções da Lanterna Escura (PT)
Canções do Lampião Sombrio (BR)"
"Songs of the Dark Lantern"
Pendleton Ward
Bert Youn
Steve McLeod
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 4 de novembro de 2014
Portugal 24 de março de 2015
Brasil 9 de julho de 2015
1.24[19]
Wirt, Greg e Beatriz encontram uma taverna e param para pedir informações. 
5 "Louco Amor (PT)
Amor Louco (BR)"
"Mad Love"
Natasha Allegri
Zac Gorman
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 5 de novembro de 2014
Portugal 25 de março de 2015
Brasil 10 de julho de 2015
1.55[20]
O "tio" de Greg e Wirt, Quincy Endicott, acha que há um fantasma em sua mansão. 
6 "Canção de Embalar na Terra das Rãs (PT)
Cantiga no Brejo dos Sapos (BR)"
"Lullaby in Frogland"
Bert Youn
Nick Edwards
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 5 de novembro de 2014
Portugal 25 de março de 2015
Brasil 13 de julho de 2015
1.55[20]
Wirt, Greg e Beatriz estão em uma balsa, prestes a encontrar Adelaide. 
7 "O Toque do Sino (PT)
O Badalar da Sineta (BR)"
"The Ringing of the Bell"
Patrick McHale
Bert Youn
Tom Herpich
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 6 de novembro de 2014
Portugal 26 de março de 2015
Brasil 14 de julho de 2015
1.19[21]
Wirt e Greg se abrigam da chuva em uma casa abandonada e encontram uma surpresa. 
8 "Crianças no Bosque (PT)
Bebês na Mata (BR)"
"Babes in the Woods"
Mark Bodnar
Jim Campbell
Bert Youn
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 6 de novembro de 2014
Portugal 26 de março de 2015
Brasil 15 de julho de 2015
1.19[21]
Greg sonha com coisas que são a cara dele. 
9 "A Caminho do Desconhecido (PT)
Entrando no Desconhecido (BR)"
"Into the Unknown"
Cole Sanchez
Vi Nguyen
Zac Gorman
Cole Sanchez
Bert Youn
Amalia Levari
Tom Herpich
Patrick McHale
Estados Unidos 7 de novembro de 2014
Portugal 27 de março de 2015
Brasil 16 de julho de 2015
1.13[22]
Uma volta no tempo mostra Greg e Wirt antes do Desconhecido. 
10 "O Desconhecido (PT / BR)"
"The Unknown"
Natasha Allegri
Jim Campbell
Tom Herpich
Amalia Levari
Tom Herpich,
Patrick McHale
Estados Unidos 7 de novembro de 2014
Portugal 27 de março de 2015
Brasil 17 de julho de 2015
1.13[22]
O fim da jornada. 


Elenco[editar | editar código-fonte]

Personagem Voz original Estados Unidos Dublador Brasil Dobrador Portugal
Wirt Elijah Wood Sérgio Cantú André Raimundo
Greg Colin Dean Mattheus Caliano
Beatrice
(Beatriz)
Melanie Lynskey Aline Ghezzi Helena Montez
Woodsman
(Lenhador / Senhor da Mata)
Christopher Lloyd Pietro Mário Luís Mascarenhas
Beast
(Fera/Monstro)
Samuel Ramey Mauro Ramos Fernando Luís
Senhora Langtree Janet Klein Evie Saide
Idoso Langtree Sam Marin Alfredo Martins Fernando Luís
Adelaide John Cleese
Fred, o Cavalo Fred Stoller Fernando Mendonça Luís Lucas
Sara Emily Brundige Luisa Palomanes Helena Montez
Jason Funderburker Cole Sanchez Matheus Perissé Peter Michael
 Brasil
Direção Andréa Murucci
Estúdio de Dublagem Delart

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

O curta original de McHale, Tome of the Unknown, foi exibido no Festival Internacional de Cinema de Santa Bárbara em 2014, onde McHale ganhou o prêmio Bruce Corwin de melhor curta-metragem de animação.[23] Enquanto, em 2013 no Festival Internacional de Animação de Ottawa, o curta recebeu uma menção honrosa.[24]

Em 2014, no San Diego Comic-Con, uma prévia da série foi mostrada junto com outras séries do canal.[25] A série também foi mostrada no New York Comic Con, em 2014, onde Hale e o elenco principal participaram.[26] A série estreou em 3 de novembro de 2014 no Cartoon Network.[27] A totalidade do que foi publicada no iTunes que precede a sua transmissão.[28]

A série também estreou no Cartoon Network na Austrália entre 15 de dezembro até 19 do mesmo mês em 2014.[29]

Em Portugal a série estreou dia 23 de março de 2015, no Cartoon Network[30] e sua estreia no Brasil aconteceu no dia 6 de julho de 2015 no Cartoon Network.[3]

Mídia doméstica[editar | editar código-fonte]

Over the Garden Wall (junto com o curta-metragem Tome of the Unknown) foi lançado primeiramente em DVD na Austrália em 8 de julho de 2015 pela Cartoon Network e Warner Home Video[31] e lançado mundialmente em 8 de setembro de 2015.[32] apresenta todos os dez episódios do programa, comentários, o piloto original, cartões de título alternativos e animatics excluído. Outros extras no DVD incluem uma "versão do compositor", uma opção em que o espectador pode assistir ao show apenas com o visual e a música de fundo; e o minidocumentário Behind Over the Garden Wall.[33] Em 6 de abril de 2016, a Madman Entertainment lançou a minissérie em Blu-ray exclusivamente na Austrália e na Nova Zelândia com o mesmo conteúdo bônus do lançamento em DVD.[34]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Over The Garden Wall foi aclamado pela crítica. Antes de sua estréia, Patrick Kevin Day do Los Angeles Times chamou o enredo da minissérie de "engraçado e assustador".[10] Meredith Woerner do io9 chamou uma prévia da minissérie de "incrível", "esquisita e fofa e ótima", refletindo que a animação " [fala de] todas as coisas que amamos neste renascimento da animação esquisita em que vivemos atualmente".[35] Robert Lloyd do Los Angeles Times escreveu que era "um pouco folclórico e conto de fadas" às vezes, mas que sua "estranheza contemporânea vence" e concluiu que "é algo para ser visto e revisto várias vezes".[36] Lloyd escreveu mais tarde que evocou "uma espécie de qualidade artesanal", tanto em seu design quanto em seu cenário, e embora a escrita parecesse "um pouco concentrada demais em seu próprio folclore", tornou a minissérie mais agradável do começo ao fim.[37] No The New York Times, Mike Hale também sentiu que a escrita às vezes era fraca e as histórias "perigosamente escassas", mas concluiu que McHale desenvolveu um ambiente que vale a pena visitar.[38] Brian Moylan do The Guardian escreveu que os visuais eram "absolutamente impressionantes", e que as histórias continham "uma certa escuridão que é suave e twee ao mesmo tempo, com uma boa quantidade de ansiedade rastejando nas bordas".[39]

No website agregador de criticas Rotten Tomatoes a minissérie tem uma aprovação de 92% sob o consenso de que: "Over The Garden wall tem as sensibilidades modernas [que] combinam bem com seu cenário de conto de fadas, criando uma série caprichosamente espirituosa para espectadores de todas as idades".[40] Jason Bree, do site Agents of Geek, chamou a minissérie de "a melhor coisa que o Cartoon Network já produziu".[41]

Reconhecimentos[editar | editar código-fonte]

O site brasileiro Cinema com rapadura colocou Over the Garden wall na lista das "10 melhores produções de animação da década".[42]

Ano Prémio Categoria Destinatários e nomeados Resultado Ref(s)
2015 Annie Award
Melhor Série Animada de TV/Audiência do Público Infantil
Indicado [43]
Mérito Proeminente - Direção de Animação na TV/Produção de Transmissão Robert Alvarez, Ken Bruce e Larry Leichliter Indicado
Rueben Award
Melhor Animação de Televisão
Venceu [44]

Adaptação para banda desenhada[editar | editar código-fonte]

A adaptação em quadrinhos de one-shot da série foi anunciada em outubro de 2014. Produzida pela KaBoom!, e impresso por Boom! Studios, os quadrinhos foram lançados em 5 de novembro de 2014. A história em quadrinhos foi supervisionado por McHale e foi produzida como um especial de grandes dimensões. A história em quadrinhos foi ilustrada por Jim Campbell, um artista/escritor de storyboard de séries de televisão.[45] O sucesso da história em quadrinhos autônoma levou a outras edições sendo encomendadas em maio de 2015 e começou a ser lançado em agosto de 2015. De acordo com McHale, as histórias em quadrinhos seriam semelhantes às histórias em quadrinhos de um tiro, detalhando os eventos que ocorreram entre certos episódios e se expandiria na minissérie da televisão.[46] O sucesso da série de one-shots levou a uma série contínua de quadrinhos, servindo como uma sequência e uma prequela da série, ao invés de contar aventuras que aconteceram entre os episódios. As histórias são contadas paralelamente, com metade da história em quadrinhos detalhando Greg retornando a misteriosas terras de sonho durante o sono. A outra metade narra a filha do lenhador, Anna, e de como ela se perdeu na floresta.[47]Depois que a série em andamento terminou em novembro de 2017, os quadrinhos Over the Garden Wall continuaram como uma série de minisséries e histórias em quadrinhos originais.[48][49]

Referências

  1. a b «Para Lá do Jardim». MEO Kids. Meo. Consultado em 7 de junho de 2015 
  2. AdoroCinema, O Segredo Além do Jardim, consultado em 29 de janeiro de 2021 
  3. a b Sousa, Matheus (3 de junho de 2014). «O Segredo Além do Jardim estreia em julho no CN». ANMTV 
  4. a b Nome adaptado na dobragem portuguesa.
  5. a b c Nome adaptado na dublagem brasileira.
  6. AdoroCinema, Segredos de filmagem de O Segredo Além do Jardim, consultado em 29 de janeiro de 2021 
  7. a b Edgar & McHale, p. 13
  8. Brunaldi, Igor (20 de julho de 2020). «Rolling Stone · Flapjack: Como a animação cancelada resultou nos principais desenhos dos anos 2010». Rolling Stone. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  9. McLean, Tom (14 de setembro de 2014). «Rising Stars of Animation». Animation Magazine (em inglês). pp. 28–31. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  10. a b Day, Patrick Kevin (5 de Outubro de 2014). «"Lost in an animator's imagination"». Los Angeles Times. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 15 de Janeiro de 2017 
  11. Edgar & McHale, p. 24
  12. Edgar & McHale, p. 46
  13. Edgar & McHale, p. 86
  14. Edgar & McHale, p. 87
  15. Edgar & McHale, p. 7
  16. «Santa Barbara International Film Festival 2014: Tome of the Unknown» (em inglês). Festival Internacional de Cinema de Santa Bárbara. Consultado em 28 de junho de 2015 
  17. «Tome of the Unknown (2013)» (em inglês). Hollywood.com. Consultado em 28 de junho de 2015 
  18. a b Pucci, Douglas (5 de novembro de 2014). «Monday Final Nationals: ESPN Continues Win Streak with 'Monday Night Football'» (em inglês). TV Media Insights 
  19. a b Pucci, Douglas (6 de novembro de 2014). «Tuesday Final Nationals: 'Masterchef Junior' Lifts Fox» (em inglês). TV Media Insights 
  20. a b Pucci, Douglas (6 de novembro de 2014). «Wednesday Final Nationals: 'CMA Awards' Gives ABC Dominant Victory» (em inglês). TV Media Insights 
  21. a b Pucci, Douglas (7 de novembro de 2014). «Thursday Final Nationals: NFL Network Proves Competitive with Broadcast Nets» (em inglês). TV Media Insights 
  22. a b Pucci, Douglas (10 de novembro de 2014). «Friday Final Nationals: CBS, ABC Share Night's Top Honors» (em inglês). TV Media Insights 
  23. «"2014 Award Winning Films Announced"». Santa Barbara International Film Festival. 9 de Fevereiro de 2014. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 12 de Outubro de 2014 
  24. Zahed, Ramin (22 de setembro de 2013). «'Tito on Ice,' 'Lonely Bones' Win Ottawa's Top Honors». Animation Magazine (em inglês). Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  25. Milligan, Mercedes (28 de Julho de 2014). «"Cartoon Network Teases Over the Garden Wall"». Animation Magazine. Consultado em 28 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 12 de Outubro de 2014 
  26. Milligan, Mercedes (22 de Setembro de 2014). «"Cartoon Network Plans Surprise-Packed NYCC Panel"». Animation Magazine. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 13 de Outubro de 2014 
  27. Weinstein, Sheli (30 de Setembro de 2014). «"Cartoon Network Sets Premiere for Miniseries Over the Garden Wall"». Variety. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 12 de Outubro de 2014 
  28. Davis, Lauren (31 de Outubro de 2014). «"Watch the First Episode of Cartoon Network's Over the Garden Wall"». Io9. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  29. «Get lost in The Unknown Over The Garden Wall» (em inglês). Turner Broadcasting System. 8 de outubro de 2014 
  30. Isabela, Marcela (27 de fevereiro de 2015). «Portugal: março no Cartoon Network, Disney e Nickelodeon». ANMTV 
  31. «"Over the Garden Wall on DVD-Video from EzyDVD.com.au"». EzyDVD. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 24 de Setembro de 2015 
  32. «"Cartoon Network: Over the Garden Wall"». Amazon. 8 de Setembro de 2015. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  33. Val, Marina (22 de agosto de 2015). «Esses produtos de "O Segredo Além do Jardim" são melhores que "batatas e melados"». Jovem Nerd 
  34. Over the Garden Wall Blu-ray Release Date April 6, 2016, consultado em 29 de janeiro de 2021 
  35. Woerner, Meredith (13 de Outubro de 2014). «"Over the Garden Wall Preview Is Crushingly Charming and Batshit Insane"». Io9. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  36. Lloyd, Robert (31 de Outubro de 2014). «"TV Picks: Powerless, Craft, Who, PuppyCat, Garden Wall"». Los Angeles Times. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  37. Llyod, Robert (3 de Novembro de 2014). «"Over the 'Wall', a land of enchantment"». Los Angeles Times. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  38. Hale, Mike (2 de Novembro de 2014). «"In a World of Whimsy, a Perilous Journey Home"». The New York Times. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  39. Moylan, Brian (3 de Novembro de 2014). «"Over the Garden Wall: slapstick for the kids, existential dread for the adults"». The Guardian. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 8 de Novembro de 2014 
  40. «Over The Garden Wall». Rotten Tomatoes. Consultado em 29 de Janeiro de 2021 
  41. Briee, Jason (4 de Novembro de 2014). «"Over the Garden Wall is the Best Thing That the Cartoon Network Has Done - Review"». Agents of geek. Consultado em 29 de Janeiro de 2021 
  42. «[LISTA] As 10 melhores produções em animação da década». Cinema com Rapadura. 5 de janeiro de 2020. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  43. «Complete list of Annie Award 2014 nominees» (em inglês). Los Angeles Times. 1 de dezembro de 2014 
  44. «Rueben Awards winners 2015» (em inglês). National Cartoonists Society. 23 de maio de 2015 
  45. McLean, Thomas J. (10 de Outubro de 2014). «"Roundup: Rig a Zombie, Learn from Stoopid Buddies"». Animation Magazine. Consultado em 29 de Janeiro de 2021. Cópia arquivada em 12 de Outubro de 2014 
  46. Brown, Tracy (13 de Maio de 2015). «"Exclusive: Pat McHale announces 'Over the Garden Wall' comic book series"» (em inglês). Los Angeles Times. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  47. Collins, Elle (4 de Janeiro de 2016). «"KaBoom Announces Ongoing 'Over the Garden Wall' Series"». ComicsAlliance. Consultado em 29 de Janeiro de 2021 
  48. «'O Segredo Além do Jardim' ganha nova graphic novel». InfoAnimation. Consultado em 29 de janeiro de 2021 
  49. MacDonald, Heidi (22 de fevereiro de 2018). «"Over the Garden Wall returns with DISTILLATORIA graphic novel this November"». The Beat (em inglês). Consultado em 29 de janeiro de 2021 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Edgar, Sean; McHale, Patrick (2017). The Art of Over the Garden Wall. [S.l.]: Dark Horse Books. ISBN 978-1506703763 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]