Playground Games

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Playground Games
Logotipo da Playground Games
Subsidiária da Xbox Game Studios
Slogan "We Are Playground Games."
Atividade Computador e jogos eletrônicos
Fundação 2009
Sede Leamington Spa, Reino Unido
Proprietário(s) Xbox Game Studios
Pessoas-chave Trevor Williams
Gavin Raeburn
Ralph Fulton
Martin Connor
Alan Roberts
Matt Craven
Empregados +335 (2022)[1]
Produtos Forza Horizon 2012-Presente
Subsidiárias Playground Games UK
Website oficial Página oficial

Playground Games é uma desenvolvedora de jogos eletrônicos britânica localizada em Leamington Spa, no Reino Unido.[1]

O estúdio foi fundado em 2009 por ex-funcionários da Codemasters, Bizarre Creations, Criterion Games, Ubisoft Reflections, Slightly Mad Studios, Black Box Studio e muitos outros estúdios de nível global.[2] Na Microsoft Showcase 2012, na Califórnia, a Playground Games anunciou o seu primeiro projeto, Forza Horizon. O título foi desenvolvido em colaboração com a Turn 10 Studios. O jogo foi distribuído pela Microsoft para o Xbox 360 e lançado em 23 de outubro de 2012.[3]Foi comprada pela Microsoft em um anúncio durante a E3 2018. [4]

Jogos produzidos[5][editar | editar código-fonte]

Ano de lançamento Título Plataforma(s)
2012 Forza Horizon Xbox 360
2014 Forza Horizon 2 Xbox 360 e Xbox One
2016 Forza Horizon 3 Microsoft Windows e Xbox One
2018 Forza Horizon 4 Microsoft Windows, Xbox One e Xbox Series X/S
2021 Forza Horizon 5 Microsoft Windows, Xbox One e Xbox Series X/S
TBA Fable (reboot) Microsoft Windows e Xbox Series X/S

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «Perfil da Playground Games na Linkedin» 
  2. «Ex-funcionários de outras desenvolvedoras». Consultado em 25 de novembro de 2012 
  3. «Lançamento de Forza Horizon». Consultado em 25 de novembro de 2012 
  4. Souza, Ariel (5 de junho de 2018). «Microsoft pode comprar a Playground Games, estúdio de Forza Horizon». Combo Infinito. Consultado em 17 de maio de 2019 
  5. «Our games». Playground Games (em inglês). Consultado em 20 de abril de 2019