Receptor de glutamato

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Os receptores de glutamato são uma classe de moléculas que recebem o principal neurotransmissor que estimula o cérebro, o glutamato. Estas proteínas são classificadas em duas famílias: os receptores ionotrópicos e metabotrópicos. Existem três famílias de receptores ionotrópicos de glutamato, que agem como canais de cátions: os receptores de N-metil-D-aspartato (NMDA), os de alfa-amino-3-hidroxi-metil-5-4-isoxazolpropiónico (AMPA) e os de cainato (receptores de cainato). Já os receptores metabotrópicos são acoplados a proteínas G, e modificam a resposta dos canais de membrana e as concentrações de segundos mensageiros como o diacilglicerol ou cAMP.[1][2]

Referências

  1. Brassai, A; Suvanjeiev, RG; Bán, EG; Lakatos, M (2015). «Role of synaptic and nonsynaptic glutamate receptors in ischaemia induced neurotoxicity». Review. Brain Research Bulletin. 112 (March 2015): 1–6. PMID 25540918. doi:10.1016/j.brainresbull.2014.12.007 
  2. Petroff OA (Dezembro 2002). «GABA and glutamate in the human brain». Neuroscientist. 8 (6): 562–573. PMID 12467378. doi:10.1177/1073858402238515  Glutamate is the main excitatory and GABA the main inhibitory neurotransmitter in the mammalian cortex
Ícone de esboço Este artigo sobre Biologia molecular é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.