Regência nominal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Regência nominal é o campo da gramática que estuda a relação de sentido que se dá entre os nomes e os respectivos termos regidos por esse nome.

Em português, alguns nomes (substantivos, adjetivos e advérbios) exigem um complemento precedido por preposição.[1] Tal complemento exerce a função de integrar o sentido da palavra completada, enriquecendo assim a semântica da oração em questão.[2] O conjunto de complemento regido pela preposição é denominado “complemento nominal”, no qual a preposição é definida pela “regência nominal”.

Tipos de regência nominal[editar | editar código-fonte]

O complemento nominal pode estar representado por:[2]

  1. substantivo
  2. pronome
  3. numeral
  4. palavra substantivada
  5. expressão substantivada
  6. oração subordinada substantiva completiva nominal

Estrutura da oração[editar | editar código-fonte]

Modelo de frase:

[sujeito] [verbo] [objeto] [preposição]+[complemento nominal].

Exemplos[editar | editar código-fonte]

Tipos de complemento:[editar | editar código-fonte]
  • O pior é a demora "do vapor". (complemento nominal de substantivo)"
Nemésio, Mau Tempo no Canal, (s.d.), p. 361 (citado por Cunha & Cintra, Nova Gramática, 2010, p. 153).
  • Tinha nojo de si mesma. (classificação:complemento nominal de pronome)
Assis, Obra Completa, vol. I, 1959, p. 487 (citado por Cunha & Cintra, Nova Gramática, 2010, p. 153).
  • “Esse problema só pode ser resolvido em nível de diretoria.” (complemento nominal de substantivo)
Nogueira, G1: Dicas de Português, 03/10/12.
Erro de regência:[editar | editar código-fonte]
  • Hoje estamos aqui.
    “A decisão do julgamento provocou um clima adverso com a Justiça.” (X mark.svg errado)
“A decisão do julgamento provocou um clima adverso à Justiça.” (Yes check.svg certo)
Paiva, Português Jurídico, 2013, (s.p.).

Regência de alguns nomes[editar | editar código-fonte]

a) Substantivos:

acesso a, de, para

alusão a, de

amor a, de, para, com, por

analogia com, entre

antipatia a, contra, por

ânsia de, por

atenção a, com, para com

aversão a, para, por

bacharel em

capacidade de, para

devoção a, para com, por

doutor em

dúvida acerca de, em, sobre

empenho de, em, por

horror a, de, por

medo a, de

obediência a

ojeriza a, por

paixão de, por

respeito a, com, para com

zelo a, de, por 

b) Adjetivos:

acessível a, para

acostumado a, com

afável com, para com

afeiçoado a, por

aflito com, por

agradável a

alheio a, de

aliado a, com

amante de

ambicioso de

amizade a, por, com

análogo a

ansioso de, por, para

apaixonado de, por

apto a, para

aficionado a, de, por

assíduo a, em

atencioso com, para com

avesso a imune a, de

ávido de, por

benéfico a

capaz de, para

certo de

cioso de

compatível com

compreensível a

comum a, de

conforme a, com

compaixão de, para com,

contemporâneo a, de

contente com, de, em, por

contrário a

contíguo a

constante em

constituído com, de, por

cruel com, para, para com

cuidadoso com

curioso a, de, por  

dedicado a

desatento a

descontente com

desejoso de

desfavorável a

desgostoso com, de

desprezo a, de, por

devoto a, de

diferente de

difícil de

digno de

entendido em

equivalente a

erudito em

escasso de

essencial para

estranho a

fácil a, de, para

falho de, em

falto de

fanático por

favorável a

feliz com, de, em, por

fértil de, em

fiel a

firme em

generoso com

grato a

hábil em

habituado a

horror a

hostil a, contra, para com

idêntico a

imbuído em, de

Imbuído de boas intenções, entrou na casa.

impossível de

impróprio para

imune a

incompatível com

inconsequente com

indeciso em

independente de, em

indiferente a

indigno de

inepto para

inerente a

inexorável a

insensível a

inútil a, para

isento de

junto a, de, por

leal a

lento em

liberal com

misericordioso com, para com

natural de

necessário a

negligente em

nocivo a

paralelo a

parco em, de

passível de

peculiar a

perito em

perpendicular a

pertencente a

permissivo a

paralelo a

parecido a, com

pertinaz em

possível de

possuído de, por

posterior a

preferível a

prejudicial a

prestes a, para

propenso a, para

propício a

próximo a, de

relacionado com

residente em

respeito a, com, de, para com, por

responsável por

rico de, em

satisfeito com, de, em, por

seguro de, em

semelhante a

sensível a

simpatia a

sito em

situado a, em, entre

suspeito a, de, por

último a, de, em

união a, com, entre

útil a, para

último a, de, em

vazio de

versado em

vizinho a, de

c) Advérbios:

longe de

perto de

proximamente a, de

Advérbios terminados em mente seguem a mesma regência dos adjetivos: paralelo a - paralelamente a; relativo a - relativamente a; contrário a - contrariamente a;

diferente de - diferentemente de; independente de - independentemente de

Regência nominal como fenômeno linguístico[editar | editar código-fonte]

No geral, tanto a regência de nomes quanto a regência de verbos (regência verbal) são desprezadas no padrão de normas da linguagem escrita.[3] Na linguagem culta passam despercebidas em meio a outros assuntos[4] podendo ser até mesmo desconsiderada por alguns gramaticos.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Literatura (citada)
Literatura relacionada

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Aquino, Renato (2012). Gramática Objetiva Da Língua Portuguesa (recurso eletrônico) ed. [S.l.]: Elsevier Brasil. p. 257. 619 páginas. ISBN 978-85-3526327-5. Consultado em 19 de junho de 2013. 
  2. a b Cunha, C.; Cintra, L (2010). «7». Nova Gramática. do Português Contemporâneo 5ª ed. Rio de Janeiro: Lexikon. p. 153. 762 páginas. ISBN 978-85-86368484-6 Verifique |isbn= (ajuda) 
  3. Preti, Dino (2005). Discurso oral culto. Col: Projetos Paralelos. 2. Núcleo USP 3ª ed. São Paulo: Humanitas. p. 108. 224 páginas. ISBN 978-85-9829264-9. Consultado em 19 de junho de 2013. 
  4. Vecchi, Cristine; Izildinha Gleria, Maria (2007). Português para concursos públicos. São Paulo: Universo dos Livros. p. 80. 128 páginas. ISBN 978-85-6048054-8. Consultado em 19 de junho de 2013. 

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikilivros
O wikilivro Português tem uma página sobre Regência nominal