Rio Reno

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Reno)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para a cidade americana, veja Reno (Nevada).
Reno
O Reno em Basileia, Suíça.
Comprimento 1 233[1][2] km
Altitude da nascente 2 344 m
Foz Mar do Norte
Área da bacia 185 000 km²
Delta Delta do Reno
Afluentes
principais
Aar (e)
Neckar (d)
Main (d)
Mosel (e)
Lahn (d)
Sieg (d)
Ruhr (d)
Lippe (d)
País(es) Suíça
 Áustria
 Liechtenstein
 Alemanha
 França
 Países Baixos

O rio Reno[3][4] (em alemão: Rhein, em francês: Rhin, em neerlandês: Rijn e Rain em romanche) é um curso de água com 1 233 km[5][6] de comprimento que atravessa a Europa de sul a norte, desaguando no mar do Norte no delta do Reno–Mosa–Escalda.

Seu nome é de origem celta e significa "fluir"[carece de fontes?] (bem como no grego antigo ρέω, rheō). Junto com o rio Danúbio, o Reno constituía a maior parte da fronteira setentrional do Império Romano. Os romanos chamavam o rio de Rhenus. Desde essa época o Reno é um curso de água muito usado para o transporte e o comércio.

Entre as maiores e mais importantes cidades do Reno encontram-se Basileia, Estrasburgo, Colónia e Roterdão.

Geografia

O Reno nasce nos Alpes, no leste da Suíça, no cantão de Grisões, a montante de Coira, e é o resultado da confluência de dois rios, o Reno Anterior (em alemão, Vorderrhein) e o Reno Posterior (Hinterrhein).[7]

Desagua no mar do Norte misturando suas águas com as do rio Mosa no grande delta. Atravessa ou acompanha seis países: a Suíça, a Áustria, o Liechtenstein, a Alemanha, a França e os Países Baixos. Constitui a fronteira natural entre a Suíça e o Liechtenstein, entre a Alemanha e a Suíça e entre a Alemanha e a França.

Subdivisões

O Reno e seus afluentes

O rio subdivide-se em oito trechos:

  • km 0 - 76: Região dos dois rios formadores do Reno - o Reno anterior (em alemão, Vorderrhein) e o Reno posterior (Hinterrhein)
  • km 76 - 162: Reno alpino (Alpenrhein) entre a confluência dos dois rios de fonte e a foz ao lago de Constança perto de Bregenz
  • km 162 - 228: Lago de Constança com as duas partes: lago superior e lago inferior (Obersee e Untersee)
  • km 228 - 373: Reno alto (Hochrhein) entre o final do lago inferior e Basileia
  • km 373 - 732: Reno superior (Oberrhein) entre Basileia e Bingen
  • km 732 - 856: Reno médio (Mittelrhein) entre Bingen e Bona
  • km 856 - 1 066: Reno inferior (Niederrhein) entre Bona e a fronteira alemã-neerlandesa
  • km 1 066 - 1 233: Delta do Reno nos Países Baixos

Nos Países Baixos, o delta do Reno da origem a vários braços:

História

Esta característica de fronteira nacional é relativamente recente, com exceção do período durante o qual o Império Romano transformou-o em uma barreira ao norte contra os bárbaros, com uma fronteira (limes) recheada de fortificações, como Colônia ou Estrasburgo. Entre a queda do Império romano e a conquista da Alsácia por Luís XIV, o Reno fazia parte do mundo germânico, que o denominava Vater Rhein, o "Reno paternal".

O Reno está ligado com numerosos eventos históricos, como por exemplo:

Hidrologia

Cânion ou Ruinaulta entre Ilanz/Glion e Chur na Suíça

Tendo entre 14 000 e 17 000 anos de idade, as cataratas do Reno têm uma altura de 23 m (desnível total de 33 m) e uma largura de 150 m, com um fluxo médio de 700 m³/s.

O fluxo médio anual na fronteira franco-alemã é de 1 240 m³/s e o fluxo médio em Estrasburgo é de 1 080 m3/s. Em Basileia, o valor médio é 1 062 m3/s, em tempo de seca 202 m³/s e a maior enchente foi 5 700 m³/s.

Afluentes

km a partir da fonte Lado orográfico Afluente Comprimento (km) Área de desaguamento km² Escoamento medio (m³/s) Trecho
162 Direito Bregenzer Ach 80 Lago de Constança
267 Esquerdo Thur 135 1 698 47 Reno alto
303,17 Direito Wutach 90 1 123 16,2 Reno alto
305,20 Esquerdo Aar 291 17 620 590 Reno alto
456,50 Direito Elz 90 1 481 22,4 Reno superior
501,16 Direito Kinzig 93 1 406 28 Reno superior
514,19 Esquerdo Ill 217 4 761 53,7 Reno superior
537,50 Esquerdo Moder 93 1 720 16,6 Reno superior
631,2 Direito Neckar 367 14 000 145 Reno superior
699,6 Direito Meno 524 27 292 225 Reno superior
732,1 Esquerdo Nahe 116 4 067 30,3 Reno superior/médio
788,7 Direito Lahn 246 5 924 54 Reno médio
795,3 Esquerdo Mosela 544 28 286 315 Reno médio
813,2 Direito Wied 102 771 12,1 Reno médio
832,4 Esquerdo Ahr 89 900 8,9 Reno médio
862,35 Direito Sieg 155 2 857 52,8 Reno inferior
906,3 Direito Wupper 117 827 15 Reno inferior
943,2 Esquerdo Erft 103 1 838 Reno inferior
983,1 Direito Ruhr 219 4 485 79 Reno inferior
1 000,7 Direito Emscher 84 775 16 Reno inferior
1 017,45 Direito Lippe 220 4 888 46 Reno inferior
1 128,5 Esquerdo Mosa (até 1904) 920 34 548 400 Delta

Economia

Entre a cidade de Basileia e seu estuário, o Reno atravessa uma das zonas mais densamente povoadas da Europa ocidental, historicamente rica em comércio, e deságua onde se desenvolveu a cidade de Roterdã, nos Países Baixos, o mais importante centro portuário europeu.

O Vale do Reno também foi o berço de uma das principais regiões da Revolução Industrial, a região do Ruhr, que beneficia de uma importante reserva de recursos minerais, de fácil acesso e favoráveis ao desenvolvimento da industrialização.

Desde a Convenção de Mannheim de 1868, o Reno é considerado uma região de águas internacionais da última ponte da Basileia até o mar do Norte, assegurando à Suíça um acesso livre ao mar. A sede da Comissão central pela Navegação do Reno é em Estrasburgo. Fundada em 1815, durante o Congresso de Viena, é a mais antiga organização internacional.

Em 2000, a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (UNESCO) inscreveu os 65 km do Vale Médio do Reno na lista do Patrimônio Mundial, juntamente com o rochedo da Lorelei, perto da cidade de Saint-Goar, na Alemanha.

Em 2004, foi feita uma despoluição no rio, no valor de 15 bilhões de dólares.[10]

Departamentos

O Reno deu seu nome aos dois departamentos franceses da região Alsácia:

Dá também o seu nome a dois estados da Alemanha:

Cidades

Cidades nas margens do Rio Reno com mais que 50 000 habitantes (iniciando na fonte do rio):

Na cultura

O compositor alemão Robert Schumann (1810-1856) compôs uma sinfonia, a n.º 3, com o título de Renish ou Renana, em mi bemol maior, expressando na obra suas evocações e memórias do rio Reno, bem como a influência de suas paisagens e lendas na alma dos românticos alemães.

Ver também

Referências

  1. Rhein kürzer als gedacht Arquivado em 4 de novembro de 2011, no Wayback Machine. Kölner Stadt-Anzeiger.
  2. «Ein banaler Zahlendrehe». Consultado em 12 de janeiro de 2012. Arquivado do original em 29 de março de 2010 
  3. Rio Reno. In Infopédia. Porto: Porto Editora, 2003-2012. Rio Reno.
  4. "Rin" Diccionario Panhispánico de Dudas
  5. Schrader, Christopher; Uhlmann, Berit (28 de março de 2010). «Der Rhein ist kürzer als gedacht – Jahrhundert-Irrtum». sueddeutsche.de (em German). Consultado em 27 de março de 2010. Arquivado do original em 31 de março de 2010 
  6. «Rhine River 90km shorter than everyone thinks». The Local – Germany's news in English. 27 de março de 2010. Consultado em 9 de abril de 2010 
  7. Rio Reno. In Infopédia. Porto: Porto Editora, 2003-2012. Rio Reno.
  8. Wells, Peter S. The Battle that stopped Rome. New York: W.W. Norton & Company. 2003, p. 187 ISBN 0-393-32643-8
  9. Kevin Sweeney, Scholars look at factors surrounding Hermann’s victory Arquivado em 14 de julho de 2011, no Wayback Machine.. www.nujournal.com
  10. Limpeza do Reno custou US$ 15 bilhões BBC Brasil.
  11. Bevölkerung und Erwerbstätigkeit Arquivado em 1 de maio de 2013, no Wayback Machine. Statistisches Landesamt Baden-Württemberg. 20 de julho de 2011.
  12. Constança Site oficial.
  13. Swiss Federal Statistical Office - Superweb database - Gemeinde Statistics 1981-2008 (em alemão) accessed 19 June 2010
  14. Commune : Strasbourg (67482) Arquivado em 1 de novembro de 2012, no Wayback Machine. on INSEE
  15. «Landesinformationssystem (LIS) - Übersichts- und Vergleichsdaten I (Gebiet, Bevölkerung) Karlsruhe, Stadt» (em German). Statistisches Landesamt Baden-Württemberg. 2009. Consultado em 27 de março de 2009 [ligação inativa]
  16. Amtliche Bevölkerungszahlen Arquivado em 28 de setembro de 2011, no Wayback Machine.. Landesbetrieb Information und Technik NRW. 31 de dezembro de 2010.

Ligações externas

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Rio Reno