Rua de S. Bento (Guilherme Gaensly)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Rua de S. Bento
Autor Guilherme Gaensly
Técnica fototipia
Dimensões 14,2 centímetros x 9 centímetros
Localização Museu Paulista

Rua de S. Bento, ou Largo de São Bento, é uma fotografia de Guilherme Gaensly, normalmente reproduzida em cartões postais. Cópias estão disponíveis no Museu do Ipiranga e no Acervo Banco Itaú.[1] A imagem ilustra a Rua de São Bento, em São Paulo, nos primeiros anos do século XX; a linha do bonde elétrico, em que se lê "Liberdade", foi inaugurada em 1901.[2]

No período em que tirou a imagem, Gaensly trabalhava em seu estúdio próprio, após ter rompido com seu sócio, em 1900. Assim como outros cartões postais de Gaensly, no que ficou conhecida como uma marca de seus registros, há a tentativa de representar São Paulo como uma cidade moderna, por exemplo com a movimentação intensa de transeuntes.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Largo de São Bento». Enciclopédia Itaú Cultural. Consultado em 23 de fevereiro de 2019 
  2. a b Frehse, Fraya (2000-6). «Cartões postais paulistanos da virada do século XX: problematizando a São Paulo "moderna"». Horizontes Antropológicos. 6 (13): 127–153. ISSN 0104-7183. doi:10.1590/S0104-71832000000100007  Verifique data em: |data= (ajuda)