Suécia entre as guerras mundiais

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Este periodo - designado em sueco por Mellankrigstiden - compreende os 21 anos entre o fim da Primeira Guerra Mundial em 1918 e o início da Segunda Guerra Mundial em 1939.[1]

Se por um lado, na década dos 20 foi fundada a Sociedade das Nações, por outro lado, na década dos 30, mais de metade dos estados europeus eram ditaduras fascistas ou comunistas.[1] A Suécia manteve todavia uma posição de neutralidade, ao mesmo tempo que a Grande Depressão internacional atingia o país de forma violenta.[2]
Grandes movimentações políticas conduziram à formação de um governo social-democrata em 1920, à introdução do sufrágio universal para homens e mulheres em 1921, e à assinatura de um pacto de entendimento entre a Confederação dos Sindicatos Suecos (LO) e a Confederação do Patronato Sueco (SAF).[2][3][4]

Monarcas da Suécia: 1914-1939[editar | editar código-fonte]

Primeiros-ministros da Suécia: 1914-1939[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Ulf Zander. «Mellankrigstiden» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 29 de abril de 2015. 
  2. a b Magnusson, Thomas; et al. (2004). «Svensk historia». Vad varje svensk bör veta (em sueco). Estocolmo: Albert Bonniers Förlag e Publisher Produktion AB. p. 76. 654 páginas. ISBN 91-0-010680-1 
  3. Reinhold Fahlbeck. «Saltsjöbadsavtalet» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 29 de abril de 2015. 
  4. Agne Gustafsson. «Sveriges socialdemokratiska arbetareparti» (em sueco). Enciclopédia Nacional Sueca. Consultado em 29 de abril de 2015. 


Precedido por
Suécia durante a Primeira Guerrra Mundial
1914-1918
'Suécia entre as guerras mundiais'
19181939
Sucedido por
Suécia durante a Segunda Guerra Mundial
1939-1945