Target Center

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Target Center

Nome Target Center
Características
Local Minneapolis,  Minnesota
 Estados Unidos
Capacidade 18,798 (basquete)
17,500 (hóquei no gelo)
Construção
Data 12 de julho de 1988 (34 anos)
Custo US$104 milhões[1]

(US$140 milhões em 2017[2][3])

Inauguração
Data 13 de outubro de 1990 (31 anos)
Arquiteto KMR Architects, Ltd.[4]
Mandante Minnesota Timberwolves (NBA) (1990–presente)[5]

Minnesota Lynx (WNBA) (1999–presente)[6]
Minnesota Arctic Blast (RHI) (1994-1996)[7]
Minnesota Fighting Pike (AFL) (1996)[carece de fontes?]
Minnesota Valkyrie (LFL) (2011-2013)[8]

O Target Center é uma arena multifuncional localizada em Minneapolis, inaugurada em 1990. A arena abriga grandes shows, eventos esportivos e eventos privados. A Target Corporation, fundada e sediada em Minneapolis desde 1902, detém os namings right da arena desde a sua abertura.[9]

A arena tem sido a casa do Minnesota Timberwolves da National Basketball Association (NBA) e do Minnesota Lynx da Women's National Basketball Association (WNBA) desde a sua abertura.[10][11] A instalação também recebeu o Minnesota Valkyrie da LFL, o Minnesota Arctic Blast da RHI e o Minnesota Fighting Pike da Arena Football League.

O Target Center é a segunda arena mais antiga da NBA, perdendo apenas para o Madison Square Garden que foi fundada em 1968.[12]

História[editar | editar código-fonte]

Gestão[editar | editar código-fonte]

O interior antes de um jogo do Minnesota Timberwolves em janeiro de 2008

Os proprietários originais dos Timberwolves, Marv Wolfenson e Harvey Ratner, construíram, possuíram e operaram a arena por cinco anos a partir de 1990. O local foi administrado pela Ogden Entertainment depois que a cidade de Minneapolis comprou a arena em 1995. Glen Taylor adquiriu o Timberwolves em 1994 e o Lynx em 1999.[13]

Em 2000, a SFX (mais tarde Clear Channel Entertainment) assumiu o contrato. A gestão foi alterada em maio de 2004 de Clear Channel para Midwest Entertainment Group, uma joint venture dos Timberwolves e Nederlander Concerts.

Em 2 de maio de 2007, a AEG Facilities assumiu o contrato de gestão da Target Center. A cidade de Minneapolis é proprietária da arena e a AEG Facilities gerencia as operações do dia-a-dia.

Renovações[editar | editar código-fonte]

Minnesota Lynx usando o placar Daktronics, parte da renovação de 2016

Em 2004, o Target Center passou por uma grande reforma que viu a substituição de todos os 19.006 assentos originais, além da adição de quase 1.500 novos assentos, bem como a reconfiguração da tigela inferior para tornar a arena mais "amigável aos fãs". Além disso, o placar original da arena foi substituído por uma nova tela de vídeo de 2,7 por 4,9 m e sinalização de LED, um novo lounge (Club Cambria) e acesso aprimorado para os fãs com deficiências.

O Target Center já foi uma das três arenas da NBA, junto com o TD Garden em Boston e a Amway Arena em Orlando, com piso em parquet - o piso foi substituído antes da temporada da NBA de 2007-08.

O Target Center é a primeira arena a ter um telhado verde em 15 de setembro de 2009.[14] Em fevereiro de 2011, os Timberwolves e a cidade de Minneapolis apresentaram uma proposta de US$ 155 milhões para remodelar o Target Center. Os planos incluíam mudar a entrada principal, dois grandes átrios de vidro, outro restaurante e uma remodelação completa do interior.[15] O plano foi aprovado em 2012 pelo Legislativo de Minnesota, como parte do projeto de lei que autorizou um novo estádio para o Minnesota Vikings.[16]

Em 3 de abril de 2015, o Conselho Municipal de Minneapolis deu a aprovação final dos planos de renovação do Target Center. O custo total foi de US$ 140 milhões, que modernizou o exterior, os assentos, a tecnologia e as baias de carga, entre outras áreas. A cidade contribuiu com US$ 74 milhões. Glen Taylor, dono dos Timberwolves e Lynx, pagou um total de US$ 60 milhões; AEG contribuiu com US$ 5,9 milhões. Como resultado, o arrendamento dos Timberwolves vai até 2035.[17] O edifício renovado reabriu em outubro de 2017.

Naming rights[editar | editar código-fonte]

Em 7 de agosto de 1990, foi anunciado que a Target havia comprado os naming right da arena dos Timberwolves e que ela se chamaria Target Center. Desde então, os direitos foram renovados a cada cinco anos.[18]

Basquete[editar | editar código-fonte]

Ele sediou o All-Star Game da NBA de 1994, o Final Four Feminino da NCAA de 1995, o Draft da NBA de 2000 e o All-Star Game da WNBA de 2018. Ele estava programado para sediar uma final regional masculina da NCAA em 2021, mas em 16 de novembro de 2020, a NCAA anunciou que realizaria todo o torneio em uma cidade, parecendo descartar Minneapolis. O Target Center sediou o Final Four Feminino da NCAA de 2022.[19]

Em 2011, o Target Center sediou seu primeiro evento de campeonato, as finais da WNBA de 2011. O Minnesota Lynx venceu seus dois primeiros jogos em casa e, finalmente, venceu o título da WNBA, o primeiro título conquistado por um time que jogou no Target Center.

Em 20 de abril de 2022, foi anunciado que o Target Center sediará a Final do Torneio Feminino da Big Ten em 2023 e 2024 e o Final do Torneio Masculino Big Ten de 2024.[20]

Hóquei no gelo[editar | editar código-fonte]

O Target Center sediou 6 jogos da NHL em locais neutros durante a temporada de 1993-94. O Minnesota Moose da IHL jogou vários de seus jogos na arena durante sua existência de 1994 a 1996.

Data Time vencedor Resultado Time perdedor Público
9 de Dezmebro de 1993 Dallas Stars 6 Ottawa Senators 14,058
31 de Dezmebro de 1993 Philadelphia Flyers 4 Boston Bruins 10,855
17 de Janeiro de 1994 Detroit Red Wings 6 Tampa Bay Lightning 8,764
4 de Março de 1994 Winnipeg Jets 6 Ottawa Senators 6,388
18 de Março de 1994 Buffalo Sabres 2 New York Islanders 8,016
27 de Março de 1994 New Jersey Devils 5 Quebec Nordiques 6,222

Eventos notáveis[editar | editar código-fonte]

Concertos[editar | editar código-fonte]

A arena tem sido um local popular que já recebeu muitos shows, incluindo artistas como Billy Joel, Celine Dion, Garth Brooks, Justin Bieber, Elton John, Katy Perry, Metallica, Paul McCartney e Prince.

MMA e luta profissional[editar | editar código-fonte]

A WWE realizou muitos eventos neste local e é mais conhecida pelo SummerSlam de 1999, Judgment Day de 2005, Bragging Rights de 2010, Elimination Chamber de 2014, TLC: Tables, Ladders & Chairs de 2017 e TLC: Tables, Ladders & Chairs de 2019.[21]

A AEW gravou um episódio de seu programa de televisão semanal AEW Rampage na arena em 12 de novembro de 2021.[22] A arena também sediou a edição daquele ano de seu evento anual Full Gear, que ocorreu no dia seguinte.[23]

O Target Center realizou o memorável UFC 87: Seek and Destroy em agosto de 2008, que contou com a luta pelo título dos meio-médios onde Georges St-Pierre derrotou Jon Fitch.

Em 5 de outubro de 2012, o UFC on FX: Browne vs. Pezão foi realizado no local. Em 29 de junho de 2019, o UFC on ESPN: Ngannou vs. dos Santos foi realizado no local.

Outros eventos[editar | editar código-fonte]

Em 1991, o centro sediou o Campeonato de Patinação Artística dos EUA de 1991, onde a patinadora Tonya Harding se tornou a primeira mulher americana e a segunda no mundo a conseguir um salto triplo axel. Harding levou para casa a medalha de ouro.

Em 1999, o Target Center sediou o evento inaugural "People's Celebration" para o governador Jesse Ventura. O evento atraiu 14.000 pessoas e incluiu apresentações de Jonny Lang, Warren Zevon e America.

O Target Center sediou a convenção Rally for the Republic organizada pela Campaign for Liberty, um movimento fundado pelo congressista do Texas, Ron Paul, que concorreu sem sucesso para a indicação presidencial republicana de 2008. Entre os participantes da convenção estavam o ex-governador de Minnesota, Jesse Ventura, Barry Goldwater Jr., e o ex-governador do Novo México, Gary Johnson.[24]

Em 2016, a arena sediou o Kellogg's Tour of Gymnastics Champions.

Registros de presença[editar | editar código-fonte]

  • O recorde atual de maior público confirmado para um único evento na história da arena foi o jogo entre o Minnesota Timberwolves e o Golden State Warriors em 10 de março de 2017 com a presença de 20.412 pessoas.
  • O evento de maior bilheteria de um dia foi o UFC em 8 de agosto de 2009.

Teatro[editar | editar código-fonte]

O Target Center pode ser convertido em um teatro de 2.500 a 7.500 lugares conhecido como U.S. Bank Theatre. O Teatro contém um sistema de cortinas móveis do chão ao teto que permite que o local seja transformado com base nas necessidades específicas do espetáculo. Além dos shows, o U.S. Bank Theatre também pode ser usado para shows familiares e da Broadway.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. [1]
  2. [2]
  3. [3]
  4. [4]
  5. [5]
  6. [6]
  7. [7]
  8. [8]
  9. Center, Target. «About Target Center | Target Center». www.targetcenter.com (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  10. Center, Target. «Minnesota Timberwolves | Target Center». www.targetcenter.com (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  11. Center, Target. «Minnesota Lynx | Target Center». www.targetcenter.com (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  12. Spedden, Zach (8 de janeiro de 2020). «NBA Arenas Oldest to Newest: 2020 Update». Arena Digest (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  13. «Glen Taylor». Twin Cities Business (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  14. «Minnesota's Target Center Completes Green Roof». Environment + Energy Leader (em inglês). 29 de setembro de 2009. Consultado em 26 de junho de 2022 
  15. «$155M Target Center Renovation Proposed». web.archive.org. 28 de outubro de 2011. Consultado em 26 de junho de 2022 
  16. «Vikings stadium wins Minneapolis City Council's final approval». Twin Cities (em inglês). 24 de maio de 2012. Consultado em 26 de junho de 2022 
  17. Tribune, Editorial Board Star. «EDITORIAL | Right call on Target Center renovation». Star Tribune. Consultado em 26 de junho de 2022 
  18. «Target and Wolves Extend Arena Partnership». www.nba.com (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  19. Center, Target. «NCAA Women's Final Four | Target Center». www.targetcenter.com (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  20. «Big Ten Basketball Tournaments Headed to Minneapolis». University of Minnesota Athletics (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  21. «PWTorch.com - WWE News: Cena at Mall of America, Judgment Day attendance, Wrestling for Jesus». www.pwtorch.com. Consultado em 26 de junho de 2022 
  22. «AEW Rampage Preview (11/12): Bobby Fish vs. Jungle boy, Orange cassidy & Matt Hardy battle». Wrestling Inc. (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  23. «AEW Full Gear Preview, Live Coverage Reminder». Wrestling Inc. (em inglês). Consultado em 26 de junho de 2022 
  24. «Target Center - Rally for the Republic (Ron Paul) (sale, office) - Minnesota (MN) - City-Data Forum». www.city-data.com. Consultado em 26 de junho de 2022