The Aspern Papers

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The Aspern Papers
Os manuscritos de Jeffrey Aspern (PT)
Os papeis de Aspern (BR)
Autor(es) Henry James
Idioma Inglês
País  Reino Unido Estados Unidos
Género Novela
Localização espacial Veneza
Editora Macmillan and Co., Londres, Nova Iorque
Lançamento Londres: 29 de Setembro de 1888

Nova Iorque: 10 de Novembro de 1888

Páginas Londres: volume um, 239; volume dois, 258

Nova Iorque: 290 Ambas as edições incluem também as histórias Louisa Pallant e The Modern Warning

Edição portuguesa
Tradução Manuel Resende
Editora Relógio D'Água
Lançamento 1986
Páginas 134
Edição brasileira
Tradução Álvaro A. Antunes
Editora Interior Edições
Lançamento 1984
Páginas 116

The Aspern Papers (em português, Os papéis de Aspern) é uma novela escrita por Henry James, originalmente publicada em The Atlantic Monthly em 1888[1], com sua primeira publicação em livro no mesmo ano. É um das novelas mais conhecidas e aclamadas de James. O autor inspirou-se no caso das cartas que Percy Bysshe Shelley mandou à meia-irmã de Mary Shelley, Claire Clairemont, que as guardou até sua morte[2]. Estabelecida em Veneza, The Aspern Papers demonstra a habilidade de James de criar suspense sem jamais negligenciar o desenvolvimento de seus personagens.

Referências

  1. A publicação original na revista encontra-se disponível online.
  2. Biografia de Claire Clairmont, disponível online em inglês. Consultado em 15/01/2013.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Books-aj.svg aj ashton 01.png A Wikipédia possui o
Portal de Literatura
Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.