Vera Lynn

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2014). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Vera Lynn
CH DBE
Vera Lynn, em julho de 2009.
Informação geral
Nome completo Vera Margaret Lynn
Também conhecido(a) como Forces Sweetheart
(Coração das Tropas)
Nascimento 20 de março de 1917 (99 anos)
Local de nascimento East Ham, Essex
 Inglaterra
Nacionalidade Inglaterra inglesa
Gênero(s) Pop tradicional
Instrumento(s) Voz
Período em atividade 1935 - presente
Gravadora(s) Decca
London
HMV

Vera Lynn, DBE (Londres, 20 de Março de 1917) é uma cantora inglesa, muito famosa durante a segunda guerra mundial.

As suas músicas mais conhecidas são We'll Meet Again e The White Cliffs of Dover

O tema We'll Meet Again, cantado por Vera Lynn surge na cena final do filme Dr. Estranhoamor ([Strangelove]) de [Kubrick].

A canção Vera do álbum dos Pink Floyd de 1979 The Wall é uma homenagem a Vera Lynn.

Em Setembro de 2009 o álbum "We´ll meet again - The very best of Vera Lynn", uma colecção das suas canções mais conhecidas atingiu o número 1 do top britânico[1]

Gravações[editar | editar código-fonte]

  • 1935
  • "The General's Fast Asleep"; "No Regrets"; "When the Poppies Bloom Again"; "I'm in the Mood for Love" (Rex Records); "Sailing Home With The Tide" (Rex Records); "Thanks A Million" (Rex Records)
  • 1936
  • "Heart Of Gold" (Rex Records); "A Star Fell Out Of Heaven" (Rex Records); "Crying My Heart Out For You" (Rex Records); "It's Love Again" (Rex Records); "Did Your Mother Come From Ireland?" (Rex Records): "Have You Forgotten So Soon?" (Rex Records); "Everything Is Rhythm" (Rex Records)
  • 1937
  • "So Many Memories"; "Roses in December"; "When My Dream Boat Comes Home" (Rex Records); "Goodnight, My Love" (Rex Records); "All Alone In Vienna" (Rex Records)
  • 1939
  • "We'll Meet Again"
  • 1940
  • 1941
  • "Smilin' Through"; "When They Sound the Last All Clear"; "Yours"; "My Sister and I"; "I Don't Want to Set the World on Fire".
  • 1942
  • "You're in my Arms".
  • 1948
  • "You Can't Be True, Dear" (1948); "Again".
  • 1952
  • "Auf Wiederseh'n Sweetheart"; "If You Love Me (Really Love Me)".
  • 1954 onwards
  • "My Son, My Son" (UK number 1, 1954); "The Homing Waltz"; "Forget Me Not"; "Windsor Waltz"; "Who Are We"; "A House With Love In It"; "The Faithful Hussar (Don't Cry My Love)"; "Travellin' Home"; Hits Of The Sixties (album); "By the Time I Get to Phoenix"; "Everybody's Talking";

"The Fool On The Hill".

  • 1967

"It Hurts To Say Goodbye" (1967, US Easy Listening survey, her last US chart record)

  • 1982
  • Albums recorded for EMI from 1960 onwards
  • "Yours" 1961
  • "As Time Goes By" 1961
  • "Hits From The Blitz" 1962
  • "Among My Souvenirs" 1964
  • "More Hits Of The Blitz" 1966
  • "Hits Of The 60's - My Way" 1970
  • "Favourite Sacred Songs" 1972
  • "Christmas With Vera Lynn" 1976
  • "Vera Lynn In Nashville" 1977

Filmes[editar | editar código-fonte]

  • We'll Meet Again (1942)
  • Rhythm Serenade (1943)
  • One Exciting Night (1944)
  • Venus fra Vestø (1962)

Livros[editar | editar código-fonte]

  • Lynn, Vera (1975). Vocal Refrain. London: W.H. Allen.
  • Lynn, Vera and Cross, Robin (1989). We'll Meet Again. London: Sidgwick & Jackson.
  • Lynn, Vera (2009). Some Sunny Day. London: HarperCollins. ISBN 9780007318155

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]