Vissel Kobe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vissel Kobe
Vissel Kobe.png
Nome Vissel Kobe
Mascote Boi Movi
Fundação 1966 (52 anos)
Estádio Estádio Kobe Wing
, Kobe Universiade Memorial Stadium
Capacidade 30.182 (Kobe Wing)
45.000 (Kobe Universiade)
Localização Kobe,  Japão
Presidente Japão Hiroshi Mikitani
Treinador Japão T. Yoshida
Patrocinador Japão Rakuten
Material (d)esportivo Japão Asics
Competição Japão J. League
Website Site Oficial
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
titular
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Uniforme
alternativo
editar

Vissel Kobe, em japonês ヴィッセル神戸 Visseru Kōbe, é um clube japonês de futebol profissional da cidade de Kobe.

História[editar | editar código-fonte]

Inicio[editar | editar código-fonte]

Fundado em 1966 como Kawasaki Steel Soccer Club, disputou sua primeira competição oficial vinte anos depois, na Segunda Divisão da Japan Soccer League (embrião da atual J. League).[1]

Era J-League[editar | editar código-fonte]

Em 1994, a cidade de Kobe entrou em acordo com a Kawasaki Steel para mudar de sede, com o objetivo de se tornar um clube profissional de futebol. Consequentemente, o time passaria a se chamar Vissel - combinação de "Victory" (vitória, em inglês, e "Vessel" embarcação) - e contaria com o patrocínio da empresa de alimentos Daiei. Em 1996, conquista o acesso à elite do futebol japonês, onde permaneceria até 2005, quando caiu para a J-2.

Retornaria à J. League em 2006, quando terminou em terceiro lugar na Segunda Divisão. Em 2012, o Vissel fez uma campanha fraca na Primeira Divisão japonesa, terminando em décimo-sexto lugar, e caindo para a J-2 sete anos depois do descenso. Jogando a segunda divisão em 2013, terminou o campeonato em segundo lugar e conquistou seu retorno novamente para primeira divisão, onde está até hoje. A sua melhor colocação na J.League foi um sétimo lugar em 2016.

O Vissel Kobe nunca foi campeão japonês. Seu melhor resultado na J-League foi o sétimo lugar em 2016, sendo vice da segunda divisão em 2013. A competição segue o calendário anual, como o Campeonato Brasileiro.

Hiroshi Mikitani[editar | editar código-fonte]

Hiroshi Mikitani (Kobe, 1963) se dedicava às finanças, que era o negócio de sua família e estava formado para isso. Até que o terremoto que destruiu a sua cidade em 1995 o fez tomar um caminho completamente diferente: vender seu banco e apostar na Internet. Tinha a intuição de que a rede de computadores interconectados poderia mudar o mundo para sempre.

Em 1997, a Rakuten, seu império, dava os primeiros passos. Hoje, ele tem mais de 10.000 funcionários no mundo inteiro. As receitas superam 3,308 bilhões de euros (10,6 bilhões de reais). Aos 53 anos, sua fortuna pessoal o coloca na 334ª posição da lista da Forbes, apesar de que isso é menos importante para ele do que levar conteúdo para todos os cantos do mundo.

Dentro desta estratégia estão investimentos significativos. 70 milhões de euros, ou 225 milhões de reais, no Pinterest, a rede social mais visual. Sua última compra foi o Viber (700 milhões de euros, ou 2,2 bilhões de reais), concorrente direto do WhatsApp. Ele também possui a espanhola Wuaki, uma loja de vídeos on-line, a biblioteca e leitor de livros eletrônicos Kobo, assim como buy.com, play.com e PriceMinister.

Suas duas paixões são o baseball (sendo dono da equipe Tohoku Rakuten Golden Eagles) e a música clássica – presidente da Filarmônica de Tóquio – cujo centenário o levou a uma visita a Madri, na Espanha.

Dono do Vissel Kobe, Hiroshi Mikitani foi impulsor do investimento mais valioso relacionado ao seu nome: a contratação do jogador Andrés Iniesta, graças a sua boa relação com o principal patrocinador do Barcelona — a prestigiosa Rakuten.

Chegada de Iniesta[editar | editar código-fonte]

Um dos maiores ídolos da história do Barcelona, Andrés Iniesta assinou contrato com o Vissel Kobe no dia 24 de maio de 2018, menos de uma semana após realizar sua última partida com o clube catalão. O Vissel Kobe está em sexto lugar na liga nacional, com 22 pontos. Na equipe, além de Podolski, campeão da Copa do Mundo de 2014, dois brasileiros jogam no time, ambos atacantes de mais de 30 anos: Wellington Tanque, revelado pelo Internacional, e Leandro, formado nas categorias de base do Corinthians e do Nacional-SP.

Segundo Hiroshi Mikitani, Iniesta é um dos jogadores mais respeitados do mundo. "Terá um impacto profundo no desenvolvimento do futebol japonês" - disse Hiroshi, complementando: "Espero que a J-League cresça para ser uma liga que todo mundo queira ver".

Mikitani também elogiou a academia do Barça e a "liderança" de Iniesta, assim como os valores do jogador espanhol e sua "capacidade de influência global", que será "uma inspiração para o clube e para toda a liga e sociedade japonesa". O magnata japonês acrescentou que a "metodologia" de La Masia e do próprio Iniesta se aplicarão na academia de jovens jogadores do clube japonês.

A chegada do jogador despertou uma enorme expectativa no país asiático, refletindo nos mais de 200 jornalistas japoneses que participaram da apresentação do meia catalão. Segundo a imprensa local, Iniesta vai receber US$ 30 milhões (R$ 108 milhões) por temporada.

Estádio[editar | editar código-fonte]

Vista do Estádio Kobe Wing.

O Estádio Kobe Wing (em japonês: 神戸ウイングスタジアム) é um estádio localizado na cidade de Kobe, no Japão.

Inaugurado em Outubro de 2001, tem capacidade para 42.000 torcedores e é a casa do time de futebol Vissel Kobe, que disputa a J-League.

Recebeu três partidas da Copa do Mundo de 2002.

O Kobe Wing tem capacidade de 30.182 lugares, e para outros jogos, utiliza-se do Kobe Universiade Memorial Stadium, que possui capacidade de 45.000 pessoas.

Uniformes[editar | editar código-fonte]

Entre 1995 e 2004, o Vissel tinha como uniforme principal camisa branca com listras verticais pretas, calção preto e meias brancas. A partir de 2005, ano em que caiu pela primeira vez para a J-2, passou a usar o grená como cor em seu uniforme titular, deixando o branco no segundo uniforme.

Uniformes dos jogadores[editar | editar código-fonte]

  • Uniforme principal: Camisa bordô, calção e meias bordôs.
  • Uniforme de visitante: Camisa azul, calção e meias azuis.
  • Terceiro uniforme: Camisa branca, calção e meias brancas.
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro uniforme
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Segundo uniforme
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Terceiro uniforme

Uniformes anteriores[editar | editar código-fonte]

  • 2017
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1º uniforme
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
2º uniforme
  • 2015
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
1º uniforme
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
2º uniforme

Elenco[editar | editar código-fonte]

Elenco de Julho de 2018

Goleiros
Jogador
1 Japão Daiya Maekawa
18 Coreia do Sul Kim Seung-Gyu
28 Japão Kenshin Yoshimaru
29 Japão Shota Ogi
Defensores
Jogador Pos.
2 Japão Daisuke Nasu Z
3 Japão Hirofumi Watanabe Z
4 Japão Kunie Kitamoto Z
15 Japão Daiki Miya Z
25 Japão Leo Osaki Z
39 Japão Masahiko Inoha Z
- Japão Yuki Kobayashi Z
6 Japão Shunki Takahashi LD
34 Japão So Fujitani LD
22 Japão Wataru Hashimoto LE
30 Tailândia Theerathon Bunmathan LE
Meio-campistas
Jogador Pos.
24 Japão Masatoshi Mihara V
31 Japão Yuya Nakasaka V
35 Japão Takuya Yasui V
' Brasil Ferrugem V
7 Japão Hirotaka Mita M
8 Espanha Andrés Iniesta M
14 Japão Naoyuki Fujita M
20 Japão Asahi Masuyama M
23 Japão Yoshiki Matsushita M
27 Japão Yuuta Gouke M
36 Japão Tatsuki Noda M
38 Japão Daiju Sasaki M
Atacantes
Jogador
10 AlemanhaPolónia Lukas Podolski Capitão
17 Brasil Wellington Tanque
19 Japão Kazuma Watanabe
21 Japão Junya Tanaka
33 Japão Shohei Otsuki
Comissão técnica
Nome Pos.
Japão Takayuki Yoshida T

Desempenho[editar | editar código-fonte]

Futebolistas famosos[editar | editar código-fonte]

Clubes Afiliados[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Perfil na Soccerway.com». Consultado em 27 de agosto de 2008. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de JapãoSoccer icon Este artigo sobre clubes de futebol japoneses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.