World Super Challenge de Voleibol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

World Super Challenge de Voleibol foi um torneio de voleibol criado em 1996 pela FIVB para substituir o World Top Four.[1] Foram realizadas competições para homens e mulheres, disputadas no Japão, naquelas edições que foram as únicas do campeonato. A federação internacional convidou os três primeiros colocados do torneio de Voleibol nos Jogos Olímpicos de Verão de 1996, mais o país sede e outras duas nações para compor o grupo de participantes.[2] A fórmula do torneio consistiu em um "sistema de pontos corridos", onde todas as equipes enfrentaram-se e o vencedor foi aquele com o maior número de pontos ou, em caso de empate, um maior set average ou point average.[2]

Histórico[editar | editar código-fonte]

Masculino[editar | editar código-fonte]

World Super Challenge de Voleibol Masculino[3]
Ano Sede Campeão Vice 3º lugar
1996
Flag of Japan.svg
Japão
Itália
Itália
Países Baixos
Países Baixos
Jugoslávia
Iugoslávia

Feminino[editar | editar código-fonte]

World Super Challenge de Voleibol Feminino[4]
Ano Sede Campeão Vice 3º lugar
1996
Flag of Japan.svg
Japão
China
China
Cuba
Cuba
Brasil
Brasil

Quadro geral[editar | editar código-fonte]

 Ordem  País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Medals world.svg
1 China China 1 0 0 1
Itália Itália 1 0 0 1
3 Cuba Cuba 0 1 0 1
Países Baixos Países Baixos 0 1 0 1
5 Brasil Brasil 0 0 1 1
Jugoslávia Iugoslávia 0 0 1 1

Referências

  1. «História do voleibol internacional desde a fundação da F.I.V.B.». Federação Moçambicana de Voleibol. 17 de setembro de 2013. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 4 de março de 2015 
  2. a b «Brasil vence o Japão no World Challenge». Folha de S. Paulo. UOL. 15 de novembro de 1996. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 4 de março de 2015 
  3. «Italy Wins World Super Challenge Volleyball Tournament». Associated Press (em inglês). 24 de novembro de 1996. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 4 de março de 2015 
  4. «Brasil acaba em 3º no World Challenge». Folha de S. Paulo. UOL. 18 de novembro de 1996. Consultado em 16 de fevereiro de 2016. Cópia arquivada em 4 de março de 2015 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]