Troféu Valle d'Aosta de Voleibol Feminino

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Troféu Valle d'Aosta de Voleibol Feminino (em francês, Vallée Trophée d'Aosta vôlei de-ball féminin) foi um campeonato amistoso de vôlei feminino organizado pela FIPAV sob o patrocínio do Valle d'Aosta e da cidade de Courmayeur.[1] O evento também era comumente chamado de Torneio de Courmayeur.[2][3][4][5][6] Participavam a seleção anfitriã italiana e outros 3 ou 4 times que intercalavam-se ao longo dos anos, mas que desempenharam um papel importante no voleibol internacionalmente. Por causa de um público não muito numeroso, em 2009, a FIPAV decidiu suprimir o torneio e criar um novo em Turim.

Fórmula de disputa[editar | editar código-fonte]

A fórmula de disputa foi mudada a cada ano, também dependendo do número de participantes. Às vezes, foi disputada em duas etapas: a primeira fase foi uma fase única, onde as equipes competiram com a fórmula do round-robin, ou seja, todos contra todos. Após a primeira fase, as duas primeiras equipes competiram pelo primeiro lugar, enquanto as duas últimas concorreram pelo terceiro.[1] Em outra edição, após a fase de grupos, foram disputadas as semifinais e as finais em cruzamento olímpico. Outras vezes, foi realizado um "sistema de pontos corridos", onde todas as equipes enfrentaram-se e o vencedor foi aquele com o maior número de pontos.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

O campeonato era realizado no Valle d'Aosta Courmayeur Fórum Sport Center. O complexo geralmente é utilizado para as disciplinas tipicamente de inverno, como a patinação e o hóquei, embora seja possível transformá-lo para a disputa de modalidades de verão, como o voleibol ou o tênis.[1]

Edições[editar | editar código-fonte]

Ano Sede Pódio
Ouro Prata Bronze
2004[7] Itália Courmayeur Bandeira do Brasil Brasil[8] Bandeira da Itália Itália Bandeira do Japão Japão
2005 Itália Courmayeur Bandeira do Brasil Brasil[8][9] Bandeira da Itália Itália Bandeira de Sérvia e Montenegro Sérvia e Montenegro
2006[10] Itália Courmayeur Bandeira do Brasil Brasil Bandeira da Itália Itália Bandeira do Japão Japão
2008 Itália Courmayeur Bandeira da Itália Itália Bandeira da Alemanha Alemanha Bandeira da Rússia Rússia

Referências

  1. a b c Vignolini, Moreno (11 de junho de 2008). «A Courmayeur Italia, Francia, Germania e Russia si contendono il IV 'Trofeo Valle d'Aosta'». AostaSera.it (em italiano). Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  2. «Seleção feminina de vôlei vence a Bulgária pelo Torneio de Courmayeur». Folha de S.Paulo. Folha Online. 13 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  3. «Brasil está na final do Torneio de Courmayeur». Lancepress!. Terra. 16 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  4. «Brasil é campeão do Torneio de Courmayeur». Terra. 17 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  5. «Brasil bate Itália na final de Courmayeur e segue 100% nos torneios». UOL. 17 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  6. «Seleção feminina de vôlei vence o Torneio de Courmayeur». Vírgula. UOL. 18 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  7. «Seleção feminina é campeã ao vencer a Itália». globoesporte.com. Grupo Globo. 19 de junho de 2004. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  8. a b «Brasil vence primeiro desafio no Torneio de Courmayeur». globoesporte.com. Gazeta do Povo. 13 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  9. «Brasil estréia nesta terça na Suíça». clicRBS. globoesporte.com. 6 de junho de 2005. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 
  10. «Brasil é tricampeão do Torneio de Vôlei de Courmayeur». Agência Estado. Estadão. 17 de junho de 2006. Consultado em 26 de abril de 2017. Cópia arquivada em 26 de abril de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]