Abstinência

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Abstinência é o ato de se privar de algo com alguma finalidade, por exemplo, abstinência de um alimento por uma razão religiosa (como a abstinência de carne durante a Quaresma). É uma decisão muitas vezes forçada, que faz com que o indivíduo cesse um determinado comportamento, como beber, fumar ou consumir drogas. Seu conceito está muito ligado a substâncias tóxicas, como o álcool ou drogas, no entanto, existem outros tipos de abstinências, como a abstinência alimentar, abstinência disciplinar, abstinência sexual etc.

A abstinência sexual é a privação de relações sexuais, muitas vezes com o objetivo de prevenir gravidez indesejadas, DSTs ou então pode estar associada à castidade, praticada por jovens de algumas religiões em prol da sua devoção.

Junto com a abstinência, existe as crises de abstinência, que são as mudanças bruscas no comportamento de pessoas que estão muito dependentes de uma substância. Esta crise pode gerar diversos sintomas, como alucinações e convulsões. O termo é muito utilizado quando relacionado a drogas, que gera dependência física e psíquica.

Síndrome de abstinência[editar | editar código-fonte]

Entende-se como tal o "conjunto de modificações orgânicas que se dão em razão da suspensão brusca do consumo de droga geradora de dependência física e psíquica, como o álcool, a heroína, o ópio, a morfina, e etc." (DINIZ, 2005). Caracteriza—se em geral por alucinações e crises convulsivas.

Síndrome de abstinência fetal[editar | editar código-fonte]

É um grupo de anomalias congênitas apresentadas em bebês nascidos de mães que consumiram álcool ou outras substâncias durante a gestação.

Em pesquisa sobre desnutrição realizada na década de 70 observou-se que os bebês das mães alcoólatras apresentavam outros problemas além da desnutrição propriamente dita. Esse conjunto de sintomas foi, então, denominado como Síndrome de Abstinência Fetal (SAF) que inclui um grupo característico de defeitos como baixo peso ao nascer, atraso no crescimento e no desenvolvimento, anormalidades neurológicas, má formação do esqueleto e do sistema nervoso, comportamento perturbado, modificações na pálpebra, lábio superior fino e alongado.

Os problemas mais significativos da SAF são o retardo mental e a hiperatividade sendo, também, comum o prejuízo no aprendizado, na atenção e na memória, a descoordenação motora, a impulsividade, e, ainda, problemas para falar e ouvir.

O quadro completo de SAF se apresenta com mais frequência em mães que bebem compulsivamente não existindo, todavia, nenhum nível de consumo de álcool que possa ser considerado como seguro porque até seu uso moderado pode afetar o feto em desenvolvimento.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikcionário
O Wikcionário possui o verbete abstinência.

Referências gerais[editar | editar código-fonte]