Aichi D3A2

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde abril de 2010).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Aichi D3A1
D3A2 em manutenção.

Aichi D3A2 - apelidado pelos aliados de "Val" - foi um avião japonês usado na segunda guerra mundial. Era um bombardeiro leve e altamente eficiente e após desgarregar suas bombas ele podia enfrentar os caças americanos (no inicio da guerra do pacífico).

Com o decorrer da guerra o Val foi ficando utrapassado pois tinha trem de pouso fixo e um motor não muito eficiente, o D3A deixava de ser a preferencia dos pilotos japonêses. Como o Stuka seu maior problema era a velocidade, o Val recebeu um motor mais potente, porém consumia mais combustível e assim o bombadeiro leve recebeu tanques adicionais, porém os tanques adicionais faziam o avião ficar mais pesado e assim reduziu-se a capacidade de levar equipamentos/bombas a maiores distâncias.

O modelo D3A foi considerado inadequado logo em 1940 e já era considerado obsoleto no ataque a Pearl Harbor em 1941. Com a entrada do avião Yokosuka D4Y, os aviões da D3A pararam de ser usados em porta-aviões, para serem usados em terra.

O aichi D3A2 Val foi o principal bombardeiro de mergulho do japão no começo da guerra, o D3A2 foi projetado para substituir o biplano Aichi D1A. O D3A2 possuía asas desenhadas em forma elíptica usadas anteriormente pelos aviões Heinkel He 70. O D3A2 era metalico.

No final da guerra o D3A2 foi usado em missões kamikases.