Alex Morgan

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Alex Morgan
Alex Morgan
Informações pessoais
Nome completo Alexandra Patricia Morgan
Data de nasc. 2 de julho de 1989 (25 anos)
Local de nasc. Diamond Bar,  Estados Unidos
Altura 1,70 m [1]
Canhoto
Apelido Alex, Ali, Al, Ali Cat, A-Mor, Baby Horse, Hot Morgan
Informações profissionais
Clube atual Estados Unidos Portland Thorns
Número 13
Posição Atacante
Site oficial Página oficial
Clubes profissionais12
Anos Clubes Jogos (golos/gols)
2008–2009
2010
2010
2011
2012
2013–
Estados Unidos West Coast FC
Estados Unidos California Storm
Estados Unidos Pali Blues
Estados Unidos Western New York Flash
Estados Unidos Seattle Sounders
Estados Unidos Portland Thorns
002 0000(2)
003 0000(5)
003 0000(1)
014 0000(4)[2]
003 0000(2)
017 0000(8)
Seleção nacional
2008
2010–
Estados Unidos Estados Unidos Sub-20
Estados Unidos Estados Unidos
010 0000(5)
068 000(44)


1 Partidas e gols pelo clube profissional
contam apenas partidas das ligas nacionais,
atualizados até 9 de agosto de 2012.
2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 9 de agosto de 2012.

Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Londres 2012 Equipe

Alexandra Patricia Morgan[1] , mais conhecida como Alex Morgan (Diamond Bar, 2 de julho de 1989) é uma futebolista norte-americana que atua como atacante. Atualmente, joga pelo Portland Thorns.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Além de sua incomparável beleza, Alex Morgan desponta como a maior promessa do futebol feminino nos Estados Unidos.[3] Começou jogando na Universidade da Califórnia em Berkeley como estudante.

Em 14 de janeiro de 2011, Morgan acertou com o Western New York Flash, assim ela fez história ao se tornar a primeira jogadora da California Golden Bears a jogar numa equipe de futebol profissional dos Estados Unidos.

No dia 27 de fevereiro foi anunciado pela equipe feminina do Seattle Sounders, trocando a cidade de Nova Yorque por Seattle.

Seleção[editar | editar código-fonte]

Morgan com a seleção feminina dos Estados Unidos em 2012

Devido a uma lesão em 2007, Morgan não foi chamada para treinar com a Seleção Norte-Americana Sub-20 até abril de 2008. Seu primeiro jogo pela Seleção Sub-20 foi em Puebla, no México, onde marcou seu primeiro gol internacional contra Cuba.[4]

Morgan foi chamada para disputar o Mundial Feminino Sub-20 de 2008, no Chile, onde marcou quatro gols no torneio contra a França, Argentina e Coréia do Norte, seu último gol marcado contra a Coréia do Norte foi posteriormente eleito o gol mais bonito do torneio[5] , e mais tarde, o segundo melhor do ano pela FIFA.[6] O desempenho de Morgan no campo lhe rendeu a Chuteira de Bronze como a terceira melhor marcadora do torneio e a segunda melhor jogadora do torneio, ficando atrás de sua companheira Sydney Leroux.[7]

Em 2011, foi convocada para diputar a Copa do Mundo de Futebol Feminino de 2011, na Alemanha. No dia 13 de julho, marcou seu primeiro gol numa Copa do Mundo aos 82 minutos, na semifinal contra a França, na vitória dos Estados Unidos por 3 a 1.

Na final do Copa do Mundo Feminina de Futebol, contra o Japão, Alex foi um dos principais destaques, entrando no segundo tempo regulamentar, e com apenas 5 minutos jogando, ela chutou na trave. Mas além disso fez o primeiro gol da final e ainda deu assistência para o segundo gol dos EUA (Abby Wambach de cabeça), porém as japonesas empataram o jogo em 2 a 2, e as nipônicas venceram nos pênaltis por 3 a 1.

Em 2012, Morgan foi convocada para os Jogos Olímpicos. Na fase de grupos, em que os Estados Unidos venceram as três partidas, Morgan marcou dois gols contra a França,[8] , deu uma assistência a gol para Megan Rapinoe contra a Colômbia[9] e outra assistência para Abby Wambach contra a Coreia do Norte.[10]

Na fase eliminatória, Morgan novamente deu outra assistência para Wambach abrir a vitória por 2-0 sobre a Nova Zelândia nas quartas de final.[11] Na semifinal, Morgan marcou o gol da vitória na partida contra o Canadá no tempo extra, colocando os Estados Unidos para disputar a medalha de ouro contra o Japão. Na final, no dia 9 de agosto, venceram as nipônicas por 2-1. Morgan deu uma assistência para a cabeçada de Carli Lloyd.[12] Ela terminou o torneio com três gols e cinco assistências.

No final de novembro de 2012, foi indicada pela Fifa para a final do prêmio Bola de Ouro da FIFA, junto com a brasileira Marta e a estadunidense Abby Wambach.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Western New York Flash
Portland Thorns
  • National Women's Soccer League: 2013
Seleção Norte-Americana

Campanhas de destaque[editar | editar código-fonte]

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de Estados UnidosSoccer icon Este artigo sobre futebolistas estadunidenses é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.