Bandeira azul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Blue Flag Logo.svg
Bandeira azul de 2007

A bandeira azul é uma distinção atribuída anualmente pela Fundação para a Educação Ambiental (FEE) a praias (marítimas e fluviais) e marinas que cumpram um conjunto de requisitos de qualidade ambiental, segurança, bem-estar, infra-estruturas de apoio, informação aos utentes e sensibilização ambiental. As praias e marinas distinguidas ficam autorizadas a ostentar a bandeira oferecida pela FEE durante a época balnear. Pode, portanto, ser considerada um símbolo de garantia de qualidade de uma praia ou marina.

História[editar | editar código-fonte]

A bandeira azul começou a ser atribuída em 1987, no Ano Europeu do Ambiente com o apoio da União Europeia. Nesse ano, foram distinguidas 244 praias e 208 marinas de 10 países europeus.

Desde então, o número de praias galardoadas tem aumentado de ano para ano e envolvendo outros países. Em 2001, o âmbito da bandeira azul deixou de ser apenas europeu e passou a ser global, contando com países como África do Sul, Canadá, Nova Zelândia, entre outros.

Critérios[editar | editar código-fonte]

Os critérios de atribuição da bandeira azul incluem diversos parâmetros em categorias como:

  • qualidade da água,
  • informação e educação ambiental,
  • conservação do meio-ambiente local,
  • segurança, serviços e infra-estruturas de apoio

Apesar dos critérios terem evoluído de ano para ano, tornando-se cada vez mais exigentes, o número de praias e marinas distinguidas não tem parado de aumentar.

Em primeira instância um júri nacional aprova uma lista de praias e portos que obedeçam aos critérios e que se candidatem. Depois as candidaturas são enviadas e submetidas, a um júri internacional, composto por elementos da FEE e de um representante da Comissão Europeia.

Bandeira azul em Portugal[editar | editar código-fonte]

Portugal é um dos países que ostenta mais bandeiras azuis em todo o mundo, resultado do investimento realizado pelo governo e autarquias na manutenção e melhoria das condições das praias.

Em 1987 apenas setenta e uma praias portuguesas ostentavam a bandeira azul, em 2004 cerca de cento e sessenta e cinco praias foram galardoadas com a bandeira azul. A tabela seguinte mostra a evolução do número de bandeiras azuis atribuídas a Portugal por regiões.

Em 2011 Portugal conquistou o primeiro lugar no ranking mundial dos países com maior número de praias com bandeira azul. O concelho que mais teve bandeiras foi Albufeira, com 20. Com este reconhecimento, Portugal torna-se cada vez mais um dos destinos costeiros de maior referência no mundo inteiro.[1]

Praia com bandeira azul
Ano Praias Marinas TOTAL
Norte Centro Lisboa Alentejo Algarve Açores Madeira TOTAL
1987 6 4 22 6 33 0 0 71 1 72
1988 14 11 10 3 27 3 0 68 3 71
1989 18 13 21 10 32 11 2 107 3 110
1990 10 13 20 10 37 10 1 101 2 103
1991 8 14 21 5 34 12 2 96 2 98
1992 5 14 13 7 0 11 0 50 1 51
1993 9 13 19 5 42 12 2 102 1 103
1994 9 14 16 6 45 1 5 96 0 96
1995 9 13 17 4 46 18 4 111 3 114
1996 11 11 25 6 40 18 3 114 4 118
1997 11 10 22 4 43 24 8 123 3 126
1998 7 13 19 2 41 23 7 112 4 116
1999 8 12 20 3 43 20 9 115 5 120
2000 11 12 31 5 44 27 9 136 5 141
2001 11 12 24 4 42 24 15 127 7 134
2002 22 10 29 7 45 17 14 144 5 149
2003 34 9 29 9 47 26 15 169 8 177
2004 35 8 34 12 45 19 12 165 8 173
2005 32 14 45 13 48 25 14 191 11 202
2006 35 17 48 12 55 26 15 208 11 219
2007 33 19 30 12 47 22 16 179 12 191
2008 37 19 34 17 48 23 15 193 16 209
2010 56 19 30 23 69 28 16 240 14 254
2011 63 18 45 22 74 33 14 271 14 285
2012 67 23 49 24 69 32 11 275 14 289
2013 67 27 49 25 69 27 13 277 14 291
2014 66 27 49 27 82 32 15 278 14 298
Fonte: Fee Portugal - Associação Bandeira Azul da Europa

Bandeira Azul do Brasil[editar | editar código-fonte]

Jurerê Internacional, em Florianópolis (SC), foi a primeira praia do Brasil e da América do Sul a receber a Bandeira Azul, em 2009, tendo porém perdido tal qualificação recentemente. Atualmente apenas a Praia do Tombo em Guarujá possui a Bandeira e ganhou em 2011 a permissão pra ostentá-la por mais um ano. Praias bem organizadas de cidades grandes, como a praia da Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro; praia de Itacoatiara, em Niterói; e a Praia de Boa Viagem, no Recife são fortes concorrentes para tal distinção.

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]