Cultura wari

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Territórios huaris (norte), tiahuanacos (sul) e Blas oceânico (oeste)

Os huaris (ou waris) foram uma civilização que floreceu no centro dos Andes aproximadamente do ano 500 até 1200 d. C..[1]

A capital desta entidade política era a cidade de Wari, que se localizada a 25 quilômetros ao noroeste de Ayacucho.

Esta cidade junto à cidade de Tiwanaku foi o centro de um império que cobria a maior parte da puna e a costa do Peru atual. Foi um dos primeiros grandes impérios na América do Sul, posteriores aos mochicas e anteriores (cerca 300 anos) ao Tahuantinsuyo que dominaria a maior parte da região andina.

O estado huari estableceu centros arquitetônicos importantes em muitas de suas províncias.

O Império Tiwanaku-Wari serviu também como um modelo para o Império Inca. Eles já contavam com um sistema de caminhos que serviram de exemplo para os incas, que o incrementaram (apesar de os caminhos na América terem surgido muito antes).


Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre antropologia ou um antropólogo é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.