Das Virtudes e Vícios

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Das virtudes e vícios (De Virtutibus et Vitiis Libellus, em latim; Περι αρετων και κακιων, em grego clássico) é o mais breve dos quatro tratados de ética atrbuídos a Aristóteles. A obra, atualmente, é considera espúria por acadêmicos e suas verdadeiras origens são incertas, ainda que provavelmente foi criada por um membro da escola peripatética[1] .

Referências

  1. Zeller, Eduard (1883). A history of eclecticism in Greek philosophy. Longmans, Green, and Co., pg. 145

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Portal A Wikipédia possui o:
Portal de Filosofia