Hugo Wolf

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Hugo Wolf.

Hugo Philipp Jakob Wolf (Slovenj Gradec, 13 de março de 1860Viena, 22 de fevereiro de 1903) foi um compositor austríaco.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Viveu em circunstâncias difíceis, sem ter obtido o sucesso e desgastado pelas desavenças com Johannes Brahms, que considerava um compositor retrógrado. Não compunha regurlarmente; teve períodos de intensa produção e períodos de esterilidade.

Estudou no Conservatório de Viena, sendo expulso por indisciplina em 1877. Admirador incondicional de Richard Wagner, a partir de 1875 passa a compor Lieder (canções) para canto e piano. Com poucos recursos financeiros, sobrevive dando aulas de piano.

Hugo Wolf continuou e ampliou a tradição dos Lieder de Schubert e Schumann, porém em suas composições revela-se mais moderno . Evidentemente, influenciado pela música de Wagner.

Seus 51 Lieder de Goethe foram publicados em 1889, juntamente com os 53 Lieder de Mörike e os 20 de Einchendorff. Em 1890, escreve os 44 Lieder espanhóis. Em 1895, em poucos meses, escreve a ópera "Der Corregidor" ("O Corregedor"), com libreto de Rosa Mayreder. Em 1896, termina o segundo volume dos 46 Lieder italianos.

É autor também de música coral e um quarteto de cordas. Em 1897, passa a sofrer de transtornos mentais, sendo internado em um hospital psiquiátrico para tratamento.Sua morte precoce, aos 42 anos, significou a perda de um dos maiores compositores de Lieder.

Em 1914, foi erigido um monumento em sua homenagem no Cémitério Central Vienense. O Círculo Hugo Wolf, de Viena, publicou entre os anos de 1898 e 1900 todos os artigos sobre Hugo Wolf, e um catálogo de todas as suas composições foi publicado por Paulo Müller em Leipzig, em 1907.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Izzo, Miguel. Noções Elementares de Música. Irmãos Vitale Editores, 5ª ed., 1946. 238 p.

Portal A Wikipédia possui o
Portal da Música