James Ingram

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
James Ingram
James Ingram e Dave Koz
Informação geral
Nome completo James Edward Ingram
Nascimento 16 de fevereiro de 1952 (62 anos)
Origem Akron, Ohio
País Estados Unidos
Gênero(s) Soul, adult contemporary, quiet storm, rhythm and blues[1]
Ocupação(ões) Cantautor
produtor musical
Instrumento(s) Piano
sintetizador
guitarra
baixo elétrico
bateria
Página oficial www.jamesingramsmusic.com

James Ingram (Akron, Ohio, 16 de fevereiro de 1952[1] ) é um cantor, compositor e produtor musical estadunidense.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Autodidata, aprendeu a tocar piano, guitarra, baixo, bateria e sintetizador.[2] Começou na música como um membro do grupo Revelation Funk.[3] Durante este tempo, Ingram desenvolveu uma reputação na área de Los Angeles como um cantor de estúdio e chamou a atenção de Lamont Dozier, ex-compositor da Motown Records e produtor. Dozier convidou Ingram a contribuir com algum material; uma canção se destacou, "Love's Calling", fazendo parte do álbum Zingara, lançado em 1980.

Na década de 1980, Ingram ficou mais conhecido por suas colaborações. Ele foi número 1 nas paradas pop com Patti Austin em Baby, Come to Me, uma canção que se tornou popular por fazer parte da soap opera General Hospital. Um outro dueto de Austin e Ingram , How Do You Keep the Music Playing?, foi trilha do filme Best Friends (1982) e ganhou uma indicação ao Óscar.

Em 1981, Ingram fez os vocais de Just Once e One Hundred Ways no álbum de Quincy Jones, The Dude.[3] Por seu trabalho neste álbum, ele ganhou um prêmio Grammy de melhor vocalista de R&B.[3] O álbum de estreia de Ingram, It's Your Night, foi lançado em 1983 e trouxe a balada There's No Easy Way. Ele também trabalhou com outros artistas notáveis do R&B como Ray Charles, Anita Baker, Lazlo Viktor, Nancy Wilson, Natalie Cole e Kenny Rogers.

Em 1984, ele se associou à Kenny Rogers e Kim Carnes para a balada "What About Me?". Em 1985 , ele ganhou um Grammy Award por "Yah Mo B There", um dueto com Michael McDonald. No mesmo ano, participou, junto com outros quarenta e cinco artistas, da gravação do single de caridade "We Are the World" do grupo USA for Africa. Ele também co-escreveu P.Y.T. (Pretty Young Thing) que foi gravada por Michael Jackson em seu álbum Thriller.

Em 1986, Ingram participou de um dueto com Linda Ronstadt, "Somewhere Out There", que foi trilha sonora do filme de animação An American Tail e lhe rendeu um Grammy. A mesma canção recebeu indicação ao Óscar e recebeu disco de ouro (mais de 500.000 cópias vendidas nos Estados Unidos) pela RIAA.

Em 1990, sua balada romântica I Don't Have the Heart chegou ao topo da parada. Durante a década de 1990 Ingram participou de várias canções que foram trilhas sonoras de filmes como One More Time, tema de Sarafina! (1992) e Where Did My Heart Go?, tema do filme City Slickers (1991). Sua composição de 1994, The Day I Fall in Love, um dueto com Dolly Parton, foi a canção tema do filme Beethoven's 2nd e foi nomeada para um Oscar de melhor canção original.

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Posição nas paradas[4] [5] [6] Certificações nos
Estados Unidos[7]
Gravadora
US US
R&B
US Gospel UK
1983 It's Your Night 46 10 25 Ouro Qwest/Warner Bros.
1986 Never Felt So Good 123 37 72
1989 It's Real 117 44
1993 Always You 74
2008 Stand (In the Light) 63 18 Intering
"—" indica que o álbum não obteve boa colocação nas paradas, não foi lançado ou não foi certificado

Compilações[editar | editar código-fonte]

Ano Álbum Posição nas paradas[4] [5] Certificações nos
Estados Unidos[7]
Gravadora
US US
R&B
1991 Greatest Hits: The Power of Great Music 168 Ouro Qwest/Warner Bros.
1999 Forever More (Love Songs, Hits & Duets) 165 94 Private Music
"—" indica que o álbum não obteve boa colocação nas paradas, não foi lançado ou não foi certificado

Singles[editar | editar código-fonte]

Ano Single Posição nas paradas[4] [5] [6] Álbum
US US
R&B
US
AC
UK
1981 "Just Once" (Quincy Jones featuring James Ingram) 17 11 7 The Dude
(Quincy Jones)
"One Hundred Ways" (Quincy Jones featuring James Ingram) 14 10 5
1982 "Baby, Come to Me" (dueto com Patti Austin) 1 9 1 11 Every Home Should Have One
(Patti Austin)
1983 "How Do You Keep the Music Playing?" (dueto com Patti Austin) 45 6 5 It's Your Night
"Whatever We Imagine" 21
"Yah Mo B There" (dueto com Michael McDonald) 19 5 10 12
1984 "There's No Easy Way" 58 7
"She Loves Me (The Best That I Can)" 59 19
"What About Me?" (Kenny Rogers com Kim Carnes e James Ingram) 15 57 1 92 What About Me?
(Kenny Rogers)
1985 "It's Your Night" 25 It's Your Night
1986 "Always" 27 Never Felt So Good
"Never Felt So Good" 86
"Somewhere Out There" (dueto com Linda Ronstadt) 2 4 8 An American Tail
1987 "Better Way" 66 Beverly Hills Cop II
1989 "It's Real" 8 83 It's Real
"I Wanna Come Back" 18
"(You Make Me Feel Like) A Natural Woman" 30
1990 "The Secret Garden" (Quincy Jones featuring Al B. Sure!,
James Ingram, El DeBarge e Barry White)
31 1 26 67 Back on the Block
(Quincy Jones)
"I Don't Have the Heart" 1 53 2 It's Real
"When Was the Last Time the Music Made You Cry?" 81
1991 "Where Did My Heart Go?" 23 City Slickers
"Get Ready" 59 The Greatest Hits:The Power of Great Music
1994 "The Day I Fall in Love" (dueto com Dolly Parton) 64 Beethoven's 2nd
1995 "When You Love Someone" (dueto com Anita Baker) 71 Forget Paris
"—" indica que o single não obteve boa colocação nas paradas ou não foi lançado

Referências

  1. a b James Ingram - Allmusic allmusic.com. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  2. Biografia de James Ingram letras.com.br. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  3. a b c James Ingram Biography soultracks.com. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  4. a b c James Ingram US chart history billboard.com. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  5. a b c James Ingram US chart history allmusic.com. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  6. a b James Ingram UK chart history chartstats.com. Visitado em 13 de outubro de 2010.
  7. a b James Ingram US certifications http://www.riaa.com.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]