Leptotes tenuis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaLeptotes tenuis
Leptotes tenuis 02.jpg

Classificação científica
Domínio: Eukaryota
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Liliopsida
Ordem: Asparagales
Família: Orchidaceae
Subfamília: Epidendroideae
Tribo: Epidendreae
Subtribo: Laeliinae
Género: Leptotes
Espécie: L. tenuis
Nome binomial
Leptotes tenuis
Rchb.f. 1865
Sinónimos
Leptotes minuta (Rolfe) Rolfe 1889
Tetramicra minuta Rolfe 1889

Leptotes tenuis é uma pequena espécie de orquídea epífita de crescimento cespitoso que habita áreas mais secas da mata atlântica dos quatro estados da região do sudeste do Brasil.[1] Apresentam rizoma curto e pseudobulbos muito pequenos que quase imperceptivelmente prolongam-se em uma carnosa folha teretiforme curta e ereta. A inflorescência é apical, curta, e comporta de uma a poucas flores pequenas e bem abertas. As flores geralmente são de coloração amarela-esverdeada, com labelo manchado de púrpura. As pétalas e sépalas são parecidas, o labelo é trilobado com margens serrilhadas, possuindo garras que se prendem aos lados da coluna. Esta é curta e possui seis polínias de tamanhos desiguais, quatro grandes e duas pequenas.[2] São plantas relacionadas à Loefgrenianthus e Pseudolaelia e Schomburgkia.[3]

Pertence ao grupo de Leptotes de folhas curtas, e flores mais arredondadas e mais abertas, porém menores. Pode ser reconhecida por ser a única espécie com sépalas e pétalas amareladas ou esverdeada, e por apresentar uma forte marca púrpura no centro do labelo.[4]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Govaerts, Rafaël et al: World Checklist of Orchidaceae. The Board of Trustees of the Royal Botanic Gardens, Kew. Publicado na Internet (em inglês) (consultada em janeiro de 2009).
  2. Reichenbach, Heinrich Gustav: Leptotes tenuis em Hamburger Garten Blumenzeitung Vol.21, pp. 296. Hamburg, 1865.
  3. Van den Berg, Cássio et al: A phylogenetic analysis of Laeliinae based on sequence data from ITS of nuclear ribosomal DNA. Lindleyana 15(2): pp. 96–114. 2000. Publicado na Internet, em inglês.
  4. Withner, Carl L.: The Cattleyas and Their Relatives, Vol. 3, pp.97. Timber Press, Oregon.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre orquídeas (família Orchidaceae), integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.