Pra Tocar no Manto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Pra Tocar no Manto
Álbum de estúdio de Trazendo a Arca
Lançamento 6 de junho de 2009 (2009-06-06)
Gravação Estúdio Peniel, 2009.
Gênero(s) Música cristã contemporânea, canto congregacional, rock progressivo, pop rock, folk
Duração 65:28
Idioma(s) Português
Formato(s) CD
Gravadora(s) Marcas da Promessa Distribuição
Produção Ronald Fonseca
Arranjos Ronald Fonseca, Zé Canuto, Wagner Derek e Quiel Nascimento
Certificação Gold.png Ouro[1] .
Cronologia de Trazendo a Arca
Último
Último
Ao Vivo no Maracanãzinho
(2008)
Salmos e Cânticos Espirituais
(2009)
Próximo
Próximo

Pra Tocar no Manto é o segundo álbum de estúdio do grupo de música cristã brasileira Trazendo a Arca, lançado em junho de 2009 no Brasil. Após a grande repercussão midiática e de vendas de Marca da Promessa e dois anos sem uma gravação inédita em estúdio, Pra Tocar no Manto chegou às lojas, seguindo a proposta e o estilo musical do trabalho antecessor.

Após a gravação do álbum Ao Vivo no Maracanãzinho, o lançamento do disco Deus não Falhará do vocalista Davi Sacer a banda passou a iniciar os processos de composição, gravação e produção do trabalho. O primeiro integrante do grupo a se pronunciar sobre o assunto foi o vocalista Luiz Arcanjo, declarando que na opinião dele era o melhor álbum do Trazendo a Arca em que ele havia participado, considerando um projeto mais maduro e concebido num bom momento. O músico ainda foi o autor da maioria das canções do repertório, grande parte delas de finalidade reflexiva.

Em termos musicais, o trabalho é baseado no canto congregacional e contém traços do pop rock e do rock progressivo contemporâneo, mesclando também sonoridades do folk em algumas canções. A maior parte dos arranjos da obra são de autoria do pianista Ronald Fonseca, mas tendo a colaboração do instrumentista Zé Canuto na elaboração dos arranjos de metais e de Wagner Derek e Quiel Nascimento nos arranjos de cordas.

Pra Tocar no Manto foi distribuído de forma independente pelo próprio grupo, todavia o trabalho chegou a vender mais de quarenta mil cópias em dois meses. O projeto gráfico da obra foi produzido pelo cantor e designer David Cerqueira.

Antecedentes e gravação[editar | editar código-fonte]

Luiz Arcanjo, um dos vocalistas, foi o principal compositor da maior parte das canções.

Anteriormente à Pra Tocar no Manto, o Trazendo a Arca lançara Marca da Promessa em 2007. O primeiro trabalho da banda após a saída de seus membros do Toque no Altar havia recebido grande aclamação do público evangélico,[2] fazendo com que o conjunto gravasse um álbum no Japão e mais tarde, em 2008 um DVD no Maracanãzinho.[3] Além dos projetos do grupo, membros da banda trabalhavam em projetos paralelos, como o vocalista Davi Sacer que gravava seu primeiro disco solo produzido por Ronald Fonseca, pianista da banda, tendo a maioria das canções escritas pelos músicos,[4] e Ronald também assinava na mesma época a produção musical de Separados, do Ministério Unção de Deus, tendo dado algumas de suas canções para o projeto lançado pela gravadora Graça Music. Ainda, neste mesmo trabalho Isaac Ramos atuou como guitarrista e os vocalistas Luiz Arcanjo e Davi Sacer contribuíram nas composições.[5]

Ao Vivo no Maracanãzinho foi lançado em dezembro de 2008. A partir daí, a banda começou a trabalhar no novo trabalho. A obra foi gravada no estúdio Peniel. Em entrevista ao Troféu Talento, Luiz Arcanjo contou, após a masterização do trabalho que este era o melhor e mais maduro da banda. O lançamento para o disco estava previsto para o início de junho de 2009.[6]

Cquote1.svg As pessoas que ouvirem esse CD vão sentir uma diferença tanto na produção musical quanto nas letras. É um CD reflexivo, embora tenha muitas celebrações, é mais maduro; há canções que vão confrontar. Cquote2.svg
Luiz Arcanjo comentando sobre o disco.[6]

Segundo declaração do cantor Luiz Arcanjo, o álbum foi concebido num momento de maior calma na banda após os momentos turbulentos da divisão ocorrida no final de 2006 e a alta popularidade do grupo com o lançamento de Marca da Promessa.[7]

Para os intervalos das faixas foi realizada uma captação ao vivo em abril de 2009 na Igreja Assembleia de Deus em Nova Iguaçu, local onde a banda registrou a voz do público que cantou as canções e registraram os aplausos contidos no trabalho.[8]

A capa do álbum foi desenvolvida por David Cerqueira, cantor e amigo da banda, tendo trabalhado em discos anteriores do conjunto juntamente com a Agência Excellence, sua empresa. O encarte faz uma alusão à vestimenta de Jesus, a qual foi foco numa passagem bíblica envolvendo a cura de uma mulher com um fluxo de sangue. As fotos do projeto foram registradas por Marcel Compan.[8] O encarte dividiu opiniões dentre o público, principalmente porque muitos a consideraram apelativa e alegórica.[9]

Lançamento, divulgação e recepção[editar | editar código-fonte]

Críticas profissionais
Avaliações da crítica
Fonte Avaliação
Super Gospel (favorável)[9]
Gospel 10 9 de 10 estrelas.Star full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar full.svgStar empty.svg[10]

Pra Tocar no Manto foi lançado em junho de 2009, após ter divulgado a letra da canção "Pra Tocar no Manto". O trabalho chegou a vender mais de quarenta mil cópias durante os dois primeiros meses de distribuição.[11] Para a divulgação do disco, a banda anunciou uma turnê marcada para o início de 2010 a qual o Trazendo a Arca faria eventos por vários países do mundo a fim de divulgar o trabalho.[12]

A consagração da obra foi realizada na Igreja Batista Betânia, congregação a qual a maioria dos integrantes da banda fazem parte, localizada no Rio de Janeiro. No evento foram executadas as principais canções do trabalho, como "Serás Sempre Deus", "Dono das Estrelas", "Cruz" e em seguida os integrantes receberam a bênção dos pastores da denominação.[13]

No dia cinco de agosto daquele ano a banda esteve na Rádio Melodia, uma das rádios cristãs de maior audiência do Brasil no objetivo de se apresentarem ao vivo e contar detalhes acerca da carreira e o novo trabalho. Além de canções inéditas, a banda interpretou clássicos como as canções "Marca da Promessa", "Sobre as Águas" e "Olha pra Mim".[7]

Trecho de "Quem é Você", na voz de Luiz Arcanjo.

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

O álbum foi alvo de duas críticas da mídia especializada. Roberto Azevedo do Super Gospel fez uma descrição da obra e em seguida avaliou e descreveu canção por canção, não atribuindo uma nota ao trabalho. Porém, destacou o projeto gráfico do trabalho, achando-o lindo. Os arranjos de metais em "Salmo 3" produzidos pelo músico Zé Canuto foi lembrado como ponto positivo na música. A sonoridade do refrão de "Invoca-Me", o arranjo de cordas da faixa-título da obra, a forte presença dos vocais de apoio em "Cruz" e a letra confrontante de "Quem é Você" também são lembradas pelo resenhista.[9]

A análise do portal Gospel 10, ao contrário da mídia anterior foi mais generalista, destacando que Pra Tocar no Manto é um trabalho mais maduro musicalmente e espiritualmente, comparado ao antecessor Marca da Promessa. Segundo o autor, o encarte é criativo, os arranjos estão bem executados e vocais de apoio de alta qualidade musical.[10]

Live in Orlando[editar | editar código-fonte]

Na noite de 30 de julho de 2011, na Primeira Igreja Batista de Orlando, Flórida, foi realizada a gravação de Live in Orlando, o primeiro DVD internacional do Trazendo a Arca. Acompanhado por um coral de 200 vozes, o grupo cantou as principais músicas dos álbuns Salmos e Cânticos Espirituais, Entre a Fé e a Razão e Pra Tocar no Manto, sendo que "Yeshua", "Invoca-Me", "Serás Sempre Deus", "Pra Tocar no Manto" e "Cruz" foram as escolhidas do álbum Pra Tocar no Manto para o DVD, todas interpretadas pelo vocalista Luiz Arcanjo. O evento reuniu mais de três mil pessoas, com entrada franca.[14] [15]

Estilo musical e canções[editar | editar código-fonte]

O cantor Kleber Lucas contribuiu na composição de duas canções do repertório.
Trecho de "Pra Tocar no Manto", na voz de Davi Sacer.

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

A obra segue a linha musical deixada por seu antecessor, Marca da Promessa, trazendo em sua ficha técnica parceria com diversos músicos reconhecidos na música brasileira, como Zé Canuto e Jamba, responsável pela mixagem do trabalho.[8] [9] Segundo Luiz Arcanjo, a linha letrista tratada no trabalho é mais reflexiva que nos trabalhos anteriores, tendo canções que confrontam com o ouvinte.[6]

"Invoca-Me" e "Cruz" são as canções do disco escritas em parceria com o cantor Kleber Lucas. Na primeira citada, esta destaca-se por ser uma balada com traços folk, e a última por ser uma canção congregacional. Dentre as parcerias, ainda há a participação de Aline Barros na autoria de "Caminho de Milagres", gravada anteriormente pela artista no álbum homônimo em 2007.[9]

Um dos single de Pra Tocar no Manto é "Serás Sempre Deus" na voz de Luiz Arcanjo

Problemas para escutar este arquivo? Veja a ajuda.

"Salmo 3" e "Yeshua" são as canções festivas do trabalho que contém arranjos de metais de autoria do músico Zé Canuto. "Semeando com Lágrimas" possui uma sonoridade densa e uma letra que enfatiza a perseverança e fé. "Serás Sempre Deus" destaca-se pela sua letra de confiança à Deus, e "Pra Tocar no Manto", ao contrário da canção anterior possui um arranjo leve com uma grande presença de cordas.[9]

"Perdoa", escrita unicamente por Luiz Arcanjo é uma canção reflexiva e de arrependimento com vários riffs de guitarra progressivos. "Dono das Estrelas" é uma das canções mais congregacionais do trabalho, com uma letra de exaltação à Deus. "Toca na Rocha" possui uma letra baseada num momento bíblico ocorrido com Moisés, e "Quem é Você" termina a gravação com a letra mais reflexiva e crítica do repertório, de autoria e interpretação do Luiz Arcanjo que enfatiza a fraqueza e o estado hipócrita de um indivíduo que possui um cargo num templo, mas vive uma vida dupla.[9]

Faixas[editar | editar código-fonte]

N.º Título Compositor(es) Vocais Duração
1. "Salmo 3"   Deco Rodrigues, Luiz Arcanjo e Davi Sacer Davi Sacer 04:27
2. "Yeshua"   Ronald Fonseca e Luiz Arcanjo Luiz Arcanjo 04:45
3. "Invoca-Me"   Ronald Fonseca, Luiz Arcanjo e Kleber Lucas Davi Sacer 05:48
4. "Perdoa"   Luiz Arcanjo Luiz Arcanjo 04:19
5. "Semeando com Lágrimas"   Luiz Arcanjo Davi Sacer 04:19
6. "Serás Sempre Deus"   Luiz Arcanjo e Deco Rodrigues Luiz Arcanjo 05:53
7. "Pra Tocar no Manto"   Luiz Arcanjo Davi Sacer 05:49
8. "Cruz"   Ronald Fonseca, Luiz Arcanjo e Kleber Lucas Luiz Arcanjo 06:14
9. "Dono das Estrelas"   Ronald Fonseca, Davi Sacer e Luiz Arcanjo Davi Sacer e Verônica Sacer 06:14
10. "Toca na Rocha"   Luiz Arcanjo Luiz Arcanjo 04:18
11. "Caminho de Milagres"   Davi Sacer, Luiz Arcanjo, Ronald Fonseca e Aline Barros Davi Sacer 06:16
12. "Quem é Você"   Luiz Arcanjo Luiz Arcanjo 05:15
Duração total:
65:28

Pra Tocar no Manto - Playback[editar | editar código-fonte]

Pra Tocar no Manto - Playback é uma versão em playback instrumental trabalhada a partir do álbum original, onde a voz dos vocalistas do Trazendo a Arca e as captações ao vivo foram retiradas para que seja usado como umkaraokê pelo ouvinte. Na edição, contém todas as faixas do trabalho principal em sua gravação original, tendo assim os mesmos músicos e técnicos envolvidos no projeto em playback quanto no principal.[16]

Ficha técnica[editar | editar código-fonte]

Banda[editar | editar código-fonte]

Músicos convidados[editar | editar código-fonte]

Equipe técnica[editar | editar código-fonte]

  • Jamba: Mixagem e técnico de estúdio
  • Áureo Marquezine: Técnico de estúdio
  • Tiago Marques: Técnico de estúdio
  • Samuel Júnior: Técnico de estúdio
  • Toney Fontes: Masterização

Referências

  1. Pra Tocar no Manto é Disco de Ouro.
  2. Myriam Rosário. Trazendo a Arca é o grande vencedor do Troféu Talento 2008 Guia-me. Visitado em 22 de janeiro de 2012.
  3. Roberto Azevedo. CD Ao Vivo no Maracanãzinho Volume 1 (Trazendo a Arca) - Análise Super Gospel. Visitado em 29 de outubro de 2011.
  4. Jonatha Cardoso. CD Deus não Falhará (Davi Sacer) - Análise Super Gospel. Visitado em 4 de março de 2012.
  5. Tarcísio Wallace Sant'ana. CD Separados (Unção de Deus) - Análise Super Gospel. Visitado em 20 de dezembro de 2012.
  6. a b c Trazendo a Arca anuncia os projetos para 2009 e 2010 Casa Gospel. Visitado em 20 de dezembro de 2012.
  7. a b Trazendo a Arca na Rádio Melodia Trazendo a Arca. Visitado em 20 de dezembro de 2012.
  8. a b c (2009) Créditos do álbum Pra Tocar no Manto por Trazendo a Arca. Marcas da Promessa Distribuição.
  9. a b c d e f g Azevedo, Roberto (17 de outubro de 2009). CD Pra Tocar no Manto (Trazendo a Arca) - Análise Super Gospel. Visitado em 3 de março de 2012.
  10. a b Ministério Trazendo a Arca - Pra Tocar no Manto - Crítica musical gospel Gospel 10. Visitado em 19 de setembro de 2012.
  11. Trazendo a Arca fala sobre novo CD de Salmos Guia-me. Visitado em 2 de fevereiro de 2012.
  12. 2010 Trazendo a Arca nos Estados Unidos Trazendo a Arca. Visitado em 20 de dezembro de 2012.
  13. Culto de consagração Trazendo a Arca. Visitado em 20 de dezembro de 2012.
  14. Trazendo a Arca grava DVD na Flórida Gospel no Divã. Visitado em 20 de maio de 2012.
  15. CD Live in Orlando (Trazendo a Arca) - Análise Super Gospel. Visitado em 14 de abril de 2012.
  16. Comprar - Play-back Trazendo a Arca - Pra Tocar no Manto Gospel Goods. Visitado em 20 de dezembro de 2012.