Primo Basílio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde maio de 2013).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Primo Basílio
 Brasil
2007 • cor • 104 min 
Direção Daniel Filho
Roteiro Euclydes Marinho
Baseado em O Primo Basílio 
de Eça de Queirós
Elenco Débora Falabella
Fábio Assunção
Reynaldo Gianecchini
Glória Pires
Género drama
Idioma português
Página no IMDb (em inglês)

Primo Basílio é um filme brasileiro do gênero drama, dirigido por Daniel Filho, e cuja estreia ocorreu em 3 de agosto de 2007. O roteiro, uma clássica trama de adultério, foi escrito por Euclydes Marinho, baseada no romance O Primo Basílio, escrito pelo português Eça de Queirós em 1878. O filme foi lançado comercialmente em 6 de março de 2008. É a terceira vez que o diretor Daniel Filho trabalha com Glória Pires; as outras duas foram em A Partilha e Se Eu Fosse Você. Também o mesmo diretor dirigiu a minissérie homônima que foi ao ar pela Rede Globo em 1988.

Sinopse[editar | editar código-fonte]

A história se passa em São Paulo, em 1958. Luísa é uma jovem romântica, frágil e sonhadora, casada com Jorge, um engenheiro envolvido na construção da nova capital nacional, Brasília. O casal faz parte da alta sociedade de São Paulo. Quando Jorge é chamado para Brasília a trabalho, Luísa reencontra seu primo Basílio, sua paixão da juventude. Ela está entediada, sozinha em casa com as empregadas Juliana e Joana. Mas seu tédio não dura muito, pois o primo começa a visitá-la. E Basílio é pouco discreto sobre suas intenções e não demora muito para que ele conquiste Luísa com as histórias de suas viagens pela Europa. As saídas frequentes da moça com seu primo dão o que falar na vizinhança, mas o verdadeiro problema é a amarga empregada Juliana, que consegue provas para chantagear sua patroa.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]