Rio do Ouro (Saara)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde fevereiro de 2012).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Este artigo é parte da série:
Conflito do Saara Ocidental
Flags of Morocco and the SADR over Western Sahara map.png
Saara Ocidental

Antecedentes históricos
Regiões disputadas
Política
Rebeliões
Envolvimento da ONU

 v  e 

A Colónia do Rio do Ouro (em espanhol: Colonia del Río de Oro) era a designação de um dos territórios que faziam parte do protetorado espanhol do chamado Saara Espanhol, que corresponde ao atual Saara Ocidental.

Abrangia uma área de 184 000 km ². A capital era Villa Cisneros (Dakhla), e o 26 º paralelo servia como fronteira norte. O limite sul era o Cabo Branco, que forma uma península em que se encontra a cidade de La Guera. A península foi anexada pela Mauritânia em 1976, porém em 1979 se que retirou todo o território que haviam ocupado do Saara Ocidental.[necessário esclarecer] A fronteira entre a Mauritânia e Marrocos de 1976 a 1979, era uma linha que começava ao norte de Villa Cisneros na costa, na latitude 24 °, e seguia até à fronteira com a Mauritânia.[necessário esclarecer]


Colónias e protectorados no nordeste de África
Ícone de esboço Este artigo sobre o Saara Ocidental é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.