Sabiá-da-praia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Como ler uma caixa taxonómicaSabiá-da-praia
TropicalMockingbird.jpg

Estado de conservação
Status iucn3.1 LC pt.svg
Pouco preocupante (IUCN 3.1)
Classificação científica
Reino: Animalia
Filo: Chordata
Classe: Aves
Ordem: Passeriformes
Família: Mimidae
Género: Mimus
Espécie: M. gilvus
Nome binomial
Mimus gilvus
Vieillot, 1807

O sabiá-da-praia (Mimus gilvus) é uma ave residente desde o sul do México ao sudeste do Brasil, assim como nas Pequenas Antilhas e ilhas do Caribe.

É comum na maior parte do habitats incluindo áreas de habitação humana. Constrói um ninho de galhos e a postura normal consta de três ovos cinzentos esverdeados. A incubação, apenas pela fêmea, dura 13-15 dias. Esta ave defende agressivamente o seu ninho contra outras aves e animais, incluindo grandes iguanas, cães e mangustos.

Os adultos têm 25 cm de comprimento e pesam 54 g. São semelhantes aos sabiás, se bem que não sejam aparentados. Têm a cabeça e dorso cinzentos a face branca com uma máscara negra nos olhos. A parte inferior é branca e as asas são negras com duas barras brancas e bordas brancas nas remiges. Possuem uma cauda longa e escura com a ponta das penas pretas, um bico fino e preto ligeiramente curvado para baixo, e pernas compridas e escuras.

Os dois sexos são semelhantes, mas os imaturos têm cores mais esbatidas e acastanhadas.

Alimentam-se no chão ou na vegetação ou descem de um poleiro para capturar invertebrados. Comem principalmente insectos e algumas bagas. São capazes de se aproximar de humanos, retirando comida de pratos ou da mesa

Ao alimentarem-se abrem e fecham frequentemente as asas, exibindo as faixas brancas destas.

Tem uma vocalização variada e musical, podendo imitar o canto de outras espécies. Canta por vezes de noite.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • (em inglês) BirdLife International (2004). Mimus gilvus. 2006 IUCN Red List of Threatened Species. IUCN 2006. Acesso a 06.11.2007.