Salitre

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde setembro de 2009).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoYahoo!Bing. Veja como referenciar e citar as fontes.

Salitre (do catalão salnitre pelo castelhano salitre), originariamente significava, genericamente e por extensão, qualquer sal oxigenado nítrico, ou seja qualquer nitrato.

Usos na agricultura[editar | editar código-fonte]

O nome salitre é aplicado a fertilizantes compostos de nitrato de sódio utilizados principalmente em palmiteiras e coqueiros. Quando composto somente de nitrato de sódio (sem impurezas), o fertilizante é denominado salitre do Chile; quando é uma mistura de nitrato de sódio e nitrato de potássio (com impurezas), é denominado salitre potássico.

Usos na alimentação[editar | editar código-fonte]

O nome salitre é aplicado aos sais nitrato de sódio ou o nitrato de potássio, que são produtos semelhantes ao sal de cozinha, utilizados na indústria de alimentos para preservar a cor de carnes enlatadas e embutidos, assim como para impedir a propagação da bactéria causadora de botulismo. O consumo de alimentos contendo salitre provoca uma sensação maior de saciedade.

O alto consumo de alimentos com salitre é prejudicial à saúde. As bactérias do intestino convertem os nitratos, em nitritos, que reagem com compostos nitrogenados e transformam-se em nitrosaminas, substâncias cancerígenas e causadoras de anomalias fetais. Além disso, os nitritos convertem a hemoglobina das células vermelhas do sangue em meta-hemoglobina, que é incapaz de transportar oxigênio. O consumo de nitrato de sódio aumenta a quantidade de sódio no sangue bem mais do que o sal de cozinha, o que pode induzir a hipertensão arterial em pessoas que tenham predisposição.

O alto consumo de alimentos com salitre também causa a diminuição do desejo sexual, o que fez com que, antigamente, fosse largamente utilizado na produção de refeições em prisões, mosteiros, quartéis e assemelhados. O seu consumo apenas induz a diminuição do libido e, ao contrário da crença popular, não causa disfunção erétil em pessoas do sexo masculino, embora possa causar calvície.

Existe o mito de que alguns restaurantes utilizam salitre como tempero em vez do sal de cozinha. Isso não é verdade, já que o sal de cozinha é um produto de custo muito baixo e facilmente encontrado no mercado; enquanto o salitre para uso em alimentos praticamente não está disponível para o consumo não industrial. Ocorre que preparo de grandes quantidades de alimentos nos restaurantes precisa ser feito em panelas de autoclave, sistema de vapor que incorpora os gases à comida, provocando assim uma sensação de maior saciedade e estômago cheio após a refeição, que as pessoas acabam atribuindo ao uso do salitre.

Histórico de usos no entretenimento[editar | editar código-fonte]

Gabe Logan Newell (aka "Gabão"; aka "Gaben") usava salitre e açúcar frequentemente durante seus anos trabalhando na Microsoft para a produção de bombas e foguetes caseiros, os quais ele usava para entreter a si mesmo enquanto seus programas compilavam.

Ver também[editar | editar código-fonte]