Santo Egídio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Santo Egídio
Saint Giles e a Corça, de Mestre de Saint Giles.
Santo auxiliar
Nascimento 650 d.c1  em Atenas, Grécia
Morte c. 710-720? d.c em Septimania, Languedoc, França
Veneração por Igreja Católica
Igreja Anglicana
Principal templo Catedral de Santo Egídio (Edimburgo, Escócia)
Festa litúrgica 1 de setembro
Atribuições Flecha, Báculo, Corça
Gloriole.svg Portal dos Santos

Santo Egídio (em grego:Αἰγίδιος) foi um santo católico eremita do século VI originário da Grécia que se tornou popular na região da Provença e na Escócia. A abadia onde viveu Santo Egídio, Saint-Gilles, é local de peregrinação e parada oficial dos Caminhos de Santiago.

Vida[editar | editar código-fonte]

Pouco se sabe sobre a infânica e juventude de Santo Egídio, porém sabe-se que ele era filho de nobres atenenses. Após a morte de seus pais, Egídio passou a ser eremita e habitou na região do rio Ródano e do rio Gard.

De acordo com a Legenda Áurea, Egídio se mudou para uma floresta na região de Nimes para viver como eremita e se dedicar ao estudo de Deus e durante essa época seu único companheiro foi um cervo. Porém, seu refúgio foi decoberto por capangas do rei que o haviam perseguido secretamente. Uma flecha atingiu em cheio sua mão enquanto tentava proteger uma corça dos caçadores do rei visigodo Vamba. Como forma de reconciliação o rei disponibilizou médicos para cuidarem dos ferimentos da mão de Egídio e também construiu um enorme monastério para Egídio que mais tarde se tornou monastério beneditino.

Egídio veio a falecer em 720 d.c em seu monastério e sua sepultura se tornou local de peregrinação e parte dos Caminhos de Santiago que levam até a Espanha. Santo Egídio também foi consagrado um dos Catorze santos auxiliares da Igreja Católica.2

Referências[editar | editar código-fonte]

Ver Também[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Santo Egídio