Terrier tibetano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Terrier tibetano
Nome original Tibetan Terrier
País de origem  China
Características
Classificação e padrões
Federação Cinológica Internacional
Grupo 9
Seção 5 - Cães de companhia - do Tibete
Estalão #209 - 25 de agosto de 1988

Terrier tibetano[Nota] é uma raça canina oriunda da região do Tibete. Estes eram cães sagrados na China, considerados talismãs da felicidade e da prosperidade em algumas aldeias do Tibete. Ao imperador, alguns machos foram dados como presente, bem como para chefes de aldeias durante o trajeto do tributo entre Portala e a Grande China. Com o medo de que fossem extintos, estes animais foram cruzados com a única raça tibetana de mesmo porte: os spaniels do Tibete. Levados ao interior dos vales, cães ainda menores desenvolveram-se para gerar os conhecidos lhasa apsos. Fisicamente podem chegar a pesar 14 kg e medir 41 cm.[1]

Referências

  1. Terrier tibetano Saúde Animal. Página visitada em 8 de setembro de 2011.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cães, integrado ao Projeto Cães é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.