The High End of Low

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
The High End of Low
Marilyn Manson - The High End of Low cover.jpg
Álbum de estúdio de Marilyn Manson
Gênero(s) Metal industrial
Duração 72:12
Gravadora(s) Interscope Records
Produção Marilyn Manson
Opiniões da crítica

O parâmetro das opiniões da crítica não é mais utilizado. Por favor, mova todas as avaliações para uma secção própria no artigo. Veja como corrigir opiniões da crítica na caixa de informação.

Cronologia de Marilyn Manson
Último
Último
Lost & Found
(2008)
Born Villain
(2012)
Próximo
Próximo

The High End of Low é o sétimo álbum de estúdio da banda Marilyn Manson, lançado a 20 de Maio de 2009. Sean Beavan, que misturou Antichrist Superstar, Mechanical Animals e Eat Me, Drink Me, é co-produtor do álbum, juntamente com Chris Vrenna. O álbum foi lançado em 25 de maio de 2009 no Reino Unido e 26 de maio 2009 nos Estados Unidos. O primeiro single do álbum, "Arma-Goddamn-Motherfuckin-Geddon", foi lançado em 18 de maio de 2009. As críticas foram mistas, tendo alguns criticado a repetitividade das músicas e a falta de brilho nas idéias, enquanto outros elogiaram um Manson mais humano após seu divórcio, e um retorno ao som do bem-recebido Mechanical Animals. O álbum estreou no número quatro nas paradas da Billboard, caindo para o número 24 e 60 em sua segunda e terceira semanas. O álbum vendeu mais de 500.000 exemplares até à data, sendo um dos menos sucedidos álbuns de Marilyn Manson.

Faixas[editar | editar código-fonte]

  1. "Devour" - 3:46
  2. "Pretty as a Swastika" - 2:45
  3. "Leave a Scar" - 3:55
  4. "Four Rusted Horses" - 5:00
  5. "Arma-Goddamn-Motherfuckin-Geddon" - 3:39
  6. "Blank and White" - 4:27
  7. "Running to the Edge of the World" - 6:26
  8. "I Want to Kill You Like They Do in the Movies" - 9:02
  9. "WOW" - 4:55
  10. "Wight Spider" - 5:33
  11. "Unkillable Monster" - 3:44
  12. "We're From America" - 5:04
  13. "I Have to Look Up Just to See Hell" - 4:12
  14. "Into the Fire" - 5:15
  15. "15" - 4:21

Cd Bónus[editar | editar código-fonte]

  1. "Arma-goddn-motherfkin-geddon (Teddy Bears Remix)" - 3:30
  2. "Leave A Scar (Alternate Version)" - 4:02
  3. "Running To The Edge Of The World (Alternate Version)" - 6:08
  4. "Wight Spider (Alternate Version)" - 5:28
  5. "Four Rusted Horses (Opening Titles Version)" - 5:02
  6. "I Have To Look Up Just To See Hell (Alternate Version)" - 4:08
  7. "Into The Fire (Alternate Version) bonus track" - 4:34

Turnê no Brasil[editar | editar código-fonte]

Fontes seguras afirmam que Marilyn Manson e banda passarão novamente pela América do Sul para divulgação do álbum, com probabilidades de show em São Paulo, Curitiba, Rio de Janeiro e Brasília (Porão Do Rock), ao qual nada confirmado pelos produtores que estão negociando sua vinda, devido ao preço cobrado por Marilyn Manson e sua produção.[carece de fontes?]

Turnê em Portugal[editar | editar código-fonte]

Com o novo álbum a caminho, Marilyn Manson apresenta-se ao público portugues, dia 17 de Junho no Coliseu do Porto, para um concerto que promete ficar na história na mítica sala da Invicta.[carece de fontes?] No concerto houve muito menos Antichrist Superstar, mas Marilyn Manson ainda impressiona esgotando o Coliseu do Porto e com o regresso de Twiggy ramirez à banda.

Primeiro Vídeo[editar | editar código-fonte]

Em entrevista a revista Rolling Stone, Marilyn Manson revelou que o primeiro vídeo será "I Want to Kill You Like They Do in the Movies", e afirma também que o vídeo já está sendo gravado e terá mais de 9 minutos de gravação, o maior clipe já gravado pela banda.[carece de fontes?]

"É uma canção de nove minutos", ele escreveu, completando: "Profundamente sádica. Basicamente é assassinato, sexo, morte e fim". Marilyn Manson a revista Rolling Stone.[carece de fontes?]

Porém, o primeiro vídeo foi "Arma-Goddam-Mother-Fucking-Geddon" e não "I want to Kill You like They do in the Movies" como dito por Manson. O vídeo apresenta elementos de diversas eras anteriores

Formação[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Freeman, P. The High End of Low. Allmusic. Página visitada em 2009-06-29.
  2. Power, C (2009-05-18). Marilyn Manson High End of Low Review. BBC. Página visitada em 2009-06-29.
  3. Thomson, J (2009-05-22). Marilyn Manson: The High End of Low. The Guardian. Página visitada em 2009-06-29.
  4. Wood, M (2009-05-26). Album review: Marilyn Manson's 'The High End of Low'. Los Angeles Times. Página visitada em 2009-06-29.
  5. The High End Of Low by Marilyn Manson. Metacritic. Página visitada em 2009-06-29.
  6. Marilyn Manson/The High End Of Low. Planet Sound. Página visitada em 2009-06-29.
  7. Cooper, L (2009-05-29). Marilyn Manson: The High End of Low. Popmatters. Página visitada em 2009-06-29.
  8. Rosen, J (2009-05-26). Marilyn Manson: The High End of Low. Rolling Stone. Página visitada em 2009-06-29.
  9. Brod, D (2009-05-11). Marilyn Manson, 'The High End of Low' (Interscope): The overlord of the overblown justifies his sleaze.. Spin. Página visitada em 2009-06-29.
  10. Stewart, A. "Music Review: Marilyn Manson's 'High End of Low': Musical Highs From Breakup Lows", The Washington Post, 2009-05-26. Página visitada em 2009-06-29.
Ícone de esboço Este artigo sobre um álbum de Marilyn Manson é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.