Werner Herzog

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Werner Herzog
Werner Herzog em Bruxelas, 2007
Nome completo Werner H. Stipetić
Nascimento 05 de Setembro de 1942 (72 anos)
Munique, Baviera
 Alemanha
Ocupação Realizador, produtor, argumentista
Cônjuge Martje Grohmann,
Christine Maria Ebenberger,
Lena Pisetski (1999–)
Atividade 1962 - actualidade
Festival de Cannes
Melhor diretor, Fitzcarraldo (1982)
BAFTA
Best Foreign Language Film, 1980
Nominated
Fitzcarraldo (1983)
Outros prêmios
Página oficial
IMDb: (inglês)


Werner Herzog, nome artístico de Werner H. Stipetic (croata: Stipetić) (Munique, 5 de setembro de 1942), é um premiado cineasta alemão.

Herzog é sempre associado ao movimento do Novo Cinema Alemão, juntamente com Rainer Werner Fassbinder, Margarethe von Trotta, Volker Schlöndorff, Wim Wenders, entre outros. Não se considerava um membro desse movimento, mas, sem dúvida, era um importante simpatizante.

Os seus filmes contêm sempre heróis com sonhos impossíveis ou pessoas com talentos únicos em áreas obscuras.

Dirigiu, entre muitos outros filmes Nosferatu: Phantom der Nacht (1979), uma nova visão sobre o clássico de Murnau, de 1922 e Fitzcarraldo (1982).

O seu ator fetiche era Klaus Kinski, apesar das relações tumultuosas entre os dois. Herzog também trabalhou com atores e personalidades brasileiras como José Lewgoy, Grande Otelo, Milton Nascimento, Tarcísio Filho, entre outros.

Infância e Juventude[editar | editar código-fonte]

Werner Stipetić nasceu em Munique, na Alemanha. Ele adotou o nome artístico Herzog, que significa "duque" em alemão, um pouco mais tarde em sua vida. Seus pais eram Croatas. O seu pai (junto com a mãe) abandonou-o cedo, ainda na infância, quando voltou de um campo de prisioneiros de guerra depois da Segunda Guerra Mundial. Sua família, então, se mudou para uma cidade na Áustria, após uma casa próxima a deles ter sido destruída durante um bombardeio no final da Segunda Guerra. Quando ele fez 12 anos, ele e sua família mudaram-se novamente para Munique, e compartilharam um apartamento com Klaus Kinski no bairro de Elisabethstraße in Munich-Schwabing. Sobre este fato, Herzog declarou: "Eu sabia naquele momento que eu me tornaria um diretor de cinema e que eu iria dirigir Kinski."

Neste mesmo ano Herzog foi aconselhado a cantar em frente a sua classe na escola e ele se recusou vementemente. E por isto ele quase foi expulso do colégio e até os 18 anos ele não ouviu música alguma, não tocou instrumento nenhum e muito menos estudou qualquer instrumento. Depois ele chegou a declarar que daria 10 anos de sua vida para ser capaz de tocar algum instrumento. Aos 14 anos ele se inspirou em um termo de uma enciclopédia sobre cinema, que ele diz que "continha tudo que ele precisava para começar" como cineasta - isto e a câmera 35mm que Herzog roubou da Munich Film School. Ele recebeu seu diploma pós-secundarista na Universidade de Munique e apesar de ter ganhado uma bolsa escolar para a Duquesne University in Pittsburgh, Pennsylvania, ele abandonou a faculdade em poucos dias e viajou até o México onde ele trabalhou em um rodeo.

No início dos anos 60 Herzog trabalhou como metalúrgico em uma fábrica de aço como forma de ajudar a financiar seu primeiro filme.

Werner Herzog e uma fã em uma première em Seattle, 2005

Família[editar | editar código-fonte]

Herzog casou-se por três vezes e teve 3 filhos. Em 1967, Herzog casou-se com Martje Grohmann, com quem teve um filho no ano de 1973, Rudolph Amos Achmed. Em 1980 a sua filha Hanna Mattes nasceu do casamento com Eva Mattes. Em 1987, Herzog casou com Christine Maria Ebenberger. O filho deste casamento, Simon David Alexander Herzog, nasceu em 1989. Em 1995 Herzog conheceu a fotógrafa Lena Pisetski (agora de sobrenome Herzog) e se mudou para os EUA. Eles se casaram em 1999 e agora estão morando em Los Angeles.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Filmes sobre Werner Herzog[editar | editar código-fonte]

  • 1978 - Christian Weisenborn und Erwin Keuch - Was ich bin sind meine Filme
  • 1980 - Les Blank - Werner Herzog eats his Shoe
  • 1982 - Les Blank - Burden of Dreams
  • 1988 - Peter Buchka - Bis ans Ende...und dann noch weiter. Die ekstatische Welt des Filmemachers Werner Herzog
  • 2001 - Les Blank - Uma odisséia no espaço

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre cineastas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.