Wikipédia:Esplanada/propostas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bem-vindo(a) à se(c)ção propostas da Esplanada!
Esta secção é utilizada para discutir novas ideias e propostas para saber a opinião da comunidade. Pode ser sobre a alteração ou criação de predefinições, páginas, políticas, etc. Tenha em mente que as decisões da comunidade são baseadas no método do consenso. Veja também as mudanças recentes nas esplanadas.

Clique aqui para adicionar um novo tópico
Click here to create a new topic


Índice

Concurso de referências

Gente... Tava pensando em criar um concurso de referências.

Os novatos não entendem muito de adicionar referência (o que explica nosso monte de páginas sem fontes). Daí de repente colocar esse assunto em pauta podia tanto ajuda-los a entender isso, quanto espalhar a ideia da importância das referências etc. Poderia talvez fortalecer essa cultura de referenciar (já que referenciar não dói).

Enfim... Tem um esboço em minha subpágina, e estou escrevendo mais umas coisinhas, queria saber se alguém se interessa. Caso se interessem em participar/ajudar na construção do concurso, peço que ponham o nome lá(no esboço).

Com carinho - Raylton P. Sousa (discussão) 20h51min de 22 de abril de 2014 (UTC)

Tem alguma coisa de diferente do último concurso de referências para não causar todos os problemas que aquele teve? Rjclaudio msg 01h53min de 23 de abril de 2014 (UTC)
Rjclaudio. A qual concurso de referências você se refere? E quais problemas? - Raylton P. Sousa (discussão) 17h35min de 23 de abril de 2014 (UTC)
Raylton P. Sousa sou simpático à ideia, mas quem vai dar os troféus e como eles serão? Acho que ele se refere ao I GP Wikimedia Brasil. Matheus diga✍ 23h04min de 23 de abril de 2014 (UTC)
E tem também o Projeto Referências, o pessoal começou a achar que o número de novos artigos sem fontes era maior que o esforço para colocar fontes e muitos desanimaram. Em uma pesquisa que fiz usando dumps em outubro de 2013 cheguei à estatística de 60% dos artigos com algum tipo de fonte, considerando ligações externas e seções de referência como fontes. Em outra pesquisa considerando apenas a tag <ref> como fonte, deu 42% dos artigos com <ref> no texto em 2 de dezembro, fiz a mesma busca agora e deu 49,2%, ou seja, está aumentando a proporção de artigos referenciados com a tag ref. Fiquei devendo esses dados para anos anteriores, é uma pesquisa complicada mas ainda está na minha lista de pesquisas que gostaria de fazer. Danilo.mac(discussão) 16h36min de 24 de abril de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio o concurso e estou na lista de interessados. Mas não vai adiantar nada criar esse concurso se ele não tiver uma divulgação como a que o GP teve, com a fundação envolvida e divulgação máxima, inclusive com o uso do sitenotice. Talvez, Danilo.mac, o fato de ser um concurso faça a diferença em relação aos projetos, pois quando se fala em competição, muitos se animam e se esforçam ao máximo para ganhar, com o resultado final sendo melhor. --Zoldyick (Discussão) 22h43min de 26 de abril de 2014 (UTC)

Sim, talvez por ser uma competição as pessoas não fiquem comparando seu esforço com o que ainda falta para referenciar toda Wikipédia (o que seria desanimador), e se sintam mais animadas por estarem fazendo o que é possível, e sendo reconhecidas por isso. Acho que não custa tentar. Danilo.mac(discussão) 23h50min de 26 de abril de 2014 (UTC)

Rjclaudio, se for isso que o Matheus Faria falou, eu acho que não é a mesma coisa não. O GP exigia a expansão de vários outros itens além de referencias. Eram vários tipos erros possíveis para considerar. Nesse sentido esse concurso é bem mais focado! Só trabalha referencias, a apuração vai ser sem dúvida mais concisa.

E Matheus Faria, provavelmente conseguiremos o dinheiro por meio dos Micro-subsídios ou dos subsídios convencionais (na verdade essa parte não é problema). Sobre como vão ser os troféus. Alguns podem ser virtuais (fiquem a vontade pra ajudar na confecção) e outros lembrancinhas de baixo custo. Eventualmente pode haver algum prêmio mais substancial, mas por questão de orçamento, nesse caso o ideal seriam doações diretas. Tipo algum fabricante doar uma câmera fotográfica etc. Do contrario seria um peso desnecessário no orçamento da atividade. Mas isso está aberto a discussão também.

Sobre a divulgação, haverá a mesma divulgação sim Zoldyick. Na verdade essa chamada aqui é principalmente pra ver quem se dispõe a nos ajudar na organização. Porque na ultima vez ficou muita coisa na mão de poucas pessoas.

Danilo você tem razão. Por isso a importância de criar esse concurso e botar esse assunto em pauta. Muitos novatos que antigamente adicionariam artigos sem fontes nesse concurso vão começar a aprender com veteranos (já que as equipes vão misturar novatos e veteranos). Podemos até ser um pouco otimistas e achar que esse concurso pode ser um bom caminho para impulsionar os grupos que já se esforçam para adicionar fontes a continuar com esse trabalho e aos novatos a iniciarem. - Raylton P. Sousa (discussão) 00h05min de 30 de abril de 2014 (UTC)

Se o projeto realmente acontecer, eu espero, como será feita a elaboração de equipes? Você disse que será dividido entre novatos e veteranos. Mas como vamos chamar usuários para participar desse "concurso"? Precisaria de uma baita propaganda para chamar um bom número de usuários. --Zoldyick (Discussão) 02h03min de 30 de abril de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo veemente de concursos deste formato. Não tenho dúvidas da boa fé da intenção e, à primeira vista, parece uma boa ideia. Mas não é. E as péssimas experiências do passado confirmam que não é nem nunca vai ser. A única coisa que este tipo de concursos fomenta é a quantidade e a edição a metro sem qualidade e sem critério. Aquilo a que se iria assistir são edições trapalhonas, spam de links sem critério, referências não verificadas, referências medíocres, fontes sem relação nenhuma com o texto, etc, etc.

Os concursos semelhantes do passado, que alguns apontam como exemplos de "sucesso", foram, na realidade, aquilo que de mais nocivo, destruidor e trapalhão se viu pelo projeto, destruindo uma quantidade considerável de artigos. Muitos destes artigos tinham alguma qualidade, já que apesar de pequenos e com poucas referências, continham informações acertadas e relevantes escritas por quem percebia minimamente do tema. Com a desculpa de "melhorias" feitas à pressa e a metro para ganhar pontos, muitos destes artigos foram substituídos por textos longos, aparentemente referenciados e aparentemente com maior qualidade. Mas para lá das aparências superficiais e da wikificação bonitinha, uma leitura atenta aos "novos" artigos revelava que a esmagadora maioria do texto era medíocre, mal escrita, cheia de erros conceptuais e grosseiros, escritos por quem não tinha a mínima noção do tópico, e que as referências não referenciavam nada do que estava escrito. Evidentemente, uma minoria até fez um bom trabalho e realmente melhorou substancialmente artigos; mas não passa de uma minoria. Está por contabilizar até hoje a quantidade de artigos destruídos pela edição a metro para ganhar este tipo de concursos. Antero de Quintal (discussão) 10h46min de 30 de abril de 2014 (UTC)

O único concurso do qual tenho algum má impressão foi precisamente o WikiGP, outros concursos como o WP:WikiConcurso e o WP:WikiVida tiveram várias edições com sucesso e criaram artigos que foram depois considerados de qualidade. Mas esses eram concursos mais pequenos e mais fáceis de "controlar". Outros concursos de maior dimensão como o Wiki Loves Monuments também tiveram bastante sucesso, mas dão considerável mais trabalho a organizar antes, durante e depois do concurso, pelo que sugeria que tentassem pegar no melhor de cada uma das modalidades e apresentassem um plano mais detalhado prevendo a quantidade de trabalho que isso vai levar. GoEThe (discussão) 12h05min de 30 de abril de 2014 (UTC)
Motivo pelo qual salientei "concursos deste formato", isto é, concurso tipo "maratona" de modificação do conteúdo existente. O wiki loves monuments é um modelo completamente diferente, e de sucesso. Antero de Quintal (discussão) 12h37min de 30 de abril de 2014 (UTC)
Sim, eu estava a concordar contigo. :) Mesmo o WLM teve alguns problemas por causa da quantidade (e qualidade) de material carregado no commons. GoEThe (discussão) 12h47min de 30 de abril de 2014 (UTC)
Antero de Quintal... Sobre a qualidade: as equipes serão formadas preferencialmente por dois veteranos e um novato. Isso vai propiciar uma revisão por pares mais criteriosa. Mas estamos abertos a sugestões de outros formatos mais eficientes - Raylton P. Sousa (discussão) 16h49min de 1 de maio de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo. Pelas mesmas razões do Antero. Em rigor é impossível referenciar artigos, já que só quem escreveu o texto saberá que fontes usou. Um trabalho sério passa quase inevitavelmente por reescrever e aproveitar o que está escrito dá infinitamente mais trabalho do que escrever tudo de novo. Ora isso não é compatível com um concurso, que inevitavelmente vai premiar a lógica "quanto mais artigos melhor". Salvo raras exceções, o que se vê de "referenciação" é catar um ou outro link no Google que supostamente comprova 0,1% do texto "referenciado" ou, muitas vezes, apenas fala do mesmo tema que o artigo. --Stego (discussão) 20h44min de 1 de maio de 2014 (UTC)

Pra mim é perfeitamente possível referenciar artigos, pois posso comparar o que está escrito para ver se é equivalente ao que diz um livro que eu tenho em mãos. Helder.wiki (discussão) 11h12min de 2 de maio de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio E nunca se precisou de concordância pra fazer um concurso, é só uma atividade particular de alguns wikipedistas. Da mesma que um Wikiprojeto. Então, se o Raylton quiser fazer o concurso, a Fundação quiser apoiar, alguém mais quiser ajudar e tiver o número suficiente de participantes, que se faça. Quem não gostar, não participe. Já foi explicado também que o concurso é diferente do GP, por isso não tende a ter os mesmos problemas. Citação: Raylton escreveu: «O GP exigia a expansão de vários outros itens além de referencias. Eram vários tipos erros possíveis para considerar. Nesse sentido esse concurso é bem mais focado! Só trabalha referencias, a apuração vai ser sem dúvida mais concisa.» Eu confio no que o Raylton diz. JMGM (discussão) 04h26min de 5 de maio de 2014 (UTC)

Se não é preciso concordância, porque sentiu necessidade de vir aqui concordar?
Obviamente que não é preciso haver consenso para concursos particulares fora da wikipédia/wikimedia. Mas então é um concurso particular externo ao projeto. Se é para ser anunciado como uma atividade apoiada e divulgada pela comunidade, precisa do apoio da comunidade. Antero de Quintal (discussão) 09h26min de 5 de maio de 2014 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Apoio e acho uma ótima ideia. Claro ... não sabemos se irá correr bem ou não (acho que nunca tivemos um concurso igual a este ... pelo menos que me lembre), mas por já ter participado em concursos no passado, acho que correrá muito bem. Lembro-me bem do meu último "wikiatividade" - dos artigos em que trabalhei, na época, acho que vários ainda hoje estão como destacados (por exemplo: Encyclopædia Britannica, Albertossauro). Têm saído coisas muito boas de concursos. BelanidiaMsg 19h50min de 13 de maio de 2014 (UTC)
Obviamente que saem coisas muito boas de concursos deste tipo. O problema é que também saem coisas muito más. Os dois extremos equilibram-se e para cada "exemplo de sucesso" há um exemplo de destruição completa de artigos. No entanto, se não houvesse concurso, a a generalidade das pessoas que realiza bons trabalhos faria bons trabalhos de qualquer forma, ainda que a um ritmo mais lento. A grande variável que concursos deste tipo introduzem são os trabalhos de má qualidade em massa de pessoas que sem o concurso não o fariam. Antero de Quintal (discussão) 22h23min de 13 de maio de 2014 (UTC)

Se é um concurso para acrescentar referências em artigos que não tem nenhuma, como diria o Albmont, não existe como piorá-los, já que, "zero fontes = lixo". Matheus diga✍ 15h27min de 14 de maio de 2014 (UTC)

Obviamente que existe forma de piorar, e é esse o motivo de oposição, tal como explicado acima. Competições deste tipo fomentam edições à pressa sem critério e o acréscimo de referências sem que a fonte referencie o texto ou até em completa contradição com o texto. Isto faz com que o leitor tenha uma falsa noção de fiabilidade do conteúdo por estar com "fontes", quando na realidade pode estar a ler os mais completos disparates. Isto faz também com que os editores de qualidade e criteriosos se desinteressem no futuro de melhorar esse artigo, uma vez que são iludidos pelas "referências" falsas que levam a pensar que está tudo bem quando não está. Como se pode ver, o potencial nocivo é muito grande. Antero de Quintal (discussão) 15h47min de 14 de maio de 2014 (UTC)

Se for um concurso para veteranos, que sabem o que estão fazendo, Symbol support vote.svg Apoio. Se for para novatos ou contas recém-criadas, Symbol declined.svg Discordo em absoluto. Ensinar a editar corretamente (para realizar a tarefa pretendida no concurso) não pode ser uma atividade feita às pressas. Ainda fosse um concurso de wikificação ou categorização, não via mal em incluir novatos mas a atividade de referenciar é a mais importante do projeto e deve ser realizada de modo extremamente responsável. Se já temos problemas com artigos sem refs, imaginem quando não pudermos diferenciar o que é corretamente referenciado do que não está? Pessoalmente, não tenho interesse em participar mas se pessoas capacitadas quiserem se juntar para uma disputa saudável em prol do projeto, ok.OTAVIO1981 (discussão) 18h30min de 30 de maio de 2014 (UTC)

  • Citação: Antero escreveu: «Os dois extremos equilibram-se e para cada "exemplo de sucesso" há um exemplo de destruição completa de artigos.» {{Carece de fontes}} completamente. Além do mais, se um artigo for "destruído", existe a opção reverter. Melhor que sejam criados muito artigos de qualidade e muitos vandalismos, do que nada. E essa hipótese de artigo ser estragado só aconteceu no WikiGP em relação a um usuário que copiava trechos grandes de livros, inserindo VDA, o que não tem como acontecer na proposta do Raylton, já que se trata de um concurso de referências, não de texto corrido. BelanidiaMsg 15h40min de 5 de junho de 2014 (UTC)
  • Que giro ver gente que não edita nem combate vandalismo a dar palpites! --Stego (discussão) 17h01min de 5 de junho de 2014 (UTC)
    • Se foi para mim, acredito que deva ser giríssmo: afinal ... eu nunca editei, nunca combati vandalismo, não percebo patavina do que estou a falar ...! Giro giro é ver os argumentos de quem não tem mais o que argumentar. BelanidiaMsg 17h44min de 5 de junho de 2014 (UTC)

Acho que argumento de que não deve haver um concurso aberto a todos porque haverá mais edições ruins que edições de qualidade, vai contra a lógica de assumir boa fé e de evitar a produção centralizada de conhecimento que é exatamente o que diferencia a presente enciclopédia das demais. Então podemos deixar esse argumento de lado, por hora, porque não é um argumento contra o concurso, mas sim contra a natureza da Wikipédia.

Sobre a questão da qualidade, a organização de grupos que proponho (a principio) são grupos de três pessoas, sendo duas veteranas e uma novata. Os grupos teriam liberdade de moldar sua dinâmica de trabalho. Mas como sugestão acredito que os dois veteranos poderiam ficar responsáveis pela revisão e o novato pelo trabalho bruto. Assim o maior aprendizado prático, seria dos recém chegados. Criando um novato totalmente apto a manter-se contribuindo com referencias e que acabaria recebendo muito feedback dos veteranos durante o processo. Sobre o eventual caso de os veteranos revisarem porcamente o trabalho ou aprovarem sem olhar. Isso não é um problema porque eles próprios poderiam ser desclassificados ou perder pontos quando chegassem a avaliação dos coordenadores. Enfim... Acredito que essas redundâncias podem , eventualmente, servir para aumentar as contribuições de qualidade e compensar as edições ruins, que naturalmente virão.

Quanto as discordâncias e concordâncias. Eu agradeço a ambos os lados e estou olhando com atenção para tudo que é dito. Mas naturalmente isso não é uma votação sobre se irá ou não haver um concurso. Isso é uma chamada de interessados em ajudar no concurso ou sugerir métodos mais efetivos para realiza-lo com melhor relação custo-benefício. O que por sinal vcs estão fazendo muito bem!

Com carinho! - Raylton P. Sousa (discussão) 05h32min de 9 de junho de 2014 (UTC)

Explique por favor onde é que nos argumentos viu alguma defesa de "produção centralizada de conhecimento" (e o que é isto?), e que seria "contra a natureza da wikipédia". Desconhecia que a natureza da wikipédia era uma competição entre editores.
Quanto a assumir boa fé, acho que toda a gente aqui assumiu boa fé e foram bem claros em compreender as boas intenções desta proposta. Alguém o acusou de alguma coisa, de ter segundas intenções ou de querer deliberadamente e de má fé prejudicar o projeto com este concurso? Não. Então para quê essa acusação despropositada de má fé como resposta?
A única coisa que foi apontada foram maus resultados no passado em concursos com este modelo. Não sei se estava cá na época, não sei se antes de propor investigou concursos semelhantes. "Concursos" com edições cronometradas "a metro" simplesmente não funcionam, e existem dezenas de outras formas de sucesso de captação de editores e treino de novatos. Antero de Quintal (discussão) 12h06min de 9 de junho de 2014 (UTC)
No meu primeiro paragrafo, que você citou, eu me ative unicamente ao argumento de que "não deve haver um concurso aberto a todos porque haverá mais edições ruins". Que é um argumento que deriva de "não deve haver uma enciclopédia aberta porque haverá edições ruins". Então sendo esse argumento uma variação duma critica geral a enciclopédia, acho que não cabe ao concurso responde-la.
Ao falar assumir boa fé me refiro a (além de confiar na boa intenção dos novatos) acreditar-mos na capacidade dos novatos de produzir coisas legais com nossa ajuda, e ao falar de "evitar a produção centralizada de conhecimento" me refiro ao segundo principio fundador.
Não falava da postura de vocês nessa discussão. Eu só tenho a agradecer, na verdade. Vocês são demais! Me desculpe não ter explicado corretamente!
Cumprimentos! -Raylton P. Sousa (discussão) 14h14min de 9 de junho de 2014 (UTC)
Não deve haver um concurso para novatos sem que exista uma capacitação suficiente para que sejam bem sucedidos numa tarefa que é crítica. Se fosse tão fácil assim referenciar, não seria um ponto crítico na existência do projeto. Este é um dos maiores problemas do projeto! Referenciar corretamente leva tempo, ensinar então vai pelo mesmo caminho. E basta ver pela tutoria o quão bem sucedidos somos em receber quem chega sem a pressa imposta por um concurso. Estão querendo matar dois coelhos (referenciar e cativar novatos) com uma cajadada mas em nenhuma iniciativas somos bem sucedidos.OTAVIO1981 (discussão) 14h59min de 9 de junho de 2014 (UTC)
OTAVIO1981 A ideia é que as referências que serão colocadas sejam avaliadas pelos coordenadores, não existe muita chance de acontecer problemas nesse acréscimo de referências. Se colocarem alguma referência que não referencia nada, basta reverter. Seria um problema se o concurso fosse focado em artigos excessivamente técnicos, mas a maioria dos artigos que estão sem fontes são sobre temática pop, que você acha alguma referência para a informação com alguns poucos cliques no Google. Só seria um trabalho realmente pra veteranos se a ideia fosse referenciar exaustivamente, a nível destacado, mas não é esse o objetivo. BelanidiaMsg 15h37min de 20 de junho de 2014 (UTC)
Avaliar se a referenciação está correta leva tempo e o senso comum diz que são poucos coordenadores revisando o trabalho de muitos participantes, como isso pode ser feito com um nível satisfatório? É quase tanto tempo quanto colocar a própria referência! Também não vi nada dizendo que vai ser direcionado a temas pop, mas mesmo que seja, o princípio envolvido não pode ser negligenciado em função do tema. A ideia de capacitar editores e engajá-los numa atividade tão crítica é arriscar por demais o trabalho de verificação da comunidade. Tem que ser feito corretamente, sem pressa e sem a afobação de um concurso. Repito que se for para wikificar, categorizar ou etiquetar problemas por mim tudo bem.OTAVIO1981 (discussão) 16h39min de 20 de junho de 2014 (UTC)
Concordo plenamente com o Otavio. Antero de Quintal (discussão) 00h17min de 21 de junho de 2014 (UTC)
Citação: Otavio escreveu: «Avaliar se a referenciação está correta leva tempo e o senso comum diz que são poucos coordenadores revisando o trabalho de muitos participantes, como isso pode ser feito com um nível satisfatório? É quase tanto tempo quanto colocar a própria referência!» Não leva. Eliminadores fazem isso o tempo todo, cada vez que alguém referencia uma ESR por falta de fontes, e depois a proposta é por eles impugnada. BelanidiaMsg 20h43min de 23 de junho de 2014 (UTC)
Só alguém que nunca tentou referenciar um artigo com uns míseros 5kb que não seja VDA é que pode dizer que referenciação não leva muito tempo! O que leva pouco tempo é outra coisa que se usa frequentemente para impugnar ESR's e "salvar artigos", que é catar um ou dois links numa busca do Google pelo título do artigo ou uma ou outra palavra-chave. A verificabilidade não é cumprida porque há um site que menciona o tema. --Stego (discussão) 23h57min de 23 de junho de 2014 (UTC)
Pondo o tema às claras, uma coisa é buscar no Google um site que cite um trecho copy-paste do artigo ("põe-o-trecho-entre-aspas-e-vê-se-acha", uma técnica conhecidíssima) e outra é verificar (lendo, por supuesto) se a fonte de fato quis dizer o que disse o artigo ao selecionar o tal trecho. Cansei de encontrar fontes que "pinçam" frases fora de contexto de obras reconhecidas pra "confirmar" coisas que são absolutamente contrárias ao que propõe o autor na obra original. Em temas como religião (como sabe o Mazuco, que tenta destacar Igreja Universal do Reino de Deus faz uns anos), pseudo-ciências, história de regiões em conflito (já me meti em confusões com eslavos na enwiki) e outras controvérsias em geral, esse comportamento é constante. Há gente (Erik von Däniken, por ex - como é que a zaga do Curitiba de 1991 tem artigo e esse cara não tem me espanta até hoje, diga-se) que vive disso desde os anos sessenta... Mas, sem generalizar, encontro muito menos atitudes assim em temas mais "estruturados" (química, medicina, biologia, matemática e que tais), fato. Mas acredito que é preciso distinguir fundamentalmente "verificar" de "colocar uma fonte qualquer" e, talvez (talvez!), propor alguma gradação? Será que temos de fato temas mais e menos expostos ao abuso de WP:V, como desconfio? José Luiz disc 01h26min de 24 de junho de 2014 (UTC)
Primeiro, nem todo artigo que vai para a ESR passa por um eliminador. Se quem "pos a fonte" remover a marcação e o proponente aceitar, o eliminador nem vê o artigo. Segundo, o processo de ESR é limitado a umas 4 propostas do mesmo tema por dia para não sobrecarregar o sistema. Se fosse fácil assim como sugere tanto por a fonte quanto verificar que está satisfatório, tal limitador não existia. Acho que nem sequer catar qualquer coisa no google e dizer que é fonte é tão fácil quanto parece. Já dei duas alternativas conciliatórias para tentar seguir por um meio termo mas sigo sendo ignorado. Querem a todo custo minimizar os problemas apontados como se sequer existissem. Eu acho péssimo incentivarmos a cultura da pressa para solução de problemas principalmente para novatos, que ficam com uma primeira impressão equivocada do projeto. Se não consegue perceber o princípio que está em jogo, então não tenho mais nada a dizer.OTAVIO1981 (discussão) 10h27min de 24 de junho de 2014 (UTC)

Eliminação do domínio Anexo

Sei que o assunto já foi tratado por aqui anteriormente, mas como a última votação/discussão sobre o tema ocorreu em 2009, acredito ser o momento para questionar novamente a comunidade da Wikipédia lusófona sobre o tema. Desde a introdução do domínio "anexo", os resultados mais significativos que esta mudança trouxe para o projeto foram conflitos e movimentações por critérios de definição bastante vaga e subjetiva, além de ocultar informação em outro domínio diferente do principal e cuja existência pouco se justifica. Na verdade, houve apenas uma transferência das páginas "anexo" para um espécie de segunda categoria de verbetes, visto que a maior parte das ferramentas que o projeto dispõe ao editor para patrulhar as suas páginas vigiadas são, na sua grande maioria, voltadas ao domínio "artigo", o que deixa vários anexos sem patrulhamento, categorias, wikificação ou referências. Outro problema é a falta de critérios que definam de uma maneira satisfatória um "anexo" da Wikipédia. A própria página sobre o tema é muito vaga quanto a sua definição. Afinal, um artigo como este deveria ser tratado como um "anexo" apenas por se tratar de uma lista?

Outro fator que considero preponderante foi a forma como a discussão que, lá em 2009, mandou centenas de verbetes para um domínio de vantagens ainda obscuras se desenvolveu. Nesta discussão, o único argumento que parece ter prevalecido é de que esta seria uma "maneira mais simples para arrumar a informação" (?). Nenhum exemplo de como essa mudança seria traduzida em benefícios concretos para a comunidade foi fornecido.

A meu ver, as vantagens que os "anexos" trazem para a Wikipédia (administradores, editores, leitores) são completamente irrelevantes e vagas. Não consigo imaginar um único exemplo palpável que prove qualquer vantagem em manter este enfeite burocrático por aqui, por isso sugiro a extinção deste domínio (afinal, as listas já cumprem boa parte da tarefa dada aos anexos). Em suma, este domínio dá uma maior margem para erros e confusões completamente desnecessárias, sem oferecer nenhum benefício prático ou concreto para a Wikipédia em língua portuguesa. Apesar do que muitos acreditam, esta enciclopédia não é de papel. Ademais, apenas as versões em espanhol e em checo da Wikipédia mantém um domínio semelhante. A anglófona tentou algo parecido e desistiu.

Com a eliminação dos "anexos", todas páginas que estavam nele simplesmente passam a constar no domínio principal, a fim de resolver os problemas citados acima. Páginas como Anexo:Lista de países por Índice de Desenvolvimento Humano e todas as outras tão pura e simplesmente deixam de ter "Anexo" antes do título. Chronus (discussão) 01h01min de 27 de abril de 2014 (UTC)

Concordo plenamente. Esse domínio é absolutamente desnecessário e só dificulta as coisas. Espero que a comunidade dessa vez acate a proposta de extinguir esse domínio. Silent (discussão) 01h15min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo Sem nenhuma ressalva. Boa parte das ferramentas que poderiam nos ajudar pifam por que ninguém prevê esse domínio. Além disso, nas nossas regras não há previsão de tratamento diferenciado para anexos, ou seja, o que vale no DP vale também no DA. Sendo assim, não vejo mais por que ter isso. José Luiz disc 01h22min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Mas como ficariam os anexos destacados e bons? Passariam automaticamente a serem artigo destaque ou bom? E as regras para destaque dos anexos, é muito diferente dos artigos? Silent (discussão) 01h32min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Symbol comment vote.svg Comentário A Wikipédia anglófona mantém a existência de uma categoria chamada "listas destacadas", mesmo sem a existência de um domínio de artigos separados do principal. Acredito que algo semelhante poderia ser feito por aqui. Seria apenas uma adaptação ao meu ver. Chronus (discussão) 01h35min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Além do que pode ser algo que possamos discutir depois (talvez ir listando essas consequências em algum lugar seja bom - na PD desta discussão?). Tudo se resolve em seguida. José Luiz disc 02h11min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Também concordo com a eliminação do domínio, inútil quando não nocivo. Cainamarques 08h19min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Concordo. Acho que pouco mais há a acrescentar à argumentação inicial. Antero de Quintal (discussão) 12h28min de 27 de abril de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo, pelos argumentos apresentados. Além disso, o Wikidata também permitirá a produção automatizada de certas listas e tabelas que hoje estariam no escopo do domínio anexo, tornando-o ainda menos necessário. Helder.wiki (discussão) 13h38min de 27 de abril de 2014 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo plenamente em acabar com essa aberração (opinião pessoal) ! --João Carvalho deixar mensagem 15h12min de 27 de abril de 2014 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo plenamente - nunca devia ter existido tal coisa de "Anexos".. parece que dá irrelevância ao tema do artigo/verbete.--Edviges (discussão) 09h19min de 9 de maio de 2014 (UTC)

O que fazer "depois"[editar | editar código-fonte]

Pensei em irmos listando aqui os impactos pra que possamos fazer uma virada decente. Contribuam!

  1. Fundir Wikipédia:Escolha do anexo em destaque (e derivadas) com Wikipédia:Escolha do artigo em destaque (e derivadas).
  2. Arrumar as normas que citam o domínio Anexo.
  3. Arrumar predefinições criadas para viabilizar esse domínio ({{Anexo}}, por ex.). comentário não assinado de Jbribeiro1 (discussão • contrib)

Symbol comment vote.svg Comentário Não seria mais prudente darmos mais tempo para a comunidade se pronunciar sobre o assunto antes de acertarmos estes detalhes sobre a eliminação do domínio? Chronus (discussão) 23h57min de 27 de abril de 2014 (UTC)

Acho que seria bom anunciar na esplanada para mais gente ver o tópico. Silent (discussão) 00h02min de 28 de abril de 2014 (UTC)
Mas já não estamos na esplanada? Chronus (discussão) 00h10min de 28 de abril de 2014 (UTC)
Anunciar em Esplanada/anúncios, porque pode ser que alguém não tenho visto. Silent (discussão) 00h17min de 28 de abril de 2014 (UTC)
Discordo de anunciar na esplanada/anúncios, quem vê os anuncios da Esplanada/Anúncios vai ver os tópicos criados na Esplanada/Propostas, daqui a pouco todos vão achar que cada tópico é importante e vão anunciar tudo da esp/propostas na esp/anúncios. Se quiser divulgar, depois (não tem nem 24h, muito cedo) coloca na MRDebates. Rjclaudio msg 00h37min de 28 de abril de 2014 (UTC)
O tópico trata da exclusão de um domínio. Se isso não é importante, sinceramente, não sei mais o que é importante. Silent (discussão) 00h49min de 28 de abril de 2014 (UTC)

Ao invés de fundir EAnD em EAD, melhor seria transformar em Escolha da Lista Destacada (igual a wiki.en), já que todos (?) os anexos destacados são listas. Melhor que fundir junto com artigos, são públicos (de edição/revisão) e estruturas diferentes. Rjclaudio msg 00h39min de 28 de abril de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. Acho melhor nos basearmos no modelo anglófono para adaptar os anexos destacados, visto que as regras para artigos destacados são bastante diferentes. Chronus (discussão) 00h54min de 28 de abril de 2014 (UTC)

Outra coisa a fazer é fundir (ou eliminar um dos dois) artigos e anexos que têm o mesmo nome e não são redirecionamentos um do outro, existem 11 nessa situação: Deriva continental (anexo), The Sims (anexo), Câmara Municipal de Santos (anexo), Sistema Solar (anexo), Bairros de Istambul (anexo), Etilenoglicol (anexo), Portalegre (Portugal) (anexo), Literatura umbandista (anexo), Calendário do ano de 1582 em Portugal (anexo), Nikita (2ª temporada) (anexo) e Sam & Cat (1ª temporada) (anexo). E depois um robô terá que passar movendo as páginas que tem "Anexo:" no título para o título sem o prefixo. Danilo.mac(discussão) 16h22min de 28 de abril de 2014 (UTC)

Lembrando que os redirecionamentos não deverão ser apagados, já que (por exemplo) os URLs com "Anexo:" são citados fora da Wikipédia. Helder.wiki (discussão) 16h27min de 28 de abril de 2014 (UTC)
A maior parte desses editores nem edita mais. E porque seria necessário chamar alguém pra opinar aqui só por essa pessoa votou a favor da criação? Silent (discussão) 18h06min de 29 de abril de 2014 (UTC)
  • Symbol neutral vote.svg Neutro, ainda gostaria de pensar nas consequências dessa extinção. Alex Pereirafalaê 18h46min de 29 de abril de 2014 (UTC) PS.: Obrigado, Belanidia, por me chamar.

!Silent, devem ser chamados os que votaram, quanto mais não seja, por uma questão de respeito pelo trabalho dos outros. Assim como defendo que quando artigo é marcado com EC ou ER, se deve sempre chamar todos os que tiveram alguma participação significativa nos artigos. --João Carvalho deixar mensagem 18h50min de 29 de abril de 2014 (UTC)

  • Claro que acabar não tem consequência, afinal não serão centenas de moções atulhando as mudanças recentes. Parece que a Wikipédia passou a existir quando alguns usuários criaram suas contas. Afinal antes da participação deles estava tudo errado. Obrigado por salvarem a Wikipédia. Fabiano msg 20h38min de 29 de abril de 2014 (UTC)
As consequências negativas da eliminação deste domínio inútil serão praticamente nulas para a comunidade. Como disse na argumentação inicial, os verbetes tão pura e simplesmente deixam de ter "Anexo" antes do título. Depois é só fazer as adaptações necessárias, como no caso dos anexos destacados. Chronus (discussão) 21h06min de 29 de abril de 2014 (UTC)
Concordo com a extinção do domínio. Haverá algumas poucas páginas que serão mais úteis no domínio predefinição, como páginas começando com Anexo:Bibliografia sobre... e com transclusão da predefinição Anexo transcluído. Serão cerca de 17430 moções, de acordo com a actualização de Novembro passado. GoEThe (discussão) 22h09min de 29 de abril de 2014 (UTC)
  • Entendo que as dezenas de milhares de moções serão feitas obrigatoriamente por um bot para que não atulhem, como disse o GRS73, as MRs e nem as minhas vigiadas, certo? Isso é condição pra que isso seja feito de maneira decente. José Luiz disc 00h57min de 30 de abril de 2014 (UTC)
Edições feitas por bots são marcadas com a flag de bot, ou seja, tanto nas MRs, quanto nas PVs, é só escolher a opção de não exibir edições feitas por bots (que eu creio que todo mundo já use assim), que elas não aparecem. Não vai "atulhar" nada. Silent (discussão) 01h08min de 30 de abril de 2014 (UTC)
Aplausos. "Magavilha"!! José Luiz disc 01h12min de 30 de abril de 2014 (UTC)
  • Acho que a existência do domínio anexo, de fato, trouxe pouca vantagem para o projeto. No entanto, parece-me que retornar à situação inicial não trará tampouco grandes benefícios. Lembro que já temos todas uma estrutura de páginas de ajuda e políticas internas que levam em consideração a existência deste domínio. Isso dito, não que seja contra a eliminção do domínio anexo, mas acho que devemos levar em consideração o custo. Lechatjaune msg 13h47min de 30 de abril de 2014 (UTC)
O "custo" é mínimo e os benefícios foram expostos na argumentação inicial. Adaptar algumas páginas oficiais, predefinições e artigos é um trabalho fácil de ser resolvido com a ajuda de bots. Não vejo nada muito complexo nisto. Chronus (discussão) 13h51min de 30 de abril de 2014 (UTC)

Symbol neutral vote.svg Neutro para não dizerem que vou empatar a discussão. Muitos usuários resolveram criar o domínio anexo porque alguns itens enciclopédicos (listas, cronologia) não eram "artigos", segundo eles. Provavelmente voltarem ao domínio principal reiniciará a nova enchurrada de propostas de eliminações sob o argumento literalmente "brilhante" de "não serem artigos" (O Yangas provavelmente já estará preparando algumas milhares de propostas de eliminação assim como fez no passado e estranhamente não entra na discussão). Creio que antes de fazerem esse tipo de modificação em massa, deveriam mexer em alguns pontos das regras. Por exemplo, uma vez que tudo será "domínio principal", explicar para alguns robotizados a diferença de artigo principal, artigo complementar, listas, apêndices, cronologias, anexos, tabelas, etc.--Arthemius x (discussão) 11h24min de 9 de maio de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo. Novamente esta discussão? Estou a ver que todo o santo ano temos de levar com uma proposta destas na esplanada. Novamente digo, não vejo motivos para terminar com este domínio e acho que é bastante útil para diferenciar dos artigos. As listas são complementos de algo principal, logo qual o motivo para misturar tudo? VítoR™ (♪) 18h00min de 12 de maio de 2014 (UTC)

Qual o motivo? Ora, ao menos leste os comentários anteriores ao teu? Cainamarques 18h24min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Como assim "qual o motivo"?! Você está ignorando todos os que participaram desta discussão, Vitorvicentevalente? Se discorda de algo, ao menos se dê ao trabalho de embasar sua posição com argumentos e não simplesmente ignore tudo o que foi dito aqui. Chronus (discussão) 18h50min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Ao meu ver, o comentário do Vitor sequer deveria ser considerado, não só pela clara ausência de argumentação, mas também pela tentativa de desestabilizar uma discussão ao ignorar todos os vários argumentos expostos acima por editores diferentes. Se alguém discorda do que foi proposto aqui, que, ao menos, procure rebater cada razão mencionada acima para acabar com o domínio anexo com argumentos consistentes e não porque simplesmente "não gostou" da proposta. Perguntar o "motivo" desta proposta depois de dias de discussão aberta e depois que vários editores se deram ao trabalho de elaborar argumentações que corroboram a ideia é, no mínimo, injusto. Chronus (discussão) 19h30min de 12 de maio de 2014 (UTC)
@Chronus: Claro, nem esperava outro discurso da sua parte. Para os proponentes é sempre um pouco complicado compreender e aceitar que existem opiniões contrárias à sua. Pois bem, enquanto membro da comunidade, o meu comentário é tão válido quanto o seu, do Manuel ou o do Joaquim. Essa tentativa de descredibilizar pessoas contrárias às nossas opiniões é velha, deviam adoptar outra.
A última pergunta foi feita de forma retórica, ou seja, quis dizer que para mim os motivos apresentados para a extinção não têm cabimento algum. Não passam de opiniões, os que concordam acham que o domínio não tem utilidade para a Wikipédia, enquanto que outros acham totalmente o contrário. Além disso, não percebo tanta indignação da sua parte. Até parece que foi acrescentada muita coisa à argumentação inicial... basicamente, os que estão a favor afirmam que os anexos são inúteis e outros são neutros e/ou vão pensar na sua posição.
Além disso, não era minha intenção travar ou prejudicar a proposta, deixei a minha opinião e reservo-me a esse direito. Espero apenas que os participantes das discussões anteriores sobre este tópico também comentem esta situação. Caso a comunidade decida por maioria eliminar os anexos e for eu o único opositor, não vou levantar problemas alguns. Portanto, não se mate mais a tentar arranjar justificações para anular a minha posição, porque nem você nem eu temos esse poder. VítoR™ (♪) 20h16min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Vitorvicentevalente, é claro que você tem direito de se expressar e que opiniões contrárias fazem parte de qualquer discussão, mas desde que elas estejam embasadas em argumentos válidos e que façam sentido. O que não foi, mas nem de longe, o caso do seu comentário. Esperava que a sua resposta à minha última mensagem trouxesse algum argumento que defendesse o domínio anexo de forma clara, mas você preferiu me atacar e continuar a bater na tecla de que o comentário escrito por você, por mais simplório e oportunista que seja, é tão válido quanto o dos vários outros editores que perderam algum tempo criando um texto minimamente argumentativo para defender a proposta. Os que foram favoráveis ao fim dos anexos criaram razões válidas para que isso aconteça, o que não vi você fazer ao discordar da ideia. Portanto, não acredito que seja correto dizer que a sua opinião, que até agora não foi corroborada por qualquer argumento minimamente complexo, tem a mesma validade das outras acima; outras opiniões que você, ao que parece, sequer se deu ao trabalho de ler. E não estou me "matando" por nada, meu caro. A pobreza argumentativa da opinião que escreveu aqui fala por si. E assim como você tem total direito de expor seus pontos de vista, eu também o tenho. Logo, repito: não acredito que comentários pobres em argumentos e que parecem ter sido feitos com o intuito de travar a discussão ao invés de enriquece-la devam ser considerados pela comunidade. Mas é claro que essa é apenas a minha opinião. Chronus (discussão) 22h16min de 12 de maio de 2014 (UTC)
@Chronus: Não, é claro que não aceita, e basta ler essas suas respostas egocêntricas ou mesmo consultar outras propostas. E não, não vou argumentar nem alongar mais esta discussão, muito menos com uma pessoa que se considera acima de alguém aqui. Mas não se iluda, pois a sua opinião, de facto, não vale nem mais nem menos que a minha. São isso mesmo, opiniões e pontos de vista diferentes que valem o que valem.
Pessoalmente, considero a existência dos anexos útil. Não acho que um rol infinito de tabelas, listas, cronologias, etc. etc. sejam plausíveis para o domínio principal. Não são mais que apensos de um tema principal, logo não vejo problema nenhum em terem um espaço específico. E, por muito que pense que é "perfeita" e bem estruturada, a sua proposta não apresenta atentado algum à existência do domínio. Não passa de uma introdução ao tema, opinião pessoal, críticas aos critérios actuais (se estão mal, alteram-se, simples) e uma lista de dúvidas suas de como agir perante o conteúdo que encontra. Lá está, é a minha opinião.
E repito: não foi minha intenção prejudicar ou travar esta proposta, se quisesse era outra história. Deixei apenas a minha posição como parte da comunidade que sou, tal como você. A diferença é que eu não tento anular ou descredibilizar ninguém. Não acredita? Olhe a minha cara de preocupado...
E, para terminar, a única coisa que me sugere fazer quando leio o que diz sobre "ataque pessoal" e a "complexidade" da sua proposta é rir apenas. VítoR™ (♪) 22h59min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Citação: E não, não vou argumentar nem alongar mais esta discussão - É claro que não, afinal como argumentar sem argumentos, não é mesmo?! Muito obrigado por provar que meu ponto de vista estava correto. E ria o quanto quiser, meu caro. A qualidade lamentável dos textos que escreve por aqui já diz o bastante sobre os seus objetivos nesta discussão. E ainda é você quem acha graça, rs. Chronus (discussão) 23h04min de 12 de maio de 2014 (UTC)
A propósito, sugiro que seja minimamente educado nos seus próximos comentários. Não quero ser obrigado a levar suas mensagens para a administração. Não quero mesmo. Parece que você ainda não entendeu isso, mas estamos em uma conversa argumentativa e civilizada. Chronus (discussão) 23h10min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Claro que percebi, e lá por serem opostos aos seus, não quer dizer que os argumentos dos outros sejam inválidos. Sabe há quanto tempo aqui estou? Não tenho medo nenhum de ameaças desse tipo. Não estou a ver onde está a falta de educação... não fui eu que tentei descredibilizar alguém através de palavras vazias e sem conteúdo apenas porque discordo do seu ponto de vista. Agora, e para terminar a minha participação nesta troca de farpas inútil, sugiro que queime mais uns neurónios para elaborar uma resposta mais completa para alguém que tenha paciência de aprofundar a sua discordância com esta "proposta". VítoR™ (♪) 23h18min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Ah, você não consegue ver onde faltou com educação na mensagem que escreveu?! Engraçado, não sei se uso como exemplo a parte em que me chamou de "egocêntrico" ou quando disse que eu me acho superior aos demais nesta discussão, coisa que jamais disse ou insinuei. E não lhe fiz "ameaça" alguma, lhe dei um aviso baseado nas políticas oficiais do projeto. São coisas bem diferentes. Atente-se para o fato de que temos regras de boa convivência por aqui e que elas devem ser respeitadas! Mas talvez tenhamos conceitos diferentes do que é ser educado, não é mesmo? No mais, volto a repetir: quem descredibilizou alguém aqui foi você mesmo com o comentário simplista que escreveu ao discordar da proposta. Se é para ter este tipo de participação no debate, espero que cumpra o que disse e que o comentário acima tenha sido mesmo o seu último nesta página. Por fim, se você tivesse investido todo o tempo que gastou para me atacar em construir bons argumentos para embasar a sua opinião, teríamos uma conversa muito, mas muito mais produtiva. Uma pena que não tenha sido assim. Chronus (discussão) 00h34min de 13 de maio de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio a extinção do "Anexo" e o fim dos EAnD para que este seja transformado em "Lista em destaque", como na anglo. Nunca fui o tipo de usuário que contribui muito nesse tipo de domínio. --Zoldyick (Discussão) 22h28min de 12 de maio de 2014 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário Desde que "Listas em destaque" não acabem parando na PP, porque a PP não é lugar de "listas destacadas" apenas de verbetes com texto escorreito. É bom atentar pra isso. MachoCarioca oi 23h19min de 12 de maio de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo! Existem diferenças claras entre os critérios de destaque das duas categorias de artigos. Assim como atualmente os anexos não vão para a PP, as futuras "listas destacadas" também não iriam. Chronus (discussão) 00h34min de 13 de maio de 2014 (UTC)

Eu perdi um tempo tentando ler tudo, e concordo com o Vitor que os anexos poderiam ser sim úteis, porém nunca vi serem utilizados da maneira correta, por nossas bandas os anexos são sinônimos de listas, existem muitas páginas complementares que deveriam estar no domínio anexo, mas estão no principal. Acredito que o grande problema é achar que os anexos são só para listas, páginas complementares, mesmo com textos bem elaborados, deveriam ir para os anexos, se for para fazer do jeito que está atualmente, e que acredito não vá mudar, acho que manter um domínio abandonado, que é o que acontece atualmente, quase ninguém verifica os novos anexos, o que deixa vários lixos ficarem por aqui meses, isso os que passam desapercebidos, é mal utilizado, e pouca gente vê utilidade, não vejo porque manter tal domínio, por tudo isso Symbol support vote.svg Concordo com a eliminação do domínio anexo. Porém temos que pensar nas consequências de tal eliminação, vamos ter que ajustar as regras para poder mover as páginas do domínio anexo para o principal, não é só simplesmente eliminar o domínio e pronto, isto implica em várias mudanças, que devem ser discutidas mais afundo. Eric Duff disc 01h47min de 14 de maio de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com o Eric Duff. Note-se ainda que ao mover de um domínio para outro vai haver muita coisa duplicada devido à forma como eram usados por muita gente, criando artigos unicamente para "transcrever" anexos, para além de que haverá muitos anexos que não faz sentido sequer existirem no domínio principal na forma atual. EuTugamsg 10h33min de 17 de maio de 2014 (UTC)

EuTuga, o Eric apoiou o fim do domínio anexo. É isso que você apoia? Sua mensagem ficou bastante confusa e acredito que você não leu tudo o que ele escreveu com atenção. Chronus (discussão) 19h19min de 17 de maio de 2014 (UTC)
Sim, concordo com o fim do domínio anexo. A segunda parte do meu comentário já é sobre as consequências do fim do domínio anexo: não vai ser só mover de volta para o domínio principal e já está; isso vai dar muito trabalho. EuTugamsg 15h41min de 22 de maio de 2014 (UTC)
Obrigado por esclarecer. Chronus (discussão) 15h46min de 22 de maio de 2014 (UTC)

Eu quase não acredito que vamos finalmente nos livrar desta insensatez. Os argumentos contra tal mudança se limitam ao custo da transição que, de fato, trará algumas complicações. Em relação a eliminação do domínio em si, é claro que este não trouxe benefícios ao projeto. A moção das páginas poderá proceder a eliminação, incluindo os casos que o Danilo citou (neste caso fusão). A atualização da documentação como cita o Lechatjaune, não será problemática, assim foi feito na implementação da Eliminação por Consenso, muito mais extensiva. Talvez a parte mais complexa seja o caso das Listas destacadas, se vamos estabelecer um sistema como da en.wiki, devemos discuti-lo. Cainamarques 17h25min de 23 de maio de 2014 (UTC)

  • Symbol neutral vote.svg Neutro, por enquanto, em relação à proposta. Agradeço à Belanidia por respeitosamente me chamar. JSSX diga 02h45min de 26 de maio de 2014 (UTC)

Já se passou um mês, e tivemos apenas um editor contra. Podemos então dar início ao fim desse domínio? !Silent (discussão) 23h32min de 27 de maio de 2014 (UTC)

Creio que sim. Mas acho que seria bom discutirmos um plano de mudança aqui pra evitarmos bobagens. Como é que se pretende eliminá-lo? Um bot vai mover tudo? O que se vai fazer com os anexos destacados? E as propostas em aberto? etc. Enfim, um to-do list pra quem está interessado não seria de todo mau pra gente validar o como antes, não? José Luiz disc 02h21min de 28 de maio de 2014 (UTC)

O conteúdo dos anexos será fundido nos artigos dos quais eles são originários? Ou o conteúdo deles será perdido? JSSX diga 03h12min de 28 de maio de 2014 (UTC)

Não, os anexos se tornarão verbetes. O conteúdo deles será mantido, ao menos na maioria dos casos. Chronus (discussão) 03h14min de 28 de maio de 2014 (UTC)
É disso que estou falando, Heitor. Dado que queremos fazer (estratégico), deixar aqui mais claro o que será feito (tático - como fazê-lo).... José Luiz disc 03h24min de 28 de maio de 2014 (UTC)

Plano de trabalho[editar | editar código-fonte]

  1. Ajustar documentação
    1. WP:Listas
    2. WP:Domínio Anexo
    3. WP:Anexos destacados - Mover para WP:Listas destacadas
    4. ...
  2. Mover páginas em Anexo: para domínio principal por meio de bot (movimentação manual deve ser evitado para não atulhar as Mudanças Recentes)
    1. Verificar excepções, se houver (p. ex. Anexo:Bibliografia sobre... e páginas com transclusão da predefinição Anexo transcluído
    2. Fundir (ou eliminar um dos dois) artigos e anexos com mesmo nome. Existem 7 (no início do tópico eram 11): Deriva continental (anexo), Câmara Municipal de Santos (anexo), Etilenoglicol (anexo), Portalegre (Portugal) (anexo), Literatura umbandista (anexo), Calendário do ano de 1582 em Portugal (anexo), Nikita (2ª temporada) (anexo)
    3. Ajustar {{Anexo}}
    4. Eliminar redirecionamentos com mais de uma edição antes de mover (lista)
    5. Corrigir afluentes ( [[Anexo:Lista de X]] → [[Lista de X]] )
    6. ...

Comentários ao plano de trabalho[editar | editar código-fonte]

Por favor acrescentem / modifiquem o que for necessário. GoEThe (discussão) 08h13min de 28 de maio de 2014 (UTC)

Os artigos de "bibligrafia sobre" vão virar o quê exatamente? !Silent (discussão) 11h30min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Sugiro que a bibliografia seja incluída novamente no artigo. Não percebo porquê a criação de subpáginas que depois são transcluídas no artigo. Gostava de um parecer técnico fundamentado para a alegação de que "as páginas são carregadas mais rapidamente". Para mim, isto não faz sentido. A quantidade de código que o browser tem que carregar é a mesma, simplesmente tem que o ir buscar a duas fontes em vez de uma. De qualquer forma, mesmo que se mantenha este sistema, essas listas bibliográficas podem ser movidas para o domínio predefinição. Antero de Quintal (discussão) 11h42min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Antero de Quintal: onde isso foi alegado? Helder.wiki (discussão) 11h49min de 28 de maio de 2014 (UTC)
As páginas não carregam mais rapidamente, muito pelo contrário. !Silent (discussão) 11h51min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Veja o que eu comentei em Special:Diff/29631333 e em Special:PermaLink/23698538 sobre o tamanho do código wiki. Helder.wiki (discussão) 11h53min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Em 4435 anexos, o título correspondente no domínio principal é um redirecionamento, a maioria provavelmente resultado da moção quando o domínio Anexo foi criado. Pelo que li no guia de moção sobre redirecionamento, uma página só pode ser movida de volta se o título anterior tem apenas a edição da criação do redirecionamento, 322 redirecionamentos tem mais de uma edição (lista). Então será preciso ver se esses redirecionamentos com mais de uma edição não têm histórico relevante para podermos eliminá-los antes da moção, e temos que ver como vamos eliminá-los, se vamos marcá-los com ER, se um eliminador elimina direto sem ER ou se é melhor dar estatuto de eliminador para o(s) robô(s) que vão mover essas páginas. Danilo.mac(discussão) 21h10min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Eu acho melhor dar o estatuto de eliminador a um bot, de forma provisória, para ele próprio lidar com isso. É menos burocrático. !Silent (discussão) 21h13min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Concordo totalmente. José Luiz disc 22h15min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Dispensam-se burocracias ! Symbol support vote.svg Concordo --João Carvalho deixar mensagem 22h25min de 28 de maio de 2014 (UTC)
Anexos transcluídos[editar | editar código-fonte]

Já há muito que me arrependi de ter adotado os "anexos transcluídos" em alguns dos "meus" artigos maiores, mas na altura pareceu-me uma boa ideia, nomeadamente porque na altura li algures que tinha vantagens em termos de performance (e em certas situações é ligeiramente mais prático de editar). Já há muito tempo que, no caso das minhas edições, eles só são necessários para que seja possível consultar as versões dos artigos que usavam a transclusão. A única forma que me ocorre para que tal continue a ser possível é manter o domínio anexo e impedir de alguma forma que sejam criadas novas páginas nele. Os "meus artigos" que sofrem desse mal são os relacionados com a Sardenha, Plasencia, Alanya e Turquia. Para cúmulo, as versões que foram elevadas a AD usam anexos transcluídos, e o mesmo se deve passar com alguns dos outros afluentes de {{Anexo transcluído}}. --Stego (discussão) 23h43min de 28 de maio de 2014 (UTC)

Stego, também "tenho" vários artigos na mesma situação, como bem sabe. Mas, como o Antero disse mais acima, podemos transformar estes "anexos transcluídos" em predefinições, como já acontece com grande parte dos gráficos e tabelas. Chronus (discussão) 01h56min de 29 de maio de 2014 (UTC)
@Chronus: sim, mas a minha observação acima não tem a ver com substituir a função dos anexos transcluídos mas sim com o facto de que, deixando de existir, por exemplo Anexo:Bibliografia sobre a Índia, deixa de ser possível consultar as versões integrais do(s) artigo(s) que em algum momento transcluiram aquela página. Ou seja, se queremos que o histórico possa ser consultado integralmente, no mínimo terá que continuar a existir Anexo:Bibliografia sobre a Índia como redir para uma qq página. A única razão para os "meus" anexos nessas condições continuarem a existir é precisamente essa. --Stego (discussão) 02h09min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Uma ideia é mover os "anexos transcluídos" para subpáginas da predefinição:anexo transcluído com uma nota dizendo que a página é mantida porque seu histórico é parte do histórico de um artigo. A licença que a Wikipédia usa exige a atribuição de autoria do texto, se o texto não foi eliminado (foi copiado para o artigo) os registros de autoria desse texto devem ser mantidos também. Danilo.mac(discussão) 03h52min de 29 de maio de 2014 (UTC)
@Stego: o link "histórico" fornece acesso apenas ao histórico do código wiki, mas não do código HTML das páginas, e atualmente não é possível consultar versões (HTML) antigas dos artigos, que mostre-nos como eles eram em determinada data (vejam detalhes no bugzilla:35066 / bugzilla:851). Acabar com o domínio anexo não piorará esse problema, nem será diferente de permitir a edição de páginas predefinições em geral, já que tais edições alteraram não apenas o que aparece na versão atual dos artigos mas também as versões de anos atrás... Helder.wiki (discussão) 13h08min de 29 de maio de 2014 (UTC)
@Helder.wiki: Acho que você não percebeu qual é o "meu problema": atualmente, se consultar versões de há 3 anos de, por exemplo, Plasencia, consegue vê-las integralmente, pois os anexos transcluidos continuam a existir. Se o título desses anexos naquela altura deixar de existir, grande parte das versões do artigo pura e simplesmente desaparecem. Por outro lado, se os títulos deixarem de existir, perde-se uma parte importante do histórico, a relativa aos conteúdos que vieram desses anexos. --Stego (discussão) 14h01min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Como os títulos "Anexo:<nome>" passarão a ser redirecionamentos (não serão apagados) para as páginas que estarão no domínio principal, onde estará o histórico com as revisões antigas dos anexos, a transclusão continuará funcionando como antes. Helder.wiki (discussão) 14h42min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Ok, pelos vistos estamos de acordo.--Stego (discussão) 14h45min de 29 de maio de 2014 (UTC)
E se forem passados para o domínio predefinição e o domínio Anexo passasse a ser um sinónimo de predefinição, como WP é para o domínio Wikipédia? Haveria algum inconveniente? GoEThe (discussão) 07h15min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Por mim, qualquer das soluções é boa. --Stego (discussão) 10h21min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Isso não me parece boa ideia. Listas e tabelas são conteúdo e deveriam ser inseridas nos artigos, não em outro domínio, muito menos no domínio predefinição (que não pode ir para a lista de domínios de conteúdo, nem é monitorado da mesma forma que o domínio principal, tendo então os mesmos problemas que motivam a eliminação do domínio anexo). O que realmente precisa migrar para o domínio predefinição são as predefinições. Helder.wiki (discussão) 13h08min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Acho que isso é tema pra outra conversa, pois o fato é que já temos bastante conteúdo no domínio Template.... {{Árvore genealógica da Dinastia nerva-antonina}} (e todas as árvores) ou {{Concílios Ecumênicos}} (e todas as similares), ficando em dois exemplos "meus". José Luiz disc 14h25min de 29 de maio de 2014 (UTC)
A parte que é tema para este tópico é apenas a de não transformar "Anexo" em um nome alternativo para o domínio "Predefinição", pois sempre foram coisas completamente diferentes. Helder.wiki (discussão) 14h42min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Estava na verdade a pensar apenas nas bibliografias, mas talvez sejam realmente conteúdo e não predefinição. GoEThe (discussão) 15h32min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Acho que você tem razão. Talvez a árvore genealógica tenha que ser uma página no DP que, por sua vez, pode ser transcluída na página dos biografados. Agora é fato que em outras wikis há muitas páginas de conteúdo (similares a estas) no domínio template... José Luiz disc 15h44min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Apenas para organizar o consenso: Todos anexos, inclusive os transcluídos, vão para o domínio principal, não existem exceções, correto? Danilo.mac(discussão) 18h34min de 29 de maio de 2014 (UTC)
Julgo que sim, desde que seja na mesma possível continuar a identificá-los como transcluídos. GoEThe (discussão) 08h25min de 3 de junho de 2014 (UTC)
Conflito de títulos[editar | editar código-fonte]

Estava configurando o robô para começar a mover as página e encontrei outro problema: Em alguns anexos o titulo correspondente no domínio principal é um redirecionamento para outra página, por exemplo Provérbios redireciona para a desambiguação Provérbio e não para Anexo:Provérbios, se eliminarmos o redirecionamento para mover mover o anexo para lá as ligações internas para esse título, que deveriam ir para um artigo que descrevesse o que é um provérbio, passarão a ir para uma lista de provérbios. Não dá para simplesmente fazer o robô colocar "Lista de " na frente de todos títulos que não têm, pois em alguns casos ficaria sem sentido (ex: "Lista de tabela de", "Lista de elenco de", "Lista de geografia da"), e pode também já existir outro anexo com o título, o acontece nesse exemplo: Anexo:Lista de provérbios. O que fazer nesses casos? Danilo.mac(discussão) 18h54min de 30 de maio de 2014 (UTC)

Sugiro não fazer nada nestes casos e listar numa página pra que algum humano colaborando no projeto possa indicar qual seria o nome correto pro artigo. Daí, numa outra passada, o robô saberá o que fazer. José Luiz disc 23h17min de 30 de maio de 2014 (UTC)
E como estamos? Os bots já vão começar a fazer as movimentações? Chronus (discussão) 03h18min de 9 de junho de 2014 (UTC)
Estou fazendo um pedido do robô. Danilo.mac(discussão) 19h53min de 12 de junho de 2014 (UTC)

──────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────── A documentação não pode ser actualizada entretanto? Acho que seria pertinente fazê-lo antes de proceder aos movimentos. Em relação aos anexos bons... passariam a ser "listas boas"? Penso que, com a extinção do domínio, a sua existência passa a ser desnecessária. VítoR™ (♪) 15h07min de 25 de junho de 2014 (UTC)

Anexos do tipo "Lista de...por ordem..."[editar | editar código-fonte]

Pessoal, anexos como Anexo:Raças de cães por ordem alfabética (ou Anexo:Raças de cães por ordem numérica) não serão movidos, certo? Principalmente quando já existir um chamado Anexo:Lista de raças de cães.... O que acham? José Luiz disc 21h19min de 25 de junho de 2014 (UTC)

Não daria para fundir este tipo de anexo? Acho que daria para se fazer apenas uma tabela com todas estas informações incluídas, e utilizar a opção de colocar em ordem crescente ou decrescente para obter as demais informações na ordem desejada. Eric Duff disc 16h12min de 1 de julho de 2014 (UTC)


  • Symbol comment vote.svg Comentário: Como anda a movimentação dos anexos para o domínio principal? Alguém tem alguma novidade? Faz mais de um mês que ninguém edita esta discussão. Chronus (discussão) 02h46min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
Eu ando acompanhando, mas como praticamente abandonaram a discussão. Eu vi que fizeram o pedido para um bot mas desde então nada. Pode-se fazer as movimentações? Eric Duff disc 13h46min de 15 de agosto de 2014 (UTC)
É o que eu gostaria de saber também. Esperava que tudo fosse feito de maneira automática, mas parece que vai ter que ser manual. É isso mesmo? Chronus (discussão) 18h04min de 15 de agosto de 2014 (UTC)

Artigos referentes a períodos de tempo (anos, décadas, séculos, etc.)

Dando uma olhada nesses artigos, eu notei que falta uma padronização. As informações aparecem um tanto confusas e muitas vezes esses artigos aparecem poluídos, com vários eventos pouco relevantes e alguns descritos em minúcias. Uma ideia que eu tive é classificar os eventos por tópico (política, mídia, esportes, tecnologia, mortes, acidentes, etc.) e por região.

Penso também que deve ser feita uma distinção entre os anos do século XXI (e posteriores) e os anos até o século XX, dado que a Wikipedia surgiu em 2001 e é natural que o tempo a partir desta data tenha mais informações, muitas vezes em tempo real. O que acham? Têm alguma outra sugestão? Fábio (discussão) 17h05min de 4 de junho de 2014 (UTC)

Penso que havia um consenso (regra?) para neste tipo de artigos incluir apenas biografados de importância 3 ou 4. No entanto, a falta de vigilância neste tipo de artigos fez com que sucessivamente e ao longo dos anos os IPs fossem acrescentando todo o tipo de biografados pouco ou nada relevantes. Para a escolha de eventos devia-se seguir o mesmo critério: apenas os de importância 3 ou 4. Antero de Quintal (discussão) 18h31min de 4 de junho de 2014 (UTC)
Complementando, acho que o critério é bom, mas algumas exceções podem ser pensadas para casos muito óbvios. Ainda que Natal não tenha qualidade 3 ou 4, incluí-lo em 25 de dezembro parece-me uma questão de bom senso e duvido que alguém se oponha. Assim, o critério seria "artigos de qualidade 3 ou 4" ou cuja notoriedade e relevância em relação ao artigo seja indiscutível". José Luiz disc 22h06min de 4 de junho de 2014 (UTC)
@Jbribeiro1: Importância 3 ou 4, e não qualidade. Antero de Quintal (discussão) 23h50min de 4 de junho de 2014 (UTC)
My mistake. Faz todo sentido. José Luiz disc 23h59min de 4 de junho de 2014 (UTC)

Como alguns saberão, tenho feito diversos artigos de anos (temas) que continuo a vigiar e é raro o dia que não faço uma reversão. Ficou decidido (algures) que nascimentos e falecimentos, só de biografias classificadas com importância 4 é que poderão ser mencionadas no artigo ano. As que tiverem classificação inferior só podem ser mencionadas no artigo ano (tema). Tenho-me "recusado" (entre aspas) a fazer alterações nos anos do século XXI, porque a bagunça é enorme e são tantos a colocar e retirar informação, que o controle é difícil e além disso não estou para guerras (discussões). De notar que discordo da existência de listas como Anexo:Mortes em janeiro de 2010 que não me dizem nada e não sei para que servem. Em relação aos anos anteriores ao século XXI, ainda há muita separação a ser feita, mas ainda falta introdução de milhares de dados para que se justifique, na minha opinião mais separações como por exemplo: "Arte em XXXX" deve ser separado em "Pintura em XXXX", "Arquitetura em XXXX", etc. Só mais duas notas: 1) Há uns artigos do século XX (talvez menos de uma dezena) que ainda falta retirar para os artigos já existentes "ano tema" alguns nascimentos e falecimentos. 2) As biografias de presidentes, reis (chefes de estado) mesmo que não tenham ainda classificação, são considerados de importância 4 para os artigos "Anos" --João Carvalho deixar mensagem 23h21min de 4 de junho de 2014 (UTC)

Jbribeiro1 a única decisão tomada para inclusão ou exclusão da informação nos artigos, só foi tomada em relação aos artigos "Anos". Em relação aos artigos "dias", que eu saiba, não foi tomada nenhuma decisão.
Meu foco tem sido os anos a.C., e é impressionante como quase todos são textos cuspidos sem nenhuma fonte. Mas, quando vejo alguns anos d.C., deparo com a mesma falta de escrúpulos. Acho que seria preciso, antes de mais nada, proteger todos artigos contra vandalismos de IPs. E tentar definir algum critério para o que pode estar no artigo de um ano, ou o que deve estar em um sub-artigo específico. Exemplificando: achei uma fonte que diz que Aguiar da Beira conseguiu o foral em 1258. Será que faz sentido incluir esta informação no artigo (ainda não é um artigo, é um lixão sem fontes) do ano? Ou isto é tão irrelevante para o ano que só no dia em que houver algo como 1258 em Portugal que faria sentido listar este dado? Albmont (discussão) 19h26min de 8 de junho de 2014 (UTC)
Albmont, não mude o foco da discussão. Os IPs não estão em discussão ! --João Carvalho deixar mensagem 21h55min de 8 de junho de 2014 (UTC)
Os IPs são a razão destes artigos estarem uma lástima: Citação: No entanto, a falta de vigilância neste tipo de artigos fez com que sucessivamente e ao longo dos anos os IPs fossem acrescentando todo o tipo de biografados pouco ou nada relevantes escreveu: «Antero de Quintal». Albmont (discussão) 00h36min de 9 de junho de 2014 (UTC)

Essa questão da importância 3 ou 4, citada pelo Antero de Quental, faz todo o sentido. Eu fui um dos que pensou na solução de "Mortes em tal ano" em um dado momento porque eu estava vendo que mais da metade do conteúdo do artigo era sobre pessoas que morreram. Dava-se o mesmo grau de relevância para personalidades desde líderes como Nelson Mandela até algum jogador de um time da segunda divisão do Campeonato Tocantinense de Futebol ou coisas do gênero. Fábio (discussão) 01h51min de 8 de julho de 2014 (UTC)

tags e Livro de estilo

Uma coisa que sempre me incomodou além de, na minha opinião, poluem o layout os nossos artigos são os tags, como {{Revisão-sobre}}{{Wikificação}}{{Reciclagem}}. Sei que algumas pessoas os consideram importante, mas, outra vez na minha opinião, servem para acumular poeira, aja visto que ficarão anos lá, e para dar função a quem quer contribuir de forma rasa, sem querer contribuir de forma mais real. Então, eu estava reparando que não há uma linha sobre isso no [Wikipédia:Livro de estilo], logo eu proponho que eles sejam colocados no finas dos artigos, assim liberando esta parte mais "nobre" para a introdução do artigo, como o Livro de estilo aconselha.--Econt (discussão) 22h48min de 16 de junho de 2014 (UTC)

A função das tags é vital para chamar à atenção para a resolução de problemas e para o alerta em relação eventuais problemas do artigo. É suposto terem uma função prática, e não estética ou ornamental. Os avisos são feitos antes da leitura, e não no fim da leitura. As tags são também uma das formas mais eficazes de captação de novos editores, ao fazerem o apelo à edição imediata e chamando à atenção para o facto de qualquer pessoa poder editar e corrigir os erros. No fim dos artigos ninguém as vê, a não ser que faça scroll em todas as páginas. Antero de Quintal (discussão) 10h35min de 17 de junho de 2014 (UTC)
As tags não são apenas para nós editores, já falei várias vezes que elas são também um alerta para os leitores. Muita gente acha que o que está na Wikipédia é a verdade nua e crua, logo, alertar que um artigo está sem fontes já deixa o leitor avisado desde já que a informação na página não é necessariamente confiável. As tags devem continuar no topo dos artigos, portanto. Essa proposta nem deveria ser levada muito a sério se considerarmos que o proponente aproveita o texto pra dar uma alfinetada desnecessária em quem trabalha com tagueamento de artigos, como se existissem funções melhores que outras. Victão Lopes Diga! 17h59min de 17 de junho de 2014 (UTC)
Concordo com o Antero e com o Victão. Cada vez que se discute isto das marcas de manutenção, quem se insurge contra elas esquece algo fundamental, muito mais grave do que o aspeto estético: se as marcas lá estão é porque o artigo tem problemas e isso é que deve ser a preocupação fundamental. A talhe de foice: nunca hei-de perceber o afã de certos editores em removerem {{sem-fontes}} sem a substituírem por {{mais notas}} só porque 1% do conteúdo está (supostamente...) comprovado por uma fonte, ou removerem {{wikificação}} porque tem meia-dúzia de ligações apesar de haver mais cem em falta, etc. Quanto a tarefas mais nobres --Stegop (discussão) 18h09min de 17 de junho de 2014 (UTC)
+1! Acho importante também pelo aspecto de informar aos leitores e colaboradores sobre os problemas ou limitações já identificados.--Oona (discussão) 02h19min de 18 de junho de 2014 (UTC)
Ver também: Predefinição Discussão:Carece de fontes#Sem propósito.... Helder.wiki (discussão) 10h09min de 18 de junho de 2014 (UTC)

Permissão de bloqueio para o salebot

Proponho que se inclua à programação do Salebot a capacidade de bloquear vândalos automáticamente depois de esses receberem determinado número de avisos a respeito de atos de vandalismo.Como esses avisos são bem definidos,o Salebot poderia ser programado para contar o número desses avisos na página de discussão do usuário,bloqueando-o automáticamente se lá houvesse a quantidade predefinida de avisos determinante para a aplicação dessa medida punitiva--Leon saudanha (discussão) 00h29min de 29 de junho de 2014 (UTC)

Concordo. Proponho que caso o IP já tenha recebido 3 avisos em menos de um dia, que o Salebot o bloqueie durante 24 horas. !Silent (discussão) 00h46min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo, ótima ideia, melhoraria muito... JackgbaMsg 01h21min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Apoio, é uma excelente ideia. Mas tem como ser implementado? Lord MotaFala 02h27min de 29 de junho de 2014 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo. Durante as primeiras semanas, ele pode também avisar o café dos sysops sempre que fizer um bloqueio (ou uma subpágina sua que sysops vigiem) pra gente avaliar se ele não fez nenhum falso positivo. José Luiz disc 12h02min de 29 de junho de 2014 (UTC)
E não seria nem necessário dar o cargo de Administrador ao Salebot, bastaria o de Reversor. !Silent (discussão) 12h55min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo --Stego (discussão) 13h13min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Avisei o Alchimista desta proposta.OTAVIO1981 (discussão) 14h22min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo --Fulviusbsas (discussão) 14h57min de 29 de junho de 2014 (UTC)
  • Symbol support vote.svg Concordo. Como diz o colega José Luiz é importante que durante uns tempos no café dos sysops, os administradores sejam avisados sempre que fizer um bloqueio, para evitar "falsos positivos", pois tenho encontrado algumas páginas para eliminar pelo Salebot, em que fico na dúvida se devem ou não ser eliminadas. Claro que, se o "filtro" usado pelo Salebot, para bloquear for do tipo "uso de palavrões", isso dispensa o aviso. --João Carvalho deixar mensagem 20h11min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Pra ver se é possível, poderia ser visto o histórico de ações dele. Basta ver se os IP que foram repetidamente avisados por ele mereceriam mesmo um bloqueio.—Teles«fale comigo» 20h36min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Symbol comment vote.svg Comentário:Só para complementar a proposta,caso tal programação for mesmo adicionada ao Salebot,considero que seria interessante que,se testes comprovarem a eficiência dessa medida,poderia ser criado um bot com a função específica de bloquear vândalos reincidentes,inclusive aqueles que,após terminado o prazo do bloqueio,voltem a vandalizar,aplicando a eles um bloqueio mais severo.Isso provavelmente reduziria drasticamente ataques a artigos realizados por tais vândalos,diminuiria de forma considerável os pedidos de bloqueio na WP:P/B,e tornaria o nosso trabalho de combate ao vandalismo mais eficaz,reduzindo o tempo gasto por nós fazendo reversões,que poderia assim,ser gasto na melhoria e criação de novos artigos--Leon saudanha (discussão) 21h35min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Casos assim precisam ser muito bem avaliados a longo prazo e só um falso positivo muito baixo permitiria usar o bloqueio. Se possível, listar os bloqueios realizados em alguma página pra que possam ser revistos contstantemente. Mas eu prefiro aguardar que algum operador apareça pra dizer sobre as possibilidade de realização da tarefa.—Teles«fale comigo» 22h15min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Aparentemente um operador já foi contactado para dar sua palavra nessa discussão,mas ele não entrou hoje,então teremos que esperar até amanhã para ver o que pode ser feito--Leon saudanha (discussão) 22h48min de 29 de junho de 2014 (UTC)
Uma alternativa é usar o filtro de edição se possível pra bloquear nessas condições. A vantagem do filtro de edição é que pode ser gerido por mais usuários e pode registrar falsos positivos usando a interface da wiki. Resta saber se há essa possibilidade.—Teles«fale comigo» 06h32min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Existe uma ordem de prioridade (filtros > validação > robôs > hugglers) na manutenção das ferramentas que deveria ser levada em conta na manutenção e implementação de melhorias mas por diversos motivos tais recursos não estão otimizados. Existem planos de "sincronizar" as palavras filtradas entre as diversas ferramentas e não ficava mal fazer algo mais profundo e discutir a possibilidade de bloqueios para um filtro e um robô (não precisa ser, necessariamente, o salebot).OTAVIO1981 (discussão) 13h27min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Bem,pelo que eu sei o código fonte do mediawiki é livre,portanto mesmo que a opção de bloqueio não exista no AbuseFilter não a nada que impeça de algum programador disponibilizar essa opção lá,até por que aprimorações no MediaWiki são sempre bem vindas.O mesmo vale para as variáveis existentes.Quanto ao bot,poderia criar-se um especificamente para essa finalidade,como mencionou o @OTAVIO1981:--Leon saudanha (discussão) 15h13min de 30 de junho de 2014 (UTC)
@Helder.wiki: esse não é o padrão, mas existe a possibilidade de permitir bloqueio usando o filtro (ver bugzilla:52681), o que já funciona bem no Meta pra bloquear contas com determinado padrão de spam. Entretanto, se não é possível por falta de uma variável, então não adianta mesmo.—Teles«fale comigo» 15h49min de 30 de junho de 2014 (UTC)
[conflito] Leon saudanha: pra ser mais exato, a extensão AbuseFilter permite que a ação aplicada a uma edição seja o bloqueio do editor, mas essa opção foi desabilitada nas wikis da WMF, exceto algumas que fizeram pedidos como o do bugzilla:57681.
E minha avaliação pessoal é de que a implementação de alguma nova variável (qual?) seria considerada um "aprimoramento de pouca importância", levando então alguns anos para ser concretizada. Helder.wiki (discussão) 15h57min de 30 de junho de 2014 (UTC)
  • Entendo @Helder.wiki:,a razão pela qual fiz essa proposta é que o número de artigos na wikipédia cresce mais rápido que o número de usuários para monitorar e desfazer atos de vandalismo contra eles,isso me leva a crer que mais cedo ou mais tarde precisaremos de uma ferramenta que bloqueie automaticamente os usuários que praticam atos de vandalismo,senão vamos acabar perdendo o controle sobre as ações deles na wikipédia--Leon saudanha (discussão) 16h08min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Apenas uma observação sobre não criar muitas expectativas sobre isso. Não há uma forma mágica de prever vandalismo. Pra que uma ação automática seja efetuada deve haver uma chance muito pequena de falso positivo, o que não é frequente. Portanto, apenas uma pequena margem dos bloqueios seria feita pelo Salebot e isso provavelmente não causaria um impacto tão grande.—Teles«fale comigo» 16h22min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Se houvesse um filtro de bloqueio,poderia ser criado um bot que ao invés de bloquear automáticamente vândalos,bloqueasse eles por solicitação de algum usuário,nesse caso deveria ser criado um estatuto de usuário próprio para fazer essa solicitação,cujo critério para a atribuição do estatuto seria um número x de reversões bem aplicadas,em artigos vitimas de vandalismo--Leon saudanha (discussão) 16h45min de 30 de junho de 2014 (UTC)

Existe uma lista automática de usuários com mais reversões nos últimos 5 dias, ela busca as reversões pelo sumário da edição, um robô poderia ir contando as reversões do mesmo modo e na segunda ou terceira ele bloquearia. Fiz esta lista usando o script dessa ferramenta como base, por essa lista é possível ter uma ideia dos usuários que seriam bloqueados e ver se teria falsos positivos. Danilo.mac(discussão) 21h33min de 30 de junho de 2014 (UTC)

Danilo.mac, não percebo nada de filtros mas, pela lista apresentada, seriam bloqueados diversos administradores. hehehe --João Carvalho deixar mensagem 22h16min de 30 de junho de 2014 (UTC)
É só filtrar, fiz uma nova lista removendo usuários com qualquer grupo e colocando as reversões do Salebot em verde.
Sobre a possibilidade de implementar, acho que o Salebot não conseguiria fazer isso pois é programado por um usuário não lusófono, o que dificultaria discussões sobre eventuais correções, acho que o mais indicado para fazer isso seria o Aleph Bot do Alchimista. Danilo.mac(discussão) 23h40min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Boa também. Creio que ninguém se opõe que seja o Aleph, mas é importante que tenhamos mais "operadores". O Aleph andou pifando tempos atrás e o Alch nem sempre consegue estar presente. Sem bem que o Gribeco tem este problema também "e" não fala nossa língua... José Luiz disc 01h08min de 1 de julho de 2014 (UTC)

Criação do grupo de 'novatos de boa fé'

Oi, pessoal.

Em conversa com Luiza Teles, falamos sobre uma forma de melhorar os primeiros contatos com novatos. É sabido que mesmo pessoas bem intencionadas podem cometer erros no início. Infelizmente em nosso projeto, muitas dessas pessoas são tratadas como vândalos, seja por falta de paciência, seja por realmente acreditar que são vândalos indevidamente.

A proposta que apresento tenta ajudar a identificar aqueles que podem cometer erros por serem novatos, mas que foram identificados como pessoas bem intencionadas e muito provavelmente não são vândalos. Assim, vale a pena perder alguns segundos a mais escrevendo um texto que ensine a editar na Wikipédia, em vez de mandar uma mensagem de vandalismo ou até mesmo bloquear, como ocorre com alguma frequência.

É algo que acredito ser pouco controverso, com pouca chance de trazer efeitos negativos, mas com potencial enorme de ajudar a aumentar o número de usuários regulares.

A página da proposta está em:

O resumo segue abaixo.

Resumo da proposta[editar | editar código-fonte]

É pretendido criar um grupo de usuários, chamado "Novatos de boa fé", que não conceda nenhuma permissão. A diferença é que na edição de quem faz parte do grupo aparecerá uma etiqueta referindo que o usuário é novato provavelmente em boa fé e que, caso cometa um erro, deve ser ensinado e não tratado como vândalo. Ensinar em vez de afastar.

O grupo será adicionado a uma conta por um administrador quando este perceber que a conta é recente e que aparentemente não se comporta como vândalo, não faz spam, dando sinais de interesse em aprender, boa comunicação. Assim, ao ver a etiqueta, um editor experiente poderá decidir enviar uma mensagem que procure ensinar o novato, em vez de realizar ações contra vandalismo.

Isso permite focar em quem está interessado, direcionando esforços de forma eficaz, em vez de gastar com quem talvez não queira receber ajuda. Ensinando e acolhendo novos usuários aumentamos o número de bons editores regulares, o que é fundamental pro funcionamento de uma enciclopédia aberta.

Espero que concordem e comentem. Abraços.—Teles«fale comigo» 06h58min de 30 de junho de 2014 (UTC)

Para que apareça no resumo de edição uma etiqueta, será necessário configurar um filtro de edições para tal. Não sei qual será o volume de edições destas contas de boa fé mas é preciso ter em vista o limite de 5% na desativação automática de filtros, isto é, após algum tempo seria necessário remover o estatuto da conta. OTAVIO1981 (discussão) 13h37min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Bem observado, OTAVIO1981! O plano é mesmo ir removendo após algumas edições terem sido realizadas.—Teles«fale comigo» 15h54min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo - Tudo o que seja feito para receber bem os novos editores bem intencionados, de forma que seja possível tornarem-se editores assíduos, é bem vindo. --João Carvalho deixar mensagem 13h46min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Não é preciso criar um novo grupo, basta que o filtro criado contenha a lista de usuários que são considerados novatos de boa fé, e testar a cada edição se o autor é um dos que está na lista. Ou espera-se que a lista cresça muito? Como já foi dito, é preciso cuidado com os limites da extensão, para que o filtro não seja desativado automaticamente. Helder.wiki (discussão) 16h10min de 30 de junho de 2014 (UTC)
É mais simples adicionar ou remover através de um grupo. Nem todos administradores sabem alterar o filtro. Além disso, fica mais fácil saber quem são já que eles ficam listados como membros do grupo. Ainda acredito que deve haver outras vantagens como analisar as edições de quem pertence ao grupo em uma pesquisa.—Teles«fale comigo» 16h18min de 30 de junho de 2014 (UTC)
Alguém mais deseja comentar?—Teles«fale comigo» 23h08min de 7 de julho de 2014 (UTC)
No caso de se prosseguir com a proposta, deveria haver uma página onde se pudesse indicar novatos para serem acrescentados ao grupo; não se pode estar dependente de serem detectados por administradores. Antero de Quintal (discussão) 23h18min de 7 de julho de 2014 (UTC)
Concordo. Pode ser uma subpágina do grupo de usuário.—Teles«fale comigo» 23h20min de 7 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo com a proposta, pois contribui para o projeto ser mais atraente aos editores de boa fé; conjuntamente concordo com a criação da subpágina do grupo para a participação indicativa da comunidade. Hºlᕷfz > (d) 15h22min de 20 de julho de 2014 (UTC)
Alguns foram claros dizendo que concordam. Outros não foram tão explícitos. Por favor, digam explicitamente se concordam ou não. Como é de praxe com pedidos feitos pela pt.wiki, o pedido no Bugzilla enfrenta burocracia desnecessária.—Teles«fale comigo» 23h32min de 22 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo. Onde tem Nemo tem problemo.... José Luiz disc 00h30min de 23 de julho de 2014 (UTC)
Symbol neutral vote.svg Neutro. Não estou convencido das vantagens na criação do grupo. O tratamento pressuposto a ser dado ao grupo deveria ser dado a todos os editores. OTAVIO1981 (discussão) 10h15min de 23 de julho de 2014 (UTC)
Symbol declined.svg Discordo, pois percebi alguns pontos negativos nesse uso do grupo em conjunto com o filtro de edições:
  1. Os usuários só sairão da lista de "novos editores" (se e) quando alguém lembrar de removê-los de lá, mas enquanto isso não ocorre, suas edições continuarão sendo etiquetadas como feitas por "novo editor de boa fé" (passando a ser falsos-positivos). E uma vez que a edição seja etiquetada, não haverá como remover a etiqueta (bugs 18670 e 28213), mesmo que não tenha sido uma edição feita por um novo editor (que já deveria estar fora da lista devido ao tempo desde que foi incluído nela), ou não tenha sido de boa fé (por ser um editor... de má fé, fazendo de conta que era bem intencionado só para entrar no grupo).
  2. Depois do comentário do Matma Rex, não consigo perceber como é que o conjunto dos "novos editores de boa fé" e o dos "novos editores não bloqueados" possam ser diferentes. Se há um procedimento que permite identificar com segurança se um editor está ou não agindo de boa fé ao fazer edições não construtivas, é só aplicar esse procedimento para decidir se um editor deve ou não ser bloqueado.
  3. Acredito que etiquetar a as edições de alguns novos editores como sendo "de boa fé" e não etiquetar as de outros incentivará que as edições destes outros sejam tratadas sem presumir a boa-fé.
  4. Conforme já foi apontado pelo OTAVIO1981, o sistema não funciona em larga escala: quando houver muita atividade por parte dos "novos editores de boa fé" (ou quando houver muitos deles) o sistema de etiquetagem entrará em colapso. Em particular, não dá para combater o efeito negativo do item anterior por meio da simples inclusão de mais editores no grupo dos "de boa fé".
  5. Um vândalo terá um privilégio a mais: poderão fazer algumas edições (mesmo com erros) que pareçam ser de boa fé e esperar pela notificação de que passou a ser considerado um "editor de boa fé", e que a partir de então suas edições receberão menos atenção dos patrulhadores (já que "o sistema" dirá que estão agindo de boa fé).
  6. Não deveria ser ampliado ainda mais o uso do termo "novato", que pode ser considerado pejorativo (um grande avanço nesse sentido foi a moção do antigo "café dos novatos" para "tire suas dúvidas"). Mas se a proposta for implementada, que a expressão seja trocada por "novo editor".
Helder.wiki (discussão) 11h22min de 23 de julho de 2014 (UTC) PS: @Jbribeiro1: o que o Nemo (Nemo bis?) tem a ver com a história?
Em termos de recebimento de novatos, talvez seja mais interessante implementar o WP:Snuggle.OTAVIO1981 (discussão) 11h30min de 23 de julho de 2014 (UTC)
  • @Helder.wiki: nada. O pedido do Teles, que faz referência à "burocracia desnecessária" em relação à ptwiki, me parece muito razoável para uma comunidade que aceita o Nemo como editor... "Diz-me com quem andas...".... Um imbecil, pra dizer o mínimo... (um caso recente que me fez rir está aqui, sobre o bloqueio dum pedófilo....). Enfim, nivelemos por baixo. Façam o que quiserem com dubladores e boleiros, mas não encostem nos artigos que me interessam. Lá a a teoria é outra.... José Luiz disc 23h52min de 23 de julho de 2014 (UTC)

Helder, cite qualquer coisa, cite a melhor criação que o ser humano já fez e eu aponto 6 erros, 6 motivos pra não ter sido criada. Os erros que apontou são irrisórios quando comparados ao potencial que o grupo possui.
Esse tipo de sofisma me lembra o que a Sue Garder fala aos 7 minutos deste vídeo (https://www.youtube.com/watch?v=0Mo3oTbxeEY) numa comparação da Wikipédia com um restaurante. A Wikipédia tem tudo pra dar errado. Posso citar 100 motivos pelos quais ela não deveria existir.
"Tire suas dúvidas" foi movido apenas pra não restringir as perguntas a quem não era novato. Se fosse esse o problema, bastaria usar outro nome e resolveríamos também o ponto 3. E daí se houver alguns falsos positivos? Qual o dano? O grupo foi pensado desde o início tendo em mente a necessidade de ser temporário. Se baseia na suposição catastrófica e sem base de que as flags não serão removidas. Sobre o ponto 2, achei que não precisasse explicar que nem todos os não bloqueados são iguais. Pelo contrário, há sempre um grupo bem restrito e identificável que dá sinais de que não são vândalos... mas isso quem sabe é só quem combate vandalismo. Só. Dos que frequentam o Bugzilla, raros são os que combatem. Isso explica as perguntas sem sentido do tipo "Meu Deus! Terão problemas pra fazer isso!", sem saber que fazemos isso todo dia.—Teles«fale comigo» 00h40min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Seu argumento de que não faz mal criar tal grupo e tem um potencial (não demonstrado, só deduzido) não me convenceu. Eu compreendo perfeitamente a intenção que é louvável por trás da proposta mas não faltam iniciativas similares que não foram a frente. Eu entendo que, se eu ver um editor cometer um erro, independente de ser novato ou não será preciso repará-lo. Uma simples e elementar análise das contribuições permite decidir se é preciso abordá-lo ou não principalmente para novatos com poucas edições. Se temos editores que estão abordando com dureza os novatos e não estão relevando erros bobos facilmente consertados, são estes que precisam ser abordados para pegar leve. Embora uma etiqueta sirva de proteção, além da ineficiência já explicada ela não trata diretamente o problema que são os editores mais severos sem necessidade. Eles vão continuar sendo severos sem necessidade com quem não está no grupo, e voltarão a ser com o editor que sair do grupo (pois não será mais novato). Dito isso, o problema não é identificar os novatos de boa fé, pois conforme você mesmo aferiu "é identificável" e sim a abordagem da comunidade sobre eles.OTAVIO1981 (discussão) 14h28min de 25 de julho de 2014 (UTC)

Aviso-predefinição:parcial

Proponho a criação da "predefinição:parcial" para ser usada como predefinição de aviso nas páginas de discussão de editores que insiram conteúdo parcial em artigos ou secções de artigos.--Leon saudanha (discussão) 21h55min de 2 de julho de 2014 (UTC)

Conforme en:Wikipedia:NPOV dispute#How can neutrality be achieved?:
  • Please remember to assume good faith
  • Politely point out the perceived problem either on the article's talk page or the user's talk page
Então não acho que mais um aviso padronizado e impessoal seja o melhor caminho. Helder.wiki (discussão) 22h08min de 2 de julho de 2014 (UTC)
Bem,foi o Yanguas que me sugeriu fazer essa proposta.--Leon saudanha (discussão) 22h22min de 2 de julho de 2014 (UTC)

Bot para arquivar referências

Na Wikipédia Anglófona existe o WebCiteBOT, um bot que adiciona versões arquivadas das páginas no WebCite. Vejam um exemplo de como ele atua. Proponho que um bot desses seja criado aqui também. Onjackmsg 23h55min de 2 de julho de 2014 (UTC)

Acho uma excelente ideia. Costumo usar o WebCite para não perder páginas importantes, pois é um site muito prático. Acho que a utilização do robô poderia ajudar muito a evitar a quebra de referências no futuro. RmSilva msg 00h07min de 4 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Apoio a ideia, mas seria necessário alguém com conhecimento em robótica-Wiki para cria-lo aqui, não? --Zoldyick (Discussão) 19h58min de 5 de julho de 2014 (UTC)
Sim, de preferência adaptando o código já existente. E. Feld fala 03h49min de 12 de julho de 2014 (UTC)
Acho que seria uma boa ideia chamar o pessoal da Coordenação, não Onjacktallcuca? Essa discussão esta quase no esquecimento. --Zoldyick (Discussão) 04h50min de 12 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Apoio a ideia, a parte técnica deixo pros demais que possuem muuuuito mais conhecimento do que eu sobre como fazê-lo. Rodrigolopes (discussão) 00h10min de 19 de julho de 2014 (UTC)
idem. --Waldir msg 11h51min de 19 de julho de 2014 (UTC)
Também Symbol support vote.svg Apoio. Helder.wiki (discussão) 12h48min de 19 de julho de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a proposta, muito útil mesmo pra não perder as referências. Hºlᕷfz > (d) 14h42min de 20 de julho de 2014 (UTC)

Helder.wiki, Waldir e Rodrigolopes vocês são os únicos que tem respondido na Coordenação nos últimos tempos. Se vocês deixarem para quem tem "muuuuito mais conhecimento do que eu sobre como fazê-lo", isso significa que o bot não vai sair nunca. Não basta copiar o código do bot anglófono? Matheus diga✍ 01h24min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Da última vez que tive interesse em trazer alguma ferramenta pra cá falei direto com o responsável por ela e contei com a enorme boa vontade do mesmo em ajudar. Pessoalmente, não saberia nem mesmo onde procurar esse código. Rodrigolopes (discussão) 01h35min de 24 de julho de 2014 (UTC)
Dei uma olhada melhor no bot e verifiquei que o mesmo encontra-se inativo, devido alguma instabilidade no site Webcite. Estou tentando contato com o responsável do bot pra saber mais detalhes. Rodrigolopes (discussão) 14h15min de 24 de julho de 2014 (UTC)
A importação directa ou com algumas adaptações não me parece propriamente muito fácil. Esse bot assenta numa estrutura maior da en, e vai buscar a informação a um canal de irc onde um outro bot analisa todas as alterações que são feitas, e reporta quando são adicionadas ligações externas, algo que não temos. No entanto, a comunidade pode perfeitamente decidir que um bot que efectue esta tarefa será bem-vindo, não só fica a ideia de uma tarefa necessária, como a aprovação de um bot que efectue esta tarefa já têm esta parte esclarecida. No que toca ao bot em si, continua a ser perfeitamente viável, e poder-se-ia aproveitar algum do código de bots similares, mas é perfeitamente viável sem o canal irc, só é preciso pensar noutra forma de acção. Alchimista Fala comigo! 15h54min de 29 de julho de 2014 (UTC)
Você acha que consegue fazer? Pensa em trabalhar nisso? Seria muito bom um bot desses. Matheus diga✍ 16h16min de 29 de julho de 2014 (UTC)

Maiúsculas e minúsculas e wikiprojetos

Atualmente, o nome de um certo wikiprojeto X aparece em vários lugares:

  • A expressão X que é usada ao preencher a marca de projeto nas páginas de discussão: {{Marca de projeto||X}}
  • A página principal sobre X, em "Wikipédia:Projetos/X"
  • A discussão sobre X, em "Wikipédia Discussão:Projetos/X"
  • Um portal sobre X, em "Portal:X"
  • As categorias de qualidade e importância relacionadas a X, como "Categoria:!Artigos de qualidade 3 sobre X" e "Categoria:!Artigos de importância 3 sobre X"

No entanto, há muita, muita, variação no uso de maiúsculas e minúsculas nas marcas de projetos e imagino que eu não seja o único a achar que deveria haver mais consistência, tanto para facilitar as tarefas relacionadas aos projetos quanto para tornar o módulo mais eficiente (evitar testar se certas páginas existem ou não para encontrar a combinação adequada).

Dependendo do projeto, X pode ser uma única palavra, um nome próprio, uma expressão com ou sem nomes próprios, ou até mesmo uma expressão com duas (ou mais?) partes separadas por barras (para indicar subprojetos), então a minha sugestão é que sejam usadas minúsculas, exceto na primeira letra dos títulos de páginas e dos nomes próprios. Seguem dois exemplos de como esta convenção seria aplicada:

  • {{marca de projeto||Banda desenhada}}, "Wikipédia:Projetos/Banda desenhada", "Wikipédia Discussão:Projetos/Banda desenhada", "Portal:Banda desenhada", "Categoria:!Artigos de qualidade 3 sobre banda desenhada" e "Categoria:!Artigos de importância 3 sobre banda desenhada"
  • {{marca de projeto||Aeroportos do Brasil}}, "Wikipédia:Projetos/Aeroportos do Brasil", "Wikipédia Discussão:Projetos/Aeroportos do Brasil", "Portal:Aeroportos do Brasil", "Categoria:!Artigos de qualidade 3 sobre aeroportos do Brasil" e "Categoria:!Artigos de importância 3 sobre aeroportos do Brasil"

Observação: Nas categorias de importância e de qualidade, X aparece no meio do título, então a primeira letra só é maiúscula no caso de nomes próprios. No Módulo:Avaliação/Marcas, a necessidade de conversão da letra inicial de X para minúscula no nome da categoria passaria a ser indicada por um parâmetro do tipo verdadeiro/falso.

No caso de um projeto A que possua um subprojeto B, acho aceitável qualquer uma destas opções:

  1. Considerar X = A/B, como se a barra não fosse um caractere especial: {{Marca de projeto||A/B}}, "Wikipédia:Projetos/A/B", "Wikipédia Discussão:Projetos/A/B", "Portal:A/B", "Categoria:!Artigos de qualidade 3 sobre A/B" e "Categoria:!Artigos de importância 3 sobre A/B".
  2. Só mencionar "A" na página projeto e/ou do portal: {{Marca de projeto||B}}, "Wikipédia:Projetos/A/B", "Wikipédia Discussão:Projetos/A/B", "Portal:A/B", "Categoria:!Artigos de qualidade 3 sobre B" e "Categoria:!Artigos de importância 3 sobre B".

O que acham? Helder.wiki (discussão) 01h15min de 3 de julho de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. No caso de subprojetos (A/B) acho melhor só o subtema (B), sem barra no tema. Acredito que muitos estão lendo esta proposta e achando o tema muito trivial, "que diferença faz minúscula ou maiúscula?", mas a padronização é importante, deixar o projeto mais organizado se refletirá em menos tempo gasto arrumando as coisas no futuro. Danilo.mac(discussão) 04h37min de 3 de julho de 2014 (UTC)
Ou seja, prefere a opção 2, que mantém WP:Projetos/Música/Álbuns como subpágina de WP:Projetos/Música mas utiliza somente "álbuns" nas categorias e marcas de projeto? Helder.wiki (discussão) 11h56min de 3 de julho de 2014 (UTC)
Sim. Danilo.mac(discussão) 17h57min de 3 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo pelo exposto.OTAVIO1981 (discussão) 10h10min de 3 de julho de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a proposta; deixa o ambiente mais arrumado. Hºlᕷfz > (d) 21h56min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Destacar os títulos desambiguados na predef "Ver desambig"

Há duas semanas propus uma alteração a {{Ver desambig}} no sentido dos títulos desambiguados passarem a ser destacados de alguma forma. Discussão em Predefinição Discussão:Ver desambig#Destacar os links desambiguados. --Stegop (discussão) 02h01min de 5 de julho de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo - é-me indiferente a escolha de uma das 3 opções apresentadas. --João Carvalho deixar mensagem 14h52min de 5 de julho de 2014 (UTC)
Qual a vantagem? O título não tem nada de especial em relação ao texto à sua volta (e o fato de que é um link já é indicado... por ser marcado com a [[sintaxe para links]]). Pode também utilizar .dablink a {font-weight: bold;} em sua folha de estilos pessoais. Helder.wiki (discussão) 14h37min de 9 de julho de 2014 (UTC)
Ora... Precisamente por "o título não tem nada de especial em relação ao texto à sua volta" quando a nota pretende chamar a atenção para o facto de existir outro(s) artigo(s) que se podem confundir com o tema da página, há um "deficiência de comunicação". Se queremos chamar a atenção para os artigos ambíguos, estes devem destacar-se do resto do texto. O uso do CSS pessoal não adianta nada àqueles a quem isso poderá ser mais útil, ou seja, aqueles que não conhecem os meandros tecnológicos nem de estilo da Wikipédia. --Stegop (discussão) 17h17min de 9 de julho de 2014 (UTC)
A nota inteira já foi formatada diferentemente do restante do texto (com indentação à esquerda, e com uma imagem extra) para que chamasse a atenção. E na minha opinião não é preciso mais do que isso.
Ao dizer que "o título não tem nada de especial em relação ao texto à sua volta" eu não me referia à aparência dele (que é invisível, por exemplo, a quem usa leitores de tela), mas ao papel dele na frase após "Nota:". Se não há um papel distinto (semanticamente), não há porque ser marcado de forma distinta. Por exemplo, ao ler a frase "Para outros significados, veja título", há motivo para usar uma entonação de voz distinta para o título? (compare a finalidade do negrito e da ênfase em HTML) Helder.wiki (discussão) 18h06min de 9 de julho de 2014 (UTC)
  • Acho que nunca percebi que não tinham destaque por que uso o detector de desambiguações e o que está em ver desambig geralmente aparece pra mim em fundo amarelo brilhante.... Mas Symbol support vote.svg Concordo com a mudança e também sou indiferente ao formato escolhido. José Luiz disc 21h21min de 10 de julho de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo com a proposta e as opções dos formatos são boas. Hºlᕷfz > (d) 14h38min de 20 de julho de 2014 (UTC)
Poderiam então responder às questões acima? Helder.wiki (discussão) 14h12min de 21 de julho de 2014 (UTC)
Quais questões exatamente? --Stegop (discussão) 14h23min de 21 de julho de 2014 (UTC)
  • Por que é necessário mudar ainda mais a aparência daquela frase se a indentação e a imagem já a diferencia do conteúdo do artigo?
  • Ou, uma vez que a frase já está formatada diferentemente do restante do artigo, e que o trecho específico já está formatado como um link, o que mais esse link tem de diferente da frase que justifique mudar a sua aparência em relação ao resto da frase.
  • E esse "algo mais" é do tipo que exige uma entonação de voz diferente na leitura?
Helder.wiki (discussão) 14h51min de 21 de julho de 2014 (UTC)
Desculpe, Helder, todos aqui acham que os títulos devem ser destacados; o que quer que lhe responda? Para mim é óbvio que se eles forem destacados o leitor percebe melhor. Como está, os títulos com mais do que uma palavra confundem-se com o resto do texto. Por essa razão é que, por exemplo o título das páginas do histórico sã do tipo `Histórico de edições de "XPTO"´. Segundo a sua lógica, ali as aspas também são dispensáveis? --Stegop (discussão) 16h40min de 21 de julho de 2014 (UTC)
Sim, eu preferiria que o título fosse outro (já que o atual introduziu problemas), mas a mudança foi revertida, e atualmente o título mais útil só está disponível na Wikipédia em inglês, se definir o idioma como inglês. Ambas as escolhas da Wikipédia inglesa são mais práticas do que o texto que atualmente é o padrão no MediaWiki. Helder.wiki (discussão) 01h32min de 22 de julho de 2014 (UTC)
Hein? Sou só eu ou ninguém mais é capaz de entender esses links pro gerrit?? @Helder.wiki, plz, mantenha o "drama" local. A proposta do Stegop não tem nada a ver com nada disto e pode ser implementada já, sem o aval de nenhuma outra comunidade. José Luiz disc 01h48min de 22 de julho de 2014 (UTC)
Foi ele quem citou os títulos das páginas de histórico, que em sua versão atual são piores do que eram em 2011. Helder.wiki (discussão) 01h58min de 22 de julho de 2014 (UTC)
Ok... A solução da EN para o cabeçalho das páginas de histórico é boa e elegante. Mas: i) IMO em termos de leitura/ergonomia nossa é igualmente eficiente (e não somos os únicos a usá-la); ii) o que é que isso adianta para a esta discussão, onde o conteúdo é bem mais complicado e pode ter mais do que um título a destacar (ex: redir, mais do que uma desambig, etc.? A questão é muito simples: eu e muitos outros achamos que em muitos casos o destaque dos títulos desambiguados melhora a leitura. Você acha que não... E estamos a discutir... --Stegop (discussão) 03h47min de 22 de julho de 2014 (UTC)

──────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────────── Minhas preferências seriam (nesta ordem):

  • Deixar como está
  • Mudar o peso da fonte do link para negrito: .dablink a {font-weight: bold;}
  • Incluir aspas duplas em torno do link: .dablink a:after, .dablink a:before {content: "\"";}

Lembrando que por ser apenas uma mudança de estilo (não de estrutura/semântica), isso deve ser feito no MediaWiki:Common.css, não alterando o HTML gerado pela predefinição, para possibilitar que usuários utilizem seus CSS pessoais para voltar ao estilo padrão (ou para escolher uma opção diferente). Helder.wiki (discussão) 13h50min de 22 de julho de 2014 (UTC)

E os parâmetros "redir" e "este", como seriam tratados? --Stegop (discussão) 14h53min de 22 de julho de 2014 (UTC)
Não há nenhum tratamento especial para parâmetros da predefinição: se o conteúdo for um link e estiver dentro do elemento que tem a classe "dablink", será formatado como desejado, se não, continua como está. Helder.wiki (discussão) 15h11min de 22 de julho de 2014 (UTC)

Mover "predefinições" que estejam foram do domínio "Predefinição"

Alguém vê algum impedimento em passarmos a mover as páginas que estão fora do domínio predefinição, e que são utilizadas como se fossem predefinições (isto é, são transcluídas em outras páginas), para o domínio correto? Eu fiz isso uma vez, mas fiquei na dúvida se esse tipo de reorganização já havia sido discutido antes (principalmente depois que vi esta movimentação na direção oposta, realizada pelo Opraco).

Tenho dois motivos principais para preferir que páginas fora do domínio predefinição não sejam transcluidas:

  • Por definição, o domínio "Predefinição" é que serve para reunir essas páginas;
  • Somente as páginas deste domínio podem ser testadas com mw:Extension:TemplateSandbox (na página Especial:TemplateSandbox, e na parte inferior da página das predefinições, ao editá-las).

Pode-se encontrar várias dessas páginas por meio desta consulta à API, que motra, por exemplo, 883 ocorrências texto <tl ns="4" title=", isto é, predefinições criadas no domínio "Wikipédia". Helder 11h45min de 31 de outubro de 2013 (UTC)

Não vou conseguir achar agora, mas já vi mais de uma vez anexos (listas de episódios de uma série) transcluída no artigo principal.... José Luiz disc 19h03min de 31 de outubro de 2013 (UTC)
Concordo com a proposta. Silent (discussão) 19h35min de 31 de outubro de 2013 (UTC)
É tão prático criar uma subpágina, tenho dúvidas se vale a pena a dor de cabeça de fazer essa mudança e ter que ficar avisando usuários, revertendo um monte de gente e movendo páginas no futuro; 99% não faz a mínima ideia do que é ou como funciona essa TemplateSandbox. TheVulcan (discussão) 23h59min de 5 de novembro de 2013 (UTC)
Não saber que dá para testar o resultado da edição em uma predefinição antes de salvá-la (para evitar quebrar centenas de páginas) é um motivo para incentivar o uso da ferramenta, não para inutilizá-la para os que já aprenderam a fazer testes. Helder 10h41min de 6 de novembro de 2013 (UTC)
Fica mais fácil manter algumas predefinições como sub páginas da página por questão de organização. Isso não poderia ser feito se elas passassem para outro domínio. —Teles«fale comigo» 00h16min de 6 de novembro de 2013 (UTC)
Basta convencionar que o nome da página de origem seria usado como prefixo. Assim, "Wikipédia:Exemplo/Cabeçalho" e "Wikipédia:Exemplo/Item" poderiam ir para "Predefinição:Wikipédia:Exemplo/Cabeçalho" e "Predefinição:Wikipédia:Exemplo/Item", e continuariam bem organizadas devido ao seu prefixo. Isso é feito há anos no Wikibooks (vide b:en:Category:LaTeX/Templates ou b:en:Category:Esperanto/Templates, por exemplo), e o resultado é que há mais organização, não menos. Helder 10h41min de 6 de novembro de 2013 (UTC)
Aí são dois domínios e não um só. Os nomes ficam desvinculados de sua raiz. Portanto, ficam desorganizados. 1. Quando quiser mover a página, as predefinições não serão subpáginas e, portanto, não serão movidas. 2. Por não serem subpáginas, as raízes das predefinições não serão mencionadas no topo de cada predefinição.
O único motivo é não poder testar a predefinição? Isso não pode ser corrigido? Isso não pode ser contornado criando-se temporariamente uma página com mesmo conteúdo no domínio 'Predefinição' pra depois aplicar ao domínio 'Wikipédia'?—Teles«fale comigo» 19h23min de 10 de novembro de 2013 (UTC)
Bom, fiz a proposta justamente para conseguir que isso fosse corrigido.
O outro motivo citado acima é que se forem mantidas predefinições no domínio Wikipédia, estaremos utilizando o domínio incorreto para isso.
Quanto à movimentação de páginas, ela não quebra as transclusões, e mesmo que quebrasse seria só durante o curto período de tempo entre mover a página principal e mover a predefinição. Não é como se estivéssemos falando de livros com centenas de capítulos, nos quais usar subpáginas é a única alternativa enquanto não temos uma estrutura decente de "livro" no MediaWiki (e mesmo o uso de subpáginas não representa qualquer "vínculo" real). Além disso, renomear páginas é menos comum do que fazer correções nas predefinições. Helder 09h09min de 11 de novembro de 2013 (UTC)

É o caso de Wikipédia:Fusão/Central de fusões/Topo e Wikipédia:Fusão/Central de fusões/Topo-1? Se for, concordo. Onjackmsg 22h59min de 18 de julho de 2014 (UTC)

Sim, é o caso dessas páginas. Helder.wiki (discussão) 12h46min de 19 de julho de 2014 (UTC)

Editor visual no Wikidata

Acabei de descobrir que o pessoal da ru.wikipedia vem desenvolvendo uma espécie de editor visual para o Wikidata que pode ser "chamado" diretamente de cada uma das wikis.

O código dele está disponível no github, mas é possível usar ele via subpágina com códigos do tipo

mw.loader.load( '//ru.wikipedia.org/w/index.php?title=MediaWiki:WEF_ExternalLinks.js&action=raw&ctype=text/javascript' );
mw.loader.load( '//ru.wikipedia.org/w/index.php?title=MediaWiki:WEF_PersonEditor.js&action=raw&ctype=text/javascript' );
mw.loader.load( '//ru.wikipedia.org/w/index.php?title=MediaWiki:WEF_TaxonEditor.js&action=raw&ctype=text/javascript' );

*

A limitação atual é que, para funcionar, sua interface de usuário precisará estar definida para inglês ou outro idioma já traduzido no gadget, ou mesmo, ir brincar com ele em algum wiki tendo um desses idiomas como padrão. E é aí que entra o motivo de eu postar na Esplanada/propostas:

  • Alguém poderia traduzir a interface também para a língua portuguesa, e enviar ela ao autor dos scripts?
  • Alguém poderia portar esses scripts para um ou mais gadgets daqui? Penso que a forma ideal será "puxando" o código direto da ru.wp, mantendo o desenvolvimento centralizado por lá (com o inconveniente de toda nova tradução ter de ser enviada manualmente pro autor).

Infelizmente não localizei nenhuma documentação para esses scripts, então deixo links para o caminho que segui até eles:

(Não é um WYSIWYG, é um conjunto de formulários muito parecido com o que se usa, por exemplo, em catálogos de bibliotecas e CEDOCs, mas me atrevi em chamar de visual pela enorme simplificada que ele presta ao editar itens do Wikidata e pra também para ser um pouco de attention whore pro tópico xD )

Lugusto 21h01min de 19 de julho de 2014 (UTC)

Achei esse editor novo uma boa ideia, por fornecer praticidade aos usuários. Walter White msg 01h23min de 20 de julho de 2014 (UTC)

Politica das seções de curiosidades

Proponho a criação de uma politica que proíba a criação de seções de curiosidades nos artigos e permita eliminar de vez as seções desse tipo já existentes,em substituição da WP:TRÍVIA.Acredito que seja consenso que tais seções não tem relevo enciclopédico,servindo apenas para ocupar espaço no artigo,além disso tais seções (aliás,todas as que já vi) na maioria das vezes sequer tem fontes que comprovem que comprovem a autenticidade do que está sendo dito nelas--Leon♖ 13h40min de 21 de julho de 2014 (UTC)

Em boa parte das vezes em que encontro seções de curiosidades, elimino a maior parte por se tratar de informação sem fontes e/ou não enciclopédica e incorporo o que sobrar a outras seções. Dá pra montar uma força-tarefa de editores interessados em limpar estas seções. Victão Lopes Diga! 15h09min de 21 de julho de 2014 (UTC)

Citação: João Carvalho escreveu: «Chamo a atenção de que há muita informação classificada como "Curiosidades" que devia ser reformatada ou reclassificada, antes de se tomar decisões deste tipo» Isto. Não percebi a proposta. Já existe uma orientação sobre o que fazer com as secções de curiosidades: aproveitar o que for enciclopédico e inserir no artigo, e eliminar o que não for enciclopédico. Esta proposta é para mudar as regras de forma a se poder eliminar a eito e sem critério qualquer secção com o título "curiosidades", sem sequer ponderar primeiro se há ou não material aproveitável? Antero de Quintal (discussão) 15h14min de 21 de julho de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo Se as curiosidades tem fontes, então devem permanecer. Elas funcionariam como um "ver também". Albmont (discussão) 12h14min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo da proposta, às vezes nota-se que algumas têm conteúdo duvidoso; entretanto, no geral se for relevante e houver referências não vejo o porquê de remover as informações. Hºlᕷfz > (d) 21h40min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Bloqueio infinito de usuário após três bloqueios

Proponho que caso um usuário seja bloqueado três vezes seguidas e mesmo assim continue a fazer edições impróprias,na quarta vez seja bloqueado em infinito.Já que um usuário deve ser bloqueado se depois do terceiro aviso ele continuar fazendo edições inadequadas,o certo é para ser que se ele insistir em fazer edições inadequadas após um terceiro bloqueio,o quarto seja infinito--Leon♖ 17h55min de 22 de julho de 2014 (UTC)

Mais regras ? Cada caso é um caso. Os administradores estão mandatados pela comunidade para decidirem se isso é necessário ou não ! --João Carvalho deixar mensagem 19h36min de 22 de julho de 2014 (UTC)

Faltam motivo e clareza na proposta. Qual o problema que a proposta pretende resolver?—Teles«fale comigo» 15h52min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Proposta genérica; tem que analisar cada situação considerando a política de bloqueio pra saber se é caso ou não de restrição infinita. Hºlᕷfz > (d) 22h30min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Wikinotícias

Bem simples: proponho retirar o link para o Wikinotícias (um enigmático link na que atualmente existe na PP) da página principal da Wikipédia em português. Alguns motivos:

  • Este desvio de tráfego não produziu até hoje nenhum resultado palpável ou, alternativamente, não há nenhum tipo de "accountability" sobre o tema por lá, ou seja, não há nada que justifique que poderíamos usar esse mesmo espaço, com maiores benefícios, para destacar temas locais (anexos destacados?).
  • O Wikinotícias é um projeto morto. Quando postei isso, a notícia em destaque era a vitória da Alemanha na final da copa!!! Pra um site "especializado" em manter-se atualizado, é muito pouco.... A pouca energia que temos seria melhor gasta, pot exemplo, mantendo a seção de notícias recentes (e os artigos relacionados) da ptwiki atualizados....

Gostaria de, pelo menos, discutir o motivo pelo qual mantemos esse desvio. José Luiz disc 00h35min de 24 de julho de 2014 (UTC)

  • O Wikinotícias é uma grande esperança que não se realizou. Desde chamar escolas de jornalismo para trabalhar com o News até realizar entrevistas com personalidades para depois talvez utilizar como fonte aqui na wikipédia, existiam muitas possibilidades que não se concretizaram pela preferência da garotada em criar artigo aqui mesmo. Se a Wiki tivesse uma limitação de só ter artigo seis meses ou um ano depois do fato e nesse tempo só colocar informações no News talvez funcionasse, mas o avião cai lá nos cafundós meia hora depois criam artigo na Wikipédia, para que um site concorrente? Quanto ao link, esta junto com os outros projetos da WMF, é meio padrão em todos os idiomas e muitos projetos que estão lá também são um monte de boas intenções que talvez não justifiquem o desvio de tráfego. Talvez se diminuíssemos o link para uma sub-página onde estariam todos os projetos sobrasse um monte de espaço para outras coisas.Jo Loribd 13h55min de 24 de julho de 2014 (UTC)
Eu esperaria pelo bugzilla:66226, que implementará efetivamente a seção de outros projetos na barra lateral (como um recurso beta). Helder.wiki (discussão) 14h21min de 24 de julho de 2014 (UTC)
  • Continuamos com a mesma questão, o quê fazer com o espaço que vai sobrar na PP.Jo Loribd 15h05min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Não concordo com a retirada do link. Se o projeto existe ele deve continuar recebendo apoio e incentivo. Net Esportes (discussão) 15h52min de 24 de julho de 2014 (UTC)

manutenção na página de erros

Proponho uma manutenção na WP:IUE,de modo que se especifique que tipos de erros devem ser reportados lá e o que ela não é.Dá forma em que ela está hoje ela parece mais um depósito de tópicos inadequados(e geralmente absurdos),sendo que poucos erros reais são reportados lá.Isso põe em dúvida a real utilidade prática de tal página à comunidade da wikipédia lusófona,ou seja,a todos nós.--Leon saudanha 20h19min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Leon saudanha, que quer dizer com: "Proponho uma manutenção" ?? --João Carvalho deixar mensagem 21h14min de 24 de julho de 2014 (UTC)
João Carvalho Quero dizer adicionar a ela um cabeçalho informativo semelhante ao da WP:FALE,já que lá funcionou,apesar de haver ainda alguns tópicos inadequados,vai funcionar também na WP:IUE--Leon saudanha 21h22min de 24 de julho de 2014 (UTC)
Isso acontece porque o botão "Informe um erro" está em evidencia na barra no canto esquerdo. Acredito que um aviso no topo da página já teria algum resultado para evitar esses problemas. –Editeur ? 21h40min de 24 de julho de 2014 (UTC)

Artigos sem referências por 10 anos ou mais

Proponho que artigos que não possuam referências por 10 anos ou mais possam ser marcados para ER.Por mais que seja difícil encontrar por aqui artigos sem referências por tanto tempo assim,eles tanto podem existir atualmente como no futuro.Isso seria mais prático que marcar eles para PE--Leon saudanha 14h44min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Não costumo-me identificar com esse tipo de políticas, no entanto compreendo o ponto de vista, só que assim esses artigos perderiam qualquer hipótese de arranjarem referências e teriam poucas hipóteses de serem criados novamente.Ninux2000 (discussão) 14h54min de 30 de julho de 2014 (UTC)
  • Bem,mas tem que se levar em conta também Ninux2000 que se um assunto,evento ou pessoa ganhou notoriedade em 10 anos,provavelmente um artigo com fontes sobre o assunto,evento ou pessoa pode já ter sido criado,tornando o antigo inútil,além de que,caso o artigo tenha a notoriedade confirmada por fontes fiáveis,pode-se pedir o restauro dele.Saudações.--Leon saudanha 15h11min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Os artigos marcados com tag de "Sem fontes" mais antigos são de 2008 ! Não se vão apagar os artigos ! Ajude a colocar referências ! --João Carvalho deixar mensagem 15h19min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Se o tempo de existência sem fontes será o único motivo para eliminar os artigos tão rapidamente, isso é uma tarefa para robôs, para não dar trabalho a mais ninguém, e deveria ir para Wikipédia:Robôs/Pedidos de aprovação. Mas não sou favorável à realização desse tipo de eliminação. Helder.wiki (discussão) 15h47min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Não faz muito sentido. O tempo não tem a ver com relevância de um artigo. Alguns estão sem fontes pelo simples fato de que alguém ainda não foi lá colocar.—Teles«fale comigo» 15h50min de 30 de julho de 2014 (UTC)
+1. Helder.wiki (discussão) 15h52min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Várias vezes discutido no passado e nunca houve consenso para esse tipo de eliminação robótica. Discordo.--Arthemius x (discussão) 15h56min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Também Symbol declined.svg Discordo Concordaria se fossem os artigos marcados há 10 anos como {{sem-fontes}}, mas como o João já disse, não existe nenhum marcado como sem fonte há tanto tempo. Matheus diga✍ 16h07min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Acho que vale a pena listar ou categorizar os artigos sem fontes há muito tempo com o objetivo de revisá-los e, usando nossos critérios de exclusão, decidir se ficam ou se são eliminados, mas não concordo com o critério de tempo pra eliminar.—Teles«fale comigo» 16h36min de 30 de julho de 2014 (UTC)

  • Leon saudanha, se encontrares artigos antigos sem fontes e o artigo te parecer ser falso ou não cumprir o mínimo dos mínimos para se manter na wiki, deves marcar ESR mas, atenção que essas marcações não podem ser feitas em massa. O ideal é mesmo tentar ir referenciando-os. Isso é que é um trabalho difícil mas, tem que ser feito a pouco e pouco. Não sei se sabias, mas no início da wikipédia, não eram exigidas as referências e portanto, não vamos, pura e simples apagar o trabalho dos que nos antecederam e que ajudaram a criar este projecto. --João Carvalho deixar mensagem 17h49min de 30 de julho de 2014 (UTC)
João Carvalho Na verdade tem muitos artigos sem fontes aqui que eu queria referenciar baseando-se nas suas versões da wikipédia anglófona,que geralmente alem de serem bem referenciados tem mais conteúdo que nossas versões,o problema é que lá eles não usam sempre predefinições como a Predefinição:Citar web,o que prolonga o trabalho de tradução,se existisse um script que facilitasse o uso dessas predefinições,daria para referenciar vários de artigos desse tipo por dia.--Leon saudanha 18h10min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Leon saudanha penso que script para isso, não existe e, além disso há outro problema. Tenho encontrado muitas refs na wiki en, que não têm o link para um arquivo do URL e o URL original já não existe. Também encontro refs que não referenciam nada do texto. Por estes motivos, acho que é necessário fazer tudo à mão. Aproveito para lembrar aos colegas, da grande vantagem em criar "URL arquivo". --João Carvalho deixar mensagem 18h17min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Leon saudanha: a ferramenta existe, só precisa ser usada e aprimorada com base no feedback. Veja en:User talk:Ebraminio/ArticleTranslator.js#About this tool. Helder.wiki (discussão) 02h49min de 31 de julho de 2014 (UTC)
Entendo João Carvalho falando em URLs cujo site de origem não existe mais,o site que você usou como referência no artigo João Braula Reis não está mais acessível,então aconselho-o colocar outra ref no lugar dele.Saudações!--Leon saudanha 18h37min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Leon saudanha, obrigado pelo aviso. Vou ter de ver diversos artigos que devem ter a mesma ref. Na altura nem sabia que se podia fazer o arquivo do URL. Atualmente, salvo raras excepções faço sempre o arquivo, até mesmo, de ficheiros pdf. Vamos sempre aprendendo alguma coisa. --João Carvalho deixar mensagem 18h42min de 30 de julho de 2014 (UTC)
João Carvalho De nada,é como dizem,não a nada que o tempo e a experiência não melhorem--Leon saudanha 18h47min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo dessa remoção rápida em massa sem amparo nas políticas de eliminações. Hºlᕷfz > (d) 22h57min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Eu também Symbol declined.svg Discordo da proposta muito por conta das razões apontadas pelo João Carvalho; principalmente a questão do respeito pelo trabalho desenvolvido por editores anteriores que não estavam sujeitos à obrigatoriedade de referenciar. Lateralizando um pouco o tema, também gostava de ver mais fontes em português, embora valorize - e muito - a atitude de quem adicione fontes válidas, em inglês ou noutra língua qualquer. No meu caso, considero que adicionar as fontes directamente da Wiki-en não só se torna num trabalho quase robótico por parte de humanos, como também acaba por fazer da nossa Wiki-pt um sub-produto de outra. Investir em fontes em português não só permite a verificabilidade dos conteúdos a um universo mais alargado de leitores lusófonos como também produzir artigos que reflectem mais a(s) cultura(s) da Lusofonia. Para além disso, pessoalmente prefiro procurar fontes, dando prioridade às lusófonas, precisamente porque me faz sentir menos robótico, tornando o "trabalho" mais interessante e agradável. Nem sempre é possível, obviamente, e por vezes as fontes em inglês são de melhor qualidade, pelo que não há nesse caso que evitá-las. Note-se igualmente que tenho, por vezes, encontrado melhores fontes em interwikis noutros idiomas quando o artigo é de particular importância para um determinado país. Toda esta investigação tem tornado o meu trabalho de referenciação muito mais agradável, embora menos profícuo, claro. Mas estou por cá para ter prazer com isto, não para produzir o mais possível.Tegmen enviar msg 23h05min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Tegmen, muito interessante seu comentário e, numa nota paralela (dado que Symbol declined.svg Discordo da proposta), não posso deixar de opinar. Paramuitos e muitos temas, a literatura em português ou é absolutamente inexistente (como o período medieval na Bulgária) ou é absurdamente irrelevante ou "fora de sintonia" com o consenso acadêmico ("mainstream"), caso da antropologia humana ou da teologia. Para usar um exemplo prosaico (e anedótico), só se lê sobre Santos Dumont como "pai da aviação" de forma séria por aqui.... Não devemos nunca tomar partido nisso, pois seria pesquisa inédita, mas é nosso dever colocar as coisas em perspectiva para o leitor: ainda que existam fontes em português para muitas coisas, elas são, muitas vezes, irrelevantes para o debate acadêmico. Há casos onde o inverso acontece (conquista árabe da península Ibérica? História do Brasil/Portugal?), mas são nichos, uma vez que - todos sabemos - o debate acadêmico definitivamente não ocorre na nossa língua pra quase nada.... Isso não deve diminuir nosso ímpeto, mas deve certamente nortear nossa ambição de bem informar. José Luiz disc 23h25min de 30 de julho de 2014 (UTC)
Bem observado, José Luiz, e penso que os factos que apontou devem ser igualmente considerados, se queremos (e queremos, certamente) uma Wiki-pt em que a qualidade se sobreponha a qualquer outro aspecto. Tegmen enviar msg 00h26min de 31 de julho de 2014 (UTC)

Que proposta irrisória. Temos um novo Albmont e MisterSanderson por aqui? Sou contra, por motivos óbvios. !Silent (discussão) 11h22min de 31 de julho de 2014 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário: Eu propus apenas que artigos sem fontes a 10 anos ou mais pudessem ser marcados para ER,a critério do usuário que encontrasse um artigo nessa condição em nenhum momento falei em eliminação automática em massa por meio de um bot,essa ideia sequer passou pela minha cabeça na hora em que fiz a proposta--Leon saudanha 14h57min de 31 de julho de 2014 (UTC)
Bem Helder.wiki ,o complicado da ferramenta de tradução que você mencionou é que caso ela dê problemas quando estiver em uso,vamos ter que encontrar alguém aqui que fale persa para pedir ao criador dela que faça os ajustes necessários para funcionar bem--Leon saudanha 15h09min de 31 de julho de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo Independente do artigo estar com dez anos ou mais sem fontes, você não deve mandar nem para PE e sim colocar a etiqueta sem fontes ou buscar fontes para o artigo. Páginas para eliminar não são um estaleiro. Net Esportes (discussão) 19h49min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo, mas acho esta proposta muito tímida. Artigos sem fontes são um câncer, que deve ser removido cirurgicamente o mais rapidamente possível. Era para eliminar todos, não só que estão, que horror, há dez anos sem fontes. Albmont (discussão) 16h36min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Tornar categoria "artigos sem fontes" visível em artigos marcados com a predefinição "sem fontes"

Proponho que seja possível visualizar a Categoria:!Artigos que carecem de fontes em artigos marcados como "Sem fontes" até por que se ela é feita para auxiliar usuários que queiram referenciar tais artigos,não faz sentido que ela não possa ser visualizada neles--Leon saudanha 15h44min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Se um usuário está interessado em referenciar um artigo, e e acha que para isso será útil ver essas categorias, pode muito bem ativar a opção "Mostrar categorias ocultas" nas preferências. Helder.wiki (discussão) 15h50min de 30 de julho de 2014 (UTC)
E porque essa categoria é oculta Helder.wiki?--Leon saudanha 15h54min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Já existe a marcação no topo do artigo pra informar a falta de fonte. Qual seria a utilidade da categoria? Acredito que precisa elaborar melhor uma proposta antes de trazer à Esplanada, explicando com clareza o problema e de que forma isso vai resolvê-lo.—Teles«fale comigo» 15h57min de 30 de julho de 2014 (UTC)

Discussão sobre renomeações

Venho propôr o início de uma discussão sobre renomeação de títulos de artigos, tendo em vista a quantidade muito grande de propostas nos últimos meses e a quantidade de discussões geradas com as contestações. Esta consulta a comunidade é para saber se apoiam o início dessa discussão mais ampla sobre o assunto. Caso concordem:

  1. Saber da comunidade, se tomaram conhecimento da quantidade de solicitações existentes na Categoria:!Páginas marcadas para serem renomeadas?
  2. Ao mesmo tempo, perguntar se concordariam ou não com o bloqueio a nível sysop da opção Mover páginas? JMGM (discussão) 19h54min de 2 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol question.svg Pergunta: . Em alguma outra wiki ou projeto da WMF esta opção está protegida em nível tão elevado? Parece-me um exagero extremo...
Symbol question.svg Pergunta: , entendo que Wikipédia:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios, adotada depois de quatro meses de discussão (Wikipédia:Esplanada/propostas/Adoção de termos em língua portuguesa (25fev2014) e declarada "recomendação" em junho/2014, já resolve muitos dos casos. Ainda que a discussão ocorra (como a que está ocorrendo em Wikipédia Discussão:Projetos/História e sociedade), o tom é extremamente civilizado e sempre baseado nas regras (o que não acontecia antes). Aliás, se tirarmos os casos listados nesta última discussão, a categoria para menos da metade dos casos. Mas, em benefício da dúvida, gostaria que fossem listadas exatamente quais são as Citação: quantidade de discussões geradas com as contestações referidas na proposição... É possível?
Finalmente, "eliminar a discussão" com base numa norma restritiva parece-me exatamente o contrário do que se espera de uma enciclopédia onde todos podem editar... José Luiz disc 20h37min de 2 de agosto de 2014 (UTC)
Resposta: Não acho exagero. O problema de não bloquear a opção mover nas outras wikis é porque certamente os usuários não costumam mover os artigos ao seu gosto e bel-prazer, o que não é o caso da wiki PT! Além do mais, as variantes PT e BR provavelmente geram mais problemas do que as variantes nas outras línguas.
Quanto a listar as discussões geradas por moções vou ter que fazer uma busca, e caso alguém já tenha essa relação pronta é só colocar aqui para completar. JMGM (discussão) 21h44min de 2 de agosto de 2014 (UTC)
Não acho. O quebra pau entre inglês-uk e inglês-usa é tão ruim quanto e já gerou muitíssimas discussões no passado. Acontece que a enwiki tem o manual de estilo com recomendação pra simplesmente qualquer coisa e não há mais nada que não tenha uma recomendação (a sobre "títulos de artigos", por exemplo, tem 50k e literalmente dezenas de sub artigos; a sobre biografias, 30k e dezenas de subartigos). Enfim, lá eles investem em criar um bom manual de estilo. Mas lembro-me uns anos atrás quando um quebra-pau sobre nomes de pássaros (ou colocação de infoboxes, já não me recordo) foi parar no Comitê de Arbitragem.... Enfim, sobre os casos do "bel prazer", sugiro que liste pra que a discussão fique focada. Eu, por exemplo, discuto todos os casos que me incomodam e estou extremamente satisfeito com o trabalho sendo realizado, apesar de um outro exagero que, depois de saudável debate, chegamos num consenso. José Luiz disc 22h38min de 2 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo de se impedir movimentações. Toda vez que um artigo é criado com o título errado ter que ir pedir a um administrador que corrija é aumentar a burocracia; e no caso apenas para resolver o problema eterno deste projeto com contas que acham que tem "salvá-lo". Fabiano msg 22h45min de 2 de agosto de 2014 (UTC)

Por mim o mais simples era fazer uma proposta para mudar Wikipédia:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios de recomendação para regra e acabava-se com os problemas de uma vez por todas. Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 23h59min de 2 de agosto de 2014 (UTC)

Z, bem vindo de volta. Concordo totalmente. E daí criar similares para topônimos e termos estrangeiros. José Luiz disc 11h29min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

Menção a esta discussão no grupo do facebook[editar | editar código-fonte]

Informo que esta discussão está a mencionada no grupo de facebook da wikipédia lusófona, onde vários editores insultam de forma explícita outros editores deste projeto. Antero de Quintal (discussão) 00h46min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

É exatamente por isso que aquilo não presta. Não há regras de conduta e as discussões rapidamente transformam-se em bullying. É triste ver que tem gente que apóia esta mer... Como não tenho conta, não consigo saber o que ocorre. José Luiz disc 11h14min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
Qual é o problema, isso é para quem não tem nada a esconder. comentário não assinado de JMGM (discussão • contrib)
Só esclarecendo, não tinha visto esta discussão e como participei da discussão no Facebook e falei aqui, concordo que as questões da Wikipédia devem ser discutido na PD do tema; concordo que no Facebook há um certo descompromisso por ser um ambiente "de fora". Luiza Teles Lu 21h37min de 15 de agosto de 2014 (UTC)

Continuação da discussão[editar | editar código-fonte]

Discussão sobre restrição de movimento

Categoria

    • Discussões em aberto dos últimos 7 dias
Topônimos ou relacionados
Antropônimos e relacionados
Outros
Mudanças sem aviso ou discussão e fontes

Quem souber de mais alguma é só colocar aqui. JMGM (discussão) 02h38min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário Para os casos de antropônimos, já existe recomendação do projeto. Não deveria haver mais discussão: itens 1.3 e 1.4 são muito explícitos sobre isso: Citação: Nomes de personalidades estrangeiras da Antiguidade, Idade Média ou de outros tempos históricos recuados devem ser grafados de acordo com o nome pelo qual são mais conhecidos hoje em dia no país lusófono em cuja variante o artigo foi escrito originalmente (podendo haver referência a como são as outras variantes), seguindo-se uma explicação do nome original/mais conhecido globalmente e a que língua corresponde caso não haja coincidência. Se foi escrito a primeira vez em ptPT, que fique na versão mais conhecida em Portugal. Se foi escrito em ptBR, que fique na versão mais conhecida no Brasil (quase certamente anglicizada, infelizmente)... Não compreendo o debate. José Luiz disc 11h19min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
PS:E, ainda no espírito conciliatório proposto em Wikipédia:Versões da língua portuguesa, acho sim que deveria ser emendada uma exceção a 1.4 para artigos com "forte afinidade" a uma das variantes da língua, dando preferência a ela em alguns casos. É justo. Mas a forma correta seria emendar a regra da maneira certa e daí aplicá-la. Lembro que não há pressa: muitos desses artigos ficaram numa ou noutra variante por anos e não precisamos arrumar tudo em 30 dias. O que é preciso é garantir que a "falta de pressa" não se transforme em procrastinação ou fillibusting pra impedir o consenso. José Luiz disc 11h26min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol comment vote.svg Comentário Há casos na lista em que não houve "conflito". Houve discussão e consenso... José Luiz disc 11h19min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

Zé, você pediu para colocar as discussões geradas com as contestações, eu coloquei as que encontrei, inclusive as que houve consenso como diz, justamente para que fossem analisadas e para dar conhecimento das mesmas, gostaria que colocasse de volta os títulos retirados, e ainda falta colocar as moções que foram feitas e não contestadas por desconhecimento da existência das mesmas, que não entraram na categoria para serem renomeadas e que não foram colocadas tags de renomeação. JMGM (discussão) 18h58min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

Cedência é necessária Como eu disse aqui, era necessário que a Jurema e o Renato procurassem ceder, vejo muita insistência de ambos em manter suas versões e não abrir mão de nada mesmo quando todos os argumentos e a própria convenção de nomenclatura indicam que estão errados. Em Bases Britânicas Soberanas, Guy de Boulogne e Zaouïa o consenso parece claro a favor do Renato e contra a Jurema, e ela não cede. Em Baden-Württemberg, Jihad, Hussein da Jordânia, Princesa Charlotte, Duquesa de Valentinois o consenso é claro contra o Renato e a favor da Jurema, e ele não cede também. Quanto mais os casos mais óbvios forem retirados de discussão, mais poderemos discutir os casos realmente discutíveis.

Moções como a de Kandahar e Andhra Pradesh, sem fontes sou contra. O mínimo que quem pretende modificar o título precisa fazer é colocar fontes nele, e quem deseja manter o título original, deve colocar fontes lusófonas que reconheçam o nome original. Renomeios sem discussão prévia nesses casos onde sabemos que haverá conflito, não devem ser feitos (isso foi previsto na discussão que aprovou a convenção de nomenclatura e foi aceito por todos). Propostas em grande quantidade de uma única vez deveriam ser evitadas, para que todos tivessem tempo de opinar em cada uma delas.

Todos os envolvidos deveriam prestar atenção no que disseram o Fulvio e o Zé aqui. Fatiar o problema, prestar atenção na convenção e citar fontes. Se isso for feito, vão sobrar poucos casos realmente controversos, onde poderemos opinar com mais calma. Symbol declined.svg Discordo totalmente de proibir todos os usuários de mover todas as páginas a nível sysop por causa disso. Matheus diga✍ 01h17min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Bom citar estes casos para que eu possa deixar as coisas mais claras. Eu não estou fazendo guerra com ninguém por Hussein da Jordânia, por exemplo, já que ele está sendo discutido de maneira unificada com casos semelhantes, e Baden-Württemberg não está desfavorável ao que propus, pois mais gente mostrou-se conivente com o título. Outro caso emblemático é jihad. Eu defendi a proposta, mas não fui eu que propus (deveria ter sido visto na discussão antes de ser atribuído a mim). Sobre Candaar, há fonte no artigo, em Andra Pradexe, esqueci de colocar e já irei providenciar.--Rena (discussão) 01h25min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Nestes casos, vou ser direto. Por que uma regra como os itens 1.3 e 1.4, recém votados para nomes próprios, não serve pra topônimos? Por um lado, respeita-se o desejo do criador (como muitos aqui querem, inclusive eu) e, por outro, abre-se o espaço para a mudança cultural. Por que pra "Andra Pradexe"/"Andhra Pradesh" não podemos utilizar a mesma regra? Eu faria exceções na linha que venho propondo sobre artigos com "forte ligação com uma versão ou outra da língua" e só. José Luiz disc 01h34min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Relembro um outro FATO pros navegantes: os 200 milhões de brasileiros tem sim, infelizmente, utilizados formas anglicizadas de nomes. Manuais de estilo de grandes jornais, revistas, televisão etc. suportam o movimento. Não sei se é papel da wiki mudar o presente, mas estou certo que não é o de mudar o "passado", quando aportuguesar era a norma... Daí a beleza das regaras 1.3 e 1.4, que balanceiam isso.... Leiam. José Luiz disc 01h38min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Mas como ficaria, por exemplo, casos como Calinga, onde a versão na qual usava-se a grafia antiga não mais condiz com a versão atual do artigo? Pra falar a verdade, nesse caso ai, e no irmão Guerra de Calinga, pouco ou nada dialogam as versões antiga e a atual.--Rena (discussão) 01h42min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
E há casos onde o topônimo e/ou antropônimo é pouco ou nada conhecido no português, caso do Aleixo Estrategópulo e do Basílio Onomágulo. Neles a única fonte apresentada corroborava a atual grafia, e mesmo assim teve discussão bem longa sobre.--Rena (discussão) 01h45min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Pqp... Leia Wikipédia:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios de cabo a rabo, por favor. E refaça suas perguntas. José Luiz disc 01h49min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Eu li, a propósito fiz parte da discussão que elaborou o texto complementar dela. Mas no fim das contas os casos acima ficam a deriva. Principalmente Calinga. Nem a versão que prefiro nem a outra versão com "k" são irrefutavelmente majoritárias em qualquer uma das variantes, e no caso presente também não é possível alegar que é preferível utilizar-se da escolha do primeiro editor quando a versão feita por ele não é mais a versão usada no artigo.--Rena (discussão) 01h55min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
O vácuo nasce por que "nomes próprios", IMHO, não engloba topônimos, Rena. Para eles, a discussão é bem mais espinhosa e um consenso, mais difícil. José Luiz disc 22h46min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Comunicação de moção indevida hoje[editar | editar código-fonte]

Informo que dois dos artigos que ainda estão em discussão e ainda não houve consenso, teve seu título movido para o nome contestado, solicito ao administrador mediador desta discussão que retorne ao título Aksum, Zaouïa imediatamente, para que possamos continuar esta discussão. JMGM (discussão) 23h16min de 3 de agosto de 2014 (UTC)

PS:Esse é o motivo de eu pedir o bloqueio da opção mover a nível sysop. JMGM (discussão) 23h25min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
Moveu mais um Bases Britânicas Soberanas para seu redirecionamento Acrotíri e Deceleia nome não consensual.
Jurema, estava movendo de volta o artigo quando, perplexo, vi que, em 2009, o artigo foi movido de Axum para Aksum!!:
(mostrar/esconder) 16h20min de 17 de novembro de 2009 Raafael (Discussão
contribs
bloquear) moveu Axum para Império de Aksum (Nome padrão nas outras Wikipédias.)
Este artigo foi criado em 2005 por um português (conhecido seu até):
(atu
ant) 08h42min de 27 de maio de 2005‎ Rui Silva (Discussão , [ bloquear)‎ . . (2 477 bytes) (+2 477)‎ . . (agradecer) bloquear)‎ . . (2 477 bytes) (+2 477)‎ . . (agradecer)]
contribs
Não estou certo se é o melhor a fazer. Ressalto que achei sim desrespeitoso mover dado que estamos aqui e ia de fato desfazer a moção, mas me parece muito mais um caso de correção de uma injustiça cujo remédio está bem em linha com os parâmetros que costumamos seguir (e que estão entronados, para nomes próprios, na recomendação): respeitar a versão da língua utilizada originalmente... Pode opinar? O histórico está aqui José Luiz disc 23h46min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
Perfeitamente, quem criou esse artigo em 2005 foi o Rui Silva com o título de Aksum, o outro agiu corretamente em retornar o título em 2009, pois tinha sido movido sem discussão. JMGM (discussão) 23h55min de 3 de agosto de 2014 (UTC)
Não, Jurema. A única moção nesta página foi a do Rafaael em 2009: Axum para Império de Aksum (no fim da página). Em 2011, o Rafa moveu de volta para Axum e certamente daí iniciou-se uma GE. Mas posso levantar mais se quiser... José Luiz disc 00h06min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Zé ela está falando da cidade de Axum não do Império de Axum. Pra falar a verdade nem faço ideia o porquê desta página, que nem está em proposta à propósito, estar aqui. Há outras inclusive de tom bem questionável, mas deixa pra lá. Cansei de dar murro em ponta de faca em discussões com a Jurema.--Rena (discussão) 00h08min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Claro. Está tudo interrelacionado, Rena. A confusão começou, neste caso (deixo claro - cada um é diferente), quando o Rafaael moveu Axum para Império Aksum em 2009 e misturou tudo. José Luiz disc 00h12min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Tem razão sobre a movimentação, mas como se justifica alguém criar um artigo com o título de Axum e na primeira linha colocar apenas Aksum [1], como pode ser visto na primeira edição? JMGM (discussão) 00h15min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Aí só ele pode esclarecer. Eu sempre cito o nome original entre parênteses, independentemente se concordo ou não com a tradução ou transliteração, pois sei que isso ajuda quem faz a pesquisa via Google (ex.: Wilfrid obviamente vira "Vilfrido", mas qqer um que leia uma obra em inglês (ou uma brasileira anglicizada) vai bater "Wilfrid" no Google. Se retirarmos, perde o leitor, que vai parar na enwiki... O caso em questão, novamente, reforça minha percepção de que precisamos para de discutir os casinhos pra formularmos uma boa regra que possamos seguir mesmo não concordando 100% com tudo 100% do tempo (cedência). E dos dois lados. Pra nomes próprios, estou certo que os nomes árabes anglicizados fora da península ibérica são péssimos pro Rena, mas ele aceitou (ou deveria!) em nome do consenso. Chamo você pro mesmo compromisso: como podemos avançar numa proposta que não preveja tirar a licença pra dirigir de todo mundo por causa de alguns que, mutuamente, se consideram maus motoristas? José Luiz disc 01h22min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Caro Zé, as leis de transito não funcionam lá tão bem como deveriam assim como aqui, lá diz que a carteira de motorista é apreendida e o infrator volta a fazer um curso para se reabilitar. O que acontece aqui, é que na maioria das vezes o Rena coloca a tag indevida e algumas vezes é outra pessoa que faz a moção, vai tirar a carteira de quem nesse caso? E como ficam as três moções feitas hoje enquanto estamos discutindo? JMGM (discussão) 01h34min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
O caso de Axum, acho que acabamos. Ou você entende que devemos ir contra a forma mais conhecida na versão da língua mais conhecida do autor? Em tempo: quais são as outras duas? José Luiz disc 01h47min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Não estamos aqui para discutir caso a caso, isso está sendo feito nos próprios artigos. Estamos aqui para discutir os atos e e as consequências geradas pelos mesmos. Lá no início desta proposta diz o seguinte: 1 Saber da comunidade, se tomaram conhecimento da quantidade de solicitações existentes na Categoria:!Páginas marcadas para serem renomeadas? 2 Ao mesmo tempo, perguntar se concordariam ou não com o bloqueio a nível sysop da opção Mover páginas? Por esse motivo nenhum título colocado nesta página deve ser retirado ou movido antes que todos vejam e analisem o que está acontecendo. JMGM (discussão) 02h17min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Há um pequeno problema Jurema. Mesmo sendo uma discussão em esplanada, a probabilidade de muitos editores se manifestarem é nula, pois muitos não gostam de discutir sobre o tema. Ao mesmo tempo, é nula a chance de grande parte da comunidade tomar conhecimento da discussão. E outra, seu tom claramente mostra que você, acima de tudo, abriu a discussão porquê entende que qualquer moção que leve ao emprego duma grafia que você discorda (que no caso seriam todas os títulos) deve, por conseguinte, ser necessariamente depreciada pela comunidade.--Rena (discussão) 02h28min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Caro Matheus, você está dizendo que eu não quero ceder, ceder em que? A única coisa que eu não cedo é em não permitir que se façam arbitrariedades como moções sem consenso e sem discussão e fontes, os casos que encontrei fui analisando e concordando ou discordando de acordo com a analise, o que se discutiu após minha discordância é que vai decidir o que será feito. JMGM (discussão) 01h52min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Se meu intuito no caso dos árabes fosse começar uma discussão interminável eu não teria acatado a solicitação do Zé de fazer uma discussão unificada no projeto história e sociedade e teria, por conseguinte, começado a abrir discussões individuais em cada um dos artigos. Estou plenamente interessado que chegue-se a alguma conclusão, mas não posso deixar passar bem na frente dos meus olhos o fato de que muitos dos que opinaram acharam possível usar os nomes em português dos ditos, ainda mais quando levamos em conta o fato de que se, em tese, todos os monarcas e nobres árabes fossem aportuguesados, eles ainda seriam um grão de areia em meio a uma praia inteira de indivíduos que nunca terão seus nomes alterados.--Rena (discussão) 01h58min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
A respeito da sua contestação Jurema, ela é manjada e já caiu em descrédito com mais de um editor. A propósito, você é "tão versátil" na argumentação que fez copia e cola da mesma mensagem e saiu colocando em todos as discussões.--Rena (discussão) 01h58min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
É simplesmente constrangedor abrir uma discussão para se apurar fatos nesta wiki. Ao mesmo tempo que se pede para a comunidade analisar uma situação, ela vai sendo modificada nos bastidores, como esvaziar a categoria que foi colocada no início da página para que toda a comunidade tome conhecimento. Moções e encerramento de discussões que ainda não tiveram um consenso porque muito poucos editores tiveram conhecimento das mesmas. Assim é fácil. JMGM (discussão) 02h29min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Não é engraçado. É engraçadíssimo ver você apontar-me o dedo para uma coisa que eu não fiz. Isso é algo digno de aplausos mesmo. Desde que essa "proposta" que já recebeu o não de dois administradores começou eu não mexi em mais artigo nenhum. Todavia, veja que nos casos onde as discussões foram encerradas eram justamente aqueles que a moção devia ser feita, pois o consenso foi favorável a moção.--Rena (discussão) 02h55min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol comment vote.svg Comentário Em quase todos os casos que verifico, a JMGM começa por discordar. Ou sem apresentar motivo (o mais comum) ou porque "não existem fontes". No entanto, verifico que na maior parte das discussões lhe são prontamente apresentadas as fontes em língua portuguesa, inclusive enciclopédias, mas ela recusa-se obstinadamente a aceitá-las e frequentemente contrapõe com sites em língua estrangeira, traduções do google (!) ou conjeturas rebuscadas para evitar sair de "orgulho ferido" e "perder a discussão". Na quase totalidade dos casos, tratam-se de tópicos que a utilizadora nunca editou, percebe-se que tem pouco ou nenhum conhecimento sobre o tema e nunca tinha mostrado o mínimo interesse em editar o tópico. Isto parece-me mais próximo de abuso para provar um ponto de vista do que alguém que está interessado em construir uma enciclopédia. Observo também que nos últimos dois meses, as suas edições no projeto são quase exclusivamente em perseguição ao editor Renato de Carvalho Ferreira, desfazendo ou opondo-se sistematicamente a todas as edições feitas por ele; um comportamento assediante de "wikistalking" e que na en.wiki é sancionado com bloqueios pesados, chegando inclusive a lançar campanhas de difamação em redes sociais contra vários editores. Evidentemente que a usuária até pode estar do lado razão num ou noutro caso. Mas geralmente chega-se a essa conclusão porque houve outras pessoas a intervir com argumentos minimamente convincentes, e não em função dos seus comentários fora de pauta.

Portanto, Symbol declined.svg Discordo da proposta de ter administradores com privilégios de edição. Mas acho que é óbvio para toda a gente que a "proposta" aqui não é sequer séria nem real. É só mais um pretexto que a usuária encontrou para fazer outro caso com pompa e circunstância em relação a um dos seus desafetos, como vem sendo hábito. Aliás, a própria afirmação de que "há muitas propostas" abertas é descabida e completamente alheada da realidade: só existem "muitas propostas" para usuários determinados a impor um ponto de vista e que sentem uma necessidade incontrolável de ter que "aprovar" tudo o que se passa no projeto. O projeto é uma comunidade, e não uma pessoa ou um grupo de pessoas que querem controlar tudo e todos. Não falta muito para que apareça aí um sock do Quintinense a exigir que haja um limiteum limite de dez edições por dia para cada editor porque senão ele não tem tempo de conferir, aprovar e carimbar tudo. Antero de Quintal (discussão) 02h47min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Até o dia de hoje, nunca fui obrigada a concordar com nada que eu não concordasse, e não vai ser agora que vou fazer isso só pra agradar alguém ou dizer que sou boazinha. Posso até ceder quando vejo lógica e sensatez na proposta, mas não que seja obrigada.
Nos últimos dias inúmeras propostas de renomeação de títulos de artigos foram feitas e houve uma discussão na própria página de discussão da categoria, para saber como localizar todos os artigos com essa proposta, onde o Helder deu algumas orientações ao Matheus sobre a predefinição que é colocada na página que se pretende renomear. Nessa discussão se fez um teste e levantamento das páginas que não possuíam justificativa na discussão, e as que tinham discussão em andamento. Foi discutida até a possibilidade ou não, da criação de central como a de fusão, mas não houve consenso. Comecei a verificar os nomes constantes da lista e por coincidência um bom número de artigos tinham sido propostos pelo Renato. Por esse motivo, agora estou sendo acusada de perseguir o mesmo. Que culpa eu tenho se encontrei as páginas que ele propôs? Contei o ocorrido pra quem não sabe da história e caso queiram saber mais é só perguntar.
Quanto ao meu desabafo no Facebook, não citei nome de ninguém, não joguei nada no ventilador e não difamei ninguém, alguns que curtiram podem ter feito alguns comentários de brincadeira mas também sem citar nomes, ao contrário do que ocorreu aqui na Wikipédia, na página de discussão do editor que me acusa de estar fazendo campanhas de difamação, onde pode-se ver quem é que está sendo difamada. Quanto a discordar do bloqueio da opção mover, me surpreenderia de verdade se concordasse, como iria continuar seu trabalho? Quanto ao complexo de Q não sei como te responder. JMGM (discussão) 09h24min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Jurema, vela lá. Você não citou nomes, certo, porém ao não fazê-lo deixou a coisa mais instável do que caso o tivesse feito. Por quê? Porque agora qualquer um que tenha participado nas referidas discussões e que tenha apoiado o posicionamento que você disse discordar tornou-se alvo dos comentários escarnosos da multidão enfurecida que aplaudiu seu discurso tendencioso. E outra, chamar comentários onde usa-se termos como "xenofóbicos", "viadagem", etc. de mera brincadeira ou é falta de coesão e/ou omissão do ocorrido. Mesmo que você nunca admita, você errou no primeiro instante que resolver "desabafar" fora da Wikipédia, num lugar onde punições para tais comentários não podem ser aplicadas. Se seu real intuito fosse tentar resolver a situação que lhe incomodava, então desde o começo você teria aberto essa proposta, e não feito aquilo, que só abriu uma via para os odiadores odiarem (haters gonna hate).--Rena (discussão) 14h21min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
E outra Jurema, quanto a perseguição, o Antero refere-se, imagino eu, ao fato lastimável, possivelmente verificável no seu histórico de edições, de que nos últimos meses você só vem dedicando seus esforços a participar de discussões, sendo que muitas você tem pouco ou domínio nenhum sobre o tema. Como eu a alertei na central de fusões, você deveria (repito como disse lá, é uma recomendação, não estou forçando-lhe) preocupar-se mais em corrigir erros seus, terminar as dezenas de traduções que você começou e não terminou e até mesmo continuar criando artigos sobre os temas que lhe agradam. Você seria muito mais produtiva com isso.--Rena (discussão) 14h42min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Renato, gostaria de lembrá-lo que já sou bem grandinha, o suficiente para ser bisavó, não sei se sabia. Conselhos se fossem bons seriam vendidos e não dados a quem não pediu. Desculpe. Voltando ao assunto, esta discussão não é para discutir o que devo ou não fazer, o que fiz ou deixei de fazer, isso é problema exclusivamente meu, não sou obrigada a fazer nada que eu não queira. Você está tentando mudar o rumo da prosa e inverter as coisas para uma posição que lhe favoreça. Um dia você chega lá. O assunto aqui não é entre eu e você, o assunto aqui é para a comunidade tomar conhecimento do que vem acontecendo na Wikipédia, e a esta altura já devem estar cientes, e se quiserem decidirão o que fazer a respeito. JMGM (discussão) 15h49min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Citação: JMGM escreveu: «não sou obrigada a fazer nada que eu não queira.» Bom saber que você pensa isso dos artigos que criou e dos inúmeros problemas presentes neles.--Rena (discussão) 15h59min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Renato, sinceramente, assuntos fora de pauta desta discussão, devem ser evitados. Novamente está usando minhas edições para me criticar e me diminuir em público, para desviar a atenção da discussão. Cadê o moderador pra ver isso, sumiu? JMGM (discussão) 17h07min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
E tem assunto esta proposta? Os 5 primeiros a se manifestarem foram contrários a restrição às moções. Quantos "nãos" mais você quer ouvir para perceber que sua proposta naufragou logo de início?--Rena (discussão) 17h11min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Citação: JMGM escreveu: «Quanto ao meu desabafo no Facebook ...» A hipocrisia de certas pessoas não tem limites! Não citou por hipocrisia; seria menos asqueroso se tivesse citado! Como é possível alguém acreditar que adianta alguma coisa tentar colaborar com este tipo de gente?

PS: Obviamente Symbol declined.svg Discordo da proposta. Regras à medida de "editoras" por regras à medida de editoras, e para termos paz, tenho as seguintes propostas alternativas, bem mais eficazes:
  1. Criação de um novo grupo de "movimentadores" (que já existe no Commons), coordenado só e somente pela JMGM, que pode, se quiser atribuir esse estatuto a quem quiser, desde que previamente discutido no Facebook.
  2. Proibição de qualquer tipo de moção de títulos a todos exceto a JMGM.
  3. Proibição da moção de quaisquer títulos que coincidam com algum interwiki, com preferência pelo inglês. --Stegop (discussão) 14h44min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
PPS: Para aqueles que acham que estou a ser negativista, vândalo, ou o que seja, sugiro que analisem bem da proponente no último ano (não é complicado, só se dedica a tarefas de wiki-stalkink "salvação"...), veja o tipo de argumentação nas discussões, veja a sua postura "consensual", nomeadamente na moção de artigos com insultos nos sumários, feitas em artigos que tiveram marcas de renomeação não contestadas durante semanas ou moções sem perguntar a ninguém (e é esta mesma pessoa que reclama que "não há discussão"...).
PPPS: Tenho-me abstido de entrar em discussões com esta "senhora" devido a um acordo feito há uns meses. Mas é evidente que tal acordo já foi mais que espezinhado vezes sem fim por essa "senhora". Pretendo continuar a evitar contacto com gente que não faz nem deixa fazer e que continuamente lança veneno assumindo uma pose hipócrita, mas hoje, num dia em que só tomei um dos 10 comprimidos "Bayer Politicamente Correto Hipócrita" necessários para entrar em qualquer discussão, caí na asneira de vir à Wikipédia... --Stegop (discussão) 14h44min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Este está pior que eu, vou poupá-lo de um enfarto e eu de um AVC. Não vou discutir com você, senão vou ficar com remorso. Passe bem. JMGM (discussão) 15h53min de 4 de agosto de 2014 (UTC)

Resposta para o Renato[editar | editar código-fonte]

Renato, e quem foi que disse pra você, que eu abri esta discussão esperando algum consenso? Só se eu fosse uma perfeita idiota pra pensar nessa hipótese. Abri a discussão para que a comunidade tivesse conhecimento do assunto, e saber a opinião de todos se possível, sobre as moções que andam sendo feitas, se eles concordam ou não, e decidir o que fazer com todos esses casos, indo direto em cada página de discussão e colocando lá suas posições se apoiam ou não apoiam o que está sendo feito, tanto os links desta página, como da lista na discussão da categoria. É esse o assunto a ser discutido aqui. JMGM (discussão) 18h29min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Então você começou uma discussão mais tola do que eu pensei. Foi decidido aqui mesmo na esplanada que as moções podem ser feitas quando não há contestação, só com isso essa discussão naufragaria. Além disso, se o intuito não é buscar um consenso, então por quê diabos você perguntou se os editores concordam em proteger moções a nível sysop? Sem consenso uma coisa dessas nunca seria aprovada, e você percebeu pelas respostas que você recebeu que ninguém está disposto a acatar o que você quer.--Rena (discussão) 21h21min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
E outra, se seu intuito é questionar a Wikipédia inteira, vá em frente. Se você quer tanto perder seu tempo atormentando os outros ao invés de fazer a coisa funcionar, não vai ser eu que vou impedir vossa excelência.--Rena (discussão) 21h21min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
  • Vou dizer isso da melhor maneira que conseguir: acho que esta comunidade só vai se interessar por este tema se vocês dois não participarem da discussão. Eu, que acompanho vocês há tempos, já fiquei sem saco de ler a ladainha... Imagina quem tem 2h por dia pra passar aqui. A realidade é que os casos estão se resolvendo em fóruns mais pacíficos, para o bem ou para o mal. Finalmente, deixo novamente a sugestão de que ao invés de ficarem criticando caso a caso, sugiram uma proposta de recomendação que lance a fundação de uma discussão mais saudável. Boa sorte! José Luiz disc 22h44min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Já não existe a WP:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios? Basta seguir, e discutir apenas os pontos que estão obscuros. Matheus diga✍ 23h21min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Vamos imaginar então que eu abandone essa discussão, vai mudar muita coisa? Custo a crer. A proposta dela já naufragou deste o primeiro momento, quando todos discordaram de restringir moções aos administradores. E, por osmose, isso aqui logo será fechado, ela continuará a envolver-se nas discussões e a roleta russa continuará a girar. Eu não sou o único que já cansou-se dos pseudos argumentos dela, que veio enquanto discutíamos aqui, marcando a discussão de vários artigos com o discordar dela. Ela pediu para que as discussões fossem congeladas enquanto o negócio aqui não deslanchava, sendo que ela mesma não cumpriu aquilo que pedia. Fica difícil levar isso aqui a sério, principalmente com alguém que tem um loooooonnnnggggoooo histórico de discordância sem argumentos, muito antes de eu me envolver inclusive.--Rena (discussão) 23h02min de 4 de agosto de 2014 (UTC)
Não subestime nossa inteligência e, principalmente, não caia no mesmo erro dela: não imagine que "só você pode salvar a Wikipédia".... Fácil seguir nessa linha, não? José Luiz disc 00h46min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
Zé, não só não subestimo a inteligência de ninguém, inclusive a dela, como também não me vejo, e nunca me verei, como o único a salvar o projeto, todos precisam, ou deveriam, fazer sua parte. Só estou expressando minha opinião de repúdio a uma proposta confusa, e com ar tendencioso, que foi vista de maneira não muito diferente da minha por mais gente (não preciso dar nome aos bois quando a discussão está aqui e em todo lugar para ser apreciada). Tampouco acho que preciso ficar trazendo diffs. para ilustrar o que disse acima (você mesmo foi um dos que mais foi contrário a fazer tal coisa, quando no fim isso só inflama a discussão) a respeito de eu não ser o único que entrou em colisão com o ponto e vista dela. Ela já era famosa antes mesmo deu entrar no projeto em 2010.--Rena (discussão) 01h00min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
Pois é, Rena... Perceba que o seu argumento está claro. O da Jurema também. Deixe que outras pessoas discutam um pouco sem que vocês dois fiquem se rebatendo o tempo todo, por favor. Ouvimos a parte A e a parte B, é muito pedir que ouçamos agora os demais? Independente do que eu acho, duvido que você ache produtivo esses 35 kb de conversa que você e ela colocaram aí pra cima.... José Luiz disc 01h10min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
Façamos o seguinte, já mais que disse o que eu penso e ficar rebatendo tudo que ela disser aqui e em todo lugar não vai levar a lugar nenhum. Deixemos, pois, que a discussão prossiga e quando minha opinião foi solicitada eu apareço. Ok? Vou-me para os bizantinos, depois volto.--Rena (discussão) 01h20min de 5 de agosto de 2014 (UTC)

Falando com a comunidade[editar | editar código-fonte]

A questão a ser discutida é se a comunidade está de acordo com as renomeações que estão sendo feitas do tipo: Este artigo foi criado em 2011 com este nome na primeira edição Brunswick-Wolfenbüttel e em 2014 mudado para Brunsvique-Volfembutel, Pergunto, há necessidade desse tipo de mudança nos títulos de artigos? JMGM (discussão) 16h09min de 5 de agosto de 2014 (UTC)

Olhando pelo viés das recomendações que temos, Jurema, vejo o seguinte: (i) trata-se de uma pessoa (e não um local), portanto vale a convenção que temos (já citada); (ii) o artigo foi escrito por uma portuguesa (a Sara) em ptPT e, portanto, seguindo 1.4, devemos privilegiar a forma mais conhecida do nome em Portugal; (iii) resta apenas decidir se a forma final é a mais conhecida por lá. Se for, não há problemas na moção do ponto de vista técnico. Porém, há um problema de forma neste caso, pois o Rena, na época, não marcava os artigos controversos antes de mover e ele foi advertido depois disso (este caso foi em fevereiro) e não tem mais feito assim. Finalmente, lembro também que diversos editores experientes editaram o artigo antes e depois disso e não se importaram com a moção, o que nos trás à baila Wikipedia:Status quo, votado pela comunidade. Enfim, pode-se discutir o item (iii) acima e gostaria de ouvir os editores portugueses neste caso. José Luiz disc 16h29min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
Esta confusão de discussões por causa de movimentação de títulos de artigos, já vem desde que foi modificada a Convenção de nomenclatura em fevereiro com base nesta discussão Wikipédia:Esplanada/propostas/Adoção de termos em língua portuguesa (25fev2014) que foi gerada por causa da saída do Tetraktys que fez uma consulta parecida com esta e pelos mesmos motivos Wikipédia:Esplanada/geral/transliterações e neologismos em massa (21fev2014). Resta saber se a comunidade concorda com esse clima gerado por movimentações apoiado por mudanças feitas na Convenção, e se hoje não são o real motivo para revermos essas normas. JMGM (discussão) 17h43min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
Jurema, entendi. Mas lembro que a convenção foi alterada com base no consenso não faz 6 meses e já estamos aqui querendo "rever". Vou tentar fazer o breakdown dos casos que listou no item anterior, pois acho que há lições que podemos inferir. Eu volto (e torço pra que mais gente opine).José Luiz disc 17h58min de 5 de agosto de 2014 (UTC)
  • A princípio sou contra qualquer tipo de proibição - até por convicções pessoais - e ainda mais em se tratando de uma enciclopédia "livre". Porém não posso ignorar o que vem ocorrendo, uma série de movimentações bizarras, muitas vezes sem qualquer embasamento em fontes fiáveis ou baseando-se numa fonte obscura encontrada num livro de sabe-se lá quando publicado num dos lados do Atlântico. Poderíamos, por exemplo, ter um artigo "Jiade", por exemplo, o que seria no mínimo motivo de chacota e descrédito para a Wikipédia no Brasil. Então creio que infelizmente se faz necessário algum tipo de policiamento no que diz respeito à movimentação de títulos. Ultimamente ando meio ausente do projeto, mas lembro que desde que comecei a editar aqui esta questão de títulos foi uma das principais causas de conflito aqui, então não vejo porque algum tipo de dispositivo que evite movimentações em massa, ou precipitadas, e que atraia uma consulta maior por parte da comunidade, possa fazer mal. Afinal, este é um projeto em permanente construção, e um pouco de cautela sempre faz bem. Nenhuma mudança é tão urgente que não possa ser discutida antes de ser feita. RafaAzevedo msg 05h43min de 7 de agosto de 2014 (UTC)
  • Mais uma vez, estamos aqui discutindo sobre renomeações não consensuais. Mais uma vez, os mesmos envolvidos... Será que o problema está na comunidade ou nos usuários envolvidos nas mesmas discussões de sempre? Essa briga cansa... Alex Pereirafalaê 12h10min de 7 de agosto de 2014 (UTC)
Citação: RafaAzevedo escreveu: «uma série de movimentações bizarras, muitas vezes sem qualquer embasamento em fontes fiáveis ou baseando-se numa fonte obscura encontrada num livro de sabe-se lá quando publicado num dos lados do Atlântico» É isso mesmo que se tem passado? Chegou a essa conclusão porque analisou em detalhe? Tem a certeza que não está a deixar-se ir na conversa distorcida de certa gente? E esteve muito mal aqui, praticamente ao nível argumentativo de quem fez esta proposta: «[..] ter um artigo "Jiade", por exemplo, o que seria no mínimo motivo de chacota e descrédito para a Wikipédia no Brasil». PS: estou-me a borrifar para a chacota e descrédito da Wikipédia no Brasil. --Stegop (discussão) 12h18min de 7 de agosto de 2014 (UTC)
Confesso que não entendi direito o teor da sua mensagem, mas tenho certeza que 'Jiade' também seria recebido com boas risadas em Portugal. RafaAzevedo msg 12h27min de 7 de agosto de 2014 (UTC)
Uau, finalmente estamos de acordo... Jihad significa Guerra Santa ou Guerra Legal, esse termo teve a sua origem quando Maomé deu início às suas campanhas contra o povo de Meca e teve como base algumas passagens do Corão, sendo o "único termo usado na lusofonia sobre o assunto", por seu lado Jiade é um local e nada tem a ver com "guerras santas", ou seja são coisas completamente distintas e nem faço a mínima ideia de quem foi o génio que se lembrou desse absurdismo ridículo, mas tenho que lhe dar os parabéns pela sua grande capacidade inventiva. Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 14h07min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Pergunto novamente, há necessidade desse tipo de mudança nos títulos de artigos? Alegam Wikipedia:Status quo conforme a conveniência, um artigo que está estável desde 2008 ou outro ano qualquer perde sua estabilidade a partir do momento que resolvem mudar o nome do artigo com moções sem discussão e quando se percebe que foi feita a tal moção e tenta reverter a alegação do dito status quo só vale após a moção e para manter o título na versão movida, está certo isso? JMGM (discussão) 03h50min de 17 de agosto de 2014 (UTC)

Jogos Olímpicos de Verão da Juventude de 2014

Olá! Dentro de dias começam os Jogos Olímpicos de Verão da Juventude de 2014. Estou a criar os verbetes de países e desportos, a partir de outras Wikis, mas é uma tarefa hercúlea para fazer sozinho. Quem me ajuda?--Cdmafra falem 22h13min de 5 de agosto de 2014 (UTC)

Página com orientações para usuários que sejam de outras wikis

Proponho a criação de uma página com orientações sobre marcações e outras regras só existentes na wikipédia lusófona para auxiliar usuários de outras wikipédias que eventualmente venham editar aqui.Dado que por exemplo predefinições usadas em outras wikipédias não funcionam aqui,usuários de outras wikis que venham aqui podem acabar se confundindo com as regras,em especial com predefinições.Tive essa ideia ao ver que um Steward tentou marcar uma página para eliminação rápida aqui usando a marcação para ER da wikipédia anglófona,o que obviamente deu errado--Leon saudanha 14h55min de 6 de agosto de 2014 (UTC)

  • Você conhece o domínio Ajuda ? Jo Loribd 15h19min de 6 de agosto de 2014 (UTC)
    Sim conheço Jo Lorib,mas quis dizer uma página com orientações principalmente sobre predefinições,e de preferencia bilíngue--Leon saudanha 15h48min de 6 de agosto de 2014 (UTC)
  • E utilizar os interwikis?Jo Loribd 16h42min de 6 de agosto de 2014 (UTC)
Se se refere ao uso (praticamente universal) de {{delete}}, é para isso que servem o redirecionamento. Helder 17h06min de 6 de agosto de 2014 (UTC)
Helder Acho que no caso especifico do usuário que eu me refiro,o Vituzzu, provavelmente ele nunca havia marcado um artigo aqui para ER,veja a edição que ele fez aqui:[2]. É disso que eu estou falando na proposta--Leon saudanha 20h10min de 6 de agosto de 2014 (UTC)

Proposta de template para ajudar nos múltiplos conflitos sobre grafias de antropónimos e topónimos

É inegável que a comunidade está a atravessar um ressurgimento nos conflitos sobre mudanças de títulos de alguns artigos referentes a antropónimos e topónimos, conflitos esses nos quais tenho tido uma participação nula ou mínima tal é a saturação deste tema para mim e para a grande maioria da comunidade. Sendo um dos principais envolvidos no histórico consenso alcançado em abril passado, depois de árduos 2 meses de discussão (ver aqui) e de vários anos de insistência, gostaria de relembrar que a Convenção de nomenclatura acordada em abril fornece à comunidade um mecanismo simples de aplicação das regras que a própria comunidade definiu e que é capaz de resolver estes conflitos. Como a proposta e o texto final da recomendação foram aprovados com o objetivo claro de pôr um ponto final nas intermináveis discussões, decidi apresentar à comunidade um template simplificado que possa ajudar na aplicação da Convenção aos casos concretos, terminar com os conflitos e permitir que os usuários se foquem definitivamente na edição do corpo dos artigos.

Passos Resposta Resultado
1. Quem foi o primeiro editor do artigo? Usuário:X (dif) Passar ao 2.
2. Que versão da língua portuguesa foi usada? Pt-br/Pt-pt/Pt-.../AO90/etc. Passar ao 3.
3. Que grafia foi utilizada? Grafia Y Passar ao 4.
4. A língua original usa o alfabeto latino? S/N Se S, passar ao 5. Se N, passar ao 11.
5. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Topónimo/Antropónimo Se "Topónimo", passar ao 6. Se "Antropónimo", passar ao 8.
6. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? S/N Se S, passar ao 7. Se N, passar ao 22.
7. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? S/N Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
8. O antropónimo é de um santo ou nobre? S/N Se S, passar ao 9. Se N, passar ao 6.
9. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? S/N Se S, passar ao 10. Se N, passar 22.
10. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? S/N Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
11. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Topónimo/Antropónimo Se "Topónimo", passar ao 12. Se "Antropónimo", passar ao 14.
12. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? S/N Se S, passar ao 13. Se N, passar ao 17.
13. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? S/N Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
14. O antropónimo é de um santo ou nobre? S/N Se S, passar ao 15. Se N, passar ao 12.
15. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? S/N Se S, passar ao 16. Se N, passar 17.
16. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? S/N Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
17. A língua original é o mandarim? S/N Se S, passar ao 18. Se N, passar ao 19.
18. Se a língua original é o mandarim, deve ser usado o sistema de transcrição pinyin. Manter/mover o artigo para forma em pinyin.
19. Existe uma transliteração/transcrição para português que tenha fonte fiável comprovando o seu uso corrente? S/N Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 20.
20. Existe uma transliteração/transcrição utilizada internacionalmente numa língua próxima do português (espanhol, italiano ou outras), que tenha alguma fonte fiável comprovando o seu uso? S/N Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 24.
21. O aportuguesamento deve estar no título do artigo. Mover artigo.
22. Não havendo fonte (lexicográfica ou de uso), deve manter-se a grafia na língua original. Não mover o artigo.
23. Essa transliteração/transcrição deverá estar no título do artigo. Mover artigo.
24. Uma transliteração/transcrição internacional deverá estar no título do artigo. Mover ou manter o título do artigo, consoante o caso.

Exemplo de aplicação, no caso de Baden-Württemberg/Bade-Vurtemberga.

Passos Resposta Resultado
1. Quem foi o primeiro editor do artigo? Usuário:Andreas Herzog (dif) Passar ao 2.
2. Que versão da língua portuguesa foi usada? Português europeu Passar ao 3.
3. Que grafia foi utilizada? Baden-Württemberg Passar ao 4.
4. A língua original usa o alfabeto latino? Sim Se S, passar ao 5. Se N, passar ao 11.
5. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Topónimo Se "Topónimo", passar ao 6. Se "Antropónimo", passar ao 8.
6. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? Sim [3] [4] Se S, passar ao 7. Se N, passar ao 22.
7. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Sim [5] [6] [7] Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
8. O antropónimo é de um santo ou nobre? Se S, passar ao 9. Se N, passar ao 6.
9. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? Se S, passar ao 10. Se N, passar 22.
10. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
11. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Se "Topónimo", passar ao 12. Se "Antropónimo", passar ao 14.
12. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? Se S, passar ao 13. Se N, passar ao 17.
13. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
14. O antropónimo é de um santo ou nobre? Se S, passar ao 15. Se N, passar ao 12.
15. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? Se S, passar ao 16. Se N, passar 17.
16. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
17. A língua original é o mandarim? Se S, passar ao 18. Se N, passar ao 19.
18. Se a língua original é o mandarim, deve ser usado o sistema de transcrição pinyin. Manter/mover o artigo para forma em pinyin.
19. Existe uma transliteração/transcrição para português que tenha fonte fiável comprovando o seu uso corrente? Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 20.
20. Existe uma transliteração/transcrição utilizada internacionalmente numa língua próxima do português (espanhol, italiano ou outras), que tenha alguma fonte fiável comprovando o seu uso? Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 24.
21. O aportuguesamento deve estar no título do artigo. Mover artigo.
22. Não havendo fonte (lexicográfica ou de uso), deve manter-se a grafia na língua original. Não mover o artigo.
23. Essa transliteração/transcrição deverá estar no título do artigo. Mover artigo.
24. Uma transliteração/transcrição internacional deverá estar no título do artigo. Mover ou manter o título do artigo, consoante o caso.

Exemplo de aplicação no caso Juan Carlos da Espanha/João Carlos da Espanha:

Passos Resposta Resultado
1. Quem foi o primeiro editor do artigo? Usuário:Ikescs (dif) Passar ao 2.
2. Que versão da língua portuguesa foi usada? Português brasileiro. Passar ao 3.
3. Que grafia foi utilizada? Juan Carlos da Espanha Passar ao 4.
4. A língua original usa o alfabeto latino? Sim Se S, passar ao 5. Se N, passar ao 11.
5. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Antropónimo Se "Topónimo", passar ao 6. Se "Antropónimo", passar ao 8.
6. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? Se S, passar ao 7. Se N, passar ao 22.
7. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
8. O antropónimo é de um santo ou nobre? Sim Se S, passar ao 9. Se N, passar ao 6.
9. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? Sim [8] Se S, passar ao 10. Se N, passar 22.
10. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Não Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 22.
11. Trata-se de um topónimo ou antropónimo? Se "Topónimo", passar ao 12. Se "Antropónimo", passar ao 14.
12. O aportuguesamento, forma histórica, tradução ou adaptação (ditos, exónimos) tem fonte lexicográfica, linguística ou académica fiável? Se S, passar ao 13. Se N, passar ao 17.
13. O exónimo tem fonte que comprove uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
14. O antropónimo é de um santo ou nobre? Se S, passar ao 15. Se N, passar ao 12.
15. Existe uma forma de tradução do nome do santo/nobre que tenha fonte lexicográfica, linguística ou académica? Se S, passar ao 16. Se N, passar 17.
16. A tradução do nome do santo/nobre tem uso considerável na variante da língua usada maioritariamente no artigo? Se S, passar ao 21. Se N, passar ao 17.
17. A língua original é o mandarim? Se S, passar ao 18. Se N, passar ao 19.
18. Se a língua original é o mandarim, deve ser usado o sistema de transcrição pinyin. Manter/mover o artigo para forma em pinyin.
19. Existe uma transliteração/transcrição para português que tenha fonte fiável comprovando o seu uso corrente? Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 20.
20. Existe uma transliteração/transcrição utilizada internacionalmente numa língua próxima do português (espanhol, italiano ou outras), que tenha alguma fonte fiável comprovando o seu uso? Se S, passar ao 23. Se N, passar ao 24.
21. O aportuguesamento deve estar no título do artigo. Mover artigo.
22. Não havendo fonte (lexicográfica ou de uso), deve manter-se a grafia na língua original. Não mover o artigo.
23. Essa transliteração/transcrição deverá estar no título do artigo. Mover artigo.
24. Uma transliteração/transcrição internacional deverá estar no título do artigo. Mover ou manter o título do artigo, consoante o caso.

Relembrando, mais uma vez, que este template não é mais do que um facilitador da aplicação da Wikipedia:Convenção de nomenclatura/Nomes próprios#Traduções e transliterações, qual é a opinião da comunidade? Gameiroestá lá? 17h47min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Discussão[editar | editar código-fonte]

No meu caso, por não estar habituado a ter de lidar com o tema, o template facilita-me imenso a vida. Raramente terei de recorrer à convenção (presumo...) e, colocada desta forma, rapidamente encontrarei o título mais adequado. Tal como o Gameiro, também estou saturado da discussão e gostava que os extremos tentassem facilitar consensos. Não se coíbam (todos os intervenientes em discussões relacionadas) de, enquanto expõem os vossos argumentos, apontar os argumentos contrários que reconhecem como válidos - porque eles existem, na minha perspectiva, em ambas as partes. Se todos se dispuserem a fazê-lo, o ambiente melhora. Tegmen enviar msg 20h03min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio muito bom ! Parece-me uma ferramenta muito útil, cuja única vulnerabilidade advém das próprias regras: esse tal "uso considerável", que quer se queira quer não tem quase invariavelmente uma grande dose de subjetividade e que se formos por critérios quantitativos que implicam por todas as fontes ao mesmo nível (jornais ao nível de fontes académicas, principalmente de índole linguística, etc.) caímos sempre na forma anglófona. --Stegop (discussão) 21h02min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio Considero que é uma ferramenta bastante útil para o futuro, pois delineia bem de que forma devem ser construídos os títulos dos novos artigos. Parabéns pela iniciativa. Tokiohotelover (discussão) 21h46min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio mais didático impossível. Rodrigolopes (discussão) 21h49min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio - Excelente trabalho. Enquanto lia, vinha-me sempre à mente a expressão "uso considerável". Deve-se lembrar que isso não pode significar cair no número de ocorrências no Google, que sempre cai na versão em inglês ou transliterado ao inglês. Pedrassani (discussão) 22h11min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio - Realmente bem abrangente e facilitador. Somente reitero a ressalva do Stegop e Pedrassani.--Rena (discussão) 22h20min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio - Mas continuo a dizer que a "Convenção de nomenclatura" devia deixar de ser uma recomendação e passar a regra, porque senão, seja com o template ou sem o template, continuará a haver quem se oponha já que uma "recomendação" não implica que o seu uso seja "obrigatório" e sim "facultativo". Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 23h55min de 7 de agosto de 2014 (UTC)

PS: Já agora, notei uma falha no template... Não contempla a regra dos 50%, ou seja se um artigo for alterado em mais de 50% para outra variante essa variante é que passa a ser a variante do artigo ou esqueceram-se disso, e já agora, também não contempla a regra da afinidade linguística, como tal vou mudar para Symbol oppose vote.svg Não apoio até esses detalhes estarem corrigidos. Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 00h08min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Inicialmente, quero agradecer ao colega Gameiro o seu trabalho de esquematização, que deve ter dado um trabalhão enorme. Para já não apoio, nem sou contra, pois tenho algumas dúvidas e não está fácil conseguir editar e tirar essas dúvidas, porque abrir uma página no computador, está a ser um martírio e ...
Dúvida: Em relação ao ponto 12 por exemplo. Se houver fontes (não questionáveis) para o uso da tradução ou para o uso do original, porque motivo se deve traduzir ? Exemplifico com o caso Baden-Württemberg porque foi citado acima e eu nem comentei ainda essa questão. Há fontes para a tradução mas também há fontes para o uso do termo original como Infopédia --João Carvalho deixar mensagem 00h12min de 8 de agosto de 2014 (UTC)
Mas...Zorglub DC e João Carvalho DC, é a convenção que especifica as situações que mencionaram; ambas estão abrangidas/explicadas no texto aprovado. O template apenas pretende apresentar um sistema o mais claro e sucinto possível para auxiliar na concretização da convenção, não substituir a sua leitura ou alterá-la. Tegmen enviar msg 01h21min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio a iniciativa, mas isso não esgota que há ainda disrupções em moções de títulos sem o devido consenso ou sem a respectiva justificativa/fontes. Alex Pereirafalaê 13h21min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Caro Tegmen, sou macaco velho nestas andanças e conheço bem demais como isto funciona, a partir do momento que se comece a utilizar o template ele vai virar "regra" e vão começar a surgir discussões do género, "não está previsto, então não é válido" concordo com a utilização do templete acho prático mas tem que prever as situações que referi, visto as mesmas serem regra e a convenção não o ser, ou seja, as regras estipuladas tem que constar na utilização do template para não surgirem duvidas nem discussões futuras. E olhe que já à muito abandonei estas conversas da treta, se estou aqui a opinar é porque considero o assunto demasiado importante para não dizer nada. Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 13h47min de 8 de agosto de 2014 (UTC)
Garneiro, obrigado pelo toque, depois vou ler tintim por tintim com calma, na verdade ando sem muito tempo pra wiki há alguns meses, mas quero sim opinar nisso pra ver se conseguimos resolver essa questão aqui de uma vez por todas. Louvo seu empenho em estar sempre buscando uma solução apresentando ideias. MachoCarioca oi 14h11min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a proposta, sem restrições. É melhor ter algo assim e depois discutir os detalhes do que deixar que cada nome se torne motivo para guerra de edições. Albmont (discussão) 16h41min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Caro Tegmen, por aquilo que li, não me parece que seja totalmente verdade isto: "ambas estão abrangidas/explicadas no texto aprovado" Não vejo lá nenhuma afirmação a dizer que devemos usar uma tradução em vez do nome original, quando os dois são usados na língua portuguesa. O que lá diz em português corrente, é que depende.

Está lá escrito:

I. Antropónimos e topónimos derivados de línguas grafadas com o alfabeto latino:
....devem ser usadas formas históricas portuguesas, traduções, aportuguesamentos...quando estes: b) Tenham uso considerável em alguma das versões da língua portuguesa. Isso não é o caso de Bade-Vurtemberga ! Segundo me parece o caso de "Bade-Vurtemberga" só com muita imaginação é que tem uso considerável. Este caso específico deve ser aplicado o ponto 3 (Em todos os outros casos deverá ser usada a forma na língua original (ditos, endónimos)). Baden-Württemberg/Bade-Vurtemberga não deve ser conhecido pelo menos por 95 % da população mundial que fala português. Além disso Jonal de negócios, Diário de Campos, Jornal do Oeste, Diário de Notícias etc., etc., confirmam também o uso do termo original.
Parece-me óptimo o trabalho do colega Gameiro, mas não pode ser usado com uma febre tradutora. Deve ser usado sim, mas com cuidado e honestidade. (Nota: Gameiro não me estou a referir a ti, porque sei que não escolheste propositadamente os exemplos dos links acima. Esses links devem ter resultado, provavelmente da forma como foi feita a busca).

Cumprimentos --João Carvalho deixar mensagem 17h47min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Por um lado, discordo da leitura que faz da convenção, João Carvalho, exemplificada no caso que apontou, embora eu ache importante que tenha demonstrado que há espaço para outras interpretações; aqui remeto-o para os alertas do Stegop e Pedrassani. Por outro lado, apesar de apoiar a convenção, partilho consigo a apreensão relativa a uma eventual febre tradutora. Tem de existir bom senso, mas penso que a convenção e respectivo template conseguem ser suficientemente restritivos para não poderem ser usados para esse fim. Não obstante, quando o template refere a "variante da língua usada maioritariamente no artigo", leio implicitamente que uma edição substancial legitima uma eventual mudança de variante, mas é verdade que, não sendo explícito, outros podem não entender assim. Por último, tal como sublinhado pelo Zorglub, acho importantíssimo que editores veteranos (mesmo os mais ausentes) marquem presença nestas decisões importantes, visto que a sua experiência é uma mais-valia que não pode ser substituída por apreciações meramente teóricas como a minha. Cumprimentos e boas contribuições! Tegmen enviar msg 19h31min de 8 de agosto de 2014 (UTC)
Só aqui venho por ter sido "solicitado", pois acho que convém focar a discussão no template, que apenas reflete muito fielmente a regra aprovada há alguns meses, com todos os seus pontos bons (claros) e fragilidades (espaço para achismos como esse do "uso considerável"). Quanto à mudança do título por causa da variante usada, eu acho que faz todo o sentido, pois no mínimo é estranho ter História da ArmÉnia cheio de "armÊnia". Dou este exemplo, pois fui eu, um falante de ptPT que tentei harmonizar o texto em ptBR e movi para "História da Armênia". Mas não vale a pena haver guerras por causa disso quando o título é consensualmente aceite como português... Já me custa um pouco mais dizer o mesmo, por exemplo, em relação a topónimos e antropónimos em que até mesmo em outras línguas, nomeadamente no omnipresente inglês, há fontes com grafias mais perto das "aportuguesadas", independentemente do nome original (ou, mais usualmente, em inglês!) ser também muito usado. --Stegop (discussão) 19h49min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Esclarecimento: Eu defendo o uso do template que o Gameiro fez, pois está muito bem feito, esquematizando na perfeição o que foi decidido. Que não haja dúvidas sobre a minha opinião de que acho a sua existência uma enorme vantagem para diminuir conflitos. Quem me dera que, na maioria das questões que existem sistematicamente na wiki, houvesse templates como este. --João Carvalho deixar mensagem 22h49min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Penso é que, como em tudo na vida, devemos usar o bom senso, e apesar do template estar óptimo, devemos ter o maior cuidado ao tentar decidir se devemos ou não alterar os títulos dos artigos. Deve-se procurar sempre a existência do uso do nome original na língua portuguesa, antes de querer aporteguesar e se houver alguma dúvida, deixar ficar como está. Por exemplo, no caso Baden-Württemberg/Bade-Vurtemberga, acho que há dúvidas mais que suficientes para que não se faça alteração. É evidente que eu não me oponho a mudanças dos títulos, devem é ser feitas com os devidos cuidados e com parcimónia. --João Carvalho deixar mensagem 22h49min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Apoio com as referidas resalvas. Nota: na minha opinião, o exemplo que referi (Baden-Württemberg/Bade-Vurtemberga), não deve ser apresentado como um exemplo de como fazer, mas sim como um exemplo do que se não deve fazer, pois até é importante mostrar como, sem ser propositadamente, nos podemos precipitar a mudar um nome dum artigo. --João Carvalho deixar mensagem 22h49min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Garneiro, há alguma opção para: "o verbete com grafias de antropónimos e topónimos deve ser mantido como foi criado no verbete, existindo o uso comum dele em publicações fiáveis em língua portuguesa?" (a menos que haja um consenso pela mudança, caso ela seja sugerida) Essa é a minha opção. A visão "brasileira" da coisa. MachoCarioca oi

Primeiro que tudo, um obrigado pela participação de todos, pelo apoio à proposta e pelas críticas construtivas. Tentarei responder aos comentários que traziam sugestões: @Stegop:, @Pedrassani:, @Renato de carvalho ferreira: e @João Carvalho:. O caso do "uso considerável" é de facto difícil de quantificar. A minha interpretação até aqui tem sido a seguinte: Coisas como Uóxinguetone, Bons Ares, Uélinguetone ou Carlos Cháplim não têm nem fontes académicas/linguísticas/lexicográficas, nem têm qualquer uso na língua (falha nos pontos 1.a e 1.b da convenção). Coisas como Oxónia, Cantabrígia e João Carlos da Espanha apesar de ser possível encontrar obras académicas/linguísticas/lexicográficas que os apontem como corretos em português, têm no fundo um uso mínimo ou nulo na língua (cumpre o ponto 1.a, mas falha no ponto 1.b). Coisas como Bade-Vurtemberga ou Botsuana são defendidos por obras académicas/linguísticas/lexicográficas, e têm uso atual como se pode ver por várias notícias já deste século, em órgãos de comunicação de referência ou em obras literárias. No entanto o uso destas formas dá-se a par do uso de formas na língua original (Baden-Württemberg e Botswana), o que é inegável. O que a convenção vem dizer é que caso esse uso considerável de formas aportuguesadas, formas históricas, traduções, adaptações, transcrições ou transliterações para português exista ele é usado no título, mesmo que haja também um uso generalizado das formas na língua original, e mesmo que as formas na língua original pareçam ser usadas mais vezes. Para provar e fundamentar o "uso considerável" de uma grafia (que não pode de alguma forma ser confundido com "uso maioritário") será necessário apresentar várias ocorrências da palavra, em textos de obras literárias (Google livros) ou notícias de órgãos de comunicação de repercussão nacional, que sejam relativamente recentes. Se procurar por Oxónia, Listenstaina ou Oaio, será muito difícil encontrar uma obra recente ou uma notícia que use esta grafia para Oxford, Liechtenstein ou Ohio, respetivamente. Mas se fizer o mesmo com Bade-Vurtemberga ou Botsuana, encontrará muitos resultados fiáveis que comprovam o "uso considerável" dessa grafia. Se procurar por Baden-Württemberg e Botswana encontrará também muitos resultados fiáveis (provavelmente até mais!), mas como o uso dos resultados numéricos do Google não pode nem deve ser usado como "fonte", desta forma o que a comunidade decidiu para solucionar de uma vez os conflitos, e no espírito do Acordo Ortográfico de 1990 (e dos anteriores Acordo Ortográfico de 1945 e Formulário Ortográfico de 1943) foi adotar a forma aportuguesada quando haja conflito no uso com uma forma na língua original, caso se prove que a forma aportuguesada tenha fonte académica/lexicográfica/etc. e o tal "uso considerável". (salvaguarda: tudo isto obviamente depois depende da versão da língua portuguesa usada no artigo!). Proponho, então, que comunidade decida em conjunto o que entende por "uso considerável". Acima está a minha interpretação, que me parece prática. Temos de nos lembrar que é preciso fazer cedências, e esta foi uma das cedências que quem se opõe aos aportuguesamento fez, ao aceitar que quando há conflito entre uma forma aportuguesada e uma forma na língua original (ambas com uso em português), se dá prevalência à aportuguesada. Os fãs do aportuguesamento abdicaram de aportuguesar tudo e qualquer coisa, bastando haver fonte lexicográfica, sendo agora necessário provar também o uso atual, e respeitar as diferenças das versões da língua, bem como a aceitação de transcrições/transliterações para inglês como recurso aceitável, em caso de falta de forma portuguesa, em vez de se fazerem transcrições/transliterações ao sabor do usuário aportuguesador.

@Zorglub: Concordo plenamente consigo, quando diz que a recomendação devia passar a regra. Quanto às regra dos 50% e da afinidade linguística, acho que foi uma falha original na composição do texto da convenção. Acho que em qualquer ponto que diga "regra do primeiro editor" deverá ler-se "regra do primeiro editor/dos 50%/de afinidade nacional" que são, no fundo as três regras da comunidade que até agora se ocupavam da mudança de títulos e que a convenção não pode ignorar. É uma questão de emendar o texto da convenção, caso não haja oposição de outros usuários. Boa observação!

@MachoCarioca: Essa opção que sugere é no fundo como a comunidade funcionou durante anos, e que deu no que deu. Mantinha-se a grafia do primeiro editor, e caso alguém quisesse mudar, por muita fonte que apresentasse, gerava megabytes de discussão, tinha gente desentendida do assunto por todo o lado, gente contra só porque sim, impossibilitando na prática toda e qualquer possibilidade de consenso. E nesta situação aconteceu de tudo: artigos movidos sem consenso, bloqueios, impasses, guerras de edições, insultos, votações, artigos com os títulos manifestamente errados cujos conflitos impossibilitavam a sua movimentação para títulos corretos, discussões com 20 pessoas a apoiar e 2 contra que não apresentavam qualquer fonte para as formas por si defendidas. Foi por isso que se fez a convenção acima, que apesar de imperfeita do ponto vista dos dois lados (houve várias cedências...), gerou o consenso necessário. E agora, resta-nos respeitá-la e, eventualmente, melhorá-la. Gameiroestá lá? 16h36min de 9 de agosto de 2014 (UTC)

@Gameiro: - Sua explicação, e exemplos, da expressão "uso considerável" está excelente. Seria muito útil que ela, juntamente com o template, fossem colocados junto à Convenção de Nomenclatura, pois certamente é nesse ponto que haverá dificuldade em muito casos, e essa explicação ajudará a chegar ao de consenso. Parabéns pela clareza e pela paciência ao abordar assunto tão espinhoso. Pedrassani (discussão) 16h55min de 9 de agosto de 2014 (UTC)

Parabéns Gameiro pelo trabalho bem-feito. As polêmicas sempre continuarão, mas com o template acho que muitas guerras de edição poderiam ser evitadas. Exceto, claro, quando haja polêmica com o "uso considerável", mas isso é inevitável. Seria bom que as fontes fossem sempre de primeira qualidade, acadêmicas preferentemente, não meramente informativas como algum artigo de jornal ou revista. --Fulviusbsas (discussão) 22h56min de 9 de agosto de 2014 (UTC)

Obrigado aos dois. Temos consenso? Gameiroestá lá? 15h00min de 11 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo. E parabéns! José Luiz disc 15h14min de 11 de agosto de 2014 (UTC)

Conflito de edição

Gameiro será possível, dares a tua opinião sobre o comentário que eu fiz mais acima sobre a questão do caso "Baden-Württemberg/Bade-Vurtemberga" ? Parece-me que seria um caso de não haver alteração do título, pois acho que subsistem algumas dúvidas, mas isso é a minha opinião pessoal. No caso "Juan Carlos da Espanha/João Carlos da Espanha", 100 % de acordo ! Abraços --João Carvalho deixar mensagem 15h57min de 11 de agosto de 2014 (UTC)

Caro João, no meu comentário (longo) acima tentei explicar porque considerei Bade-Vurtemberga um aportuguesamento com uso considerável, e expliquei a minha interpretação dessa expressão. Bade-Vurtemberga tem uso em várias notícias recentes de órgãos de comunicação em Portugal (RTP, Público, Associação Sindical dos Juízes Portugueses, Diário de Notícias, TVI 24, Jornal de Notícias, Instituto Português de Relações Internacionais, Económico, Comissão das Comunidades Europeias), bem como de obras impressas recentes (Einstein, de Peter D. Smith, tradução de Melissa Silva e Paula Alves, Revista Bocagiana (2003), Toda a Música que Eu Conheço, de António Victorino d'Almeida (2012)). Como o artigo está escrito em pt-pt, à luz da conveção (que diz que existindo aportuguesamento com fontes académica/lexicográfica/linguística e que esse aportuguesamento tenha uso considerável, ele deve estar no título), no espírito de todos os acordos ortográficos e com o objetivo de estabelecer uma regra clara e simples de seguir para resolver os conflitos, opta-se neste caso pela forma aportuguesada em detrimento da forma em língua original (mesmo que esta última tenha uso em português!). Gameiroestá lá? 17h00min de 11 de agosto de 2014 (UTC)

Gameiro, por acaso não tinha sido conflito de edição. Tinha simplesmente editado mas, depois estive a reler tudo e achei que o meu comentário não fazia muito sentido e por isso desfiz a minha edição. Entretanto não tive disponibilidade para pensar com calma e reescrever a questão como deve ser, pois considero o assunto de tal forma importante que se deve pensar e repensar antes de escrever qualquer coisa. De qualquer das formas, obrigado pelo cuidado e pela atenção em me responder na mesma. --João Carvalho deixar mensagem 22h46min de 11 de agosto de 2014 (UTC)

Caro Gameiro, a sua frase Citação: ...opta-se neste caso pela forma aportuguesada em detrimento da forma em língua original (mesmo que esta última tenha uso em português!) escreveu: «Gameiro», parece-me ser um pouco a sua versão ou entendimento da convenção, pois ela não me parece ser assim tão explícita como o é a sua frase. Compreendo o seu ponto de vista mas a questão não me parece assim tão límpida.
Parece-me uma falha da convensão pelo seguinte:
Há duas hipóteses resultantes do ponto " 1 ":
1) Se baseiem em fontes lexicográficas, linguísticas e/ou académicas fiáveis e tenham uso considerável em alguma das versões da língua portuguesa
2) Em todos os outros casos deverá ser usada a forma na língua original
Eu acrescentaria mais uma alínea (pois não está incluída nas anteriores): No caso de haver tradução baseada em fontes lexicográficas, linguísticas e/ou académicas fiáveis e com uso considerável em alguma das versões da língua portuguesa mas, apesar disso existir(em) também exónimo(s) confirmado(s) por fontes lexicográficas, linguísticas e/ou académicas fiáveis e com uso considerável em alguma das versões da língua portuguesa, deverá ser respeitada a regra do primeiro editor (desde que cumpra as exigências anteriores).
--João Carvalho deixar mensagem 23h42min de 11 de agosto de 2014 (UTC)
Parece-me que esta alteração viria tapar uma brecha existente na convenção que, como é evidente, não é perfeita. Todas as normas nunca são 100% perfeitas mas, podemos sempre tentar, melhorá-las. Não quero estar a complicar as discussões mas, parece-me que, já que estamos a falar neste assunto, poderíamos melhorar alguma coisa, apesar de calcular que casos tão específicos como este, não sejam assim tão vulgares.
Outra sugestão: no final da convenção lê-se "Editores mais preocupados com mudanças de títulos verifiquem periodicamente Categoria:!Páginas marcadas para serem renomeadas." ! Não será possível fazer um script ou coisa parecida (sou ignorante no assunto) de forma que as páginas propostas para renomear sejam incluídas numa lista para que quem a vigia desse conta das novas propostas de renomeação ?
Desculpem-me o ter-me alongado no discurso. Abraços --João Carvalho deixar mensagem 23h42min de 11 de agosto de 2014 (UTC)
Não sei se ajuda João, mas recentemente um editor (não me recordo quem), adicionou na categoria algo do tipo no qual são listadas as últimas 10 propostas feitas em ordem cronológica. Talvez aquilo já ajude a exaltar as propostas mais novas.--Rena (discussão) 23h53min de 11 de agosto de 2014 (UTC)
Descobri esta aposta por acaso. Por agora, parabéns pela iniciativa. Gostaria de pedir que me incluíssem neste tipo de propostas, pois é uma questão que me interessa. Depois volto, tendo tempo e oportunidade para analisar com maior atenção. Rui Gabriel Correia (discussão) 20h33min de 12 de agosto de 2014 (UTC)

Há um problema na convenção[editar | editar código-fonte]

Cheguei à seguinte conclusão, o texto está em parte contraditório, em parte prolixo e em parte redundante. Nós já tínhamos uma convenção para antropônimos nesse estado. Acredito que a regra para topônimos não deveria ser muito diferente da de topônimos. O que faltava nesse texto até então era uma regra para transliterações. Ela começou a ser discutida em Wikipédia:Esplanada/propostas/Convenção sobre nomes próprios (9mar2014), que foi aprovada e eu mesmo me encarreguei de aplicar. Mas teve um problema, falta de atenção minha também, que apliquei, mas também dos participantes, que não se atentaram para o que estavam aprovando. O texto acrescentado, além de regrar os nomes de topônimos (que, como eu disse, não tem motivo pra terem uma regra diferente dos antropônimos) e as transliterações, também regrava o que já era regrado. Ex: o trecho I. Antropónimos e topónimos derivados de línguas grafadas com o alfabeto latino: veio regrar o mesmo que já era regrado por 4. Nomes de personalidades estrangeiras da Antiguidade, Idade Média ou de outros tempos históricos recuados devem ser grafados de acordo com o nome pelo qual são mais conhecidos hoje em dia no país lusófono em cuja variante o artigo foi escrito originalmente (podendo haver referência a como são as outras variantes), seguindo-se uma explicação do nome original/mais conhecido globalmente e a que língua corresponde caso não haja coincidência. Assim, "Abderramão I (árabe: Abd al-Rahman)" e "Nicolau Nasoni (italiano: Niccoló Nasoni)". Se for necessária uma explicação mais longa, então, no lugar de um breve parênteses, desenvolve-se um período próprio (ou recorre-se, especialmente se for uma explicação bastante longa, a <ref>{{Notalingua|tema= }}</ref>). Aplica-se a mesma regra para determinadas personalidades contemporâneas, como papas e membros de famílias reais, constituindo uma ressalva ao ponto 3. Deste modo, "Carlos, Príncipe de Gales (inglês: Charles)", mas "Harry de Gales (aportuguesando: Henrique)" se, como neste último caso, forem mais conhecidos pelo nome verdadeiro.

Também acho que ao falar em "endónimos" e "exónimos", o texto fica desnecessariamente prolixo e pouco didático, podendo ser simplificado, de uma maneira que o torne menos enfadonho para quem quiser entender a regra. Não é um problema existir uma tabela como acima, mas se o texto sofrer algumas adaptações, talvez ela não seja mais necessária. Matheus diga✍ 01h11min de 14 de agosto de 2014 (UTC)

"Ponto de ordem"[editar | editar código-fonte]

Está aqui a haver uma enorme confusão! Como o Gameiro referiu, este template mais não faz do que apresentar sob uma forma esquematizada as regras já aprovadas na erroneamente chamada "convenção para antropônimos", cujo texto foi aprovado por consenso. Erroneamente porquê? Porque, apesar de estar numa página sobre nomes próprios — isso sim poderá estar errado, — os textos de ambas as secções abrem com «Antropónimos e topónimos derivados de línguas [...]». Ou seja: a convenção foi discutida inequivocamente tendo em mente tanto nomes de pessoas como de locais!

Querem discutir um consenso aprovado recentemente? Ou seja: querem abrir e eternizar discussões que, ao contrário do que é hábito por aqui, conseguimos encerrar com uma decisão? Enfim, façam como entenderem, mas este não é o local para isso. Aqui o que está em discussão é se a forma esquematizada elaborada e apresentada pelo Gameiro corresponde ao que já está consagrado como uma recomendação. (alô, João Carvalho...)

Quanto ao texto da convenção aprovada, não vejo qualquer problema nele. Há uma regra repetida? Ok, poderia ter sido evitado, mas não foi. Qual é o problema disso? Há contradição entre os dois trechos? Se não há para quê mexer naquilo que não é problema? Francamente, cada vez sou mais fã do dito brasileiro de "ver pelo em casca de ovo"! --Stegop (discussão) 02h15min de 14 de agosto de 2014 (UTC)

  • Stegop, esclarecendo o meu ponto de vista. Eu disse que o "template estava óptimo" e concordo que está de acordo com o aprovado. A única coisa que referi é, já que estamos a falar deste assunto, poder-se-ia propor alguns acrescentos à Convenção para a melhorar e deixar menos margem para discussões. Eu não pedi para alterar, só pedi para acrescentar um tipo de ocorrência que não me parece contemplada na Convenção. Abraços --João Carvalho deixar mensagem 17h11min de 14 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo, não tenho nada contra o que foi aprovado, apesar te ter lacunas pois em muitos casos sobrepõe-se as regras, resumindo não preve os casos das regras dos 50% e da afinidade linguística, apenas afirmei e repito que se deve alterar o template de maneira a prever as regras, pois em muitas situações as recomendações vão contra as regras (50% e Afinidade) e a experiência aponta que se vai tentar forçar a recomendação (é típico isso acontecer) e se no template as regras ficarem claras evitar-se-á discussões inglórias futuras. Pelo Poder do Z Alaf Ogimoc 02h48min de 14 de agosto de 2014 (UTC)

Impedir ataque politiqueiro de IPs na Wikipedia = self defense do projeto

Na medida em que não somos muitos e por isso nos é impossível vigiar tudo que acontece aqui, e na intenção de proteger a Wikipedia-pt de ataques de prepostos de politicos e governos, proponho que todos os verbetes existentes sobre politicos, seus governos e assemelhados (como jornalistas politicos e profissionais da área), especialmente o de todos os que aqui constam e sejam candidatos nas eleições vindouras, sejam protegidos contra edições de IPs.

A proteção deve valer até 16 de novembro deste ano, dia posterior ao segundo turno das eleições. (em 15 de outubro serão eleitos também senadores e deputados federais mas a eleição presidencial e eleições de governadores estaduais podem ir ao segundo turno, q será em 15 de novembro). Além de já sermos matéria na imprensa por edições feitas de modo tendencioso através de IPs do Palacio do Planalto (ok, isso foi em 2013, eles estão atrasados e explorando isso politicamente contra o governo, mas existiu) há durante o ano centenas dessas edições tendencias feitas por IPs em perfis de politicos de menor expressão. De todos os partidos e tendências ideologicas. (apesar de que, na minha humilde visão, a unica tendencia ideologica de partido politico no Brasil é chegar ao poder para ganhar dinheiro, essa ideologia é de todos)

Conhecedores como são os colegas da minha ojeriza à proibição de edição de IPs aqui, a minha proposta mostra meu grau de preocupação com o que já está acontecendo e ainda virá a acontecer daqui até lá, caso alguma providencia imediata não seja tomada. Volta-se ao normal após o periodo eleitoral.

Se concorda, coloque seu Symbol support vote.svg Concordo aí embaixo, isso precisa de uma decisão rápida. Sds MachoCarioca oi 19h03min de 8 de agosto de 2014 (UTC)

Não seria melhor ativar a Wikipédia:Validação de páginas nesses casos? Helder 19h52min de 8 de agosto de 2014 (UTC)
Acho que primeiro temos que ter uma lista dos artigos que são mais sensíveis agora no período eleitoral. Ao colocar essa lista em uma página podemos usar o Especial:Alterações relacionadas para acompanhar as mudanças recentes nesses artigos. Essa lista ajudaria a verificar as edições e identificar os artigos mais sensíveis que merecem algum tipo de proteção, e também nos ajudaria a avaliar melhor se é adequada ou não a proposta de proteger tudo. E também teremos que ter a lista de qualquer forma se formos proteger tudo. Danilo.mac(discussão) 23h24min de 8 de agosto de 2014 (UTC)
Também tinha pensado numa lista. Para já, tenho como ponto de partida:
Artigo -> Eleições gerais no Brasil em 2014
Mudanças relacionadas a patrulhar-> Alterações relacionadas com "Eleições gerais no Brasil em 2014"
Artigo -> Anexo:Lista de jornalistas do Brasil
Mudanças relacionadas a patrulhar-> Especial:Alterações_relacionadas/Anexo:Lista_de_jornalistas_do_Brasil
Tegmen enviar msg 04h25min de 9 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo. Uma atitude precisa ser feita. A Wikipédia não pode ser usada como ferramenta eleitoral. Érico Wouters msg 20h09min de 9 de agosto de 2014 (UTC)
E deixando claro que obviamente não se trata apenas de IPs do Planalto (PT) trollando contra jornalistas identificados como de "oposição" mas também de servidores do governo de São Paulo (PSDB), no caso a Companhia de Processamento de Dados do Estado de S Paulo (Prodesp) fazendo centenas de alterações em verbetes da wikipedia, um deles de 2011, no verbete de Dilma Rousseff, que deve ter sido tão escandaloso e ofensivo que foi apagado por algum adm. E do mesmo servidor saiu edição no verbete de Raul Seixas chamando-o de homossexual. O governo de Minas Gerais (PSDB) também, através da Companhia de Tecnologia de Informação de Minas Gerais (Prodemge), fez dezenas de mudanças em páginas da Wikipédia especialmente em material da Operação Satiagra, que envolveu o banqueiro Daniel Dantas, citado no verbete da Miriam Leitão na tal edição do Planalto. Ess link abaixo traz materia muito interessante sobre isso. MachoCarioca oi 02h16min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
http://www.ocafezinho.com/2014/08/09/governo-tucano-difama-raul-seixas-na-wikipedia/
Symbol support vote.svg Concordo com a proposta original, apesar de achar que ela foi muito tímida:
todos os verbetes existentes sobre politicos, seus governos e assemelhados (como jornalistas politicos e profissionais da área), especialmente o de todos os que aqui constam e sejam candidatos nas eleições vindouras, sejam protegidos contra edições de IPs. A proteção deve valer até 16 de novembro deste ano.
Eu preferiria simplificar a proposta, para algo como:
todos os verbetes existentes sobre politicos, seus governos e assemelhados (como jornalistas politicos e profissionais da área), especialmente o de todos os que aqui constam e sejam candidatos nas eleições vindouras, sejam protegidos contra edições de IPs. A proteção deve valer até 16 de novembro deste ano de 2114
Mas a proposta é boa como primeiro passo. Albmont (discussão) 15h08min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
Concordo em usar a validação de página nos principais candidatos a presidente e governador, não considerando os de partidos pequenos. Pelo que vi nas listas de alterações relacionas acima parece não haver uma grande quantidade de vandalismo que justifique uma proteção massiva. E se fizermos uma proteção de todos candidatos vamos acabar endossando o alarde que a imprensa está fazendo e contribuindo para que a pŕoxima manchete seja "Wikipédia proíbe edição nos perfis de políticos" (a proteção seria só para autoconfirmados e artigos não podem ser chamados de "perfil", mas a imprensa não tem paciência para entender isso). O principal motivo das matérias na imprensa é a paranoia que tomam a imprensa e os políticos no período eleitoral e a falta de paciência deles em entender que vandalismo é algo que acontece centenas de vezes por dia e que eles são desfeitos a medida que vão sendo identificados, vandalismo revertido não deve ser motivo de notícia, a imprensa que tem que entender isso, não é nós que temos que ficar refém da paranoia deles. Danilo.mac(discussão) 17h41min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
Mas a imprensa está certa em denunciar que a Wikipédia incentiva o vandalismo nos artigos de políticos. Basta vez a timidez com que são tratados os vandalismos que rolam em todos artigos. Enquanto não houver uma política realmente linha-dura de proteção efetiva aos artigos e remoção de tudo que não seja solidamente apoiado por fontes, a Wikipédia continuará sendo motivo de chacota pela imprensa. Albmont (discussão) 18h10min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
Eu concordaria em ter uma política mais dura para biografias de pessoas vivas, como existe por exemplo na anglófona, mas fazer algo muito duro específico para políticos e jornalistas seria dar privilégios de proteção para uma classe e seria também nos deixar pautar pela imprensa. Para não travar a discussão eu coloco minha posição de outra forma: considero mais adequado o uso da validação de páginas nos principais candidatos, mas Symbol support vote.svg Apoio também proteção a nível autoconfirmado para candidatos e jornalistas se essa for a vontade da maioria. Danilo.mac(discussão) 19h04min de 10 de agosto de 2014 (UTC)
A imprensa não denunciou que a Wikipédia incentiva o vandalismo. Até porque isso seria inverdade.—Teles«fale comigo» 00h37min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Pessoal, alguém é contra? Vamos tentar agilizar nisso, por favor. Cada dia estão explorando mais o assunto e seria ótimo se tomássemos uma atitude logo. Érico Wouters msg 00h27min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
WP:AUDAZ. Se alguém for contra, vai opinar. José Luiz disc 00h47min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo com a proposta original para ser aplicada neste período, ninguém de bom senso vai ser contra. A proposta do colega Albmont vai encontrar muitos críticos. -- DARIO SEVERI (discussão) 01h08min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
  • Também Symbol support vote.svg Concordo. Para grandes males, grandes remédios. De qualquer forma uma enciclopédia, sendo atemporal, não tem nada que substituir um jornal, por isso não se perde nada se este ou aquele detalhe sobre um candidato não não puder ser atualizado durante as campanhas e pré-campanhas eleitorais. Essa gente não está minimamente interessada em divulgar conhecimento, pois é raríssimo atualizarem dados após as campanhas e regra geral os textos são copy/paste de material propagandístico. Sendo a Wikipédia um meio com uma audiência como poucos e porque o facto de um artigo por aqui ser um meio super-eficaz de colocar títulos no topo do Google, ainda por cima com a vantagem de ser duplamente grátis, pois nem é preciso pagar ao Google nem é preciso pagar a um exército de gente a encher sites de links para aumentar o score "natural" de indexação do Google, continuarmos a não ter medidas de exceção é equivalente a ter um servidor de email sem anti-spam, coisa impensável há pelo menos uns 10 anos. --Stegop (discussão) 01h15min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Por norma, sou contra a proibição de edição a IPs, mas este é um caso especial, fora do vulgar. Por esse motivo, concordo com a protecção parcial até ao fim do período eleitoral. --João Carvalho deixar mensagem 10h46min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Proibir a edição de IPs e permitir somente usuários registrados editar os artigos. Nossa, parece interessante. Mas há alguma prova de que os usuários registrados sabem editar os artifos de política e vão deixá-los imparciais ou melhorar os artigos? Peguem usuários como o Chronos, que entupiu o artigo da Rachel Sherazade de críticas mas não faz o mesmo com nenhum artigo de "socialistas". O que acontece bastante por aqui: esquerdistas enchem artigos de "capitalistas de direita" de críticas e não fazem o mesmo pros integrantes do "time" pelo qual eles "torcem". Nessa base de pensamento, a situação é capaz de piorar ao invés de melhorar. 201.58.145.158 (discussão) 10h51min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
O argumento é ruim, pois ainda que não haja "provas" de usuários registrados "sabem" editar os artigos, é muito mais fácil lidar com estes do que com IPs. Por outro lado, se é fácil citar um ou outro caso de registrados (até por que eles se expõem ao fazer este tipo de edição), há milhares de edições viesadas de IPs. Assim, ainda que com algum risco de alguma injustiça pontual, a situação geral melhora. Aliás, convido você a se registrar... José Luiz disc 11h05min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Sr.José Luiz, a questão aqui é muito mais profunda do que impedir X ou Y de editar. Analisando 10 anos de Wikipédia, os artigos de política são fraquíssimos e tendenciosos, mesmo com todo esse tempo pra editarem. Editores, sendo registrados ou não, basicamente entram nos artigos ou pra criticar quem eles não gostam, ou pra obter pontinhos pra virar administrador revertendo edições de supostos vândalos. Tem muito pouco artigo sobre política na Wikipédia em português com um nível minimamente aceitável. Querem bloquear IPs parciais de editar esses artigos? Legal, mas e depois? Vão fazer mutirão de revisão em artigos altamente vandalizados por revisionistas históricos e militantes loucos? Bloquear os artigos e deixar eles lá, "estragados", não dá muita credibilidade à ação. Deixar estes artigos na mão de usuários registrados porém mal-intencionados, menos ainda. Você diz que é fácil de controlar os usuários registrados, o que não diz é que esse controle nunca é feito. Procure fuçar históricos de certos usuários registrados que gostam muito de colocar críticas apenas em páginas de "direita" mas que não fazem o mesmo nas páginas de "esquerda" e sequer desenvolvem os artigos de forma decente, não tem diferença nenhuma entre um IP e um usuário registrado nesse caso pois ambos fazem a mesma coisa. 201.5.234.119 (discussão) 11h17min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
A proibição seria para políticos, jornalistas e associados - brasileiros vivos - não incluindo nenhuma outra área e somente até o fim da eleição. DARIO SEVERI (discussão) 11h37min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Isso. Além disso, o desconforto que tem, caro IP, é inerente ao processo wiki: tudo aqui tem baixa qualidade e precisa ser revisto, não só os artigos sobre política. O que se propõe aqui é uma proibição temporária justamente reconhecendo a nossa incapacidade de realizar a revisão que propõe ou mesmo de vigiar os artigos adequadamente com os poucos interessados. Mal menor... Enfim, já opinei. José Luiz disc 14h31min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo com a proposta do MC e por mim, começamos agora! Alex Pereirafalaê 12h33min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
@Érico Júnior Wouters, Albmont, DARIO SEVERI, João Carvalho: poderiam pelo menos explicar porque é que não querem utilizar a validação de páginas em vez da proteção? Pela política de uso da extensão Flagged Revisions, ela parece ser adequada uma vez que tratam-se de "páginas temporariamente muito visadas, como artigos em destaque, eventos recentes e temas de Doodles." Helder 13h11min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Eu não gosto das flagged revisions muito mais por causa da interface, muito pouco prática e menos pelo conceito. Se fosse "simples" aceitar a revisão (via popups por ex.) eu usaria muito mais. Fora que eu detesto aquele banner que ela coloca nas minhas vigiadas.... Mas parece ser uma opinião pessoal minha. José Luiz disc 14h31min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
A sugestão do Helder também é uma opção que pode ser utilizada, eu tenho preferencia pela citada pelo MCarioca pelo receio da quantidade de validações de páginas que vão ficar em suspenso até serem validadas, mas nada contra a proposta do Helder. DARIO SEVERI (discussão) 14h45min de 12 de agosto de 2014 (UTC)
Symbol support vote.svg Concordo somente para os políticos que forem candidatos, e artigos do tipo "Eleições de ... em 2014". Aliás, já tinha sido consenso em Wikipédia:Esplanada/geral/Mais uma para o período eleitoral... (28jul2014). Prefiro proteger logo, mas validação de páginas também pode ser uma solução. Assim como o DARIO, não sei se é viável colocar tantos artigos assim em validação ao mesmo tempo. Matheus diga✍ 01h25min de 14 de agosto de 2014 (UTC)

Nao acho necessario em todos. Concordo em usar protecao apenas quando houver edicoes parciais. IP tambem insere boa informacao e em epoca de eleicao eh uma oportunidade de inserir conteudo imparcial, corrigir edicoes tendenciosas. IP tambem faz isso. Validacao de paginas nao deve ser usada nesses casos, pois nenhuma delas se encaixa nos criterios, alem de serem muitas paginas, provavelmente mais do que o suportado.—Teles«fale comigo» 02h05min de 14 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol support vote.svg Concordo com a proposta inicial. Já não somos muitos e temos a dor de cabeça de ficar horas a fio esperando o vandalismo e inserção de opinião própria, propaganda política e proselitismo, edições tendenciosas e que pouco dizem respeito a uma enciclopédia de conteúdo parcial para revertermos. Agora imaginem isso em época de eleições! Concordo em proteger tudo quanto é artigo de políticos, candidatos políticos, não candidatos, jornalistas políticos, juízes e relacionados de edições de IPs até o dia 16 de novembro. Pelo menos assim teremos uma paz a mais. --Zoldyick (Discussão) 16h50min de 20 de agosto de 2014 (UTC)

Pergunta: Acho que até agora ninguém pensou nisso mais, quem é que vai proteger todos os milhares de artigos em questão??? Vão ter de chamar a atenção dos administradores por que alguém fazer isso sozinho é loucura! Como vão fazer para distribuir a tarefa de tão poucos sysops protegerem tantas páginas?? --Zoldyick (Discussão) 16h53min de 20 de agosto de 2014 (UTC)

@Zoldyick: no que diz respeito a parte técnica, só é preciso fornecer a lista de páginas a ser protegida e executar um comando com o "protect.py" do Pywikibot. Helder

Symbol opinion vote.svg Opinião Bom...tal como o MachoCarioca, desagrada-me limitar a participação de IP's, mas tenho de concordar com a proposta, de uma forma geral. Isto porque ainda estamos em Agosto e observo que as edições (IP's e contas registadas, juntos) parciais e destrutivas estão a crescer. Nas listas que patrulhei/analisei

Artigo -> Eleições gerais no Brasil em 2014

Mudanças relacionadas a patrulhar-> Alterações relacionadas com "Eleições gerais no Brasil em 2014" (Attention Sign.svg Notar que esta lista abrange edições/artigos não relacionados com as eleições)

Artigo -> Anexo:Lista de jornalistas do Brasil

Mudanças relacionadas a patrulhar-> Alterações relacionadas com "Anexo:Lista de jornalistas do Brasil" (Attention Sign.svg Notar que esta lista abrange edições/artigos não relacionados com as eleições)

verifico que relativamente aos jornalistas, após a protecção de artigos mais concorridos, entrou na normalidade; mas na que abrange partidos, políticos e mais directamente relacionados, regista-se um crescendo de edições, proporcionalmente acompanhado de adições parciais/destrutivas/difamatórias.

Symbol support vote.svg Concordo, mas não sei como querem definir, na prática, a abrangência da proposta. Na sequência do alerta do Zoldyick, talvez pudessem os patrulhadores identificar, caso a caso, artigos a proteger e assinalar no pedido de protecção que este é feito ao abrigo desta proposta. Por exemplo, acrescentando um link à mesma, ficando dessa forma o administrador responsável a saber que deve analisar um pedido que solicita a protecção até 16 de Novembro. Tegmen enviar msg 20h06min de 20 de agosto de 2014 (UTC)

Lista[editar | editar código-fonte]

Meus caros, isso foi proposto aqui já há longos 12 dias atrás. Pelo visto, há um consenso para agirmos. Assim, creio que que está mais que na hora de começarmos a proteger estes artigos. Fica minha primeira pequena lista de verbetes a serem protegidos (quem faz isso ou como ,não sei, creio q qualquer adm, eu é q não posso):

Já é um bom começo, pra ontem. Sds MachoCarioca oi 23h19min de 21 de agosto de 2014 (UTC)

Fiz, mas sugiro que revise os artigos. Alguns, principalmente os dos colunistas, estão uma mer... Sei lá se não protegia a "versão errada".... José Luiz disc 01h19min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

OK, depois vou dar uma olhada em alguns deles. Vou ver se levanto governadores pra vc proteger tbem, ao menos os mais conhecidos, mas de cabeça, já podemos proteger Geraldo Alckmin Já estava, Anthony Garotinho Já estava, Beto Richa Já estava, Paulo Skaf Já estava, Alexandre Padilha Já estava, Luiz Fernando Pezão Já estava, Lindberg Farias Já estava, Pimenta da Veiga Já estava, Clésio Andrade Já estava, Gleisi Hoffman Já estava, Fernando Pimentel Já estava, Tarcísio Delgado Já estava, José Roberto Arruda Feito, Agnelo Queiroz Feito, Tarso Genro Já estava, Iris Rezende Feito, Marconi Perillo Já estava e urna eletrônica Feito. MachoCarioca oi 01h29min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

Marcelo Crivela Já estava, Lídice da Mata Feito, Paulo Souto Feito, Rui Costa Feito, Roberto Requião Feito. MachoCarioca oi 01h38min de 22 de agosto de 2014 (UTC)
Boa. Vê se arruma um tempo pra voltar, MC... Não vou ler esses artigos, pois eu detesto o tema.... José Luiz disc 02h23min de 22 de agosto de 2014 (UTC)
No momento é isso. À medida que ver outros verbetes diretamente ligados às eleições ou de assuntos correlatos que mereçam proteção, vou colocando aqui, é só bater olho de vez quando. Outros editores q tbém notarem verbetes ligados às eleições com vandalismos ou edições estranhas solicito que vão listando aqui (ou lá em Pedidos de Proteção, no mesmo pedido feito por mim na seção) e o Zé o Lord Mota - e demais adms, ajudem os dois - vão protegendo, são muitos mais. MachoCarioca oi 02h28min de 22 de agosto de 2014 (UTC)
[conflito de edição] Macho; durante esta discussão, o Érico e eu já havíamos protegido vários artigos dos principais candidatos a senador e governador, mas ainda faltaram muitos... Lord MotaFala 02h32min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

Notar que o José Luiz está a aplicar protecções, não até 16 de Novembro, mas por tempo indefinido. Tegmen enviar msg 02h37min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

Sem dúvida. Depois disso, podemos desfazer, no doubt. José Luiz disc 02h40min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

Favor proteger: todos os juizes do STF: Dias Toffoli Presidente do TSE, extremamente visado por extremistas de direita e esquerda, Joaquim Barbosa, Rosa Weber, Marco Aurélio Mello, Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski, Cármen Lúcia, Luiz Fux, Teori Zavascki, Luís Roberto Barroso, e todos os partidos politicos: Partido Comunista Brasileiro, Partido Trabalhista Nacional, Partido Trabalhista Brasileiro, Partido Socialista Brasileiro, Partido Comunista do Brasil, Partido do Movimento Democrático Brasileiro, Partido Democrático Trabalhista, Partido dos Trabalhadores, Partido da Mobilização Nacional, Democratas, Partido Social Cristão, Partido Trabalhista Cristão, Partido Verde, Partido da Social Democracia Brasileira, Partido Trabalhista do Brasil, Partido Republicano Progressista , Partido Popular Socialista, Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado, Partido Social Liberal, Partido Renovador Trabalhista Brasileiro, Partido Social Democrata Cristão, Partido Humanista da Solidariedade, Partido Progressista, Partido da Causa Operária , Partido Republicano Brasileiro, Partido Socialismo e Liberdade , Partido da República, Partido Pátria Livre, Partido Republicano da Ordem Social, Partido Social Democrático, Partido Ecológico Nacional e Solidariedade.

As principais revistas de informação do pais: IstoÉ, Veja, Época e Carta Capital. E mais Serpro, Datafolha e IBOPE. Jornalistas Ali Kamel, Otávio Frias Filho, Cristiana Lôbo, Luiz Carlos Azenha, Diogo Mainardi, o banqueiro Daniel Dantas e os deputados Protógenes Queiroz, Jair Bolsonaro, Cidinha Campos, Tiririca e a propria pagina do TSE. MachoCarioca oi 03h02min de 22 de agosto de 2014 (UTC)

PS Zé, qdo proteger use a mesma justificativa do Lord Mota, é mais exata.

Artigos marcados como VDA ou com Suspeitos de VDA

Proponho que se invertam os prazos para eliminação de artigos cujo conteúdo foi marcado como VDA ou como suspeito de VDA, passando os artigos cujo conteúdo foi marcado como VDA a serem eliminados após 15 dias, se conteúdo livre não for adicionado a eles, e os artigos cujo conteúdo é suspeito de VDA seriam eliminados em 30 dias. Não faz sentido o prazo de eliminação para artigos cujo conteúdo constitui VDA ser mais longo do que o prazo para eliminação de artigos cujo conteúdo é suspeito de constituir VDA--Leon saudanha 16h00min de 18 de agosto de 2014 (UTC)

Lista de títulos oficiais

Eu já estou cansado de reverter este tipo de parcialidade nos artigos. Cegas pelo fanatismo, algumas pessoas usam a Wikipédia como forma de oficializar coisas que não são reconhecidas pelas entidades promotoras dos eventos. Como finalmente resolver isso?

A minha idéia era a criação de uma página (ou recomendação etc.) contendo uma relação com todas as competições oficiais realizadas pelas entidades, amparadas por links que comprovassem a oficialidade. Eu comecei a fazer isso em minha página de rascunho.

Também abro a discussão se os títulos deveriam mesmo ser separados em oficiais e não-oficiais, ou agrupados todos juntos. Que acham? Robertogilnei (discussão) 13h04min de 19 de agosto de 2014 (UTC)

Symbol declined.svg Discordo. É complicado. Como os títulos intercontinentais não foram padronizados até 2005, todas as equipes juram que têm algum título intercontinental, seja a Copa Intercontinental, a Copa Rio, ou outros torneios. Cada um deles se dizia intercontinental e até a cobertura na imprensa ou declarações de confederações podem corroborar isto. A própria FIFA fica no meio do caminho, reconhecendo a importância deles, mas não dando caráter de internacional (http://globoesporte.globo.com/futebol/times/palmeiras/noticia/2014/08/fifa-ve-titulo-de-51-do-verdao-como-de-nivel-mundial-mas-separa-campeoes.html). Dizem que até o fim deste mês a FIFA vai reconhecer numa solenidade todos os campeões mundiais antes de 2000, mas nada parece muito fiável vindo da organização do futebol, que continua sendo uma bagunça. Eu acho que manter o status quo, qual seja, chamar de intercontinentais e colocar que isto é um status em litígio já funciona. Beegeesfan (discussão) 16h19min de 20 de agosto de 2014 (UTC)
A questão é que esse termo "intercontinentais" é um complicador. Eu nunca concordei com a adoção disso aqui na Wikipédia. A divisão por localidade deveria ficar apenas em "internacionais", "nacionais", "estaduais" e "municipais". Essa história de intercontinental começou na briga Mundial de Clubes x Copa Intercontinental x Copa Rio. E o fato de ter essa categoria intercontinental vai gerar sempre discussão.
Mas o objetivo dessa proposta é levantar a discussão sobre o que fazer com esses artigos sobre títulos, que estão entre os mais problemáticos da Wikipédia? Tem gente que acha que esses artigos pertencem aos respectivos clubes e, pra não deixar o seu time do coração para trás, acabam inventando títulos ou aumentando eles. Veja o caso do Bangu. Editores parciais consideram honrarias acima de títulos conquistados dentro de campo e um torneio amistoso como sendo um "mundial". Por isso que eu propus criar uma lista contendo os títulos que as federações (FIFA, Conmebol, CBF etc.) consideram como oficiais. Qualquer título que não se enquadrasse nessa relação apareceria nos artigos como não-oficiais. Robertogilnei (discussão) 16h54min de 20 de agosto de 2014 (UTC)

Também concordo em separa os títulos em oficiais e outros que não valem muita coisa. Leo YV (discussão) 17h12min de 20 de agosto de 2014 (UTC)