Amazônia Revelada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Amazônia Revelada é o título de um projeto institucional realizado pelo CNPq, DNIT e Ministério dos Transportes do Brasil em 2005. O projeto elaborou um livro e um documentário. A realização do projeto foi motivada pela eminência do asfaltamento da BR-163, que liga Cuiabá (MT) a Santarém (PA). A missionária Dorothy Stang foi homenageada.

Conteúdo[editar | editar código-fonte]

Livro[editar | editar código-fonte]

O livro conta com artigos de:

Documentário[editar | editar código-fonte]

O documentário contém depoimentos de:

Citações[editar | editar código-fonte]

  • O Brasil precisa aceitar uma soberania relativa sobre a Amazonia. François Mitterrand, Presidente da França, 1989.
  • Proponho que os países que tem divida com os EUA troquem essas dívidas por suas florestas tropicais, George W. Bush, Presidente dos EUA, 2000
  • Ao contrário do que os brasileiros pensam, a Amazônia não é deles, mas de todos nós. Al Gore, Vice Presidente dos EUA, 1989.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • AMAZÔNIA REVELADA: os descaminhos ao longo da BR-163 (filme). Thieres Mesquita. Brasília, CNPq, 2005. 90 min. son. color.
  • TORRES, Maurício (org.) Amazônia revelada: os descaminhos ao longo da BR-163. Brasília: CNPq, 2005. Bibliografia. 496 p., fotografias. ISBN 8586821632

Ligações externas[editar | editar código-fonte]