Borknagar

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Borknagar
Informação geral
Origem Bergen, Noruega
País  Noruega
Gênero(s) Black metal, viking/folk metal, metal progressivo
Período em atividade 1995 - actualmente
Gravadora(s) Malicious Records
Century Media
Indie Recordings
Integrantes Øystein Brun
Andreas Hedlund
Lars Nedland
Asgeir Mickelson
ICS Vortex
Baard Kolstad
Ex-integrantes Roger "Infernus" Tiegs
Ivar Bjornson Peersen
Grim
Jens Ryland
Kai K. Lie
Justin Greaves
Garm
Página oficial Site Oficial da banda

Borknagar é uma banda de black metal originária de Bergen, Noruega. A banda mistura black metal e folk metal com elementos progressivos e sinfónicos. Os temas das letras variam entre filosofia, paganismo, natureza e cosmos.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Em 1995, Borknagar foi criada pelo guitarrista Øystein Brun, após a separação da banda Molested. Brun começou a escrever letras e a preparar material. Em seguida, convidou alguns músicos já famosos para completar a formação da banda: Roger "Infernus" Tiegs da banda Gorgoroth, Erik "Grim" Brødreskift (Immortal), Ivar Bjornson Peersen (Enslaved) e Kristoffer "Garm" Rygg (Ulver).

Como todos os músicos eram já conhecidos, a banda nem precisou de uma demo. A gravadora Malicious Records disponibilizou-se a lançar o primeiro álbum da banda, que foi um sucesso junto do público.

Brun recomeçou a escrever material para o segundo álbum, que iria ser lançado sob a gravadora Century Media. Infernus deixou a banda e Kai K. Lie ocupou o seu lugar.

O impacto do álbum The Olden Domain trouxe á banda a possibilidade de fazerem uma tour pela Europa, ao lado das bandas In Flames e Night in Gales. Para esta tour juntaram-se á banda Jens Ryland e ICS Vortex.

The Archaic Course, o terceiro álbum da banda, foi apresentado em Outubro de 1998. Borknagar viu o seu trabalho elogiado por inúmeras revistas de metal.

Depois da gravação deste álbum, no Inverno de 98, surgiram alguns problemas com a formação da banda. O baterista Erik "Grim" Brødreskift, o baixista Kai K. Lie, o tecladista Ivar Bjornson Peersen abandonaram a banda. Ainda assim a banda saiu em tour com as bandas Cradle of Filth e Napalm Death.

Na primavera de 1999 a banda esteve em tour nos Estados Unidos da América com a banda Emperor, durante um mês.

Após esta tour foi anunciada a entrada do baterista Asgeir Mickelson e do tecladista Lars Nedland. Em Janeiro de 2000 Quintessence vê a luz do dia. Seguem-se Empiricism (2001), Epic (2004), Origin (2006).[1]

Nos finais de Dezembro de 2007 a banda assinou com a editora Indie Recordings.

Em fevereiro de 2010 a banda lança o álbum Universal que teve uma ótima repercussão perante os fãs pelo mundo e cuja arte da capa foi criada pelo designer brasileiro Marcelo Vasco.[2] Após sete anos sem fazer shows fora da Noruega a banda se apresenta no festival alemão Wacken Open Air. A banda teve a sua primeira turnê sul-americana cancelada em setembro de 2010 o que deixou todos os fãs sul-americanos e banda extremamente decepcionados.[3]

Em fevereiro de 2012 o Borknagar lança o álbum "Urd", trabalho que foi muito aclamado entre a mídia especializada. A arte da capa deste álbum, assim como a capa do Universal, foram feitas pelo designer brasileiro Marcelo Vasco. Ao encerrar as gravações o baterista David Kinkade decide deixar a banda e para o seu lugar foi recrutado o baterista Baard Kolstad que também toca na banda do ICS Vortex, atual baixista do Borknagar e ex-baixista do Dimmu Borgir.[4] É quase unânime a opinião entre os fãs de que esta é a melhor formação até a atualidade já que neste álbum a banda contou com três ótimos vocalistas, Vintersorg (que já está na banda desde o álbum "Empiricism"), Larz (tecladista da banda desde o álbum "Quintessence") e agora com o Vortex que retorna à banda após 10 anos.[5][6] O primeiro show da banda após o lançamento do novo trabalho foi no Inferno Festival na Noruega.

No decorrer de 2014 e 2015, a banda trabalhou arduamente na composição e gravação de seu próximo disco de estúdio. A produção foi atrasada devido ao acidente ocorrido no fim de 2014 com o vocalista Vintersorg, mas as gravações foram concluídas em junho de 2015. [7] O vocalista original, Kristoffer Rygg, fez uma participação especial nesse novo disco. [8] Intitulado Winter Thrice, o décimo álbum do Borknagar saiu em 22 de janeiro de 2016 via Century Media Records.

Membros[editar | editar código-fonte]

Linha do tempo[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Borknagar To Record Acoustic Album». blabbermouth.net. February 15, 2005. Consultado em 30 de março de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  2. «Borknagar: New Album Title Revealed». blabbermouth.net. April 12, 2009. Consultado em 12 de abril de 2009  Verifique data em: |data= (ajuda)
  3. «BORKNAGAR To Tour South America In September». Roadrunnerrecords.com. Consultado em 19 de agosto de 2011 
  4. «New Borknagar drummer announced». artisannorway.com. Consultado em 22 de fevereiro de 2012 
  5. «ICS Vortex rejoins Borknagar». Blabbermouth. June 10, 2010. Consultado em June 10, 2010  Verifique data em: |acessodata=, |data= (ajuda)
  6. «ICS Vortex back with Borknagar». Artisannorway.com. Consultado em 19 de agosto de 2011 
  7. https://www.facebook.com/borknagarofficial
  8. http://www.blabbermouth.net/news/ulvers-kristoffer-rygg-to-guest-on-new-borknagar-album/

Ligações externas[editar | editar código-fonte]