Charles "Haywire" Patoshik

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Chris Patoshik, conhecido pela alcunha de Haywire, é um personagem da série de suspense Prison Break, sendo um dos personagens de pouca importância na série, porém um personagem notável devido a seu comportamento anormal, sugerindo esquizofrenia, tendências bipolares e fobias. Ele é tido como alívio cômico, durante a segunda temporada da série. Haywire é vivido pelo ator Silas Weir Mitchell.

História[editar | editar código-fonte]

Gtk-paste.svg Aviso: Este artigo ou se(c)ção contém revelações sobre o enredo.

1a Temporada[editar | editar código-fonte]

Após uma desavença entre Michael Scofield e Fernando Sucre, este último solicita ser trocado de cela, e Haywire ocupa seu lugar, como o companheiro de cela de Michael. Haywire tem dificuldades para dormir, se mantendo com os olhos abertos durante a noite, o que incomoda Michael, que nunca entende o que Haywire está interpretando. Logo, Haywire descobre as tatuagens de Michael e se torna obcecado em decifrá-las. Como Michael sempre tenta desviar este assunto, Haywire começa a desenhar suas tatuagens em um bloco, porém Michael alerta John Abruzzi sobre as intenções do rapaz e os dois tentam evitá-lo, já que ele vive seguindo Michael para todos os lugares. Logo, Michael simula um ataque falso, batendo sua cabeça nas grades de sua cela(dando a entender que estava sendo agredido por Haywire), chamando a atenção dos guardas, os quais mandam Haywire de volta a ala psiquiátrica, mesmo assim, Haywire insiste escandalosamente para os guardas observarem a tatuagem de Michael, mas é ignorado. Nisso, Sucre retorna á cela de Michael e ao plano de fuga.

Muitos episódios depois, Michael se fere e acaba perdendo um pedaço de sua tatuagem. Ao ser mandado para a solitária, Michael surta e vai parar na ala psiquiátrica, onde reencontra Haywire e pede a ele que o ajude a relembrar a parte perdida da tatuagem. Logo após, Michael retoma o plano de fuga, mas na noite da fuga, Haywire, após descobrir tudo sobre o plano de fuga, acaba forçando Michael a levá-lo junto(caso contrário, irá alertar os guardas). Após escapar junto com Michael, Sucre e mais seis fugitivos, as autoridades são alertadas da fuga, e os oito fugitivos fogem pelos campos. Logo encontram uma garagem e uma pick-up por onde fogem. Lincoln e Abruzzi tentam procurar a chave do carro, até que Abruzzi força Haywire a procurar as chaves nos sacos e latas de lixo próximos á garagem. Enquanto Haywire está procurando, Abruzzi liga o carro e parte com os demais sete fugitivos (a fim de abandonar Haywire, temendo que este seja uma pedra em seu caminho), Haywire percebe que foi enganado por ele e é deixado para trás, sendo obrigado a seguir outro caminho.

Ainda fugindo da polícia, Haywire encontra uma casa onde uma menininha está brincando com uma bicicleta na garagem. Ele rouba a bicicleta vagamente, enquanto rouba também um capacete de futebol americano, pedido desculpas á garota apreensiva que nada faz, apenas observa o fugitivo deixando o local. Haywire consegue escapar por si mesmo.

2a Temporada[editar | editar código-fonte]

Após ser abandonado pelos demais fugitivos e seguir seu próprio caminho de fuga com uma bicicleta roubada, Haywire acaba chegando a uma lanchonete então fechada. Cansado de tanto pedalar, ele invade a lanchonete e se alimenta de nuggets, milk-shakes, dos vários condimentos do local e tudo o mais, até ser flagrado por um jovem casal de namorados que trabalha no local. A garota reconhece o então sujo Haywire e entra em desespero, forçando o fugitivo a fugir novamente.

Momentos depois, Haywire foge para a casa de uma senhora cega, a fim de se manter ali. A velha senhora acredita ser seu neto Billy, sendo que Haywire se aproveita da situação para se passar pelo tal Billy, e inclusive vestir suas roupas. A velha senhora prepara para ele um lanche, que ele come enquanto se sente em casa, até que ela toca em sua mão e percebe que não se trata de seu neto. Apreensiva, ela alerta ás autoridades sobre o ocorrido. Haywire não tem outra opção a não ser a fuga. Enquanto ainda estava na casa antes de ser descoberto, Haywire contempla um quadro de um moinho holandês e pergunta á velha senhora sobre a tal pintura, no qual era afirma que já viveu na Holanda. Isso dá a Haywire a idéia de fugir para o país europeu citado por ela, após ele ser descoberto e fugir. Haywire ainda rouba a tela do quadro holandês, porém sem a moldura, só o quadro.

Logo depois, Haywire é encontrado numa loja de materiais de construção comprando umas pás e madeira. A polícia o reconhece e ele é forçado a fugir. Ele despista a polícia, mas continua sendo seguido por um cão de guarda. Logo, Haywire convence o cãozinho e faz dele seu animal de estimação, fugindo com este para uma praia. Os episódios seguintes mostram Haywire junto de seu cachorro, construindo uma balsa para ir á Holanda.

Enquanto está em um campo afastado construindo, ele é encontrado por um jovem casal de namorados roqueiros que o pedem para que os compre latas de cerveja(deixando Haywire ficar com parte das latas para ele). Ao voltar, o casal descobre que Haywire está construindo o barco para fugir á Holanda. Admirado pela idéia louca deste, o roqueiro pergunta em tom de gracejo: "e por acaso você tem um mapa?", no qual o fugitivo mostra o quadro roubado do moinho, apontando como sendo este o mapa para a Holanda. Após o rapaz deixar sua namorada(Kaley Cuoco) sozinha com Haywire, os dois começam a conversar, e Haywire se sente interessado pela moça. Num sinal de ter percebido um hematoma no braço esquerdo dela, Haywire apalpa o braço e pergunta o que acontecera, no que ela responde que fora agredida pelo pai alcoólatra. Logo o namorado volta e vê a situação, ficando furioso. Confuso, o fugitivo tenta se explicar, mas o casal lhe dá as costas, no que o furioso rapaz diz: "seu maluco!". Ainda enfurecido, Haywire tenta prestar um favor a moça, vingando-a, e segue para a casa dela, bem perto dali. Haywire encontra o tal pai da moça, travando uma luta com ele, e matando-o afinal. A roqueira descobre o pai assassinado, mas hesita em denunciar Haywire, mesmo assim, a polícia o descobre.

De volta á sua construção, Haywire é flagrado por Bellick, que fora contratado pelo detetive Mahone a fim de caçar os fugitivos. O fugitivo é logo cercado pelos dois num silo, por onde ele sobe a fim de fugir, sendo observado por outras pessoas curiosas da região. Lá no alto, um desesperado Haywire chora diante de Mahone alegando que gostaria de fugir em paz para a Holanda. O maléfico agente do FBI acaba convencendo o fugitivo a cometer suicídio ao invés de matá-lo(como fez a dois outros fugitivos anteriormente). Haywire se atira lá de cima do silo para sua morte.

Pós-Morte[editar | editar código-fonte]

  • Haywire ainda È citado por Michael e outros após sua morte. Num dado momento, Michael culpa Mahone pelos feitos com Abruzzi, Tweener e Haywire.
  • Haywire aparece num episódio da terceira temporada, como uma alucinação para Mahone, atormentando-o.

Curiosidades[editar | editar código-fonte]

  • Haywire foi o primeiro fugitivo da Fox River a ser deixado para trás pelos demais. Após ele, foram abandonados Tweener e então T-Bag, obrigados a seguir seu próprio caminho.
  • Haywire foi o único dos oito fugitivos que segue seu próprio caminho até o fim, não chegando a reencontrar nenhum dos demais fugitivos.
  • Haywire foi o terceiro fugitivo a ser cercado e morto pelas autoridades. Antes dele, Abruzzi e Tweener foram cercados e asssassinados por Mahone. Depois, C-Note e T-Bag são pegos, mas não morrem.
  • Quando Haywire é flagrado pelo casal de roqueiros, a garota que conversa com ele é interpretada pela atriz Kaley Cuoco, que anos mais tarde interpretaria a personagem Penny do seriado The Big Bang Theory.
  • Muito depois da morte de Haywire, T-Bag utiliza o nome "Charles Patoshik" a fim de se infiltrar numa igreja cubana em Nevada, durante a quarta temporada da série.
    Gtk-paste.svg Aviso: Terminam aqui as revelações sobre o enredo.