Theodore "T-Bag" Bagwell

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde julho de 2013). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Theodore Bagwell
Outro(s) nome(s) T-Bag/Teddy (verdadeira) Marvin Gudat, Clyde May, Stumpy, Sam, Erik Stammel, Cole Pfeiffer (Falsas)
Idade Incerta
Ocupação Criminoso e Oportunista
Série(s) Prison Break
Primeira aparição Allen (1.02)
Última aparição Prison Break (5.09)
Interpretado por Robert Knepper
Michael Gohlke (T-Bag quando criança)

Theodore Bagwell, mais conhecido pela alcunha "T-Bag", é um personagem da série de televisão Prison Break, interpretado pelo ator estadunidense Robert Knepper é o principal anti-herói da série, fazendo parte do grupo dos personagens fixos da série desde a primeira temporada, sendo o ator parte do elenco regular. T-Bag é um dos mais populares personagens da série devido ao seu carisma e à sua sagacidade.

O personagem foi introduzido na série inicialmente como um aparente líder da sociedade de supremacia da raça branca da penitenciária Fox River, sendo um dos mais vilânicos prisioneiros. Com o passar da primeira temporada, vai se afeiçoando a Michael Scofield (Wentworth Miller), ajudando-o no seu plano de fuga da prisão.

Sobre o personagem[editar | editar código-fonte]

T-Bag se faz presente em todas as temporadas da série, inclusive no filme "O Resgate Final". São poucos os episódios em que ele não aparece. Michael Gohlke interpreta T-Bag numa versão mais jovem em um episódio.

Antes de Fox River[editar | editar código-fonte]

Como um nativo do estado americano do Alabama, T-Bag já de início não teve um bom nascimento, já que foi fruto de um incesto. Seu pai assediou sexualmente a própria filha, gerando a Theodore Bagwell, cuja mãe é sua própria irmã e seu pai é também seu avô, este por sua vez também molestou o jovem Theodore, sendo tudo isso causa do trauma psicológico no garoto, que adotou um comportamento psicótico para o resto de sua vida.

Já adulto, T-Bag cometeu variados crimes, assim como assaltos, sequestros, homicídios, estupros e práticas de pedofilia.

Após todos esses incidentes, ele conseguiu escapar ileso, e ainda arranjou uma namorada, Susan Hollander, uma divorciada mãe de dois filhos que acreditava que Theodore fosse um homem comum e um tanto atencioso para com seus filhos, até que durante uma visita de Teddy à sua casa, enquanto este brincava com os futuros enteados, Susan vê em um noticiário que ele estava sendo procurado pela polícia graças aos seus atos, terminando por denunciá-lo e mandá-lo para a prisão de Fox River. T-Bag jura que um dia irá se vingar de sua ex-namorada assim que conseguir se libertar.

1ª Temporada[editar | editar código-fonte]

Inicialmente, T-Bag é introduzido como um maléfico líder da gangue dos membros brancos de Fox River, rivalizando diretamente com os detentos negros. Já que se mostra um psicopata, pedófilo e racista, ele é detestado pela maioria dos detentos, tais como John Abruzzi (Peter Stormare) e Benjamin Miles "C-Note" Franklin(Rockmond Dunbar), mas seu status com a Aliança de Purificação o protege dos mais violentos ataques. Com a chegada de Michael Scofield (Wentworth Miller) à penitenciária, T-Bag tenta seduzí-lo e persuadí-lo a ter algo além da parceria e amizade, mas Michael utiliza-se de sua esperteza e consegue driblá-lo. Até que durante uma briga entre as duas raças, o companheiro de cela de T-Bag(inclusive seu namorado) é fatalmente assassinado, e ao Michael tentar socorrê-lo, T-Bag acredita ser ele o responsável pela morte de seu amante e busca vingança, sendo impedido por Abruzzi, cujos capangas atacam T-Bag, mandando-o para a enfermaria. O personagem fica ausente por dois episódios.

Está fazendo um calor tremendo na prisão, e os detentos se unem para reclamar às autoridades sobre tal fato, nisso, T-Bag retorna à ativa, sendo insultado por um policial, que se recusa a ajudar os detentos, no que T-Bag se revolta e arma uma rebelião, presidiários negros e brancos se unem contra as autoridades da prisão, ultrapassando os limites do espaço reservado para eles, destruindo tudo em volta e ainda mantendo a médica da prisão Dra. Sara Tancredi como refém na própria enfermaria. Durante toda a algazarra causada pelos demais prisioneiros, T-Bag acidentalmente acaba descobrindo a rota de fuga primária na cela de Michael e Fernando Sucre (Amaury Nolasco), porém esta também é descoberta acidentalmente por um guarda novato, que ferido fora empurrado por T-Bag para dentro da mesma cela. T-Bag tenta convencer Michael, Sucre e Abruzzi a incluí-los no plano de fuga, ameaçando revelar aos guardas tal pnalo caso não fosse incluído, no que Abruzzi acredita ser um blefe, e Michael exige que T-Bag mantenha o tal guarda vivo. Mas T-Bag temendo o guarda arruinar o plano de fuga alertando os demais guardas, acaba por matá-lo.

Os demais guardas descobrem que o guarda novato havia sido morto, no que T-Bag escapa, denunciando seu companheiro de cela Trokey, este é encaminhado para a solitária. Os outros detentos incluídos no plano de fuga ficam cientes da astúcia de T-Bag e não vêem outra escolha a não ser incluí-lo, embora contra a vontade de todos. T-Bag constantemente provoca brigas entre os parceiros de fuga e dá indiretas um tanto racistas e preconceituosas, fazendo com que os demais incluídos armem uma cilada contra ele, a fim dele estar excluído do plano e não fugir com eles. Durante sua ainda estadia na prisão, mostra interesse homossexual em outros prisioneiros, principalmente nos mais jovens, tentando intimar seu novo companheiro de cela Seth a se relacionar sexualmente com ele. Seth inicialmente parece interessado(provavelmente por não ter muitas escolhas), mas ao se ver fortemente ameaçado, pede a Michael para que o proteja, mas Michael prefere não se intrometer, no que um aflito Seth se enforca e morre, gerando interesse de T-Bag no então recém-chegado David "Tweener" Apolskis, um jovem preso por cometer variados assaltos, que é constantemente evitado pelos demais detentos e se vê alienado e sem amigos. Michael se sente culpado pela morte de Seth e exige que T-Bag o deixe em paz, apesar de T-Bag continuar ameaçando o novo garoto.

Os episódios seguintes retratam o clima de tensão entre T-Bag e os demais companheiros de fuga, havendo vários atritos entre eles. Quando Michael e C-Note percebem que há muitos envolvidos no plano de fuga, ameaçando o plano a falhar, Abruzzi dá um ultimato em T-Bag, mandando-o se afastar do plano de fuga ou caso contrário morrer. Durante este meio tempo, T-Bag descobre que seu primo James Bagwell e o filho deste foram assassinados sem piedade e sabendo que Abruzzi está por trás deste homicídio, ele aproveita o ultimato de Abruzzi e corta sua garganta com uma navalha. Abruzzi é hospitalizado e permanece ausente por alguns episódios, mas não morre. T-Bag e os seis restantes chegam ao fim do túnel, mas o plano falha, já que Lincoln Burrows espanca um guarda que estava desconfiado do plano de fuga. Lincoln acaba sendo mandado de volta à solitária. Mais tarde, Michael falha num plano e também é mandado à solitária. Na tentativa de conseguir algo em troca para o funcionamento do plano, T-Bag tenta um relacionamento com um detento travestido. O objeto conseguido(uma calcinha, para despistar os guardas) acaba caindo nas mãos de Sucre, que é descoberto pelo guarda Bellick (Wade Williams), e vai parar na solitária, deixando apenas T-Bag, C-Note e Charles Westmoreland na execução do plano de fuga.

Mais tarde, T-Bag descobre que Abruzzi havia se recuperado e estava de volta à Fox River. Aflito com a reação deste, T-Bag espera uma oportunidade para matá-lo de uma vez por todas, mas é impedido por C-Note, que lembra que é ele (Abruzzi) que está fornecendo o meio de transporte para escapar da visão dos guardas. Abruzzi tenta relevar e esquecer o ocorrido com T-Bag, mas os dois demonstram ódio e rivalidade um pelo outro e ficam atentos a cada movimento. Durante o plano, Tweener, que já desconfiava desde o começo do plano de fuga, invade a ala de trabalho dos companheiros do plano e se torna um deles, contra a vontade de Michael e os demais, mas se mostra indigno de confiança ao ser obrigado por Bellick a revelar as intenções e planos de Michael, revelando o plano de fuga, o que sobra a Charles imobilizar Bellick, este passa um dia inteiro sendo procurado pelos demais guardas.

No meio do caminho, já executando a fuga na calada da noite, Haywire, prisioneiro da ala psiquiátrica e ex-companheiro de cela de Michael(que o ajudou a desvendar a parte do mapa da rota de fuga que havia sido perdida); e Manche Sanchez, o primo de Sucre, que trabalhava na lavanderia da penitenciária; também se infiltram entre os fugitivos. Porém, na enfermaria, a caminho de atravessar o fio de energia e saltar muro-afora, Charles Westmoreland adoece, graças ao ferimento no abdômen causado por Bellick enquanto lutavam(pouco antes de Charles amarrar e imobilizar Bellick) e acaba morrendo, mas revela onde deixou enterrado o dinheiro a ser dividido entre os fugitivos. Os outros 9 fugitivos atravessam o fio de energia, mas enquanto Michael terminava o trajeto, eis que soa o alarme da prisão, e Sanchez, prestes a atravessar, arrebenta o cabo devido ao seu peso e cai no pátio, sendo mais um que fica para trás, é pego pelos guardas e obrigado a denunciar os demais fugitivos, que conseguiram escapar.

Logo após se livrarem de Fox River, e ainda assim estarem se escondendo dos guardas(os quais estão cientes de sua fuga, inclusive Bellick, que fora liberto), T-Bag se algema a Michael a fim de se manter seguro contra qualquer tentativa de homicídio vinda de Abruzzi, no entanto o mafioso dá um jeito de se vingar, cortando fora a mão acorrentada de T-Bag, o qual extremamente ferido, é deixado para morrer, abandonado pelos demais fugitivos e obrigado a seguir outro caminho(além de Haywire e Tweener, que também são abandonados pelos demais e seguem seu próprio caminho sozinhos). Na medida do possível, T-Bag sobrevive, mantendo sua mão amputada consigo, levada num compartimento, enquanto se esconde dos guardas e tenta escapar.

2ª Temporada[editar | editar código-fonte]

Totalmente distante dos demais fugitivos, T-Bag agora segue para Utah a fim de desenterrar o dinheiro escondido de Charles Westmoreland. Antes de seguir ao seu destino, T-Bag recorre a um cirurgião veterinário chamado Dr. Marvin Gudat, a fim de que este reate sua mão amputada, o que ele faz(após hesitar, já que este tipo de cirurgia não era sua especialidade), logo em seguida, ele aplica uma injeção no doutor, que o mata lentamente, assumindo seu carro e seus utensílios, tal como sua identidade (durante um determinado momento), ele também tinge o cabelo de loiro a muda o penteado a fim de mudar sua aparência e não ser reconhecido.

Durante sua caça, T-Bag inventa a identidade Clyde May, e conhece um caminhoneiro com quem passa sua estadia num hotel próximo de onde trabalha. Acontece que este caminhoneiro possui uma linda filha de 14 anos de idade por quem T-Bag se interessa. Ao se aproximar desta, T-Bag é agredido pelo pai dela, mas acaba o ferindo gravemente e fugindo, enquanto a filha percebe o que aconteceu.

Logo após, T-Bag é sequestrado por Michael e Lincoln, mas se aproveita da situação para descobrir os 5 milhões escondidos de Westmoreland, num terreno onde agora fora construído um condomínio. O dinheiro está mais precisamente abaixo da garagem de uma das casas. Juntamente com os irmãos, Sucre, C-Note e Tweener, T-Bag tenta desenterrar o dinheiro, com o qual pretende fugir para a Tailândia. Enquanto os demais desenterram a fortuna, T-Bag tenta seduzir a dona da casa(uma atraente senhora na faixa dos 40 ou 50 anos) a fim de distraí-la, mas o plano acaba falhando, quando a filha dela chega na casa. Para azar dos fugitivos, a moça é policial. T-Bag sequestra ambas, mantendo-as na cozinha da casa, até que é ameaçado por Sucre, que persuade todos(em especial o próprio T-Bag) a colocar todo o dinheiro na mala, para que só ele usufrua. Felizmente, T-Bag engana Sucre, colocando revistas na mala deste enquanto foge com a mala onde está o dinheiro de verdade, fugindo com os 5 milhões. T-Bag segue na sua busca por Susan Hollander a fim de vingar-se dela.

Mais uma vez, T-Bag segue um rumo diferente dos demais fugitivos. Porém, Bellick e Roy Geary (que também era segurança da Fox River, junto com Bellick) descobrem seu paradeiro e o enganam, invadindo a casa que costumava ser de Susan. Capturado, T-Bag é torturado pelos dois guardas, que não o deixarão em paz enquanto ele não disser onde o dinheiro fora guardado. Sem opção, o psicótico revela a localização da mala com a grana, e é amarrado a um radiador e deixado pelos guardas, tendo de sacrificar sua mão antes amputada, arrancando-a novamente a fim de se libertar. Mais tarde os dois encontram o dinheiro, mas Geary trai Bellick, nocauteando-o e fugindo com o dinheiro. Geary é encontrado por T-Bag, o qual o mata, e acusa Bellick de ser o assassino de Geary. Bellick volta a Fox River, mas desta vez como prisioneiro; enquanto T-Bag foge com a grana.

Afim de descobrir o novo endereço de Susan, T-Bag se aproxima de uma atraente mulher de meia idade chamada Denise, que faz academia e trabalha para os correios. Ao que ele a convida para jantar e os dois ficam um tanto próximos, a ponto dela levá-lo ao seu local de trabalho. Mas quando T-Bag finalmente descobre o paradeiro de Susan, Denise de repente descobre que T-Bag(que usara um nome disfarçado para conhecer Denise) é na verdade um dos fugitivos da Fox River que está à solta, o que obriga o assassino a matá-la e fugir, a fim de não haver testemunhas. Em seguida, ele mata um boêmio jogador de sinuca num pub, a fim de obter sua prótese de mão, para ficar no lugar de sua mão amputada.

Logo, T-Bag localiza Susan e passa a voltar a conviver com ela e seus dois filhos, sugerindo uma vida em família. Susan porém está apreensiva e só espera o momento para atacar o ex-namorado e rendê-lo. Mas ele percebe isso, e alega à família que é a única solução para eles. Então o psicótico mantém os três como reféns dele na própria casa, no Kansas. Logo, ele os leva amistosamente para a casa onde viveu, no Alabama, e descobre que a casa está abandonada. Logo ele relembra do que seu pai fez a ele e de como era desprezado pelo pai quando criança. Ele alega à família que é incapaz de ter filhos, já que, em sua concepção, prefere que sua linhagem morra em sua própria geração, mas Susan diz que é incapaz de amá-lo, portanto será infeliz com ele. Tal rejeição parte o coração de T-Bag, o qual aprisiona os três no porão do casarão abandonado. Ainda assim, ele chama a polícia a fim de resgatá-los de sua casa.

Depois de todos estes acontecimentos, T-Bag parte para sua viagem à Tailândia. Após assassinar brutalmente seu próprio terapeuta, e roubar sua identidade, T-Bag tem uma parada em Chicago, e acaba pegando o mesmo voo que Bellick. T-Bag porém voa na primeira classe, enquanto Bellick está na classe econômica. Bagwell reconhece Bellick ao parar no aeroporto internacional da Cidade do México, sendo forçado a se esconder no compartimento das malas, acabando por perder a maleta com o dinheiro, no carrossel das malas. Ele enfrenta um guarda do aeroporto a fim de resgatar sua grana, mas é vencido e não recupera o dinheiro. Ele foge, mas mesmo assim é reportado às autoridades.

Ele acaba indo parar no Panamá, onde passa seu tempo com uma prostituta(a quem logo depois mata) e têm sua estadia confortável por trás de guarda-costas contratados por ele estando nhuma cobertura de hotel. Ele acaba cruzando com o agente da Companhia, Bill Kim, enquanto este tenta capturar Michael e Lincoln, que também fugiram para o Panamá. T-Bag consegue escapar de Kim, mas é caçado por Michael, Sucre e Bellick. Ele escapa de Bellick, ao atirar na perna do ex-policial, mas é logo capturado por Sucre e Michael. Dentro do carro, T-Bag é feito refém de Sucre no banco de trás, mas escapa novamente ao ferir o peito de Sucre com uma chave-de-fenda. Mesmo assim, continua seguido por Michael. Depois deste cercar T-Bag numa casa abandonada próxima a uma praia. Depois que Michael nega responsabilidade pelos atos de T-Bag(já que ele foi o responsável por T-Bag estar à solta), os dois lutam, mas Michael rende T-Bag, este zomba dele dizendo: "Não, você não vai me matar! Eu sei que você não é disso!". Ainda que Michael mantenha o assassino vivo, ele o fere, com uma facada no braço onde está a mão ainda saudável. T-Bag é deixado lá até que as autoridades o encontram. T-Bag é levado pela Companhia para uma cela temporária até ser levado à Sona(onde Bellick também é mandado preso). T-Bag é o quinto fugitivo do grupo dos oito da Fox River a ser interceptado pela polícia, mas é o segundo a não morrer neste ato(o primeiro foi C-Note).

3ª Temporada[editar | editar código-fonte]

T-Bag acaba parando em Sona junto com Michael, Mahone e Bellick. Lá ele começa a bajular o que poderia se dizer "rei" de Sona, o "Lechero" T-Bag agora estando do lado de Lechero como um serviçal, tenta ganhar a confiança do mesmo para usurpar do poder da qual ninguém vai poder toca-lo para machucar, sendo que em Sona as leis são do mais forte. T-Bag dentro de sona após descobrir do plano de fuga de Michael Scofield, ele junto do Brad Bellick, Alexander Mahone, Lincoln Burrows, Gretchen Morgan, Sara Tancredi, Sucre, Whistler. Sara Tancredi e o filho do Lincoln Burrows são sequestrados pela Gretchen Morgan que trabalha para a companhia, e com isso Micheal Scofield preso em sona, ele recebe o papel de libertar Whistler que é mantido em segredo os motivos da Gretchen querer ele fora da prisão, que Whistler esconde a sua verdadeira identidade por vários episódios na serie. T-Bag sempre com um pé atrás em relação ao Michael Scofield, ele tenta se aproveitar junto de Lechero do plano de fugir da prisão de Sona.

4ª Temporada[editar | editar código-fonte]

Durante a quarta temporada, T-Bag consegue sair da prisão Sona durante uma rebelião, e consegue se infiltrar na companhia GATE, onde se passa por Cole Pfeiffer. Trabalha várias vezes com Gretchen Morgan, tentando recuperar o cartão Scylla para o General Krantz. No final da temporada ele é preso na Miamai Dade's Prison, e depois retorna a Fox River.

Relação com outros personagens de destaque[editar | editar código-fonte]

Personagens Relacionados[editar | editar código-fonte]

  • Susan Hollander(K.K. Doods) - Uma mulher simples de meia idade que se torna namorada de T-Bag antes dele ser um presidiário. Depois de ter cometido vários crimes, T-Bag conhece a Sra. Hollander e os dois logo começam a namorar, sendo que ela já o introduz como seu novo namorado em sua casa para seus filhos sem saber de seu passado negro, até que ela descobre por um noticiário na TV que ele é um criminoso procurado. Susan não pensa duas vezes antes de reportá-lo ás autoridades. Quando T-Bag vai para Fox River, Susan o trata de maneira rude e humilhante, inclusive cuspindo no vidro que a separa dele(na intenção de cuspir no próprio T-Bag), como resposta a T-Bag ter dito que se lembra da casa dela e irá procurá-la caso consiga escapar da prisão.

Após fugir de Fox River, T-Bag vai á casa nova da família, para desespero de Susan e de seus filhos, que logo descobrem as más intenções dele, mas acabam se tornando reféns do mesmo. T-Bag começa a tratá-los como uma família durante um curto período de tempo(quando Susan e os três filhos se vêem obrigados a agir normalmente) até que leva os três para a casa onde morava quando criança, revelando sua dura infância e sua péssima relação com o pai, resultando em sua drástica criação. T-Bag usa isso como chantagem emocional para convencer Susan a aceitá-lo como seu parceiro e pai de seus filhos, ao que ela, em lágrimas, rejeita.

Logo após, um frustrado T-Bag aprisiona Susan e seus filhos no porão de sua velha casa, agora abandonada, e passa para a polícia a localização de onde eles estão, sumindo da vida deles logo em seguida.

  • Zack e Gracie Holander(Quinn Wermeling e Danielle Campbell)- Os filhos de Susan e enteados de T-Bag(temporariamente). Zack é o filho mais velho, que não aceita muito o fato de sua mãe estar namorando, já Gracie, a caçula, se afeiçoa muito bem a T-Bag, que a ensina um truque de matemática quando eles se conhecem. Porém, T-Bag é preso poucos dias depois do ocorrido, mas na intenção de proteger a seus filhos e a si mesma, Susan não diz nada a seus filhos, apenas diz que o relacionamento acabou porque T-Bag fora trabalhar num local distante.

Depois que T-Bag escapa da prisão e volta a visitar Susan, ela desconfia de qualquer atitude dele, mas os filhos, surpresos pelo retorno dele, agem sem saber de nada, já que T-Bag inventa que estava trabalhando numa usina de petróleo. Não demora muito até que Zack e Gracie descubram as verdadeiras intenções de T-Bag. Zack, astuto, bate em T-Bag com seu skate, mas logo o fugitivo faz dele refém, juntamente com sua mãe e sua irmã. Os três, sob custódia de T-Bag, fingem ser uma família normal e feliz, já que Susan e os filhos são tecnicamente sequestrados por T-Bag, mantidos cativos em casa e obrigados a agirem como se fossem felizes com ele para as visitas que recebem.

Após T-Bag falhar em sua tentativa de comover os corações da família afim de se tornar um deles, ele se vinga de sua rejeição trancando-os no porão das ruinas da casa abandonada que um dia já fora sua quando criança. Os três são encontrados pela polícia pouco tempo depois, sendo que o próprio T-Bag deu aos guardas a localização deles e depois seguiu seu caminho.

Veja também[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: Theodore "T-Bag" Bagwell