Estádio Antonio Accioly

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Estádio Antônio Accioly)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Castelo do Dragão
[[]]

Nome Estádio Antônio Accioly
Características
Local Avenida Perimetral (Setor Campinas) - Goiânia, GO, Brasil
Gramado Grama natural
Capacidade 12.500 espectadores
Inauguração
Data 18 de agosto de 2018 (reinaugurado)
Outras informações
Remodelado 2013, 2018, 2020
Demolido 2001
Proprietário Atlético Goianiense
Administrador Atlético Goianiense
Mandante Atlético Goianiense
Reforma de 2018 do Estadio Castelo do Dragão

O Castelo do Dragão, também chamado de Estádio Antônio Accioly, localiza-se na cidade de Goiânia (estado de Goiás, região Centro-Oeste do Brasil) e pertence ao Atlético Clube Goianiense, onde são realizados suas partidas em campeonatos regionais e em campeonatos nacionais.

O Estádio, já sediou partidas de torneios de Futebol nacionais, como o Campeonato Brasileiro da Série B e, por três anos consecutivos (2007, 2008 e 2009), da Copa do Brasil.

O estádio tem suas arquibancadas totalmente cobertas, a instalação oferece infraestrutura com sala de primeiros socorros e tratamento médico, além de áreas para descanso, fisioterapia e massagem, sala para a realização de reuniões com equipamentos multimídia e sala privada para a gerência da delegação. E o acesso ao local é controlado por uma equipe de segurança.

História[editar | editar código-fonte]

O primeiro presidente do Atlético Clube Goianiense foi Antônio Accioly, descrito por atleticanos que o conheceram como um homem que vivia pelo Atlético. Foi ele quem conseguiu o terreno para a construção do estádio do clube que em sua homenagem leva o seu nome. Era conhecido por resolver todos os problemas do clube, principalmente os financeiros.

No começo do século XXI, o clube, devido a más administrações chegou próximo do fim, inclusive com a demolição e abandono do estádio Antônio Accioly, que na época foi cogitada a construção de um shopping center no local. Porém, Em 2005, com a ajuda de verdadeiros torcedores e abnegados, o clube ressurgiu, o Castelo do Dragão foi reconstruído e o Dragão, por sua vez, "ressurgiu das cinzas". O local também ficou conhecido por abrigar em 1996 um show da cantora pop colombiana Shakira, com sua então turnê mundial 'Pies Descalzos'.

No começo de 2013 o estádio começou a ser remodelado, no entanto, por falta de recursos, a obra não foi adiante como se esperava. Porém no final de 2017 se da inicio a uma grande reforma no estádio no qual se encontra hoje moderno e simples.

Segundo a diretoria do clube, a reforma, ampliou a capacidade do estádio para 10.500 espectadores. Vale lembrar que, o motivo da interdição do Antônio Accioly foi a falta de segurança em uma das arquibancadas, que estava com a estrutura comprometida.

Em 2018, no Campeonato Goiano com portões fechados, o Atlético volta a disputar um jogo oficial no local. Bate o Itumbiara por 1 a 0, depois perde para o Iporá de 3 a 1. Na Série 'B' reinaugura o estádio com uma vitória por 1 a 0 em cima do Coritiba.

Em 2019, foi a casa do time na conquista do Campeonato Goiano, na qual venceu o Goiás por 3 a 0. Na Copa do Brasil, recebeu seu público recorde, contra o Santos, vitória por 1 a 0, para um público de 9.556 pessoas.

Em 2020, o Atlético Clube Goianiense decidiu reformar novamente ao estádio para poder usar o Castelo do Dragão na primeira divisão do campeonato brasileiro de futebol. A reforma incluiu no estadio a sala de VAR, expansão das arquibancadas e banco de reservas, melhora de refletores e do sistema de drenagem do campo. A reforma de 2020, gerou um aumento de capacidade para 12.000 lugares.

Arquibancadas do Castelo do Dragão

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre estádios de futebol do Brasil é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.