Etiene Medeiros

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Etiene Medeiros
Swimming pictogram.svg Natação Swimming pictogram.svg
Nome completo Etiene Pires de Medeiros
Modalidade natação
Estilo nado costas
nado livre
nado borboleta
Nascimento 24 de maio de 1991 (25 anos)
Recife,  Pernambuco
Nacionalidade  brasileira
Compleição Peso: 60 kg Altura: 1,69 m
Clube SESI-SP
Período em atividade 2003 – atualidade
Medalhas
Campeonatos Mundiais
Prata Kazan 2015 50 m costas
Campeonatos Mundiais – Piscina Curta
Ouro Doha 2014 50 m costas
Ouro Doha 2014 4x50 m medley misto
Ouro Windsor 2016 50 m costas
Prata Windsor 2016 4x50 m medley misto
Bronze Doha 2014 4x50 m livre misto
Jogos Pan-Americanos
Ouro Toronto 2015 100 metros costas
Prata Toronto 2015 50 metros livre
Bronze Toronto 2015 4x100 metros livre
Bronze Toronto 2015 4x100 metros medley
Jogos Sul-Americanos
Ouro Santiago 2014 4x100 m medley
Prata Santiago 2014 100 m costas
Bronze Santiago 2014 100 m borboleta
Campeonato Sul-Americano
Ouro Mar del Plata 2014 50 m costas
Ouro Mar del Plata 2014 100 m costas
Ouro Mar del Plata 2014 4x100 m livre
Ouro Mar del Plata 2014 4x100 m medley
Ouro Mar del Plata 2014 4x100 m medley misto
Prata Mar del Plata 2014 100 m borboleta
Campeonato Mundial Júnior de Natação
Prata Monterrey 2008 50 m costas

Etiene Pires de Medeiros (Recife, 24 de maio de 1991) é uma nadadora brasileira, primeira mulher do país a conquistar uma medalha de ouro em um Campeonato Mundial de Natação e em Jogos Pan-americanos. É a recordista mundial dos 50 metros costas em piscina curta, tendo alcançado a marca em Doha 2014.[1]

Primeiros anos[editar | editar código-fonte]

Filha do autônomo Jamison Medeiros e da funcionária pública Etiene Pires, teve seu primeiro contato com as piscinas aos dois anos, por motivo de saúde. Também praticou balé e basquetebol.

Em 2000, aos oito anos, iniciou sua carreira de atleta no Sport Club do Recife. Posteriormente, em 2003, nadou pelo Nikita Natação – SESI, onde permaneceu durante nove anos, período que conseguiu superar várias marcas nacionais, como também integrar a seleção brasileira.

Em 2012 decidiu deixar a cidade natal e mudou-se para o Rio de Janeiro, dando continuidade aos treinamentos no Clube de Regatas do Flamengo. No ano de 2013, transferiu-se para o clube SESI-SP, onde continua até o momento, ao lado do técnico Fernando Vanzella. [2]

Trajetória esportiva[editar | editar código-fonte]

Aos 17 anos, Etiene Medeiros foi medalha de prata nos 50 metros costas no Campeonato Mundial Júnior da Federação Internacional de Natação (FINA), em 2008, no México.[3]

No Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2009, ficou em 21º nos 50 metros costas.[4]

Esteve no Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2010, em Dubai, onde ficou em 17º nos 50 metros costas[5] e 30º nos 100 metros costas.[6]

Integrou a delegação nacional que participou do Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2011 em Xangai, na China, conquistando a vaga após o exame de doping de Fabíola Molina ter dado positivo.[7] Etiene ficou com a 43a. colocação nos 100 metros costas, com o tempo de 1m05s18.[8] Também esteve nos 50 metros costas, onde ficou em 25º[9], e nos 4x100m medley, onde ficou em 17º.[10]

Nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011, Etiene ficou em 10º lugar nas eliminatórias dos 100 metros costas, não indo à final.[11]

Esteve no Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2012, em Istambul, onde ficou em 10º nos 50 metros costas[12] e em 28º nos 100 metros costas.[13]

No Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2013, em Barcelona, Etiene terminou em 4º lugar na final dos 50 metros costas, com o tempo de 27s83, sua melhor marca pessoal, obtendo a melhor colocação de uma mulher brasileira em campeonatos mundiais.[14] ​​Ela ficou em 21º lugar nos 100m costas[15], e em 12º lugar no 4×100m medley, junto com Daynara de Paula, Larissa Oliveira e Beatriz Travalon.[16]

No Campeonato Pan-Pacífico de Natação de 2014, em Gold Coast, na Austrália, ela terminou em quinto lugar no revezamento 4x100 metros livre, junto com Graciele Herrmann, Daynara de Paula e Alessandra Marchioro; quinto no revezamento 4x100 metros medley, junto com Graciele Herrmann, Ana Carla Carvalho e Daynara de Paula; sexto nos 50 metros livre; sétimo no 100 metros borboleta e 11º nos 100 mteros costas. [17]

Em 3 de setembro de 2014, participando do Troféu José Finkel (em piscina curta), em Guaratinguetá, Etiene quebrou três recordes sul-americanos: nos 50 metros livre, com 24s15, nos 50 metros costas, com 26s41; e nos 100 mteros costas, com 57s53.[18]

Sua maior conquista foi a medalha de ouro e o recorde mundial dos 50 metros costas – 25s67 – conquistado no Campeonato Mundial de Natação em Piscina Curta de 2014 realizado em Doha, no Qatar, em dezembro do mesmo ano.[19] Foi a primeira mulher do Brasil a conseguir uma medalha individual em mundiais de natação[20]. Obteve três medalhas: ouro nos 50 metros costas e no revezamento 4x50 metros medley misto do Brasil (junto com Felipe França, Nicholas Santos e Larissa Oliveira), e um bronze no revezamento 4x50 metros livre misto (junto com César Cielo, João de Lucca e Larissa Oliveira). Em 3 de dezembro, no revezamento 4x50 mteros medley misto, Etiene abriu a final com o tempo de 25s83 (que só não foi considerado recorde das Américas por ter sido realizado em um revezamento misto) e o Brasil ganhou a prova batendo o recorde sul-americano com o tempo de 1m37s26, quase batendo o recorde mundial dos Estados Unidos, de 1m37s17. Já no dia 6 de dezembro, no revezamento 4x50 metros livre misto, o revezamento ganhou a medalha de bronze, quebrando o recorde sul-americano com a marca de 1m29s17, a apenas quatro centésimos da Rússia, que obteve a medalha de prata. Na prova dos 50 metros costas, Etiene bateu o recorde das Américas na semifinal com a marca de 25s99 e o recorde mundial na final com 25s67, batendo por três centésimos a marca de 25s70 de Sanja Jovanović, que perdurava desde 2009. Etiene também quebrou duas vezes o recorde sul-americano dos 100 metros costas, com 57s36 nas eliminatórias e 57s13 na semifinal, terminando em sétimo lugar na final; e duas vezes no revezamento 4x50 metros medley feminino do Brasil, com 1m47s20 na eliminatória e 1m46s47 na final, terminando em quinto lugar.[21][22]

Etiene Medeiros com a prata dos 50m costas no Mundial de Kazan 2015

Em dezembro de 2014, no Open realizado no Rio de Janeiro, ela bateu o recorde das Américas dos 50 metros costas em piscina longa, com o tempo de 27s37, apenas 0.31 acima do recorde mundial da chinesa Jing Zhao, ainda da época dos super trajes. Com isso, Etiene assumiu o topo do ranking de 2014 nos 50 metros costas também em piscina longa. [23][24] Ela ainda terminou a competição batendo o recorde sul-americano dos 50m livres, com o tempo de 24s74. [25]

Nos Jogos Pan-americanos de 2015, em Toronto, ela se tornou a primeira brasileira a conquistar uma medalha de ouro na natação deste evento em toda sua história,[i] feito conseguido nos 100 metros costas, com novo recorde do Pan e recorde sul-americano de 59s61; na mesma noite conquistou a medalha de prata nos 50 metros livre, quebrando o recorde sul-americano com a marca de 24s55.[26][27]Ela também ajudou o Brasil a ganhar duas medalhas de bronze nos revezamentos 4x100 metros livre (neste, quebrando o recorde sul-americano, com o tempo de 3m37s39, junto com Larissa Oliveira, Graciele Herrmann e Daynara de Paula)[28] e 4x100m medley (junto com Jhennifer Conceição, Larissa Oliveira e Daynara de Paula).[29][30]

No Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos de 2015, Etiene quebrou outro paradigma, ao se tornar a primeira brasileira a subir ao pódio de um campeonato mundial de piscina longa. Ela ganhou a medalha de prata na prova dos 50 metros costas, batendo o recorde das três Américas, com o tempo de 27s26.[31][32]Nos 100 metros costas, ela chegou perto de ir à final, mas terminou em nono lugar com o tempo de 59s97.[33][34][35]. Ela também terminou em 11º lugar na prova dos 4x100 metros livre[36][37], 14º lugar na prova dos 4x100 metros medley,[38][39] e 16º lugar na prova dos 50 metros livre.[40]

No Open realizado em Palhoça em dezembro de 2015, ela bateu o recorde sul-americano nos 100 metros livre, com o tempo de 54s26.[41]

Nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016, Etiene foi à final olímpica dos 50 metros livres, terminando em oitavo lugar[42]. Na semifinal, ela bateu o recorde sul-americano da prova, com a marca de 24s45 [43]. Ela também foi à semifinal dos 100 metros livre, terminando em 16º ;[44] nos 100 metros costas, ela não se preparou especificamente para a prova e acabou na 25ª posição.[45] Além disso, nadou o revezamento 4x100 metro livre do Brasil, terminando em 11º.[46]

No 13º Campeonato mundial em piscina curta da FINA na cidade de Windsor, no Canadá, disputado entre os dias 6 a 11 de dezembro de 2016, Etiene ganhou uma medalha de prata e uma de ouro. A medalha de prata no revezamento 4x50 medley, no dia 8 de dezembro. Além de Etiene, a equipe brasileira foi formada por Felipe Lima, Nicholas Santos e Larissa Oliveira. No dia 11, Etiene ganhou medalha de ouro, conquistando o bicampeonato mundial dos 50 metros costas, com o tempo de 25s82, à frente da sua principal rival, a húngara Katinka Hosszú, que terminou a prova em 25s99.[47][48][49]

Recordes[editar | editar código-fonte]

Etiene Medeiros é a atual detentora dos seguintes recordes:

Prova Marca Data Recorde Tipo de piscina
50 metros costas 27s37 19 de dezembro de 2014 das 3 Américas longa
50 metros livre 24s45 12 de agosto de 2016 sul-americano longa
100 metros livre 54s26 18 de dezembro de 2015 sul-americano longa
50 metros costas 25s67 7 de dezembro de 2014 mundial curta
50 metros livre 24s15 3 de setembro de 2014 sul-americano curta
100 metros costas 57s13 3 de dezembro de 2014 sul-americano curta
4x50 metros livre misto 1m29s17 6 de dezembro de 2014 sul-americano curta
4x50 metros medley 1m46s47 5 de dezembro de 2014 sul-americano curta

Principais resultados[editar | editar código-fonte]

Ano Torneio Local Prova Resultado Marca Recorde
2014 Campeonato Mundial em Piscina Curta Doha, Qatar 50 metros costas 25.67 Recorde mundial
2014 Campeonato Mundial em Piscina Curta Doha, Qatar 4x50 metros livre misto 1:37.26
2014 Campeonato Mundial em Piscina Curta Doha, Qatar 4x50 metros livre misto 1:29.17 Recorde sul-americano

Nota[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Etiene Medeiros

Referências

  1. «Etiene Medeiros bate recorde mundial nos 50 metros costas e é ouro em Doha». Yahoo Brasil. 7 de dezembro de 2014. Consultado em 15 de dezembro de 2014 
  2. «Técnico se preocupa com novo status de Etiene após ouro no Mundial». ESPN. 10 de dezembro de 2014. Consultado em 14 de dezembro de 2014 
  3. «Encerramento com a natação feminina em alta». CBDA. 21 de novembro de 2010. Consultado em 24 de março de 2013 
  4. «Resultados dos 50m costas femininos em Roma 2009». OmegaTiming. 29 de julho de 2009. Consultado em 24 de março de 2013 
  5. «Resultados dos 50m costas femininos em Dubai 2010». OmegaTiming. 18 de dezembro de 2010. Consultado em 24 de março de 2013 
  6. «Resultados dos 100m costas femininos em Dubai 2010». OmegaTiming. 15 de dezembro de 2010. Consultado em 24 de março de 2013 
  7. Superesporte Etiene Medeiros é convocada para Mundial de Xangai. Página visitada em 25 de julho de 2011.
  8. Lancenet Etiene Medeiros é apenas 43ª nos 100m costas. Página visitada em 25 de julho de 2011.
  9. «Resultados dos 50m costas femininos em Xangai 2011». OmegaTiming. 27 de julho de 2011. Consultado em 24 de março de 2013 
  10. «Resultados dos 4x100m medley femininos em Xangai 2011». OmegaTiming. 30 de julho de 2011. Consultado em 24 de março de 2013 
  11. «Fabíola Molina vence nos 100m costas e vai a final». Lancenet. 16 de outubro de 2011. Consultado em 24 de março de 2013 
  12. «Resultados dos 50m costas femininos em Istambul 2012». OmegaTiming. 15 de dezembro de 2012. Consultado em 24 de março de 2013 
  13. «Resultados dos 100m costas femininos em Istambul 2012». OmegaTiming. 12 de dezembro de 2012. Consultado em 24 de março de 2013 
  14. Óculos quebram, mas Etiene alcança quarto lugar histórico em Barcelona
  15. À frente de Lochte, Nicolas Oliveira vai às semis após 6 meses fora da piscina
  16. Resultados dos 4x100m medley em Barcelona 2013
  17. «Fratus é ouro nos 50m livre com recorde do Pan Pacifico». CBDA. 24 de agosto de 2014. Consultado em 7 de dezembro de 2014 
  18. «Miguel Valente faz melhor tempo do mundo no ano e Etiene quebra seu quarto recorde sul americano». CBDA. 4 de setembro de 2014. Consultado em 7 de dezembro de 2014 
  19. «Brasil leva três ouros no último dia do Mundial em Doha». O Globo. Consultado em 7 de dezembro de 2014 
  20. Guilherme Costa (7 de dezembro de 2014). «Etiene Medeiros bate recorde mundial e leva 1ª medalha feminina da história». Globo. Consultado em 13 de abril de 2015 
  21. «Etiene faz história em Doha». CBDA. 7 de dezembro de 2014. Consultado em 7 de dezembro de 2014 
  22. «Resultados Completos do Mundial de Doha 2014». OmegaTiming. 8 de dezembro de 2014. Consultado em 8 de dezembro de 2014 
  23. «Pinheiros assume a liderança do Brasileiro Senior e do Open». CBDA. 19 de dezembro de 2014. Consultado em 19 de dezembro de 2014 
  24. «Etiene assume topo do ranking nos 50m costas também em piscina longa». Globoesporte. 19 de dezembro de 2014. Consultado em 19 de dezembro de 2014 
  25. «Fim de ano vitorioso para a natação brasileira». CBDA. 20 de dezembro de 2014. Consultado em 20 de dezembro de 2014 
  26. «Etiene Medeiros é a primeira nadadora brasileira campeã pan-americana». O Globo. Consultado em 18 de julho de 2015 
  27. «Dia histórico para a natação feminina do Brasil no Pan». Best Swimming. 18 de julho de 2015. Consultado em 27 de julho de 2015 
  28. «Primeiro dia de 5 medalhas e 2 ouros para o Brasil, mas a festa foi canadense». Best Swimming. 15 de julho de 2015. Consultado em 27 de julho de 2015 
  29. «Como foi o último dia em Toronto». Best Swimming. 19 de julho de 2015. Consultado em 27 de julho de 2015 
  30. «Sem Thiago Pereira, revezamento brasileiro fecha natação com ouro». O Estado de S.Paulo. 18 de julho de 2015. Consultado em 27 de julho de 2015 
  31. «Resultado dos 50m costas no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 6 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  32. «Prata nos 50m costas, Etiene é 1ª do Brasil a subir ao pódio do Mundial». Globoesporte. 6 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  33. «Resultado dos 100m costas no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 3 de agosto de 2015. Consultado em 3 de agosto de 2015 
  34. «Ouro no Pan, Etiene fica em nono e não vai à final dos 100m costas no Mundial». ESPN. 3 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  35. «Brasil ganha prata com Nicholas Santos em tarde de 2 recordes mundiais». Best Swimming. 3 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  36. «Resultado dos 4x100m livres no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 2 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  37. «Manhã de altos e baixos na abertura da natação em Kazan». Best Swimming. 2 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  38. «Resultado dos 4x100m medley no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 9 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  39. «Último dia de eliminatórias em Kazan». Best Swimming. 9 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  40. «Resultado dos 50m livres no Mundial de Kazan 2015». OmegaTiming. 8 de agosto de 2015. Consultado em 28 de agosto de 2015 
  41. «Etiene se surpreende com índice nos 100m livre: "Um caso a se pensar"». Globoesporte. 18 de dezembro de 2015. Consultado em 18 de dezembro de 2015 
  42. «Etiene agradece torcida, mas pede: "Brasil, tenha paciência com a gente"». SPORTV. 13 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016 
  43. «Etiene Medeiros faz melhor tempo da carreira e avança à final dos 50m livre». Globoesporte. 12 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016 
  44. «Etiene fica em último em bateria e está fora da final dos 100m livre». Terra. 10 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016 
  45. «"Hoje eu fui mal", reconhece Etiene após eliminação nos 100m costas». Globoesporte. 7 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016 
  46. «Etiene Medeiros volta a nadar bem e avança nos 100m livre: "Saiu um peso"». Globoesporte. 10 de agosto de 2016. Consultado em 17 de agosto de 2016 
  47. «Etiene Medeiros abre o revezamento 4x50 medley misto e conquista a prata no Mundial de Curta de Windsor, Canadá - Notícia - SESI SP». www.sesisp.org.br. Consultado em 12 de dezembro de 2016 
  48. «Etiene Medeiros disputa final dos 50m costas no Mundial de Windsor - Esportes - Mais Esportes - Mais Esportes». Folha - PE. Consultado em 11 de dezembro de 2016 
  49. «Etiene Medeiros conquista bi mundial nos 50m costas em piscina curta». globoesporte.com 
  50. «Pan do Rio teve escândalo com doping de Rebeca Gusmão». R7. Consultado em 18 de julho de 2015 
  51. «Entenda o caso Rebeca Gusmão». O Globo. Consultado em 18 de julho de 2015 
Recordes
Precedido por
Croácia Sanja Jovanović
Detentora do recorde mundial
50 metros costas (piscina curta)

7 de dezembro de 2014 – presente
Sucedido por