F-1 Hero MD

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
F1 Hero MD
Ferrari Grand Prix Challenge
Desenvolvedora(s) Aisystem Tokyo (Mega Drive)[1]
System 3 (Game Boy/NES)[2][3]
Publicadora(s) Mega Drive:
Game Boy/NES:
Compositor(es) NES
Neil Baldwin
Plataforma(s) Mega Drive,[1] Game Boy,[2] NES[3]
Data(s) de lançamento Mega Drive:
Game Boy:
NES:
Gênero(s) Corrida
Modos de jogo Um jogador

F1 Hero MD (F-1 ヒーローMD?) é um jogo eletrônico de Fórmula Um endossado por Satoru Nakajima que foi lançado em 1992 para o Mega Drive. As versões norte-americana e européia do jogo de Mega Drive são conhecidas como Ferrari Grand Prix Challenge em homenagem à marca Ferrari de veículos de corrida.

Jogabilidade[editar | editar código-fonte]

Mega Drive[editar | editar código-fonte]

A versão Mega Drive do jogo inclui um modo Grand Prix, um modo de prática livre e um modo contra-relógio. Os nomes de equipe e jogador estão próximos do real sem violar as leis de direitos autorais. Um ou dois jogadores podem competir e o jogo tem um método de senha para salvar o jogo. Além das tradicionais pistas usadas na temporada de Fórmula 1 de 1991, o jogador também pode jogar em pistas de corrida bônus. Autopolis, Fuji Speedway, um curso de treinamento oval e um curso de rua traiçoeiro originalmente projetado pelos programadores do jogo usado na versão japonesa.

É um dos apenas três jogos Mega Drive que suporta o controle analógico AX-1E.

A versão norte-americana usa a antiga localização do Grande Prêmio de Long Beach, Mid-Ohio Sports Car Course, Oyster Bay e do Indianapolis Motor Speedway como substitutos específicos dos americanos para as pistas consideradas "locais" para os japoneses. No entanto, os gráficos utilizados para os fundos são idênticos entre si em ambas as versões do jogo.

NES e Game Boy[editar | editar código-fonte]

Com o título de Ferrari Grand Prix Challenge, também foi portado para o Game Boy e NES. Foi desenvolvido pela System 3 e publicado pela Acclaim na América do Norte e Europa. A Coconuts Japan publicou o jogo no Japão com o título Ferrari (フェラーリ?).

A versão do jogo para o NES é uma versão simplificada que permite aos jogadores praticar até seis voltas ou se qualificar para todas as corridas de Fórmula 1 da temporada usando unidades métricas (quilômetros por hora em vez de milhas por hora). Foi um dos poucos videogames de Fórmula 1 de 8 bits a representar adequadamente o Circuit Gilles Villeneuve como tendo um fundo urbano, juntamente com várias outras pistas urbanas representadas na temporada de 1990 da Fórmula 1, exceto que o Circuito da Catalunha é apresentado nesta versão como a rodada na Espanha, embora Jerez tenha sediado o GP da Espanha de 1990. O desgaste dos pneus é possível, resultando em paradas na equipe de manutenção e reparos. Um rádio permite a comunicação com o chefe da equipe; ele irá aconselhar se os reparos são necessários. A velocidade máxima do veículo é de 335 quilômetros por hora e o turbo não é usado no jogo.

Antes da primeira sessão de qualificação, o jogador deve inserir seu nome e sua nacionalidade. O nome pode ter até 10 caracteres e o país deve caber em um campo de três caracteres. Como o jogo não verifica se o código de três letras corresponde a uma nacionalidade real, não importa se o jogador coloca uma nacionalidade para um país fictício.

Referências