Fanta

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fanta
Logo Fanta 2016.png
Tipo Refrigerante
Definição Normal
Sabor Laranja
Cor Laranja
Origem Alemanha Nazi Alemanha Nazi
Lançamento 1940
Fabricante The Coca-Cola Company
Comercialização Internacional
Variante(s)
  • Brasil: Fanta Laranja Zero, Uva, Guaraná
  • Portugal: Fanta Laranja Zero, Maracujá, Ananás (abacaxi).
Relacionada(s) Sukita, Coca-Cola, Sprite, Kuat, Marajá
Website site oficial brasileiro

site oficial português

Fanta é uma marca de refrigerantes, que detém uma linha variada de produtos e que pertence à The Coca-Cola Company. Criada e lançada na Alemanha Nazi, durante a Segunda Guerra Mundial, atualmente é comercializada em 188 países. [1]

História[editar | editar código-fonte]

Naquela época, devido às sanções que impediam a entrada de produtos naquele país impossibilitaram que a fábrica da Coca-Cola continuasse operando devido à falta dos concentrados base para a fabricação de refrigerantes. Nessa ocasião, Max Keith, chefe de operações da Coca-Cola alemã, permitiu a criação de um novo produto, na tentativa de evitar a suspensão das atividades da fábrica, nascendo assim, uma bebida que foi comercializada exclusivamente no mercado alemão durante a Segunda Guerra Mundial. O produto, por sua vez mudava de acordo com a natureza dos ingredientes que estavam disponíveis no país sancionado, como as sobras da fabricação de sidra (fibra de maçã) ou, até mesmo o subproduto da confecção de queijo (soro de leite). O primeiro sabor com a marca Fanta foi o de malte, já o sabor laranja, que é o mais conhecido e distribuído mundialmente, foi lançado somente em 1955 pela Coca-Cola italiana e, no princípio, as versões do refrigerante vinham adoçados com sacarina, passando posteriormente para o açúcar de beterraba.[2]

Foi a partir de um concurso que surgiu o nome Fanta, que foi realizado entre os funcionários da fábrica alemã coordenada por Max Keith, que solicitou aos mesmos para usarem a “imaginação" (Phantasie em alemão). Ao ouvir isso, o vendedor veterano Joe Knipp imediatamente deixou escapar “Fanta” que passou a ser adotado como marca.[3][4][5][6] Os trabalhadores da Coca-Cola em Essen antes da guerra não podiam mudar de emprego ou protestar além de produzirem em um ritmo frenético.[7] A Coca-Cola criaram novas filiais em áreas ocupadas por nazistas.[8] A Fanta usou trabalho escravo na Alemanha Nazi, limitou a rotatividade de emprego e pagava abaixo da inflação.[9][10][11][12] [13]

Disponibilidade internacional[editar | editar código-fonte]

Há mais de 90 sabores diferentes em todo o mundo. Na Sérvia, Albânia, Macedónia, Bósnia-Herzegovina, Croácia e algum outro países, há a Fanta Shokata (um jogo de palavras entre soc (sabugueiro) em romeno e choque) com base em bebida feita de extrato da flor anelderflower, tradicional na Roménia (onde é chamado Socata), Sérvia, Macedónia, Bósnia-Herzegovina, Croácia e outros países dos Balcãs. Na Suíça e na Holanda, a groselha local é usado para a produção de Fanta também. Alguns sabores idênticos têm nomes diferentes em diferentes mercados.

A fórmula original da Fanta laranja, disponível na Alemanha, Áustria e outros países, é completamente diferente da bebida comercializado nos Estados Unidos como Fanta Laranja.

Os principais concorrentes da Fanta incluem Tango, Mirinda, Fatia, Sumol, Crush e Tropicana Twister. Fanta é a segunda bebida a ser produzida pela Coca-Cola. A Fanta foi recentemente relançada em Singapura depois de estar ausente por um período de tempo.

Sabores no mundo[editar | editar código-fonte]

A marca tem como principal característica a variação de sua linha, que se modifica de acordo com a cultura e os hábitos de cada um dos países em que atua.

Variantes da marca[editar | editar código-fonte]

Mundialmente, a marca possui 92 sabores oficiais, entre normais e versões mix (mistura entre dois ou mais sabores),[14] sem mencionar aqueles que já saíram de linha de produção e as edições limitadas que permanecem de 6 à 12 meses no mercado. Exóticos e inusitados que variam dos sabores doces aos amargos, assim, pode ser descrito a variedade que é encontrada mundo afora, como nos exemplos a seguir:[15][16][17]

Sabores em Portugal[editar | editar código-fonte]

Atualmente estão sendo comercializados as versões:

  • Fanta Laranja
  • Fanta Laranja Zero
  • Fanta Maracujá
  • Fanta Ananás (abacaxi)
  • Fanta Uva

Versões descontinuadas em Portugal[editar | editar código-fonte]

  • Fanta Melancia (Lanç. 2002 / Relanç. 2006 como Fanta Mundo Japão).
  • Fanta Latina – Mix laranja, limão e maracujá.
  • Fanta Laranja Vermelha (Lanç. 2006).

Sabores no Brasil[editar | editar código-fonte]

O Brasil é um dos poucos mercados em que a marca não possui tanta diversidade, sendo que, tentativas já foram realizadas na inclusão de novos sabores, perdurando os tradicionais laranja e uva. Segue a relação de sabores comercializados atualmente:

  • Fanta Laranja - Lançada no mercado brasileiro em 1964. Segundo a Coca Cola Brasil [18], o País corresponde ao maior mercado de Fanta Laranja no mundo
  • Fanta Laranja Zero (Lanç. Mai. 2009).
  • Fanta Uva - (Lanç. 1971, origem brasileira).
  • Fanta Guaraná - (Lanç. no final da década de 1970, relançamento em Jun. 2017).[19]
  • Fanta Guaraná Zero (Lanç. Set. 2017).[19]

Versões descontinuadas no Brasil[editar | editar código-fonte]

A Fanta foi introduzida no mercado brasileiro em 1964, com o sabor laranja, de lá para cá, diversas versões foram lançadas, ora em edições limitadas com vinculação de 6 à 12 meses, ora com novos sabores fixos.

A permanência de um produto no mercado depende diretamente da receptividade do público, e quando não acontece, o mesmo acaba sendo descontinuado da linha de produção, fato este ocorrido com a Fanta Maçã (Lanç. fev. 2002 / Desc. 2004), a Fanta Citrus (Lanç. fev. 2002 / Desc. 2004 – Mix de Laranja, Pomelo/Grapefruit e Maçã), a Fanta Morango (Lanç. 2003 / Desc. 2004/Relançada em 2012 e produzida por tempo limitado) e a Fanta Mix (Lanç. 2004 / Desc. 2005 – Mix de Laranja e Tangerina, sabor desenvolvido por brasileiros).[20]

Aconteceu também a retirada por sobreposição de produtos, isto é, a mesma empresa (Coca-Cola) comercializando itens similares, foi o que ocorreu com a Fanta Limão (Lanç. 1978 / Desc. 1984, ano de lançamento do Sprite limão), e com a Fanta Guaraná (Lanç. no final da década de 70 e substituída pelo Guaraná Taí no início da década de 80, e este, por sua vez, substituído em boa parte do país pela marca Kuat, e relançada em 2017). Da mesma forma, ocorreu com a Fanta Laranja Light e a Fanta Uva Light que, diferente das outras, foram substituídas pela Fanta Laranja e Uva nas versões Zero, que possui fórmula mais avançada.

No Brasil, a marca começou a disponibilizar edições limitadas de sabores a partir de 2006, até então foram 3 lançamentos que tiveram descontinuação datada:

  • Fanta Discovery – Laranja Vermelha/Red Orange (Lanç. abr. 2006 / Desc. 2007).[21]
  • Fanta Mundo Tailândia – Laranja com Manga (Lanç. em 50 países simultaneamente no ano de 2007 / Desc. 2008).[22]
  • Fanta Mundo China – Laranja com Melão (Disponível apenas durante os Jogos Olímpicos de Verão de 2008).

Outro caso de descontinuação foi com a Fanta Laranja Diet (Lanç.1990 / Desc.2004)[20] e com a Fanta Uva Diet.

Fanta Mundo Brasil[editar | editar código-fonte]

No Brasil, foi lançada a partir de 2007 a série limitada Fanta Mundo (China e Tailândia), apresentando edições com sabores de outros países. O Brasil também já foi homenageado com sabores típicos brasileiros:[17] [23]

  • Fanta Mundo Brasil Agrumes – Mix Laranja, Limão, Tangerina e Lima –  Bélgica (Lanç. 2007).
  • Fanta Mundo Brasil Chácara – Mix Laranja, Limão, Tangerina, Lima, e Uva –  Suécia.
  • Fanta Mundo Brasil Karnivale – Mix Kiwi, maçã e limão – África do Sul.
  • Fanta Mundo Brasil Limetto – Limão –  Alemanha (Lanç. 2008)
  • Fanta Mundo Brasil Maçã-verde – Coreia
  • Fanta Mundo Brasil Uva – Portugal Portugal (Lanç. 2006)

Referências

  1. COCA-COLA Brasil. «Fanta». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  2. COCA-COLA Brasil. «A História de Fanta». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  3. DIGGER History. «Coca Cola at War (on both sides)». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  4. PENDERGRAST, Mark. For God, Country and Coca-Cola: The Definitive History of the Great American Soft Drink and the Company That Makes It. New York: Charles Scribner's Sons, New York, 1993.
  5. TIGRE, J. Vicktor (Revista ProNews., n° 110, abr/mai, Ano X). «Coca-Cola: da chegada ao Brasil aos anos dourados». Consultado em 9 de junho de 2010.  Verifique data em: |data= (ajuda)
  6. Veja a origem dos nomes de empresas - Fanta Portal BOL de Notícias (acessado em 9/6/2017)
  7. Research Findings About Ford-Werke Under the Nazi Regime (Dearborn, MI: Ford Motor Company, 2001), p. 135-136
  8. Edwin Black, IBM and the Holocaust: The Strategic Alliance between Nazi Germany and America’s Most Powerful Corporation (London: Crown Publishers, 2001), p. 212
  9. Kugler, “Das Opel-Management,” p. 57; Kugler, “Flugzeuge,” 72–76, nota na p. 76; and Billstein et al., p. 53–55
  10. “Ford-Konzern wegen Zwangsarbeit verklagt,” Kölner Stadt-Anzeiger, 6 de Março 1998 as cited in Antifaschistisck Nochrichten, p. 6 (1998)
  11. Karola Fings, “Zwangsarbeit bei den Kölner Ford-Werken,” in Felinska, Zwangsarbeit bei Ford, (Cologne 1996), 108. Veja mais em: Silverstein, “Ford and the Führer,” 14; e Billstein et al., págs. 53–55, 135–156.
  12. Research Findings About Ford-Werke Under the Nazi Regime (Dearborn, MI: Ford Motor Company, 2001), 45-72
  13. Lindner, Das Reichkommissariat, p. 118. e Pendergrast, For God, Country, and Coca-Cola, p. 228.
  14. THE COCA-COLA Company. «Product Descriptions» (em inglês). Consultado em 9 de junho de 2010. 
  15. ENVELOOP. «Packing and products design - Fanta» (em inglês). Consultado em 9 de junho de 2010. 
  16. FANTA Street. «Word of Fanta» (em inglês). Consultado em 9 de junho de 2010. 
  17. a b THE COCA-COLA Friend. «Cans Collection». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  18. COCA COLA Brasil. «Chega ao mercado Fanta Laranja Discovery, a nova extensão da marca que trará sabor inusitado». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  19. a b COCA COLA Brasil (7 de junho de 2017). «Essa Fanta é Guaraná: Coca-Cola Brasil lança primeiro refrigerante com certificação 100% Amazonas» 
  20. a b ABIR. «O timeline da indústria de refrigerantes». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  21. VONPAR. «Fanta Discovery usa laranja vermelha oriunda da China». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  22. PORTAL da Propaganda (2007). «Fanta Mundo mistura sabores e culturas para apresentar seu novo produto». Consultado em 9 de junho de 2010. 
  23. NEROANIMA. «Fanta World: Brazil» (em inglês). Consultado em 9 de junho de 2010. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]