Morango

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaMorango
Morangueiro
Morangueiro
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Rosales
Família: Rosaceae
Subfamília: Rosoideae
Género: Fragaria
Morango, cru
PerfectStrawberry.jpg
Valor nutricional por 100 g (3,53 oz)
Energia 136 kJ (30 kcal)
Carboidratos
Carboidratos totais 7.68 g
 • Açúcares 4.89 g
 • Fibra dietética 2 g
Gorduras
Gorduras totais 0.3 g
Proteínas
Proteínas totais 0.67 g
Água 90.95 g
Vitaminas
Tiamina (vit. B1) 0.024 mg (2%)
Riboflavina (vit. B2) 0.022 mg (2%)
Niacina (vit. B3) 0.386 mg (3%)
Ácido pantotênico (B5) 0.125 mg (3%)
Vitamina B6 0.047 mg (4%)
Ácido fólico (vit. B9) 24 µg (6%)
Colina 5.7 mg (1%)
Vitamina C 58.8 mg (71%)
Vitamina E 0.29 mg (2%)
Vitamina K 2.2 µg (2%)
Minerais
Cálcio 16 mg (2%)
Ferro 0.41 mg (3%)
Magnésio 13 mg (4%)
Manganês 0.386 mg (18%)
Fósforo 24 mg (3%)
Potássio 153 mg (3%)
Sódio 1 mg (0%)
Zinco 0.14 mg (1%)
Fluoride 4.4 µg
Link to USDA Database entry
Percentuais são relativos ao nível de ingestão diária recomendada para adultos.
Fonte: USDA Nutrient Database

Morango (Fragaria) é considerado, na linguagem vulgar, como o fruto vermelho do morangueiro, da família das rosáceas. No entanto, em termos científicos não se pode considerar um fruto já que é constituído pelo receptáculo da flor original (composta), em volta do qual se dispõem os frutos (as sementes são visíveis sob a forma de grainhas).[1]

O morango jardim foi criado pela primeira vez na Bretanha, no noroeste da França, na década de 1750 por meio de um cruzamento de Fragaria virginiana do leste da América do Norte com a variedade Fragaria chiloensis, que fora trazida do Chile por Amédée-François Frézier em 1714.[2]

Tecnicamente, o morango é um fruto acessório agregado, o que significa que a parte carnuda deriva não do ovário da planta, mas do receptáculo que sustenta os ovários.

Características[editar | editar código-fonte]

  • O morango é uma fruta vermelha, cuja origem é a Europa.
  • Produzida pelo morangueiro, é um fruto rasteiro.
  • Existem várias espécies de morango, sendo a fragaria a mais comum e cultivada em várias partes do mundo.
  • É uma fruta pouco calórica, apresentando cerca de 32 kcal por 100 gramas de morango.[3]
  • O morango é rico em vitaminas como, por exemplo, vitamina C, A, E, B5 e B6.
  • Os principais minerais presentes no morango são: Cálcio, Potássio, Ferro, Selênio e Magnésio.
  • Os morangos também são ricos em flavonoides, importante agente antioxidante no organismo dos seres humanos.
  • Outra característica nutricional importante do morango é que ele possui boa quantidade de fibras alimentares (cerca de 2,5 gramas de fibras por 100 gramas de morango).
  • Na culinária, o morango é muito usado na produção de sucos, sorvetes, bolos, tortas doces e geleias.
  • Entre os principais benefícios do consumo regular de morangos para o organismo, podemos citar: fortalecimento do sistema imunológico, auxílio no bom funcionamento do sistema digestório, ação anti-inflamatória, auxílio no processo de cicatrização de ferimentos.
  • Segundo pesquisadores do Instituto Americano de Pesquisas para o Câncer, o consumo de morango pode ajudar na prevenção do câncer, pois possui ácido elágico, uma substância que protege o DNA de mutações e evita a formação de novos vasos sanguíneos.[4]

Taxonomia[editar | editar código-fonte]

Morangos de jardim. Sibéria Oriental

Existem cerca de 12 espécies, incluindo:

Contaminação por pesticidas[editar | editar código-fonte]

Os morangos encabeçam a lista dos vegetais e frutas mais "sujos", isto é, contendo maior quantidade de vestígios de pesticidas, elaborada pela ONG Environmental Working Group nos EUA. Os espinafres estão em segundo lugar nessa lista, seguidos pelas nectarinas, maçãs, uvas, pêssegos, cerejas, peras, tomates, aipo, batatas e pimentas. Todos estes alimentos continham concentrações mais altas de pesticidas do que outros produtos. [5] Contudo, o Departamento de Agricultura americano indica que os níveis estão abaixo dos limites de tolerância. A situação na Europa é semelhante, sendo o morango uma das frutas mais tratadas e possuindo uma superfície rugosa.[6][7]

Produção mundial[editar | editar código-fonte]

País Produção em 2018
(toneladas anuais)
 China 2.955.453
 Estados Unidos 1.296.272
 México 653.639
 Turquia 440.968
 Egito 362.639
Flag of Spain.svg Espanha 344.679
 Coreia do Sul 213.054
 Rússia 199.000
 Polónia 195.578
 Japão 163.486
 Marrocos 143.440
 Alemanha 141.693
 Reino Unido 131.639
 Itália 119.223
Fonte: Food and Agriculture Organization[8]

Produção no Brasil[editar | editar código-fonte]

Em 2019, no Brasil, havia uma área total produtora em torno de 4 mil hectares de morango. O maior produtor é Minas Gerais, com aproximadamente 1.500 hectares, cultivado na maioria dos municípios do extremo sul do Estado, na região da Serra da Mantiqueira, sendo Pouso Alegre e Estiva os maiores produtores. São Paulo estava em 2º lugar com 800 hectares, com produção concentrada nos municípios de Piedade, Campinas, Jundiaí, Atibaia e municípios próximos. Rio Grande do Sul e Paraná eram o 3º e 4º maiores produtores do país, com área aproximada de 500 ha plantados. [9]

Referências

  1. Darrow, G. M. (1966). «Duchesne and His Work». The strawberry; history, breeding, and physiology (1st edition ed.) Holt, Rinehart and Winston. [S.l.: s.n.] Consultado em 27 de agosto de 2012. Arquivado do original em 4 de dezembro de 2010 
  2. «Morango, The Maiden Com Runners». Botgard.ucla.edu. Consultado em 5 de dezembro de 2009. Arquivado do original em 6 de julho de 2010 
  3. «Food Composition Databases Show Foods». USDA. Consultado em 10 de março de 2017 
  4. Itamar Melo; Richard Béliveau e Denis Gingras (3 de janeiro de 2015). «Veja quais são e como consumir alimentos que podem prevenir o câncer» 
  5. Scutti, Susan (10 de Abril de 2018). «Strawberries again top 2018's 'Dirty Dozen' fruits and veggies». CNN 
  6. Nobuo, Paulo. «Morango é uma das frutas com mais pesticidas: saiba riscos e modo certo de lavar». VIX. Consultado em 20 de Abril de 2018 
  7. Inocêncio, João (Fevereiro de 2013). «Pesticidas nos Alimentos» (PDF). Universidade Atlantica 
  8. fao.org (FAOSTAT). «Strawberry production in 2018, Crops/World regions/Production quantity (from pick lists)». Consultado em 29 de agosto de 2020 
  9. Qual o panorama da produção de morango no Brasil?
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Morangos