Filme de assalto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Filme de assalto[1][2] (do inglês Heist films) é um subgênero dos filmes policiais[3] que envolve um grupo de pessoas tentando roubar algo ou dar um golpe em alguém. Tipicamente, há muitas reviravoltas em sua trama, e o filme foca nas personagens tentando formular um plano, executá-lo, e escapar com o objeto. A figura do nêmesis é bem comum, geralmente uma figura autoritária ou um antigo parceiro que trai o grupo. Esses filmes apresentam enredos em que uma equipe de criminosos habilidosos realiza um roubo inteligente e ousado.[4]

Um dos primeiros filmes de assalto que definiu foi The Asphalt Jungle (1950), que Film Genre 2000 escreveu "quase que sozinho popularizou o gênero para o cinema convencional". Apresentava ladrões cujas falhas pessoais acabaram por levar ao fracasso do roubo. Filmes semelhantes usando essa fórmula foram Armored Car Robbery (1950), The Killing (1956) e The Getaway (1972). Na década de 1990, os filmes de assalto "experimentam e brincam com essas convenções" e se concentram mais nas relações dos personagens do que no crime em si.[5]

Cenário típico[editar | editar código-fonte]

Convencionalmente, um filme de assalto contém um enredo divido em três atos. O primeiro ato consiste em preparar os ladrões: recrutar sócios, analisar os bens a serem furtados, o local do roubo, o sistema de alarme, familiarizar-se com tecnologias inovadoras e montar o enredo do último ato .

O segundo ato diz respeito ao próprio roubo. Com raras exceções, os gangsters conseguem o que querem, passando por uma série de eventos mais ou menos imprevistos.

O terceiro ato diz respeito ao desenlace da trama. Os personagens envolvidos no roubo estão se voltando uns contra os outros ou apenas um terá feito acordos com terceiros.

Normalmente, a maioria dos personagens envolvidos no roubo terminará assassinada, presa pela aplicação da lei ou será incapaz de levar o loot. No entanto, atualmente os enredos tendem a tornar os ladrões vitoriosos, especialmente se o alvo descrito for de baixo caráter, como cassinos, organizações corruptas ou individuais, ou criminosos.

Ícone de esboço Este artigo sobre cinema é um esboço relacionado ao Projeto Entretenimento. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.

Referências

  1. cinemacomrapadura.com.br/ Crítica - Covil de Ladrões (2018): um filme de assalto genérico
  2. metropoles.com/ Além de La Casa de Papel: 7 filmes de assalto para ver na Netflix
  3. nsctotal.com.br/ Estreia "Assalto ao Banco Central", que reconstitui roubo de R$ 164,7 milhões, em 2005
  4. Hardy, Phil, ed. (1997). «The Caper Film». The BFI Companion to Crime. [S.l.]: A & C Black. pp. 70–71. ISBN 978-0-304-33215-1 
  5. Wilson, Ron (2000). «The Left-Handed Form of Human Endeavour». In: Dixon, Wheeler W. Film Genre 2000: New Critical Essays. [S.l.]: SUNY Press. pp. 154–155. ISBN 978-0-7914-4513-6  Parâmetro desconhecido |author-last= ignorado (|ultimo=) sugerido (ajuda); Verifique o valor de |url-access=registration (ajuda)