Hóquei em Patins do Sporting Clube de Portugal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Sporting Clube de Portugal
Hóquei em Patins Roller hockey pictogram.svg
Sporting Clube de Portugal.png
Abreviatura Sporting CP
Alcunhas Leões
Turma de Alvalade
Cores Verde e Branco
Mascote Jubas (Leão)
Informações
Cidade Lisboa
País Portugal
Competição Portugal Campeonato Nacional
Portugal Taça de Portugal
União Europeia Liga Europeia
Fundação 1 de julho de 1906 (112 anos)
Pavilhão Pavilhão João Rocha
(Capacidade: 3 000)
Presidente Portugal Frederico Varandas
Técnico Portugal Paulo Freitas
Material Desportivo Itália Macron
Patrocinadores Portugal Grupo Ferpinta
Resultados
CP2017-18
TP2017-18
LE2017-18
Campeão
Oitavos de Final
Meias finais
Equipamentos
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Primeiro
Cores do Time Cores do Time Cores do Time
Cores do Time
Cores do Time
Alternativo
[sporting.pt Página Oficial]

O Sporting Clube de Portugal é um clube português de hóquei em patins sediado em Lisboa. É uma das secções profissionais do clube ecléctico Sporting CP e representa uma das modalidades de alto rendimento praticadas no clube. É um dos quatro grandes clubes de hóquei de Portugal, com mais de 160.000 sócios registados que contribuem financeiramente para a manutenção da modalidade.[1] As suas equipas, atletas e simpatizantes, de alviverde, são apelidados de sportinguistas e leões pelos seus fãs.

O Sporting Clube de Portugal é um clube histórico no hóquei nacional e é detentor de vários títulos nacionais e internacionais, tendo sido o primeiro clube português a vencer a Taça dos Campeões Europeus, atual Liga Europeia de Hóquei em Patins. Apesar das interrupções em atividade, o clube é um dos mais bem sucedidos em Portugal, tendo conquistado o Campeonato Nacional por oito vezes, sendo também detentor de quatro Taças de Portugal e duas Supertaças. Internacionalmente, o Sporting venceu a já referida Liga Europeia de 1977 e conquistou por duas vezes a Taça World Skate Europe. Ainda conta com três Taças dos Vencedores de Taças.[2]

O treinador da equipa principal é o português Paulo Freitas, treinador que levou o clube à conquista do campeonato nacional e às meias finais da Liga Europeia.

História[editar | editar código-fonte]

O Hóquei em Patins começou a ser praticado em Inglaterra em 1877 como modalidade de lazer e em 1905 como modalidade competitiva e organizada. Em 1914, a modalidade foi introduzida em Portugal. Entretanto, Portugal tornou-se numa das grandes potências mundiais no Hóquei, tendo ganho 15 Campeonatos do Mundo e 21 Campeonatos Europeus. Este sucesso internacional dá à modalidade grande popularidade no país sendo mesmo a modalidade mais praticada além do futebol.

O Hóquei em Patins é praticado no Sporting Clube de Portugal desde 1923, secção que foi criada por vários jogadores do antigo Recreio Despoortivo da Amadora e outros jogadores lisboetas. Apesar desta equipa inicial ter disputado várias provas, o clube acaba por suspender a secção pouco tempo depois.

Em 1936, o Hóquei em Patins volta a surgir no clube e, em 1938, após ter-se reforçado com jogadores do Hóquei Clube de Portugal, conquista o seu primeiro troféu de relevo, a Taça de Honra. Em 1939, o clube conquista o seu primeiro campeonato português.

Apesar deste sucesso, a modalidade acaba por ser suspensa mais uma vez, regressando apenas em 1956. Este regresso trouxe um período áureo à modalidade nas décadas de 70 e 80, ganhando inúmeros títulos nacionais e internacionais, culminando na conquista da Taça dos Campeões Europeus de Hóquei em Patins de 1977 e nas conquistas da Taça das Taças de Hóquei em Patins de 1981, 1985 e 1991. O plantel que participou nestas conquistas ficou imortalizado como Os Sete Magníficos.

Entre outras grandes referências da época do hóquei em patins do Sporting, existe Pedro Manuel dos Reis Martins. Este foi jogador da equipa sénior do Sporting e nomeado o melhor jogador júnior da Europa na década de 80. No entanto, não tem visto ser reconhecido o valor e a importância que teve nessa altura.

Porém, com o passar do tempo, o Hóquei em Patins foi perdendo peso, não conseguindo obter o estatuto de modalidade olímpica. Por razões financeiras, o Sporting Clube de Portugal suspende as atividades ao nível sénior no final em 1995, quando era a segunda modalidade com mais títulos internacionais em Alvalade, apenas ultrapasada pelo Atletismo.

Após uma tentativa falhada em 2000 para retomar a modalidade, um projecto liderado pelo Engenheiro Gilberto Borges foi desenvolvendo a modalidade ao nível dos escalões de formação que culminou no relançamento da modalidade a nível sénior em 2010, com o objectivo de chegar ao principal escalão do Campeonato Português e aí consolidar a sua presença.

Em 2012, o clube atingiu o objetivo de chegar ao principal escalão e, atualmente, voltou a obter o estatuto de potência nacional, conquistando a Supertaça António Livramento de 2015 e a Elite Cup de 2016.

Em 2015, o clube volta a ganhar um título internacional, conquistando a Taça CERS de 2014–15 frente ao Reus Deportiu, potência da modalidade em Espanha e na Europa. Em 2018, o Sporting volta a conquistar o Campeonato Nacional ao bater o Porto por 4–3 na penúltima jornada, quebrando um jejum de 30 anos na sua primeira época no Pavilhão João Rocha. Os autores dos golos do histórico título foram Pedro Gil (bis), Caio e Ferran Font.

Palmarés[editar | editar código-fonte]

Títulos Internacionais[editar | editar código-fonte]

Títulos Nacionais[editar | editar código-fonte]

  • Campeonato Nacional (8)
    • 1938–39 • 1974–75 • 1975–76 • 1977–78 • 1981–82 • 1987–88 • 2017–18
  • Supertaça Portuguesa (3)
    • 1983 • 2015
  • II Divisão (3)
    • 1969–70 • 2003–04 • 2011–12
  • III Divisão (2)
    • 1999–00 • 2010–11

Outros Títulos[editar | editar código-fonte]

Temporadas[editar | editar código-fonte]

Sporting Clube de Portugal
0Temporadas0 Campeonato Português 0Taça de Portugal0 00Supertaça00 0Elite Cup0 0Liga Europeia0 0WS Europe Cup0
Div. Pos. J V E D GM GS Pts. Fase Máxima Fase Máxima Fase Máxima Fase Máxima Fase Máxima
2010–11 III Divisão 4 2 2 0 31 20 8 1/4 final Não disputou Não disputou Não disputou
2011–12 II Divisão 28 22 0 6 168 93 70 1/16 final Não disputou Não disputou Não disputou
2012–13 I Divisão 12º 30 8 5 17 108 140 29 1/8 final Não disputou Não disputou Não disputou
2013–14 I Divisão 30 10 6 14 111 127 36 1/8 final Não disputou Não disputou Não disputou
2014–15 I Divisão 26 15 4 7 100 79 49 Finalista Não disputou Não disputou Vencedor
2015–16 I Divisão 26 15 3 8 111 84 48 1/2 final Vencedor Não disputou 1/2 final
2016–17 I Divisão 24 16 4 4 138 86 52 1/16 final Não disputou Vencedor Fase de Grupos Não disputou
2017–18 I Divisão 26 22 2 1 133 44 68 1/8 final Não disputou Finalista 1/2 final Não disputou


Legenda:
     Campeão.
     Vice-campeão.
     Classificado à Liga Europeia.
     Classificado à Taça World Skate Europe.

Equipa Principal[editar | editar código-fonte]

Plantel 2017/2018[editar | editar código-fonte]

Nome Posição Idade País Equipa Anterior
Ângelo Girão [1] Guarda-Redes 61 28 anos Portugal Sporting
José Diogo Macedo [2] Guarda-Redes 91 24 anos Portugal Sporting
Matías Platero [3] Defesa/Médio 17 30 anos Argentina CF Reus (ESP)
Henrique Magalhães [4] Defesa/Médio 88 26 anos Portugal HC Liceo da Coruña (ESP)
Ferran Font [5] Avançado 4 21 anos Espanha CP Vic (ESP)
Pedro Gil [6] Avançado 9 37 anos Espanha HC Forte dei Marimi (ITA)
João Pinto "Mustang" (capitão) [7] Avançado 16 31 anos Portugal Sporting
Caio [8] Avançado 29 36 anos Portugal UD Oliveirense
Vítor Hugo [9] Avançado 30 33 anos Portugal FC Porto
Toni Pérez [10] Avançado 57 27 anos Espanha HC Liceo da Coruña (ESP)
Treinador: Paulo Freitas

Modalidades do Sporting Clube de Portugal[editar | editar código-fonte]

Sporting Clube de Portugal - Modalidades com Secções Ativas
Aikido pictogram aikido Olympic pictogram Handball andebol Athletics pictogram atletismo Basketball pictogram basquetebol Billiard pictogram bilhar Olympic pictogram Boxing boxe
Olympic pictogram Canoeing (slalom) canoagem Capoeira pictogram capoeira Cycling (road) pictogram ciclismo Korfball pictogram corfebol Paralympic desporto adaptado Olympic pictogram Equestrian dressage
Football pictogram futebol Football pictogram futebol feminino Beach soccer pictogram futebol de praia Futsal pictogram futsal Gymnastics (artistic) pictogram ginástica Golf pictogram golfe
Roller hockey pictogram hóquei em patins Judo pictogram judo Karate pictogram karate F1 pictogram karting Kickboxing pictogram kickboxing Mixed Martial Arts pictogramme krav maga
Swimming pictogram natação Soft tennis pictogram padel Shooting pictogram paintball Angling pictogram pesca desportiva Water polo pictogram pólo aquático Billiard pictogram pool
Rugby union pictogram râguebi Rowing pictogram remo Taekwondo pictogram taekwondo Tennis pictogram.svg ténis Table tennis pictogram.svg ténis de mesa Shooting pictogram tiro à bala
Archery pictogram tiro com arco Triathlon pictogram triatlo volleyball (indoor) pictogram voleibol Chess pictogram xadrez Video game controller icon designed by Maico Amorim.svg eSports


Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências