Fundação Heal the World

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Heal the World Foundation)
Ir para: navegação, pesquisa

A Fundação Heal the World é uma organização de caridade fundada pelo artista Michael Jackson em 1992. A criação da fundação foi inspirada pelo seu single, de mesmo nome. Em sua fundação, Jackson deu aulas sobre o uso de drogas e bebidas alcoólicas e doou milhões de dólares para crianças pobres, incluindo o total pagamento de transplantes para crianças na Hungria.

Ações da Fundação Heal the World[editar | editar código-fonte]

Na Fundação Heal the World, Michael lutou para providenciar medicina para as crianças pobres, lutou para acabar com a fome mundial e também com o abuso e exploração sexual. Ele também levou inúmeras crianças pobres para se divertirem no parque de diversões de seu enorme Rancho Neverland.

Dinheiro para a Fundação[editar | editar código-fonte]

Para conseguir uma boa quantia para sua Fundação, Michael arrecadou dinheiro de sua turnê do disco Dangerous, também o dinheiro de sua música Earth Song e das vendas de uma revista que continha fotos de seu filho Prince Michael em 1997.

Fechamento e Reinauguração[editar | editar código-fonte]

  • Em 2002, a Fundação foi fechada devido a falta de arrecadações e o alto números de dívidas adquiridas.
  • Em 2008, Heal the World foi reinaugurada, porém desta vez com uma nova equipe da Administração.

Michael e outras Causas Humanistas[editar | editar código-fonte]

  • Com a criação da Fundação Heal the World, Michael demonstrou grande interesse em causas humanistas como a igualdade e a paz no mundo. Músicas como "Can You Feel It", "We Are the World" e "Man In The Mirror" são grandes provas disso. Michael também doou milhões de dólares para a caridade, incluindo 5 milhões que ele e seus irmãos haviam ganhado no Victory Tour.
  • Em 1984, enquanto filmava um comercial para a Pepsi, Michael sofreu queimaduras de segundo grau em um acidente que aconteceu. Assim, ele construiu com 1 milhão e meio o Michael Jackson Burn Center, que ajudou pessoas com queimaduras.
  • Pouco depois, Jackson foi chamado pelo na época Presidente Americano, Ronald Reagan para receber um prêmio por todas suas caridades e por todas as pessoas que ajudou. Michael recebeu o prêmio.