Kenzō Shirai

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Kenzō Shirai
Shirai em 2013
Ginástica artística masculina
Nome completo Kenzō Shirai
Apelido Mr. Twist, Sr. Pirueta
Nascimento 24 de agosto de 1996 (23 anos)
Yokohama, Kanagawa, Japão
Nacionalidade Japão japonês
Compleição Peso: 54 kg Altura: 1,61 m
Medalhas
Jogos Olímpicos
Ouro Rio 2016 Equipe
Bronze Rio 2016 Salto
Campeonato Mundial
Ouro Antuérpia 2013 Solo
Ouro Glasgow 2015 Solo
Ouro Glasgow 2015 Equipe
Ouro Montreal 2017 Solo
Ouro Montreal 2017 Salto
Prata Nanning 2014 Solo
Prata Nanning 2014 Equipe
Prata Doha 2018 Solo
Bronze Montreal 2017 Individual geral
Bronze Doha 2018 Equipe
Bronze Doha 2018 Salto

Kenzo Shirai (白井 健三 Shirai Kenzō?, Yokohama, 24 de agosto de 1996) é um ginasta japonês, campeão olímpico por equipes em 2016 e conhecido pelas piruetas em suas apresentações.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Ao contrário de muitos atletas de alto nível, Kenzō frequenta a escola regularmente. Ele tem seis horas de prática variando de cinco a sete dias por semana.[1]

Kenzō se formou no colegial em março de 2015, e logo depois foi aceito para estudar na Nippon Sport Science University, nos arredores a sul de Tóquio. Nesta universidade é também onde muitos outros membros do Japonês equipe nacional de ginástica de estudo e/ou de trem.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Shirai começou na ginástica artística muito jovem, depois de ser influenciado por seus pais e dois irmãos mais velhos.[2] Ele disse, "desde que me lembro, eu era um rato de academia." Seus pais eram donos da Tsurumi Junior Gymnastics Club. Em vez de pagar para alguém cuidar dele, os seus pais levavam-o para o ginásio.[1] amava particularmente para usar o trampolim, que se desenvolveu a sua extrema habilidade de dar piruetas, de onde vem o seu apelido Mr. Piruetas.

Tem quatro movimentos nomeados por ele, por ter sido o primeiro a realizá-los em grandes competições internacionais. Essas habilidades são: a quádrupla pirueta de costa no solo, a tripla pirueta de frente no chão, a tripla pirueta dupla de costas no solo, e a tripla pirueta "Yurchenko" no salto sobre a mesa.[3] Shirai tinha apenas quatorze anos de idade, quando foi o primeiro capaz de executar a quádrupla pirueta no solo e cravado.[4] Também é bem conhecido por sua capacidade de executar uma tripla pirueta "Yurchenko" (TTY), no salto sobre a mesa, algo feito apenas por poucos ginastas, incluindo o seu companheiro de equipa e modelo, Kōhei Uchimura. Foi o mais jovem ginasta a fazer parte da seleção nacional masculina de ginástica artística do Japão.[5]

2013[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2013, competiu no Campeonato Mundial de Ginástica Artística de 2013[6] com apenas dezessete anos de idade. Ele se classificou para a final do solo e salto sobre a mesa. Na final, terminou em primeiro lugar no solo, com dificuldade pontuação de 7,4, o mais alto D pontuação da competição. Também terminou em quarto lugar no salto sobre a mesa com uma pontuação de 15.133.

2014[editar | editar código-fonte]

Shirai novamente competiu no Campeonato Mundial de Ginástica Artística de 2014 em Nanning, na China. Depois de garantir a classificação em primeiro lugar com a mesma dificuldade pontuação de 7,4, terminou em segundo lugar no solo, com uma pontuação total de 15.733.

2015[editar | editar código-fonte]

Em 31 de outubro de 2015, ganhou seu segundo título mundial no solo no Campeonato Mundial de Ginástica Artística de 2015 em Glasgow, Reino Unido. Marcou 16.233 pontos, à frente do britânico Max Whitlock e do espanhol Rayderley Zapata. A margem de vitória foi a maior entre os homens nos eventos finais, e sua pontuação de dificuldade em 7.6 foi também a maior entre todos os outros concorrentes.

2016[editar | editar código-fonte]

Nos Jogos Olímpicos de Verão de 2016 no Rio de Janeiro, a equipe do Japão se qualificou em primeiro lugar para a final, após o sucesso no mundial de 2015. Em 8 de agosto de 2016, na Arena Olímpica, a equipe do Japão solidificou a sua vitória com um placar final de 274.094. Kenzō contribuiu para este primeiro lugar na final por equipes, com pontuação de 16,133 no solo e 15,633 no salto sobre a mesa.

Também se qualificou para competir na final do solo. Ele marcou um 15,333, a quarta posição depois de ter problemas com a execução dos movimentos. No salto sobre a mesa, estreou um novo movimento, uma tripla pirueta e meia "Yurchenko", com uma nota inicial de 6,4. Ele fez 15,449 de média (15,833 e 15,066, nos dois saltos respectivamente, o primeiro foi a nota mais alta do dia). Terminou empatado com a mesma pontuação do ginasta romeno Marian Drăgulescu. Pelos critérios de desempate, a menor nota descontada, terminou com a medalha de bronze.

Principais resultados[editar | editar código-fonte]

Ano Evento AA Equipe Solo Cavalo com alças Argolas Salto sobre o cavalo Barras paralelas Barra fixa
2013 Campeonato Mundial de Ginástica Artística Medalha de ouro
2014 Campeonato Mundial de Ginástica Artística Medalha de prata Medalha de prata
2015 Campeonato Mundial de Ginástica Artística Medalha de ouro Medalha de ouro
2016 Jogos Olímpicos Medalha de ouro Medalha de bronze
2017 Campeonato Mundial de Ginástica Artística Medalha de bronze Medalha de ouro Medalha de ouro
2018 Campeonato Mundial de Ginástica Artística Medalha de bronze Medalha de prata Medalha de bronze

Referências